Clique e 

envie-nos seu e-mail Volta para a página inicial Clique e conheça Clique e acompanhe-nos 

no twitter Página do 

Programa João Carlos Amaral Entrevista Canal no youtube Clique e 

envie-nos seu e-mail Clique e 

envie-nos seu e-mail Volta para a página inicial Clique e conheça Clique e acompanhe-nos 

no twitter
___________________________


___________________________
Clique para conhecer
___________________________


__________________________


__________________________

__________________________


______________________________
Clique para conhecer
______________________________
Clique para conhecer
______________________________

Sinapro MG
______________________________
Clique para conhecer
______________________________
Clique para conhecer



+ Categorias

  • Todos (16300)
  • POLTICA (5929)
  • GERAL (2057)
  • ARTIGOS (285)
  • ENTREVISTAS (36)
  • ECONOMIA (3754)
  • GENTE (1210)
  • TURISMO (842)

  • + Links
    + Arquivos

    Fevereiro, 2006
    Maro, 2006
    Abril, 2006
    Maio, 2006
    Junho, 2006
    Setembro, 2006
    Julho, 2006
    Agosto, 2006
    Novembro, 2006
    Outubro, 2006
    Janeiro, 2007
    Dezembro, 2006
    Fevereiro, 2007
    Maro, 2007
    Abril, 2007
    Maio, 2007
    Outubro, 2007
    Junho, 2007
    Julho, 2007
    Agosto, 2007
    Setembro, 2007
    Dezembro, 2007
    Novembro, 2007
    Janeiro, 2008
    Maio, 2008
    Fevereiro, 2008
    Maro, 2008
    Julho, 2008
    Abril, 2008
    Junho, 2008
    Setembro, 2008
    Agosto, 2008
    Outubro, 2008
    Novembro, 2008
    Dezembro, 2008
    Janeiro, 2009
    Fevereiro, 2009
    Maro, 2009
    Abril, 2009
    Maio, 2009
    Junho, 2009
    Julho, 2009
    Agosto, 2009
    Setembro, 2009
    Outubro, 2009
    Novembro, 2009
    Dezembro, 2009
    Novembro, 2012
    Janeiro, 2010
    Fevereiro, 2010
    Maro, 2010
    Abril, 2010
    Maio, 2010
    Junho, 2010
    Julho, 2010
    Agosto, 2010
    Setembro, 2010
    Outubro, 2010
    Novembro, 2010
    Fevereiro, 2011
    Maro, 2011
    Abril, 2011
    Maio, 2011
    Junho, 2011
    Julho, 2011
    Agosto, 2011
    Setembro, 2011
    Outubro, 2011
    Novembro, 2011
    Dezembro, 2011
    Janeiro, 2012
    Fevereiro, 2012
    Maro, 2012
    Abril, 2012
    Maio, 2012
    Junho, 2012
    Julho, 2012
    Agosto, 2012
    Setembro, 2012
    Outubro, 2012
    Dezembro, 2012
    Agosto, 2015
    Janeiro, 2013
    Fevereiro, 2013
    Maro, 2013
    Abril, 2013
    Maio, 2013
    Setembro, 2015
    Junho, 2013
    Julho, 2013
    Agosto, 2013
    Setembro, 2013
    Julho, 2016
    Outubro, 2013
    Novembro, 2013
    Dezembro, 2013
    Janeiro, 2014
    Fevereiro, 2014
    Maro, 2014
    Abril, 2014
    Maio, 2014
    Junho, 2014
    Julho, 2014
    Agosto, 2014
    Setembro, 2014
    Outubro, 2014
    Novembro, 2014
    Dezembro, 2014
    Janeiro, 2015
    Fevereiro, 2015
    Maro, 2015
    Abril, 2015
    Maio, 2015
    Junho, 2015
    Julho, 2015
    Outubro, 2015
    Novembro, 2015
    Dezembro, 2015
    Janeiro, 2016
    Fevereiro, 2016
    Maro, 2016
    Abril, 2016
    Maio, 2016
    Junho, 2016
    Agosto, 2016
    Setembro, 2016
    Outubro, 2016
    Novembro, 2016
    Dezembro, 2016
    Janeiro, 2017
    Fevereiro, 2017
    Maro, 2017
    Abril, 2017
    Maio, 2017
    Junho, 2017
    Julho, 2017
    Agosto, 2017
    Setembro, 2017
    Outubro, 2017
    Novembro, 2017
    Dezembro, 2017
    Janeiro, 2018
    Fevereiro, 2018
    Maro, 2018
    Abril, 2018
    Maio, 2018
    Junho, 2018
    Julho, 2018
    Agosto, 2018
    Setembro, 2018
    Outubro, 2018
    Novembro, 2018
    Dezembro, 2018
    Janeiro, 2019
    Fevereiro, 2019
    Maro, 2019
    Abril, 2019
    Maio, 2019
    Junho, 2019
    Julho, 2019




    .

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Dezembro 31, 2014

    NOSSO BOLSO. Recomendo conferir este tecto enviado por Felipe Miranda da EMPIRICUS ao nosso Faceblog.


    Barganhas e dividendos,
    juntos para voc

    Como bem definiu Walter Burkert,
    mesmo os deuses que no so filhos naturais de Zeus
    dirigem-se a ele como pai, e todos os deuses se pem de p
    diante de sua presena.

    Em uma Carta aos Cotistas do fundo Verde deste ano, Luis Stuhlberger comea citando Benjamin Graham. Num mercado de capitais politesta, mesmo os grandes deuses fazem referncia a um Deus maior.

    Mais especificamente, a frase a seguinte: in the short run, the market is a voting machine, but, in the long run, it is a weighing machine. Chama-se a ateno para o carter especulativo e desapegado dos fundamentos no curto prazo, enquanto, dilatando-se o horizonte temporal, acabamos necessariamente convergindo realidade, mrbida e cruel, dos fatos.

    E como especulaes derivam de hipteses sobre o futuro, do humor dos investidores e de outras coisas parecidas, elas tm em sua essncia a imprevisibilidade. Resta-nos apegar-nos aos fundamentos, acreditando que, ao final, l na frente, teremos a convergncia dos preos das aes (ou de qualquer outro ativo financeiro) sua natureza operacional.

    Compramos preos atualmente deprimidos na comparao com os fundamentos econmicos e financeiros da companhia e esperamos a convergncia entre preo e valor l na frente. H uma espcie de f nessa tal convergncia, cuja origem nem mesmo Graham sabia explicar. Ela simplesmente existe. o que tenho observado ao longo de dcadas.

    Tudo que podemos e precisamos fazer comprar os tais ativos descontados. O resto deixamos ao tempo. A parte mais bonita da coisa que o prprio Ben Graham nos oferece o caminho para buscar os ativos deprimidos.

    Em uma entrevista anos depois de ter escrito o famoso Security Analysis, livro em que consta a frase supracitada, Graham revelou seu mtodo favorito de buscar aes. Disse buscar aes negociando a at 120% do valor patrimonial, abaixo de 7x lucros e, de preferncia, boas pagadoras de dividendos.

    No toa que mtricas capazes de indicar subapreamento da ao estejam associadas distribuio de proventos. Aproveitamos essas trs referncias para propor uma formulao: verdadeiras barganhas da Bolsa so, simultaneamente, boas pagadoras de dividendos.

    No value investing tradicional, uma barganha representa uma ao descontada em relao a seus operacionais atuais. Obviamente, entre os operacionais relevantes, est o lucro lquido. Em outras palavras, portanto, uma barganha tem um valor de mercado baixo perante os lucros oferecidos. E como parte dos lucros deve ser distribudo em dividendos (por Lei, mnimo de 25%; pode ser algo diferente caso previsto em estatuto), o fato de ser barganha implica, quase necessariamente, um alto dividend yield.

    Com isso em mente, preparamos uma oferta especial, oferecendo a oportunidade de assinar a combinao dos relatrios Barganhas da Bolsa e Vacas Leiteiras com um grande desconto. O primeiro trata daquelas aes baratas, muito descontadas em relao a seu valor intrnseco, enquanto o segundo traz as melhores pagadoras de dividendos.




                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Dezembro 31, 2014

    CHANCE de ganhar na MEGA DA VIRADA !!!

    A probabilidade de um apostador que faa a aposta mnima da Mega da Virada ganhar o prmio de 240 milhes de reais de uma em 50 milhes, segundo clculos da Caixa.

    O apostador pode marcar no mnimo seis e no mximo 15 dezenas dos 60 nmeros disponveis no volante. O custo da aposta aumenta conforme mais dezenas so marcadas. O valor mnimo da aposta de 2,50 reais e o valor mximo permitido 12,5 mil reais.

    Caso marque sete nmeros dentre os 60 disponveis, a chance de o apostador ganhar de uma em 7,1 milhes. Nesse caso, o valor da aposta sete vezes maior e custa 17,50 reais.

    Se o apostador optar por fazer a maior aposta, de 12,5 mil reais, e marcar 15 nmeros, a chance de levar o prmio de uma em 10 mil.

    O sorteio da Mega da Virada ser transmitido ao vivo nessa quarta-feira (31), s 20h. As apostas podem ser feitas at s 14h dessa quarta-feira em qualquer lotrica do pas.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Dezembro 30, 2014

    Governador eleito Fernando Pimentel anunciou hoje seu secretariado. Confira!!!

    Confira o novo secretariado

    1. Marco Antnio Rezende Teixeira, Secretaria de Estado de Casa Civil e de Relaes Institucionais Advogado formado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). servidor da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU). Foi diretor jurdico e superintendente da Superintendncia de Desenvolvimento da Capital (Sudecap) e ex-procurador-geral do municpio de Belo Horizonte. Odair Cunha, Secretaria de Estado de Governo Advogado, foi eleito para o quarto mandato consecutivo de deputado federal nas eleies de outubro. Foi assessor jurdico de Prefeituras e Cmaras Municipais.

    2. Helvcio Magalhes, Secretaria de Estado de Planejamento e Gesto Mdico formado pela UFMG e Doutor em Sade Pblica pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). servidor concursado da Prefeitura de Belo Horizonte, onde foi secretrio municipal de Sade e secretrio de Planejamento e Oramento. No Ministrio da Sade, foi secretrio de Ateno Sade no governo Dilma Rousseff. Eduardo Serrano, Secretaria-Geral da Governadoria Gestor Pblico formado pela Fundao Getlio Vargas. Foi chefe de gabinete do Ministrio do Desenvolvimento, Indstria e Comrcio Exterior.

    3. Jos Afonso Bicalho, Secretaria de Estado de Fazenda Economista formado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Mestre em Economia pelo Centro de Desenvolvimento e Planejamento Regional (Cedeplar), da UFMG. Doutor em Economia pela Universidade de Manchester, Inglaterra. Foi secretrio-adjunto e secretrio de Fazenda de Minas Gerais (1990-1994). Presidiu os bancos BEMGE e Credireal (1994-1998). Foi secretrio de Finanas da prefeitura de Belo Horizonte (2005-2012). Foi assessor econmico do Ministrio do Desenvolvimento, Indstria e Comrcio Exterior.

    4. Maca Evaristo, Secretaria de Estado da Educao Assistente Social formada pela Pontifcia Universidade Catlica de Minas Gerais (PUC Minas). Mestre em Educao pela UFMG. secretaria de Educao Continuada, Alfabetizao, Diversidade e Incluso (SECADI) do Ministrio da Educao no governo Dilma Rousseff. professora da rede estadual de ensino desde 1984. Foi Secretria de Educao de Belo Horizonte (MG) e uma das responsveis pelo programa de Educao Integral da capital mineira. Coordenou o programa de implantao de escolas indgenas de Minas Gerais entre 1997 e 2004.

    5. Fausto Pereira dos Santos, Secretaria de Estado da Sade Mdico sanitarista formado pela UFMG. doutor em Sade Coletiva pela Unicamp. secretrio de Ateno Sade do Ministrio da Sade. Foi secretrio-adjunto de Sade da Prefeitura de Belo Horizonte. Presidiu a Agncia Nacional de Sade Suplementar (ANS) por dois mandatos.

    6. Bernardo Santana de Vasconcellos, Secretaria de Estado de Defesa Social Advogado, foi eleito deputado federal para a atual legislatura (2011-2015). ps-graduado em Direito de Empresa, pela Pontifcia Universidade Catlica de Minas Gerais, e em Direo Estratgica e Marketing, pela Fundao Getlio Vargas. Murilo Valadares, Secretaria de Estado de Transportes e Obras Pblicas Engenheiro civil formado pela UFMG. secretrio de Obras de Ribeiro das Neves. Ex-administrador regional da Prefeitura de Belo Horizonte, ex- diretor da SLU, ex-superintendente da Sudecap, ex-secretrio de Polticas Urbanas.

    7. ngelo Oswaldo, Secretaria de Estado da Cultura Jornalista, formado pelo Instituto Francs de Imprensa, e advogado, formado pela UFMG. Presidiu o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), rgo do Ministrio da Cultura, no governo Dilma Rousseff. Foi prefeito de Ouro Preto (1993-1996; 2005-2008; 2009-2012) e secretrio estadual de Cultura no governo Itamar Franco (1999-2002). Presidiu o Instituto do Patrimnio Histrico e Artstico Nacional (Iphan) no governo Jos Sarney. presidente da Associao Brasileira de Cidades Histricas.

    8. Nilmrio Miranda, Secretaria de Estado de Direitos e Cidadania Jornalista. mestre em Cincias Polticas pela UFMG. Foi deputado estadual (1987-1990), deputado federal (1991-2003) e Secretrio Nacional dos Direitos Humanos no governo Lus Incio Lula da Silva. Voltou Cmara dos Deputados em 2013. Como deputado federal, presidiu a Comisso Externa para os Mortos e Desaparecidos Polticos da Cmara dos Deputados e foi autor do projeto de lei que criou a Comisso de Direitos Humanos de Minorias, que presidiu em 1995 e em 1999.

    9. Joo Cruz Reis Filho, Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuria e Abastecimento Engenheiro agrnomo, mestre e doutor em Gentica e Melhoramento pela Universidade Federal de Viosa. fiscal federal agropecurio do ministrio da Agricultura, Pecuria e Abastecimento, onde chefia a assessoria de gesto estratgica. Geraldo Pimenta, Secretaria de Estado de Turismo Mdico formado pela UFMG, deputado estadual. Foi vereador em Betim e secretrio municipal de Assistncia Social na gesto da prefeita Maria do Carmo Lara. Assume o cargo nesta quinta-feira.

    10. Carlos Henrique, Secretaria de Estado de Esportes Deputado estadual eleito para o segundo mandato consecutivo nas eleies de outubro passado. Foi vereador de Belo Horizonte por trs mandatos consecutivos, eleito em 2000, 2004 e 2008. pastor evanglico. Assumir o cargo somente aps a criao da secretaria. Miguel Corra, Secretaria de Estado de Cincia, Tecnologia e Ensino Superior Formado em Histria pelo Centro Universitrio Uni-BH. Exerce o segundo mandato consecutivo de deputado federal. Foi reeleito em outubro passado. Foi vereador em Belo Horizonte.

    11. Paulo Guedes, Secretaria de Estado de Desenvolvimento e Integrao do Norte e Nordeste de Minas Gerais Exerce o segundo mandato consecutivo na Assembleia Legislativa de Minas Gerais. Nas ltimas eleies, foi o deputado estadual mais votado do Estado. Foi vereador e presidente da Cmara Municipal de Manga, municpio onde nasceu, no Norte de Minas. Foi coordenador estadual do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs).


    12. Altamir Rso, Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econmico Empresrio, engenheiro e economista, preside a regional Vale do Rio Grande da Federao das Indstrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), em Uberaba.

    13. Tadeu Leite, Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional, Poltica Urbana e Gesto Metropolitana Empresrio, exerce o primeiro mandato como deputado estadual. Em outubro, foi eleito para o segundo mandato.

    14. Svio Souza Cruz, Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentvel Engenheiro metalrgico e especialista em engenharia ambiental formado pela UFMG. Exerce o quarto mandato consecutivo de deputado estadual. Foi reeleito em outubro passado. Foi secretrio de Estado de Planejamento e secretrio de Estado de Recursos Humanos e Administrao no governo Itamar Franco (1999-2002). Foi professor de Qumica e Fsica da rede de ensino privado e de Engenharia Ambiental da PUC Minas.

    15. Andr Quinto, Secretaria de Estado de Trabalho e Desenvolvimento Social Assistente social e socilogo, exerce o terceiro mandato de deputado estadual. Nas ltimas eleies, foi eleito para o quarto mandato. Foi secretrio de Desenvolvimento Social de Belo Horizonte na gesto Patrus Ananias (1993-1996). Cumpriu dois mandatos de vereador na capital mineira. servidor concursado da prefeitura de Belo Horizonte. Gamaliel Herval, Secretaria de Estado de Recursos Humanos Advogado formado pela PUC Minas. presidente da Ceasa (Centrais de Abastecimento de Minas Gerais). Foi presidente da Eletrosul e integrou o conselho de administrao da Eletrobras. Foi reitor da Universidade Catlica de Minas Gerais.

    16. Glnio Martins de Lima Mariano, Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrrio Tcnico em Agropecuria e especialista em Polticas Pblicas e Gesto Governamental pela UFMG. Foi chefe de gabinete, chefe da Diviso de Desenvolvimento de Assentamento e superintende regional substituto do Incra (Instituto Nacional de Colonizao e Reforma Agrria) em Minas Gerais. Veja os indicados para Cemig, Codemig, Prodemge, Copasa, BDMG e Controladoria-Geral do Estado


    17. Mauro Borges Lemos, Presidente da Cemig (Companhia Energtica de Minas Gerais) Economista formado pela UFMG. Doutor em Economia pela Universidade de Londres, com ps-doutorado pela Universidade de Illinois, nos Estados Unidos, e Universidade de Paris. professor titular do Departamento de Cincias Econmicas da UFMG. Foi ministro do Desenvolvimento, Indstria e Comrcio Exterior (2014). Foi presidente da Agncia Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), de 2011 a 2014. Presidiu o Conselho de Administrao do BNDES e do BNDESPAR. Possui trabalhos cientficos publicados em livros e peridicos especializados no Brasil e no exterior.

    18. Marco Antnio Castello Branco, presidente da Codemig (Companhia de Desenvolvimento Econmico de Minas Gerais) Engenheiro Metalurgista formado pela UFMG. Especialista e doutor em siderurgia pela Faculdade de Engenharia de Minas, Metalurgia e Mecnica da Universidade Tcnica de Clausthal, Alemanha. Fez carreira na iniciativa privada, assumindo a presidncia da Mannesmann do Brasil no ano 200, aps fuso da empresa com o grupo francs Vallourec. De 2004 a 2008, integrou a alta administrao do grupo na Frana. Foi diretor-presidente da Usiminas de 2008 a 2010.

    19. Paulo de Moura Ramos, presidente da Prodemge (Companhia de Tecnologia da Informao do estado de Minas Gerais) Economista formado pela PUC Minas. Foi coordenador de Relaes do Trabalho e secretrio de Governo da prefeitura de Belo Horizonte. Foi presidente da Prodabel (Empresa de Informtica e Informao do Municpio de Belo Horizonte). Foi vereador em Contagem-MG (1989-1992).

    20. Sinara Meirelles, Presidente da Copasa (Companhia de Saneamento de Minas Gerais) Engenheira civil formada pela UFMG. Foi Superintendente de Limpeza Urbana da prefeitura de Belo Horizonte entre 2005 e 2009. Integrou o Conselho Municipal de Meio Ambiente de Belo Horizonte.

    21. Marco Aurlio Crocco Afonso, presidente do BDMG (Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais) Economista formado pela UFMG. Mestre em Economia Industrial e da Tecnologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Doutor em Economia pela Universidade de Londres. especialista em economia monetria e desenvolvimento econmico regional. professor titular do Departamento de Cincias Econmicas da UFMG e pesquisador nvel 1 do Conselho Nacional de Desenvolvimento Cientfico e Tecnolgico (CNPq). Coordenou a elaborao do programa de governo do ento candidato Fernando Pimentel na disputa do governo do Estado. representante no Brasil da Regional Studies Association (Associao de Estudos Regionais), sediada em Londres.

    22. Mrio Spinelli Controladoria-Geral do Estado Engenheiro Civil e Matemtico, mestre em Administrao Pblica pela Fundao Joo Pinheiro e ps-graduado em Engenharia de Segurana do Trabalho pela Universidade Federal Fluminense. Controlador-geral do Municpio de So Paulo. servidor concursado da Controladoria-Geral da Unio (CGU), onde foi secretrio de Preveno da Corrupo e Informaes Estratgicas. Integrou o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), rgo do ministrio da Fazenda.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Dezembro 30, 2014

    Para LER e PENSAR!!! Artigo do palestrante mineiro Ricardo Gandra. Vale conferir!!!

    O dia 31 de dezembro chega e, com ele,
    surgem as promessas.
    Alis, brinco com meus expectadores
    em minhas palestras motivacionais
    que esta data est marcada
    como o dia internacional da promessa.

    o dia em que as suas energias
    e a sua concentrao
    esto j no ano que est para nascer.

    No entanto,
    alerto aos que gostam
    de realizar promessas
    nesta data.

    H muita gente
    que fica apenas na promessa e, no dia seguinte,
    j colabora para que este possvel desejo,
    uma meta estabelecida, um objetivo sonhado
    fique apenas no papel.

    A primeira pergunta que o sujeito deve se fazer, caso realmente este queira estabelecer uma meta no prximo ano, o que ele efetivamente quer, onde ele deseja chegar, o que almeja como alvo. Exemplos: quero emagrecer 10 kg, desejo comprar meu carro, vou dar uma entrada considervel para comprar meu apartamento, irei parar de fumar e, assim vai...

    O segundo passo, por meio de um questionamento, talvez seja mais importante que o primeiro. Se desejo algo, o que devo fazer para chegar at l? Bom, se seu desejo uma aquisio de um bem durvel ou imvel, preciso resistir bastante as tentaes.

    Ofertas a todo instante, compras desnecessrias, passeios em shoppings, principalmente se voc for um consumidor compulsivo, caminho para derrota na certa! Evite cair nestas armadilhas, pois elas dificultaro a realizao do seu sonho. s vezes vejo uma mulher se queixando da razo de ela no ter cumprido sua meta da compra do veculo, mas ao pergunt-la como ela lhe deu com o dinheiro, fico sabendo da aquisio de sete pares de sapato na primeira liquidao do ano. Mulheres e sapatos, como explicar isto?

    Se seu desejo est fora de uma aquisio, como por exemplo, parar de beber ou fumar, emagrecer na busca de mais qualidade de vida, o caminho passa por uma mudana forte de hbitos e muita fora de vontade. Como ex-fumante na juventude, posso lhes dizer que no se trata de uma tarefa fcil, mas preciso motivao, uma razo para aquilo.

    Cada um tem uma ttica: evitar bares e trocar pelo cinema ou teatro; praticar atividades fsicas regularmente; evitar o consumo regular de bebida alcolica, pois aquele hbito o incentivo ao cigarro, inspirar-se nas fotografias dos doentes de Cncer para interromper o vcio de vez, entre outras ilustraes. O importante ter foco, as pessoas, atualmente, procuram mais disposio, mais qualidade de vida. A indstria da sade vende a personificao do homem e da mulher saudvel o todo instante e este tipo de publicizao extremamente positiva.
    Creio que o terceiro passo igualmente importante neste processo de transformao para muitos. Persistncia, perseverana, fora de vontade!

    No fcil continuar, no fcil alcanar o topo da montanha, em muitas oportunidades poderemos ser contaminados pelo desnimo, pela dificuldade dos obstculos, pela demora nos resultados, pela interferncia e opinio negativa dos outros. Portanto, persista, acredite, tenha f, rena foras, realize, procure, faa acontecer e vers a transformao se realizar. Afinal, as verdadeiras vitrias so acompanhadas de sacrifcios e suas conquistas ganham mais sentido pelo mrito pessoal. Desejo a vocs: estabelecimento de metas, foco e perseverana! Feliz 2015!


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Dezembro 30, 2014

    Oportunidade!!!

    Belotur abre inscries
    para 11 edital para concesso de subveno a eventos
    de potencial turstico


    A Belotur abriu inscries para o 11 Edital de Seleo para Concesso de Subveno a Eventos de Potencial Turstico a serem realizados entre 30 de janeiro e 31 de maro de 2015. O edital foi publicado na sexta-feira, dia 28, no Dirio Oficial do Municpio (DOM). Os interessados tm at o dia 22 de dezembro para inscrever seus projetos.

    O objetivo do edital diversificar a oferta turstica e o calendrio da cidade, incluindo tambm os eventos que acontecem durante o perodo carnavalesco. Sero aceitos projetos que promovam e fomentem a capital mineira, bem como o Carnaval e outros que fomentem a diversidade cultural, a permanncia mdia do turista na cidade e fortaleam a capital como um destino de eventos.

    Podem participar proponentes de eventos de negcios, tcnico e cientficos (categoria A), cunho cultural (categoria B), voltados para a participao da populao local (categoria C) e eventos esportivos, de ecoturismo e turismo de aventura (categoria D). O valor global destinado no edital de R$ 800 mil. Os projetos concorrero a auxlios financeiros que variam de R$ 20 mil a R$ 80 mil, dependendo da categoria.

    No dia 10 de dezembro, quarta-feira, s 14h30, a Belotur promover uma palestra pblica para esclarecimentos acerca das etapas do edital na Rua da Bahia, 888, 2 andar, Centro.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Dezembro 29, 2014

    Gourmet para crianas

    FRIAS GOURMET NO DIAMONDMALL

    As frias de janeiro no DiamondMall
    trazem o sabor, o encanto, a diverso,
    e, principalmente, as gostosuras da culinria.

    No perodo de 15 de janeiro a 01 de fevereiro,
    o shopping promove oficinas gourmet
    para crianas de 4 a 12 anos.

    O evento tem o objetivo de ensinar os pequenos a fazerem deliciosas receitas de um jeito ldico, educativo e divertido. Para isso, um ambiente mgico, muito colorido, casinha de guloseimas e uma estrutura de cozinha de gente grande, faro com que eles entrem na brincadeira e se sintam verdadeiros gourmets. No cardpio esto: brigadeiro sem fogo, torta doce brincadeira ratinhos de chocolate, cobra coral de morango e banana, pav de minhocas, dadinhos de abacaxi, sanduche colorido, docinho de banana, sobremesa de frutas ao creme, rocambole de coco rapidinho, espetinho de frutas, tartelete de frutas.

    Segundo a gerente de Marketing do centro de compras, Flvia Louzada, o DiamondMall sempre opta por atividades que aproximem adultos e crianas e inspirem a criatividade e o desenvolvimento ldico.
    As atividades so gratuitas e, para participar, preciso se inscrever no Concierge (L3) ou pelo telefone 3330-8633. As oficinas sero ministradas pela monitoria da Livraria Corre Cutia e ocorrero no piso L2.

    Servio:
    Frias Gourmet no DiamondMall
    Perodo: 15/01 a 01/02
    Faixa etria das oficinas: 4 a 12 anos
    Informaes e inscries para oficinas: Concierge ou pelo telefone 3330-8633


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Dezembro 29, 2014

    ARTIGO publicdo no Blog do PCO


    Sndrome do raquitismo econmico

    Os principais problemas econmicos brasileiros no so apenas de natureza conjuntural, como primeira vista sugere a situao atual. So, notoriamente, estruturais e decorrem de vrios entraves que obstaculizam o crescimento mais vigoroso da economia nacional, impedindo o Pas de trilhar os caminhos que possam lev-lo ao desenvolvimento e ao progresso de sua sociedade.

    Presenciamos, at alguns anos atrs, a falsa impresso que o Brasil crescia de forma avantajada, diferenciando-se positivamente em relao ao resto do mundo. Esta situao decorreu do fato de o Pas ter sido beneficiado pela forte valorizao das principais commodities, das quais grande produtor e, tambm pelo excepcional desempenho verificado na economia mundial.

    De 2004 a2007, a economia mundial cresceu, na mdia, 5,2% ao ano, tendo sido esse perodo considerado o de maior expanso econmica de todo o sculo passado. Na mesma ocasio, o Brasil cresceu a uma taxa mdia anual de 4,8% - cabendo, no entanto destacar que, mesmo tendo sido uma expanso expressiva, tal circunstncia no foi a necessria para que ele pudesse superar a mdia mundial.

    Nestas consideraes h, ainda, de se ressaltar a forte valorizao do real em relao ao dlar norte-americano, apurada durante basicamente toda a primeira dcada dos anos 2000 ocasionando, por isso, uma ampliao nominal significativa do PIB - Produto Interno Bruto nacional. Quando contabilizada nessa moeda, nossa produo total de bens e servios saltou da 12 posio no ranking internacional para o 6 lugar entre as maiores economias mundiais. Na verdade, o que ocorreu foi uma simples iluso de tica monetria, associada a uma percepo errnea de que j havamos nos transformado numa grande potncia econmica.

    Pode-se depreender que o Brasil no vem, principalmente a partir deste novo sculo, acompanhando o ritmo de expanso da economia mundial e encontra-se em desvantagem quando o assunto se refere expanso de sua economia. O PIB brasileiro tem crescido em nveis inferiores as mdias mundiais e muito aqum de nossas potencialidades.

    De acordo com recentes estimativas do FMI - Fundo Monetrio Internacional o Pas dever experimentar, em 2014, um crescimento basicamente nulo, contabilizando uma taxa em torno de 0,2% - o que destoar fortemente do ritmo da economia mundial, que vai expandir-se em 3,3%.

    A situao fica mais grave se analisarmos o desempenho nacional sob a tica do nosso crescimento populacional, previsto em 0,86% neste ano segundo, o IBGE - o que implica afirmar, ento, que registraremos um declnio na nossa renda per capita - ou seja, teremos ficado, em termos individuais, 0,65% mais pobres em 2014.

    Destaque-se que as projees atuais mais otimistas j apontam que o ano de 2015, em termos econmicos, no ser muito diferente do que o atual, podendo at mesmo ser pior, devido aos ajustes necessrios nas contas pblicas. E, tambm, bastante provvel que a nossa renda per capita continuar, assim, em trajetria declinante.

    Para efeito ilustrativo, estudos divulgados pelo FMI atravs do documento intitulado World Economic Outlook, de outubro ltimo, revelam que, no perodo de 2001 a2014, a economia mundial registrar crescimento acumulado de 66,7%. Os pases emergentes, os quais o Brasil integra, estaro obtendo uma expanso acumulada de 122,94%. J a Amrica Latina ter crescido, no mesmo perodo, 56,3% e o Brasil 52,2% - o que muito pouco para se comemorar. Em sntese, tivemos uma performance bem tpica de rabo de cavalo, quando s se cresce para trs e para baixo.

    Relembro JK: Temos de acelerar o passo, integrando-nos num ritmo de crescimento mais rpido. Cumpre-nos procurar, a todo o transe, o socorro da tcnica moderna. Temos de ocupar, nos mapas econmicos e polticos, uma posio correspondente nossa importncia territorial e demogrfica.
    Reverter esta trajetria de baixo crescimento econmico , no meu entendimento, o maior desafio nacional. No basta apenas estabilizar a moeda, manter o cmbio sob controle e buscar o equilbrio das contas pblicas. Esses so componentes essenciais, mas no o bastante ou o suficiente para reconciliarmo-nos com o crescimento econmico vigoroso. Durante os 41 anos de governo Antnio de Oliveira Salazar (1933-1974) Portugal foi um dos pases de economia mais estvel, s que no conseguia crescer. Transformou-se, no entanto, em um dos mais atrasados da Europa. Portanto, para um Pas desenvolver-se preciso bem mais do que a simples estabilizao econmica.

    Reputo, como uma das condicionantes bsicas retomada do crescimento econmico, a restaurao da confiana empresarial, da credibilidade na atuao governamental e, fundamentalmente, na possibilidade de o Pas voltar a investir em torno de 25% do PIB em sua economia. Isso deve pressupor, ademais, o incio inadivel das reformas estruturais e institucionais de que tanto necessitamos, para a modernizao e melhoria da competitividade, com nfase na ampliao da produtividade nacional. So deveres de casa que apenas a ns compete empreender, agora e imediatamente.

    Outra questo de fundamental importncia refere-se reforma tributria. A Receita Federal acabou de divulgar o documento intitulado Carga Tributria Nacional 2013, que considero importante pista para compreendermos a situao fiscal brasileira.

    O referido estudo aponta que a descarga tributria brasileira atingiu, em 2013, 35,95% do PIB de R$ 4,84 trilhes - sendo equivalente a uma arrecadao de R$ 1,743 trilho nas trs esferas governamentais - cabendo Unio 68,92% do total; aos Estados 25,29% e aos Municpios, 5,79%. Isso significa confirmar que de cada R$ 100,00 produzidos na economia nacional, R$ 35,95 foram destinados, exclusivamente, ao pagamento de tributos. Ou que, em todo o ano de 2013, 131 dias do trabalhador foram confiscados na remunerao dos diversos tributos cobrados no Pas.

    Apesar de bastante elevada, a arrecadao tributria nacional ainda no cobre a totalidade das despesas pblicas, restando saldos a descoberto, conhecidos como dficits nominais, os quais atingiram 3,3% em 2013 (e devero superar 5% em 2014).
    Constata-se, atravs do estudo divulgado pela Receita Federal, que de 2001 a2013 a carga tributria brasileira j subiu 14,82%. A tributao nacional encontra-se concentrada na produo e no consumo, ocasionando o encarecimento das mercadorias e servios, prejudicando as exportaes e os investimentos em geral. Essa concentrao, equivalente a 18,43% do PIB ou a 51,3% de tudo o que se arrecada nacionalmente, supera os nveis tributrios alcanados pelos pases desenvolvidos, inclusive, daqueles que tm carga tributria total superior do Brasil. De outro lado, h de se ressalvar que a tributao direta da renda no Brasil considerada baixa para os padres internacionais e representa apenas 6,51% do PIB - o que equivale a pouco mais da metade quando comparada mdia dos pases da OCDE - Organizao para a Cooperao e Desenvolvimento Econmico. Taxar a produo um dos grandes equvocos da legislao tributria brasileira.

    O Brasil um dos poucos pases do mundo a taxar a produo industrial, como se ela fosse uma atividade criminosa e precisa ser penalizada. Em 2013, o IPI -Imposto sobre Produtos Industrializados representou 2,46% da arrecadao tributria, totalizando R$ 42,9 bilhes. Porque no transform-lo em IPS - Imposto sobre Produtos Suprfluos, ocorrendo a sua incidncia apenas sobre produtos considerados suprfluos, como fumo, perfumes, artigos de luxo, refrigerantes, bebidas alcolicas e outros congneres, liberando-se as demais produes industriais desse nus?



    Finalizando, merece ainda citao, estudo recente divulgado pela FIESP - Federao das Indstrias do Estado de So Paulo revelando que a representatividade da indstria brasileira no PIB nacional caiu de 25,5% em 1983 para 13,1% em 2013 e que, nesse perodo, apenas um pas em todo o mundo - a Polnia - com 12%, superou o Brasil em desindustrializao.

    A indstria, notadamente a de transformao, pea-chave estratgica para que o Brasil retome taxas de crescimento econmico mais vigorosas, consistentes e contnuas e, assim, alcanar o desenvolvimento. Se assim no procedermos, continuaremos sofrendo dos males decorrentes da sndrome do raquitismo econmico, conduzindo-nos a uma situao de ananismo que no podemos aceitar nem mais tolerar.
    O desenvolvimento
    precisa retomar agenda nacional,
    como a mais relevante de todas as nossas metas.

    Carlos Alberto Teixeira de Oliveira

    Economista, presidente da ASSEMG-Associao dos Economistas de Minas Gerais e do IBEF-Nacional Instituto Brasileiro de Executivos de Finanas. Presidente MinasPart-Desenvolvimento Emp. e Econ. Ltda


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Dezembro 29, 2014

    Dicas enviadas ao nosso Faceblog/Blog pelo advogado Cssio Lucas Pereira.

    Ateno quem tem CARRO:
    Aos que tem carro, lembrem de trocar o extintor de incndio q do tipo BC para o do tipo ABC, sob pena de multa. A partir de 01 de janeiro de 2015, comea a fiscalizao. obrigatrio! As blitz vo fazer a festa! Muita gente no sabe! Resoluo CONTRAN N 333 de 2009.
    Fica a dica!
    Lembrando a todos - A partir de hoje , valendo em todo o Brasil, os novos valores reajustados das multas de trnsito:
    👉Falar ao celular 574,00.
    👉furar sinal vermelho foi de 125,00 p 780,00. 👉ultrapassar em faixa continua ou local proibido agora 1.915,00 .
    Acabou a farra das multinhas de 68,00 , 85,00 e 125,00. 👉Aviso aos desavisados!

    NOVAS REGRAS DO DETRAN
    🔹A carteira s pode ser renovada durante o prazo de, no mximo, 30 dias aps o seu vencimento. 🔹Aps este prazo, a carteira cancelada automaticamente, e o condutor ser obrigado a prestar todos os exames novamente: psicotcnico, legislao e de rua, igualzinho a uma pessoa que nunca tirou carteira.
    🔹Tudo isto, sem se falar na multa para tirar novamente a CNH, que fica por volta de R$ 1.200,00, e leva, mais ou menos, de 2 a 3 meses.
    🔹Se um policial rodovirio parar seu carro e verificar que o extintor est protegido pelo saco plstico, ele vai te autuar com menos 5 pontos na carteira, e mais R$ 127,50, de multa
    🔹REPASSE ESTA


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Dezembro 29, 2014

    Oportunidade!!!

    MAIS MDICOS

    Abertas as inscries de propostas
    para novos cursos de medicina

    Chamada pblica para instituies privadas
    interessadas em criar curso de graduao nos 39 municpios
    selecionados pelo governo federal.
    Iniciativa faz parte da estratgia de expanso
    da formao mdica no pas

    Esto abertas as inscries de propostas para a criao de cursos de medicina nos 39 municpios selecionados pelo governo federal. As mantenedoras de Instituies de Ensino Superior tm at o dia 23 de janeiro para participar da chamada pblica. A iniciativa faz parte da estratgia do Programa Mais Mdicos de expanso da formao destes profissionais no pas, com foco nas regies que mais precisam.

    Todas as cidades selecionadas para receber cursos de medicina tm 70 mil habitantes ou mais, e no contam com graduao para a formao de mdicos. Elas esto localizadas em 11 estados de quatro regies, no interior e regies metropolitanas, sendo que nenhuma delas capital. Na seleo, o Ministrio da Educao levou em conta a necessidade social do curso, a estrutura da rede de sade para realizao das atividades prticas e a capacidade para abertura de programa de residncia mdica.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Dezembro 29, 2014

    Alerta !!! Para LER e PENSAR.

    PELA PAMPULHA

    Flvio de Lemos Carsalade-
    arquiteto urbanista e professor da UFMG
    Flvio Marcus Ribeiro de Campos- Engenheiro e
    Presidente da Associao dos Amigos da Pampulha APAM.

    " Que a Lagoa da Pampulha uma das regies mais sensveis de Belo Horizonte fato que ningum ousa discordar. Os lagos urbanos formados por represas so extremamente frgeis, sujeitos a constantes agresses ambientais, que jamais sero totalmente contidas, face inexorvel exploso exponencial demogrfica em toda a sua bacia. Nossa lagoa no foge regra.

    Resta-nos, ento, a possibilidade de sempre conter esse destino prematuro, com medidas imediatas e permanentes de proteo, entre as quais aquelas contidas no DOSSI, de notvel lavra, ora encaminhado pela PBH UNESCO, de Canditatura do Conjunto Moderno da Pampulha a Patrimnio Cultural de Humanidade,

    Essa paisagem no ser formada por elementos isolados, mas pelo nosso conjunto de relaes que a tornaro significativa e especial. No sero somente aquelas formatadas, em um dado momento, com a rapidez de um flash, mas ao longo da histria, onde a sucesso de fatos e atitudes imprimem valores compartilhados e agregados realidade fsica.

    No existe patrimnio material sem a sua contrapartida: somos ns que outorgamos importncia matria que a ns se revela de modo especial. Somos ns que almejando resultados diferentes, devemos proteger permanentemente e com sustentabilidade esses bens , no repetindo os erros do passado

    A Pampulha, cone de BELO HORIZONTE, cumpre todos esses requisitos. Apresenta uma bela relao entre elementos de natureza, paisagem, histria e dolorosa sobrevivncia por decnios, em todo o seu conjunto arquitetnico .

    As sucessivas legislaes urbansticas de Belo Horizonte vm reafirmando a defesa e a blindagem constitucional da regio, desde que, por suas caractersticas, no local para ocupao intensiva ou flexibilao de parmetros que corrompam seu tecido. Apesar de ser alvo contnuo da cobia e da especulao imobiliria, no al que estas podem se estabelecer, sob pena de acelerar o processo de destruio do espelho dgua e seu volume, de se obliterar a histria, de ferir os cones coletivos, de desqualificar o meio-ambiente.

    A ADE Pampulha (rea de Diretrizes Especiais da Pampulha) foi criada para isso e no pode sofrer distores que a descaracterizem, que rompam com os pactos urbanos consolidados em tantas dcadas, em nome de um desenvolvimento urbano predador. A defesa da Pampulha se fortaleceu e se blindou ao ser credenciada pela UNESCO como canditada a pertencer ao Patrimnio Cultural da Humanidade.

    Mas antes ela precisa estar constitucionalmente amparada
    e permanentemente preservada por todos ns, sem os erros do passado ,
    comunidades e sociedade civil organizada.

    Caso contrrio, ela logo ser de ningum.



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Dezembro 28, 2014

    TV Assemblia. Novidade!!!


    TV j tem 62 retransmissoras
    em condies de funcionamento

    Resultado dos processos da TV Assembleia,
    que esto sendo analisados pelo Ministrio das Comunicaes, ainda parcial.

    Aps um longo trabalho perante o Ministrio das Comunicaes e a Anatel, a TV Assembleia fecha o ano de 2014 com 62 retransmissoras em condies plenas de funcionamento, no interior de Minas Gerais. Esse o resultado, ainda parcial, dos processos da TV que esto sendo analisados por uma fora-tarefa criada pelo Ministrio das Comunicaes para regularizar a situao de centenas de emissoras pblicas e privadas, em todo o Estado. Pelos motivos mais diversos, elas no conseguiam obter autorizao para funcionamento. Consulte documento com a situao das retransmissoras da TV Assembleia.

    O trabalho, que envolve tcnicos e engenheiros de televiso, mobilizou boa parte da equipe da Diretoria de Rdio e TV da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). Ele teve incio com o levantamento de dados tcnicos em mais de 200 municpios, quando os servidores percorreram mais de 30 mil quilmetros, vistoriando abrigos, conferindo coordenadas geogrficas, registrando altura de antenas, modelos de equipamentos, transmissores e demais componentes do sistema de retransmisso.

    Essas informaes so necessrias para que os engenheiros elaborem os projetos tcnicos e requerimentos de outorga e de instalao dos equipamentos nos locais destinados explorao do servio de radiodifuso em cada municpio. Somente aps a anlise desses processos que o Ministrio das Comunicaes e a Anatel autorizam o funcionamento da retransmissora, em carter provisrio.

    So casos de prefeituras que, ao longo de dcadas de omisso e falta de servio, instalaram em seus municpios torres para captar o sinal das TVs abertas para atender populao local com recepo de melhor qualidade, j que as geradoras no consideravam vivel atender a essas comunidades, disse o ministro Paulo Bernardo em entrevista publicada pelo Ministrio das Comunicaes. H casos em que a retransmissora funciona h mais de 15 anos e no podemos penalizar a populao por erro ou omisso do Estado, completou.

    Rodrigo Lucena, diretor de Rdio e TV,
    lembra que, na ALMG,
    esse processo teve incio com a expanso da TV Assembleia,
    no fim dos anos 1990.

    Recursos podem resultar em novos canais

    A expectativa agora quanto continuidade da aprovao de canais. H diversas situaes de indeferimento que esto sendo questionadas pelos engenheiros que representam a TV Assembleia neste processo, acrescenta Lucena.

    Segundo ele, so questes tcnicas, relativas distribuio dos canais no plano bsico de retransmisso. Ocorre que tanto a implantao da TV Digital, que exige novos canais, quanto o leilo de uma faixa importante do espectro de radiofrequncias para as operadoras de telefonia mvel afetaram e, em alguns casos, ocuparam os canais usados pelas emissoras de televiso, entre as quais a TV Assembleia.

    Apesar dessas dificuldades, o diretor se mostra otimista quanto aos recursos, que podero resultar em novos canais aprovados. um trabalho lento, que exige decididamente o apoio dos parlamentares, mas que se mostra muito efetivo em razo da peculiaridade e do reconhecimento do servio de elevado interesse pblico que feito pela TV Assembleia, acredita o diretor.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Dezembro 28, 2014

    Governador sancionou Lei que beneficia defensoria Pblica de Minas. Muito justo!!!

    Sancionada lei sobre recursos para modernizar Defensoria

    Norma que trata de garantias em emprstimo do BNDES
    tramitou na ALMG como o PL 5.640/14 e foi aprovada em dois turnos.

    O governador do Estado sancionou a Lei 21.559, de 2014, que trata de mudanas em garantias oferecidas pelo Estado em emprstimo do Banco Nacional de Desenvolvimento Econmico e Social (BNDES) para a modernizao da Defensoria Pblica do Estado. A publicao da sano est na edio desta tera-feira (23/12/14) do Dirio Oficial Minas Gerais. A norma, que entrou em vigor a partir da publicao, tramitou na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) na forma do Projeto de Lei (PL) 5.640/14, de autoria do governador, e foi aprovado no Plenrio em dois turnos, em sua forma original.

    A norma altera a Lei 21.095, de 2013, que autorizou a contratao do emprstimo junto ao BNDES, no limite de R$ 11 milhes, com o intuito de promover a adeso do Estado ao Programa de Modernizao da Administrao Geral e Patrimonial das Defensorias Pblicas dos Estados e do Distrito Federal (PMAE Defensorias). O projeto tem por objetivo, em linhas gerais, ampliar o rol das garantias e contragarantias que o Estado oferece na obteno do emprstimo a ser contratado com o BNDES.

    Pela proposio, o Executivo fica autorizado a oferecer como garantia para a operao de crdito parte da arrecadao com tributos, como o Imposto sobre Transmisso Causa Mortis e Doao de Quaisquer Bens ou Direitos (ITCD), Imposto sobre Circulao de Mercadorias e Servios (ICMS) e Imposto sobre a Propriedade de Veculos Automotores (IPVA), alm de repasses da arrecadao do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) e do Imposto de Renda e parte dos recursos do Fundo de Participao dos Estados.

    A autorizao para a vinculao dessas receitas tributrias a ttulo de contragarantia para a Unio j era prevista pela Lei 21.095 e foi mantida, mas ela s ocorrer no caso de a Unio garantir a operao de crdito. Com isso, o Governo do Estado pretende flexibilizar a utilizao das cotas da repartio da arrecadao dos impostos para a prestao de garantia diretamente ao BNDES, bem como a utilizao de receitas tributrias para a prestao de contragarantia Unio.

    A proposio no promove mudanas relativas ao valor da operao anteriormente autorizada, aos projetos e atividades a serem financiados, bem como ao agente financiador.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Dezembro 28, 2014

    Eleio!!!

    CONSENSO MARCA ELEIO DA AMAMS
    PARA O BINIO 2015/2016

    Ficou acertado na tarde desta tera-feira 23/12, uma chapa de consenso para sucesso presidncia da Associao dos Municpios da rea Mineira da Sudene (AMAMS), que acontecer no dia 13 de janeiro de 2015, de 9 s 11 horas, em sua sede. O prefeito de Capito Enas, Csar Emlio (PT), foi o escolhido para suceder o atual presidente Carlcio Mendes Leite, prefeito de Mirabela.

    Inicialmente trs nomes estavam trabalhando para sucesso presidncia da entidade, Csar Emlio (PT), de Capito Enas; Luiz Rocha (PMDB), de So Francisco; e Edmrcio Moura Leal (PSC), de Matias Cardoso. Mas atravs de um acordo indito com a participao dos deputados da bancada do Norte de Minas e prefeitos, chegou-se ao consenso em torno do nome do prefeito eneapolitano.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Dezembro 26, 2014

    Crise, que crise?


    Allia Hotels
    anuncia novo empreendimento no Par

    Rede hoteleira
    com capital 100% nacional
    continua com forte plano de expanso
    e deve chegar ao Norte do pas em breve

    A Allia Hotels anunciou esta semana seu mais novo projeto: o Bristol Easy Hotel - Cana dos Carajs, localizado na cidade homnima do Par. O hotel ser o segundo em desenvolvimento no Estado, em importante ponto estratgico para a rede hoteleira, que inclui em seu plano de expanso a regio norte e nordeste do pas.

    Classificado na categoria supereconmica, o empreendimento contar com 112 apartamentos e 224 leitos divididos em uma rea construda de 4.000 m, e tem previso de concluso das obras em 2017.

    Segundo maior PIB per capita do Estado do Par, a cidade possui importante atividade econmica voltada para o segmento industrial de extrao mineral e dever sediar o Projeto Ferro Carajs S11D, iniciativa da empresa mineradora Vale do Rio Doce. "O municpio possui um incrvel potencial de crescimento, o que nos deixa entusiasmados, pois a regio norte extremamente estratgica para o nosso plano de expanso", afirma Marcello Medeiros, Diretor de Desenvolvimento da Allia Hotels.

    Parauapebas

    Em agosto deste ano,
    a rede lanou oficialmente
    o seu primeiro empreendimento no Par,
    o Bristol Parauapebas, na cidade homnima,
    a grupos de investidores e interessados.

    Perspectiva (imagem) do Bristol Parauapebas, em construo no Par

    O Bristol Parauapebas contar com 144 apartamentos standard, 70 apartamentos para long stay, 6 sutes de luxo, 2 sutes super luxo, centro de convenes com foyer, 3 auditrios e 2 salsas de reunio. Durante as obras, o hotel deve gerar mais de 400 oportunidades de empregos diretos/indiretos.

    Maior provncia mineral do planeta e 33 cidade mais rica do pas, a chegada da Allia no Par pela cidade de Parauapebas mostra mais um investimento certeiro da rede. Alm de seu enorme potencial de consumo (4 maior do pas), a cidade destaca-se por suas minas de ferro, que atrai grupos empresariais de todo o mundo, avalia Marcello Medeiros, diretor de Desenvolvimento da rede.

    Entre outras cidades do Par que devem receber empreendimentos da Allia Hotes esto: Belm, Ananindeua, Santarm, Paragominas, Marab e Redeno.

    Sobre a Allia Hotels

    A Allia Hotels nasceu em 2010, com capital 100% nacional, fruto da parceria entre as redes Bristol e Plaza Inn. Atualmente conta com 36 hotis operando em 12 cidades brasileiras, com 2,3 mil apartamentos, em empreendimentos espalhados pelos estados de Minas Gerais, So Paulo, Esprito Santo, Maranho, Gois e Distrito Federal. At final de 2017, o portflio da Allia deve saltar para mais de 104 empreendimentos em operao, atuando tambm em cerca de 58 destinos Brasil afora, com investimentos previstos da ordem de R$ 1,35 bilho. Com isso, a rede que j figura entre as 10 maiores do Brasil ser convertida na maior do pas de capital nacional.

    Informaes para a imprensa
    Multitexto Comunicao Empresarial


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Dezembro 24, 2014

    Pense!!!

    Recebi h pouco e gostei tanto
    que aqui estou a compartilhar
    com cada um de vocs:

    Que voc consiga uma casa maior, mas que quase todos os cmodos fiquem vazios por sua famlia estar unida ao redor de uma nica mesa.

    Que voc compre o carro dos seus sonhos, e descubra que ele pode ficar parado na garagem enquanto voc caminha de mos dadas por um parque.

    Que voc realize o desejo de comprar uma TV enorme, 3D, com home theater, mas que ela permanea desligada durante o jantar, para que voc possa ouvir como foi maravilhoso o dia da sua famlia.
    Que sua conta bancria esteja satisfatoriamente recheada, mas sobretudo, que voc tenha em seu bolso um ou dois reais para comprar algodo doce e sabore-lo sujando os dedos.
    Que voc tenha um excelente plano de sade, mas que se esquea que ele existe por no precisar us-lo.
    Que voc jante em badalados restaurantes para descobrir que a maior chef que existe, cozinha todos os dias dentro da sua casa.

    Que sua internet trafegue em altssima velocidade, mas que sua melhor rede seja aquela pendurada entre duas rvores, onde voc possa ouvir os pssaros cantarem.

    Que voc tenha um smartphone de ltima gerao, mas que no precise us-lo para dizer s pessoas mais importantes da sua vida o quanto elas so especiais.
    Que voc tenha um tablet, mas que use mais as pontas dos seus dedos para fazer cafuns do que para mandar e-mails.

    Que voc possa comprar boas roupas, bolsas e relgios, mas que sua verdadeira marca seja a "inspirao" deixada pelos lugares por onde passar.

    E que assim, conquistando tudo o que voc sempre quis, voc descubra que mais importante do que aquilo que voc tem, o que voc faz com tudo o que conquistou. (Mauricio Louzada)
    😉
    Vamos refletir!
    Feliz Natal!


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Dezembro 23, 2014

    Aeroporto Itamar Franco: agora vai!!!

    Consrcio assumir terminal de Goian
    em 1 de janeiro

    Grupo venceu a licitao
    para explorao do aeroporto
    pelos prximos 30 anos

    Consrcio Aeroporto e o governador Alberto Pinto Coelho assinaram a PPP para o terminal da Zona da Mata/
    O governo de Minas quer transformar o Aeroporto Regional Presidente Itamar Franco, em Goian, na Zona da Mata mineira, em base operacional para atrao de fornecedores e apoio logstico para explorao do pr-sal do litoral Norte do Rio de Janeiro. Ontem, o Estado firmou acordo de concesso do terminal com o Consrcio Aeroporto Zona da Mata Ltda., formado pelas empresas Socicam e Universal Armazns Gerais e Alfandegados.

    O grupo venceu a licitao para explorao do aeroporto pelos prximos 30 anos. Esse o primeiro aeroporto de Minas Gerais a ser administrado em modelo de parceria pblico-privada (PPP). O subsecretrio de Investimentos Estratgicos do Governo de Minas, Luiz Antnio Athayde, disse que o empreendimento um marco histrico para o Estado, porque "a partir de agora o novo concessionrio vai ter sintonia muito maior com a estrutura do governo".


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Dezembro 23, 2014

    Economia

    VLI investir R$ 230 milhes
    em terminal no Tringulo

    Polo logstico em Uberaba
    dever iniciar operao em 2016

    O Terminal Integrador poder movimentar 6,3 milhes de toneladas de gros e 2,4 milhes de acar por ano/Vale
    Uberaba, no Tringulo Mineiro, vai ganhar um terminal integrador (TI) da Valor da Logstica Integrada (VLI). A empresa investir R$ 230 milhes nas obras que tero incio em 2015. As projees so de movimentao de 6,3 milhes de toneladas de gros e 2,4 milhes de toneladas de acar por ano na estrutura a ser construda no quilmetro 116 da BR-050.

    O terminal ser instalado na rota de cargas originrias do Mato Grosso, Gois
    e vrias partes de Minas Gerais. Os produtos chegaro estrutura
    por meio de transporte rodovirio e de l seguiro de via ferroviria at o porto de Santos.

    A unidade servir como polo concentrador de carga, aumentando a agilidade do escoamento de produtos pela ferrovia at o porto. A estrutura ser composta por galpes de armazenagem, edificaes, reas pavimentadas, vias de acesso, desvio ferrovirio e estacionamentos para carros e caminhes.

    O TI dever entrar em operao no primeiro semestre de 2016, aps a concluso da primeira etapa das obras. Durante o perodo em que as intervenes estiverem em curso, sero gerados 600 postos de trabalho. Porm, quando estiver em operao, vai demandar cerca de 300 empregos diretos e indiretos.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Dezembro 22, 2014

    Alerta!!!


    ​Setcemg alerta sobre restrio de trfego de veculos de grande porte
    em rodovias mineiras nos feriados de final de ano


    O Sindicato das Empresas de Transporte Rodovirio de Cargas do Estado de Minas Gerais (Setcemg) alerta que durante o perodo de feriados de final de ano, tanto o Departamento de Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DER/MG), como o Departamento de Polcia Rodoviria Federal (DPRF), determinaram restries ao trfego de veculos de grande porte. O objetivo garantir a boa circulao e aumentar a segurana dos usurios das vias sob jurisdio desses rgos no perodo que tem maior circulao de veculos de passeio.

    So enquadrados na categoria grande porte as Combinaes de Veculos de Carga (CVC), as Combinaes de Transporte de Veculos (CTV) e cargas indivisveis. Mesmo que o veculo esteja vazio ou portando a Autorizao Especial de Trnsito (AET) a circulao desses veculos est impedida, independentemente do tipo de pista que exista na rodovia em que ir trafegar.

    Caso algum motorista seja abordado realizando deslocamentos com os veculos impedidos de circular, o infrator fica sujeito s penalidades previstas no Cdigo de Trnsito Brasileiro (art. 187-I, da Lei Federal n 9.503, de 1997), o que significar a perda de quatro pontos na carteira, multa de R$ 85,13 e reteno do veculo at o trmino do horrio de restrio.

    Confira abaixo as datas e horrios em que est proibida em Minas Gerais a circulao dos veculos de grande porte vlida tanto para as vias estaduais como as federais que cortam o estado.

    Dia 24/12/2014, quarta-feira, das 6h s 12h.
    Dia 25/12/2014, quinta-feira, das 16h s 24h.
    Dia 01/01/2015, quinta-feira, das 16h s 24h.
    Dia 04/01/2015, domingo, das 16h s 24h.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Dezembro 21, 2014

    Aos meus amigos e amigas!!! Feliz 2015 !!!

    CONTRATO
    DE
    RENOVACAO

    Venho por meio dessa mensagem
    lhe informar
    que nosso CONTRATO de amizade
    foi renovado para 2015.

    Ou seja, nada de me abandonar VIU!!!

    Nos momentos bons ou ruins
    eu sempre estarei ao teu lado,
    nossa amizade vai ser pra toda a vida
    ja fiz a minha parte, agora e a sua,
    manda esse contrato para aqueles
    que vc nao quer perder em 2015...


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Dezembro 21, 2014

    Protegendo nosso QUEIJOS, uai !!!

    Minas Gerais
    adota selo de Origem Protegida para queijos

    Produo de queijo na Serra da Canastra ganha selo de origem protegida como reconhecimento da tipicidade do produto. O objetivo agregar valor aos produtos tpicos e garantir a procedncia.

    Na Itlia essa denominao j existente e auxilia consumidores na compra de produtos verdadeiros garantindo a sua tipicidade. A j conhecida Denominao de Origem Protegida (DOP) indicao geogrfica definida na legislao da Unio Europeia (UE) para proteger nomes dos produtos regionais.

    A Lei vem sendo expandida para outros pases da UE e no-UE devido aos acordos bilaterais, certifica que apenas os produtos genuinamente originados em determinada regio podem ser por eles comercializados e assim denominados.

    Essa Lei protege os nomes de vinhos,
    queijos, presuntos, embutidos, azeites,
    cervejas, pes regionais, frutas e vegetais.

    O novo selo implantado em Minas Gerais, refora a funo da identificao geogrfica concedida pelo Instituto Nacional de Propriedade Industrial (Inpi) aos produtores da regio, alm de dificultar a venda de outros tipos da iguaria com as mesmas especificidades, como se fossem produzidos na Serra da Canastra. A ao a primeira de uma srie de propostas em parceria com o Sebrae-MG para difundir e garantir a histria por trs do queijo.

    O queijo produzido na regio ser comercializado com trs identificaes: o selo da vigilncia sanitria, outro de identificao geogrfica e a nova logomarca criada pelos produtores. O primeiro atesta as condies produtivas; o outro garante que o queijo foi feito seguindo as regras certificadas pelo Inpi e o ltimo confirma o local da produo.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Dezembro 21, 2014

    Coloque na sua agenda, joalheiros!!!


    VicenzaOro Winter
    Maior mostra de tendncias do setor de joias
    no mundo - 23 a 28 de Janeiro de 2015, Vicenza

    Sendo o primeiro evento do calendrio internacional, a feira VicenzaOro a maior mostra do mundo do setor de joias, que visa divulgar as novas colees bem como, visualizar suas tendncias. Alm disso, ter a vitrine mais importante de mquinas com as mais novas tecnologias para a indstria de ouro e joias.

    A mostra considerada uma oficina de ideias para os fabricantes de joias no quesito design. Com o seu programa recheado de encontros, seminrios e conferncias, Vicenzaoro Winter conta com a participao de muitos empresrios internacionais renomados, bem como visitantes e compradores de todo o mundo.

    Benefcios concedidos pela Cmara Italiana aos empresrios do setor: 4 dirias em hotel 4 estrelas com caf da manh (hotel a definir) Check-in no dia 22/01 e check-out no dia 26/01; traslado aeroporto / hotel / aeroporto (apenas aeroporto Marco Polo - Veneza); traslado hotel / feira / hotel; alm de acompanhamento exclusivo da Cmara Italiana e os ingressos e materiais para a feira.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Dezembro 21, 2014

    De olho na inovao no turismo

    Gramadozoo
    bi no Prmio Inovao do Turismo

    O Gramadozoo conquistou pelo segundo ano consecutivo o Prmio Inovao do Turismo RS. O programa Zoo Noturno foi o grande vencedor da subcategoria Ecoturismo. No total, a Secretaria Estadual do Turismo reconheceu 22 prticas inovadoras em turismo. A solenidade de entrega de premiaes ocorreu na noite de quinta-feira, 18, no Auditrio Imperatriz do Espao de Eventos do Plaza So Rafael, em Porto Alegre. Os diretores do zoo, Marcos Gomes e Evelise Silveira, e a biloga Tatiane Nunes receberam a distino.

    Com o projeto Zoo Noturno, a fauna brasileira como voc nunca viu, o Gramadozoo chega ao segundo ttulo no concurso promovido pelo Governo do Estado. O projeto de educao ambiental do zoo foi vencedor em 2013 na subcategoria Turismo Pedaggico. Para a diretora do Gramadozoo, Evelise Silveira, o reconhecimento para dois projetos diferentes evidencia a preocupao do parque em oferecer produtos inovadores na rea ecolgica. Evelise lembra a distino do site de viajantes TripAdvisor, que colocou o zoo entre os dez melhores do mundo e no topo da lista da Amrica do Sul.

    Com o TripAdvisor, tivemos o reconhecimento pela opinio do pblico e, agora, fomos avaliados por especialistas na rea de turismo. Ficamos muito satisfeitos com o resultado. Ns compartilhamos o prmio com toda a equipe do zoo e com a comunidade de Gramado, afirma.
    Alm de melhor prtica em ecoturismo, o Gramadozoo foi finalista na subcategoria Parque Temtico. O Parque Gacho, dos mesmos empreendedores, tambm foi finalista nas subcategorias Parque Temtico e Turismo Histrico e Cultural, com o projeto 1 Festival de Cultura e Gastronomia Gacha.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Dezembro 20, 2014

    Notcias de Montes Claros - enviadas por Fabiano Fagundes

    NOVA INDSTRIA
    Atravs de entendimento com a prefeitura de Montes Claros, a empresa espanhola Assolar Energy j escolheu o terreno no Distrito Industrial onde pretende implantar uma de suas unidades. A empresa figura entre uma das maiores fabricantes de placas fotovoltaicas do planeta e tem a inteno de iniciar a construo ainda no primeiro semestre de 2015. Vale lembrar que o CNPJ da nova empresa j foi feito. POSSE

    NO SINDICATO
    O agropecuarista Ricardo Quadros Laughton ser reconduzido, nesta segunda-feira (22), s 20h30, ao cargo de presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Montes Claros. A solenidade de posse da nova diretoria da entidade acontece no Clube da Sociedade Rural de Montes Claros. Alm de Ricardo sero empossados Jos Avelino Neto (vice-presidente), Luciano Dias Cardoso (Secretrio) e Francisco Peres Corra (Tesoureiro).


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Dezembro 20, 2014

    From PARIS!!!

    O presidente da Uniapac Latino americana,
    o brasileiro Srgio Cavalieri, participou de evento internacional da entidade
    em Paris

    Encontro teve a participao de importantes empresrios e executivos
    de nove pases que discutiram sobre tica
    no sistema financeiro e trabalho digno

    No dia 05 de dezembro deste ano, o presidente da UNIAPAC latino-americana, Srgio Cavalieri, reuniu com cerca de 20 empresrios e lderes de entidades de nove pases para discutir problemas mundiais como tica no sistema financeiro e trabalho decente.

    Destaque para as presenas de Michel Camdessus ex-presidente do Fundo Monetrio Internacional (FMI); Brian Griffiths que foi assessor para assuntos econmicos da Primeira Ministra Margareth Tatcher e atualmente presidente do Conselho do Banco Goldman Sachs para Europa, Oriente Mdio e frica; Jos Maria Simone, argentino, presidente da Uniapac Internacional e empresrio do setor de agronegcio e desenvolvimento imobilirio; Domingo Sugranyes, espanhol e Presidente do Conselho da Fundao Centsimo Ano e ex-presidente da Uniapac Internacional, Stefano Zamagni, italiano e diretor do Departamento de Economia da Universidade de Bologna e membro do Conselho Pontifcio de Justia e Paz do Vaticano; Stephan Werhahn vice presidente da Uniapac Europa, advogado e empresrio alemo, filiado ao partido CDU fundado pelo seu av Konrad Adenauer, Githa Roelans da Blgica e chefe do escritrio de relaes com grandes empresas da OIT - Organizao Internacional do Trabalho, Pierre de Lauzun Diretor Geral da Federao Francesa de Bancos e Pierre Lecocq ex-presidente da Uniapac Internacional e CEO da Inergy Systems, a maior fabricante de tanques de combustvel e sistema para abastecimento de veculos do mundo com 26 fabricas.

    A Uniapac Internacional realiza anualmente quatro eventos como este, em diferentes pases que tm como objetivo debater temas atuais para gerar conhecimento e reflexes. Encontros tm durao curta, mas as discusses so profundas, pois renem profissionais de alto nvel. Explica Cavalieri. uma verdadeira avalanche de ideias que permitem a Uniapac se posicionar e propor caminhos para associados e responsveis pelas polticas pblicas, buscando o benefcio e o bem comum da sociedade, concluiu.

    Congresso Mundial da Uniapac em 2015
    ser em Belo Horizonte

    A Uniapac Internacional, da qual Srgio Cavalieri um dos vice-presidentes, j tem vrias atividades programadas para 2015. Em abril a reunio ser em Cabo Verde na frica, em junho em Milo na Itlia e em outubro, o grande evento do ano, o Congresso Mundial da Uniapac, que ser realizado em Belo Horizonte, sendo esperados cerca de 1.200 participantes do Brasil e do mundo.

    "Recentemente acertamos com a FIEMG a realizao conjunta do Congresso Mundial da Uniapac e do Seminrio Internacional de Responsabilidade Social e Sustentabilidade da FIEMG. Eventos acontecem entre os dias 30 de setembro e 02 de outubro, no Palcio das Artes. Ser o maior e mais importante evento do ano sobre responsabilidade social empresarial e sustentabilidade, revela Cavalieri.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Dezembro 18, 2014

    Politicas Urbanas em foco


    A Associao dos Municpios da rea Mineira da Sudene - AMAMS em parceria com o Ministrio pblico, atravs das suas promotorias de Justia de Habitao e Urbanismo e de Meio Ambiente das Bacias dos Rios Verde Grande e Pardo e a Secretaria de Desenvolvimento Regional e Poltica Urbana do Estado de Minas Gerais - SEDRU, promoveu nesta quinta-feira 18/12, s 10 horas, no auditrio Deputado Acio Cunha prdio anexo a entidade, a reunio sobre Polticas Urbanas e os Municpios do Norte de Minas.

    A reunio teve como objetivo avaliar o andamento do cumprimento dos Termos de Ajustamento de Conduta - TACS, firmados entre os municpios e o Ministrio Pblico, por intermdio do Programa de Gesto Ambiental, que tem como finalidade planejar, implementar, desenvolver e aperfeioar a gesto ambiental apoiada em aes transversais de sustentabilidade social, educacional e jurdica.

    A subsecretria de Desenvolvimento Regional, Beatriz Morais, apresentou o Plano Regional Estratgico em torno de Grandes Projetos Minerrios no Norte de Minas, que na oportunidade foi entregue ao Prefeito de So Francisco e vice-presidente da AMAMS, Luiz Rocha Neto.

    As graves alteraes climticas, as crises no fornecimento de gua devido a falta de chuva, como vivemos este ano em nossos municpios e a destruio dos mananciais, nos fazem discutir e procurar sugestes que possam trazer a soluo definitiva ou, pelo menos, encontrar um ponto de equilbrio que desacelere a destruio que experimentamos. Polticas como as que vem sendo desenvolvidas pela AMAMS que visam a conservao do meio ambiente e a sustentabilidade de projetos econmicos de qualquer natureza, so muito importantes para os nossos municpios, comentou o prefeito Luiz Rocha Neto.

    O secretrio executivo da entidade, Luiz Lbo, falou sobre o avano da parceria com o Ministrio Pbico, que tem surtido efeitos positivos, temos trabalhado de uma forma preventiva em relao a orientao aos municpios, para que eles possam conduzir a melhoria da gesto municipal, os nossos departamentos tcnicos sempre estiveram a disposio da promotoria de meio ambiente, a pedido dos prefeitos, avanamos na nossa parceria, com a promotoria de defesa do patrimnio pblico, que tem estado mais prximo aos prefeitos e somado na parceria com os municpios, concluiu.

    Tambm estiveram presentes o promotor de justia Dr. Daniel Ornelas, coordenador das Promotorias de Justia de Meio Ambiente das Bacias dos Rios Verde Grande e Pardo, Pedro Schultz, da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Regional, Poltica Urbana e Gesto Metropolitana, Isabela Veloso Siqueira Coordenadora do Programa de Gesto Ambiental, os Analistas do Programa, Eliane Borges e Elder Barbosa, Prefeitos e diversos representantes de municpios.

    ENTENDA O PGA

    Foi criado pelo Ministrio do Meio Ambiente o Programa Agenda Ambiental na Administrao Pblica AP, com o objetivo de fomentar a prtica da gesto ambiental na Administrao Pblica. No entanto, essa proposta de mudana de cultura organizacional precisa ser assumida por cada instituio que se compromete em implementar as propostas sugeridas pela A3P, adequando-as realidade vivenciada pela instituio. O princpio do PENSAR GLOGAL, AGIR LOCAL fundamental para que a gesto ambiental seja bem sucedida.

    Zelar pela observncia dos princpios constitucionais relativos ao meio ambiente uma das funes precpuas do Ministrio Pblico. A intensa atuao da instituio na rea, com o incremento de aes e atividades desenvolvidas na defesa das questes socioambientais, tem lhe conferido grande reconhecimento diante da sociedade. O reconhecimento pblico acentua ainda mais a necessidade de uma atuao interna correspondente, exigindo a devida coerncia entre aes administrativas e institucionais.



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Dezembro 18, 2014

    Hoje noite na Amagis homengem a dois mineiros ilustres: Antonio Augusto Trindade Canado (ministro da Corte Internacional de Haia na Holand ) e Carmen Lcia Antunes(ministra do STF).

    A solenidade de outorga da Medalha Guido de Andrade deste ano ser realizada no dia 18 de dezembro. Sero homenageados com a maior honraria da Amagis o jurista, professor e integrante da Corte Internacional de Justia, Antnio Augusto Canado Trindade, e a ministra do Supremo Tribunal Federal, Crmen Lcia Antunes Rocha. A cerimnia acontecer na Amagis, s 19h30.

    O jurista Antnio Augusto Canado Trindade natural de Belo Horizonte (MG) e PhD em Direito Internacional, ex-presidente da Corte Interamericana de Direitos Humanos, de 1999 a 2004, alm de ser autor de 42 livros. Em novembro de 2008, foi eleito, pelas Naes Unidas, juiz da Corte Internacional de Justia.

    Canado Trindade proferiu palestra na Amagis,
    sobre os Direitos Humanos no Plano Internacional,
    no dia 25 de julho de 2014.

    A ministra Crmen Lcia Antunes Rocha natural de Montes Claros (MG) e graduou-se em Direito pela Faculdade Mineira de Direito, em 1977. J exerceu a advocacia e foi procuradora do Estado de Minas Gerais. ministra do Supremo Tribunal Federal (STF), desde 2006, e foi presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), de 2012 a 2013.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Dezembro 17, 2014

    Campeo on line!!!


    Freelancer.com
    divulga lista dos dez trabalhos online
    mais requisitados em 2014

    O freelancer.com, maior portal do mundo de interao entre empregadores e autnomos, fez um levantamento com os 10 trabalhos mais requisitados este ano, de acordo com os 300 mil cadastros registrados no site.

    Em 2014, a rea de mdia social continou apresentando crescimento expressivo, o que tambm implicou em uma demanda maior de profissionais que trabalham com design visual e gerenciamento de contedo.

    Na ordem de maior nmero de trabalhos, destacam-se:

    1. Pinterest

    2. Google+

    3. Twitter

    4. Facebook

    5. Fotografia

    6. Edio de fotos

    7. Illustrator

    8. Renderizao 3D

    9. 3D Design

    10. Edio de livros

    O Pinterest foi o grande destaque do ano, com a publicao de seus primeiros pins patrocinados. Na segunda posio, os trabalhos relacionados ao Google+ tambm apresentaram um considervel aumento, de 532%, saindo de 269 para 1.699 trabalhos no ltimo trimestre. J o Google AdWords teve um aumento de 22% (1.238 propostas de trabalho), crescimento este relacionado com o lanamento do Playbook.

    reas relacionadas com trabalhos de Fotografia, como Design em Photoshop e Illustrator, Contedo 3D e 3D tambm foram boas fontes de renda para os freelancers este ano. J os trabalhos como Edio de Livros excederam os 30%, o eBooks 21% e 15% Blogging, o que indica que as pessoas esto mais preocupadas em gerar novos contedos e no apenas em republicar textos.

    Sobre o Freelancer.com

    Fundado em 2009 e quatro vezes vencedor do WebbyAwards, o principal prmio internacional de excelncia na Internet, o Freelancer.com a maior plataforma de outsourcing e crowdsourcing do mundo, e conecta mais de 13 milhes de profissionais independentes em todo o mundo, especializados em diversas reas como: TI, internet, marketing, comunicao, engenharia, cincias, entre outras. O portal j foi responsvel por mais de 6 milhes de projetos, movimentando cerca de US$ 1,5 bilhes. O Freelancer.com ideal para pequenas empresas que buscam atender demandas de trabalhos sem ter que contratar em perodo integral. Para mais informaes


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Dezembro 17, 2014

    Competitivo!!!

    Minas Gerais
    ter etanol hidratado
    mais competitivo na bomba

    A Associao das Indstrias Sucroenergticas de Minas Gerais (SIAMIG) informa que foi aprovado ontem noite na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) o PL 5494/14, que reduz o ICMS do etanol hidratado de 19% para 14% e da gasolina de 27% para 29%, por 56 votos a favor e 03 contra. A partir de agora, a mensagem de aprovao do PL tem que ser enviada ao Executivo para sano e entrar em vigor aps 90 dias.

    O setor sucroenergtico luta h anos pela diminuio da alquota de ICMS do etanol hidratado no estado, a fim de ganhar competitividade frente gasolina e ampliar as vendas do produto, atualmente em apenas 750 milhes de litros/ano. Hoje, no estado, para cada 100 litros de gasolina so comercializados apenas 15 litros de etanol hidratado, enquanto em So Paulo a proporo de 60 litros de etanol para cada 100 de gasolina. Com a medida a expectativa de dobrar as vendas no estado e chegar ao consumo de 1,5 bilho de litros/ano, a atual produo de etanol hidratado.

    Ganha tambm o consumidor que poder contar com o combustvel limpo e renovvel mais em conta para o bolso na bomba, com a estimativa de uma reduo de R$ 0,12 a R$ 0,15 no preo, o que dar uma relao com a gasolina em torno de 66%. Devido falta de competitividade do etanol desde 2009, muitos motoristas em Minas ainda no usaram o combustvel renovvel e agora podero faz-lo, afirma o presidente da SIAMIG, Mrio Campos.

    A reduo do ICMS do etanol hidratado e aumento da gasolina faz com que Minas Gerais tenha tambm a maior diferena do pas de 15 pontos percentuais entre as alquotas dos dois combustveis, dando o exemplo para que os outros estados possam tambm ampliar ainda mais essa diferena. A medida de suma importncia tambm porque Minas Gerais, entre os grandes produtores do pas, era o nico estado, no momento, sem paridade frente ao combustvel fssil, apesar de ter a segunda maior frota de veculos do pas.

    Mrio Campos diz que a aprovao do PL uma ao de Poltica de Desenvolvimento Regional, diante da manuteno das usinas, com a continuidade da gerao de empregos, renda e impostos, e possibilidade de aumento da produo e novos investimentos no interior do estado. Alm da Poltica Ambiental, ao incentivar a produo e consumo do combustvel limpo e renovvel, o etanol hidratado.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Dezembro 17, 2014

    Em Arax!!!

    ENTREGA DA MEDALHA CALMON BARRETO

    O Governo do Estado de Minas Gerais promoveu a solenidade de outorga da Medalha Calmon Barreto, realizada na noite desta segunda-feira (15), no Tau Grande Hotel. O governo foi representado pela secretria de Estado de Cultura, Eliane Parreiras. O evento que tambm teve mesa, entre outras autoridades: a Secretria de Turismo, Regia Cortes, o prefeito, Aracely de Paula e a vice-prefeita do Municpio, Lidia Jordo, contou com um impecvel cerimonial e apresentaes culturais musicais representativas da regio.

    Essa a 15 edio da Medalha, que homenageia, personalidades por suas atuaes pelo desenvolvimento das atividades culturais e tursticas de Minas Gerais, contribuindo para o fortalecimento desses segmentos no Estado. Uma das 10 agraciadas, a juiza Diva Dorothy Safe de Andrade Carneiro, revelou mais uma vez seu valor em prol da cultura, Caminhante da Estrada Real e escritora, Dorothy autora de quatro livros sobre a Estrada Real. Um deles com edio bilngue. Todos ressaltam peculiaridades e riquezas naturais e culturais do caminho que candididato Paisagem Cultural da Humanidade.



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Dezembro 17, 2014

    TURISMO. Reconhecimento!!!

    BELO HORIZONTE
    PREMIADA PELO MINISTRIO DO TURISMO

    Belo Horizonte recebeu, na manh desta tera-feira (16/12), prmio do Ministrio do Turismo como cidade que registou a maior evoluo no quesito Atrativos Tursticos no ndice de Competitividade do Turismo Nacional 2014, passando de 67 pontos, em 2013, para 74,2 em 2014. A premiao foi realizada durante a apresentao dos resultados do estudo, que tambm colocou a capital mineira entre as trs cidades com o melhor nvel de desenvolvimento turstico (78,5 pontos), ficando atrs apenas de So Paulo (82,5 pontos) e Porto Alegre (80 pontos). O evento contou com a participao do Ministro do Turismo, Vincius Lages, e do presidente do Sebrae Nacional, Luiz Barretto.

    O presidente da Belotur, Mauro Werkema, lembrou dos investimentos que Belo Horizonte recebeu que a consolidaram como um destino turstico. Nos ltimos anos, a capital mineira est em crescente evoluo. Exemplo disso a ampliao do Aeroporto Internacional Tancredo Neves, passando sua capacidade de recepo de 10 para 16 milhes de passageiros; a nova rede de museus, como o exemplo do Circuito Praa da Liberdade; os 34 novos meios de hospedagem que renovaram o parque hoteleiro da cidade; a gastronomia que vm sendo, cada vez mais, reconhecida nacional e internacionalmente, alm da recente candidatura da Pampulha Patrimnio Cultural da Humanidade e outros investimento em mobilidade urbana e em outras reas, disse.

    Werkema tambm salientou que, somente em 2014, foram investidos R$ 1,3 milho, recurso proveniente do Ministrio do Turismo, no reforo da sinalizao turstica indicativa e interpretativa com 253 placas nos principais corredores virios da cidade e na Pampulha. Alm disso, Belo Horizonte conta com seis Centros de Atendimento ao Turista, sendo dois novos localizados em pontos estratgicos: o Aeroporto Internacional Tancredo Neves e a Rodoviria.

    O ndice de Competitividade Realizado pelo Ministrio do Turismo, em parceria com o Sebrae Nacional e Fundao Getlio Vargas, desde 2008, o ndice de Competitividade aplicado nos 65 destinos indutores do Brasil com o objetivo de auxili-los com informaes que contribuam para anlise e evoluo da atividade turstica. O estudo avalia a evoluo dos destinos em 13 aspectos que compem a atividade turstica: infraestrutura geral, acesso, servios e equipamentos tursticos, atrativos, marketing e a promoo do turismo, polticas pblicas, cooperao regional, capacidade empresarial, monitoramento, economia local, aspectos sociais, ambientais e culturais.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Dezembro 17, 2014

    Almoo na Fiemg nwata quarta

    Ser hoje, meio dia,
    o tradicional almoo
    do presidente da Fiemg, Olavo Machado,
    com os jornalistas mineiros.
    Convidado que fui comparecerei.
    Agradeo o presidente
    e o assessor de imprensa Antonio Trajano,
    o convite.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Dezembro 17, 2014

    Brush com a imprensa!!!

    Balano da Construo e brunch
    com a imprensa

    Voc, jornalista, que nos acompanhou durante todo o ano, pedimos uma especial ateno: venha tomar um caf conosco no prximo dia 18 dezembro, quinta-feira, na sede do Sindicato da Indstria da Construo Civil no Estado de Minas Gerais (Sinduscon-MG), quando ser divulgado o balano anual do setor, intitulado Construo Civil (Brasil e Minas Gerais) e Mercado Imobilirio de Belo Horizonte: Desempenho em 2014 e perspectivas.

    Na ocasio, empresrios e especialistas estaro disponveis para comentar o desempenho de 2014 e analisar as tendncias e perspectivas para o mercado de Construo em 2015.

    O balano elaborado pela Assessoria Econmica do Sinduscon-MG traa o cenrio do setor da Construo Civil mineira e nacional. O material apresenta indicadores de nvel de emprego, custos de construo e financiamentos imobilirios, inclusive com dados atualizados do Programa Minha Casa, Minha Vida e custos da construo. Traz tambm as perspectivas do setor.

    Presenas:
    Luiz Fernando Pires presidente do Sinduscon-MG
    Andr de Souza Lima Campos 1 vice-presidente do Sinduscon-MG
    Lucas Guerra Martins vice presidente da rea Imobiliria do Sinduscon-MG
    Daniel talo Richard Furletti economista, coordenador sindical do Sinduscon-MG
    Ieda Maria Pereira Vasconcelos economista, assessora econmica do Sinduscon-MG

    Data: 18/12/14 (quinta-feira)
    Horrio: 11h horas
    Local: Auditrio do Sinduscon-MG, rua Marlia de Dirceu, 226 - 4 andar Lourdes/BH


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Dezembro 16, 2014

    De


    Empresrios de Caratinga (MG)
    visitam hotis da rede Bristol em Vitria (ES)

    Incorporadores do Bristol Caratinga Hotel,
    em construo na cidade mineira,
    pretendem implantar
    segundo empreendimento na regio

    Jlio Csar Alves Adair do Nascimento e Sylvio Arajo Jr visitam obras da Bristol em Vitria.jpg

    Da esquerda para a direita, sem capacete: Jlio Csar Alves, Adair do Nascimento e Sylvio Arajo Jr


    Os empresrios Jlio Csar Alves, Adair do Nascimento e Sylvio Arajo Jnior (foto), incorporadores do Bristol Caratinga Hotel, em construo na cidade mineira do Vale do Rio Doce (MG), estiveram em Vitria no ltimo dia 28 de novembro visitando as obras do Bristol Easy Reta de Penha, empreendimento j pronto e em fase final de montagem para inaugurao na capital capixaba, alm de vrios outros hotis do grupo Allia Hotels no Esprito Santo.

    O objetivo da visita, segundo o diretor de Desenvolvimento da Allia Hotels, Marcello Medeiros, que acompanhou os empresrios , foi o de apresentar-lhes os oito hotis da Bristol em operao em Vitria e os dois da Bandeira Easy em construo, com vistas aos seus planos de construir um segundo hotel em Caratinga, desta vez da bandeira Bristol Easy, com apartamentos supereconmicos voltados para o pblico corporativo. O primeiro hotel da rede na cidade mineira, em construo pelo mesmo grupo empresarial, ficar pronto em julho de 2017.

    A rede Bristol/Allia Hotels ter 34 hotis da bandeira Easy em seu portflio at 2017, dos quais o primeiro a ser inaugurado ser o Bristol Easy Reta da Penha, em Vitria, previsto para maro do prximo ano. Segundo Medeiros, a ordem de grandeza do investimento para um empreendimento desta categoria de aproximadamente R$ 16 milhes, incluindo terreno, construo e montagem.

    Minas Gerais
    A Allia Hotels, rede formada pelas bandeiras Bristol e Plaza Inn, acaba de inaugurar mais dois empreendimentos em Minas Gerais: O Bristol Lagoa Santa, na cidade homnima localizada na Regio Metropolitana de Belo Horizonte, e o Allia Gran Hotel - Pampulha Sutes, no bairro Liberdade, na capital mineira. Com essas inauguraes, a rede chega a 10 hotis no Estado e 36 no pas.

    At maro do prximo ano, esto previstos mais dois novos hotis Bristol em Minas Gerais: o Bristol Ipatinga Hotel, em Ipatinga, no Vale do Ao mineiro, e o Bristol Itabira, em Itabira, terra do maior poeta brasileiro, Carlos Drummond de Andrade e, ainda, a mudana de bandeira de empreendimento em Governador Valadares, que se chamar Bristol Real Minas Hotel.

    Sobre a Allia Hotels
    A Allia Hotels nasceu em 2010, com capital 100% nacional, fruto da parceria entre as redes Bristol e Plaza Inn. Atualmente conta com 36 hotis operando em 12 cidades brasileiras, com 2,3 mil apartamentos, em empreendimentos espalhados pelos estados de Minas Gerais, So Paulo, Esprito Santo, Maranho, Gois e Distrito Federal. At final de 2017, o portflio da Allia deve saltar para mais de 104 empreendimentos em operao, atuando tambm em cerca de 58 destinos Brasil afora, com investimentos previstos da ordem de R$ 1,35 bilho. Com isso, a rede que j figura entre as 10 maiores do Brasil ser convertida na maior do pas de capital nacional.


    Informaes para a imprensa:
    Multitexto Comunicao Empresarial
    Jornalista responsvel: Schubert Arajo


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Dezembro 16, 2014

    Capivaras da Lagoa da Pampulha - soluo ecologicamente correta!!!

    Nota Imprensa

    Aps reunio realizada na Promotoria de Justia de Defesa do Meio Ambiente, Patrimnio Histrico e Cultural, na segunda-feira, dia 15 de dezembro de 2014, a promotora de Justia de Defesa do Meio Ambiente, Patrimnio Histrico e Cultural, Llian Marotta Moreira.

    O promotor de Justia de Defesa da Sade, Nlio Costa Dutra Junior; o vice-prefeito de Belo Horizonte e secretrio municipal de Meio Ambiente, Dlio Malheiros; o professor da Universidade Federal de Viosa, Tarcizio Antonio Rego de Paula.

    As representantes da Secretaria de Estado da Sade, Marcela Lencine Ferraz e Mariana Gontijo; os representantes da Secretaria Municipal de Sade, Eduardo Viana Vieira Gusmo, Maria Tereza da Costa Oliveira e Silvana Brando.

    Os representantes do Ibama, Daniel Ambrozio da Rocha Vilela e Jnio Augusto dos Santos Silva; alm de representantes da Fundao Zoo-Botnica de Belo Horizonte, da Procuradoria Geral do Municpio, da ONG Bichos Gerais, do Movimento Mineiro de Proteo aos Animais e da empresa contratada para o manejo das capivaras na Pampulha, esclarecem populao:

    - que a soluo tcnica apresentada por especialistas presentes nesta reunio recomenda o controle da infestao do carrapato-estrela na orla da Lagoa da Pampulha por meio da reduo paulatina do nmero de capivaras, com controle populacional;

    - que as capivaras capturadas sero submetidas ao procedimento de vasectomia para os indivduos machos, e laqueadura para os indivduos fmeas;

    - que ser avaliada tecnicamente a possibilidade de aplicao de carrapaticida nos animais, mediante autorizao prvia do Ibama, como forma de controle e monitoramento desse vetor da febre maculosa;

    - que ser implementado um plano estratgico de controle e monitoramento dos demais hospedeiros do vetor da febre maculosa;

    - que ser criado um comit interdisciplinar, envolvendo setores do poder pblico e da sociedade civil;

    - que os setores pblicos envolvidos, com a participao da sociedade civil, continuaro a se reunir na busca de solues que garantam a proteo da sade pblica, do patrimnio cultural e do bem estar do animal;

    - que as providncias para controle populacional das capivaras a serem adotadas pela Prefeitura de Belo Horizonte sero objeto de discusso com outros especialistas, ouvido o Ministrio Pblico e o Ibama.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Dezembro 15, 2014

    Novidade!!!


    66,8% dos profissionais brasileiros
    valorizam mais o plano de carreira
    na hora da oferta de emprego

    A perspectiva de crescimento dentro de uma empresa o fator que mais motiva um profissional brasileiro na hora de aceitar uma oferta de emprego, segundo a nova Pesquisa dos Profissionais Brasileiros da Catho, que traa um panorama sobre a contratao, demisso e carreira dos profissionais. Esses nmeros so referentes aos profissionais que j esto empregados. No caso dos desempregados, o fator de maior motivao o mesmo, porm, o nmero cai para 62,3%.

    Salrio atrativo o segundo item de maior valor para os empregados, enquanto que para os desempregados a possibilidade de fazer o que gosta. A possibilidade de melhorar a qualidade de vida o terceiro fator de maior relevncia para ambos.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Dezembro 15, 2014

    Livro da Raposa, Helio Garcia. Concluida a biografia vou trabalhar para tranform-ls num video.


    Hlio Garcia est sendo biografado pelos jornalistas Marcio Fagundes e Itamar Oliveira. A dupla pretende ouvir 100 depoimentos para registrar a trajetria do ex-governador famosa pela argcia poltica.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Dezembro 15, 2014

    PATRIMNIO DA HUMANIDADE Frana se mobiliza para defender sua gastronomia Trata-se de um objetivo muito importante para a Frana, primeiro destino turstico mundial com 84 milhes de turistas estrangeiros em 2013, onde a gastronomia um dos principais atrativos para os visitantes

    AFP
    A diplomacia francesa ps o avental e touca de cozinheiro para defender a lendria gastronomia do pas no mundo frente a uma concorrncia estrangeira cada vez mais forte.

    Encarregado pelo setor turstico desde a ltima mudana governamental, o Ministrio de Relaes Exteriores multiplica as iniciativas, entre elas fornecer sua sede para a apresentao do clebre guia gastronmico Michelini no prximo fevereiro e organizar jantares especiais nas embaixadas francesas.

    Trata-se de um objetivo muito importante para a Frana, primeiro destino turstico mundial com 84 milhes de turistas estrangeiros em 2013, onde a gastronomia um dos principais atrativos para os visitantes.

    " preciso dar brilho s grandes mesas", explica o embaixador Philippe Faure AFP.

    "Tambm necessrio melhorar todos os bistrs e pequenos restaurantes, que frequentemente no so bons, mas muito caros", acrescenta o presidente delegado do conselho de promoo do turismo, instalado pelo ministro francs de Relaes Exteriores, Laurent Fabius.

    No dia 19 de maro, o Ministrio deu incio a uma grande operao mundial para provar a vitalidade e a diversidade da gastronomia francesa, que figura o patrimnio da humanidade da UNESCO desde 2010.

    Foi pedido auxlio a um dos chefes mais reconhecidos da Frana, Alain Ducasse, para organizar uma operao similar a dos "Jantares do Epicreo", realizada pelo chefe lendrio Auguste Escoffier, "o cozinheiro dos reis e o rei da cozinha", ao final do sculo XIX.

    Milhares de chefes de diferentes nacionalidades dos cinco continentes, previamente selecionados, iro propor no mesmo dia um "men a la francesa": aperitivo com champagne ou conhaque, entrada fria, entrada quente, peixe ou crustceos, carne de vaca ou ave, queijos franceses, sobremesa de chocolate e vinhos franceses.

    A operao "Got de France/Good France" no se limitar alta gastronomia, contou Alain Ducasse AFP.

    Os menus devem privilegiar as verduras e produtos da estao, evitar o excesso de gordura, acar e sal, detalha Ducasse, dono de trs restaurantes em Paris, Mnaco e Londres, todos eles "trs estrelas" no Guia Michelin.

    A notoriedade da cozinha francesa se v ameaada pela emergncia de outros pases, como Espanha, Escandinvia, Peru, e a influncia de guias como "50 melhores restaurantes" da revista britnica "Restaurant", muito criticada na Frana por incluir apenas cinco restaurantes seus na lista.

    "Os anglo-saxes querem nos destronar. Dizem que a Frana j no to boa", afirmou Philippe Faure, que foi embaixador do Mxico, Japo e Marrocos, alm de presidir durante anos o guia Gault&Millau.

    "No estamos dizendo que a Frana seja o nico lugar onde acontecem coisas boas, mas tambm no estamos em vias de extino", disse Faure, que afirma que nos ltimos anos muitos pases investiram pesadamente na promoo de suas gastronomias.

    Esse foi o motivo pelo qual a Frana lana seu ambicioso plano de defesa e difuso da sua cozinha, o qual os setores pblico e privado oferecem apoio financeiro.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Dezembro 14, 2014

    Notcia boa, tambm d audincia, s!!!

    CPSULAS DE CAF:
    NESTL CONFIRMA FBRICA
    DE R$ 186 MILHES em Montes Claros

    A multinacional sua Nestl vai lanar, na prxima quinta-feira (18/12), entre as 15 e 16 horas, a pedra fundamental de sua primeira fbrica de cpsulas de caf fora da Europa. A unidade ser em Montes Claros e demandar investimentos de R$ 186 milhes, segundo documento enviado pela empresa ao governo mineiro. A nova instalao vai abastecer os mercados interno e externo a partir do segundo semestre de 2015, com cerca de 360 milhes de cpsulas ao ano, conforme a solicitao de licena ambiental. Em e-mail enviado Imprensa, a empresa confirma que o lanamento do empreendimento contar com a presena do presidente global da Nestl, Paul Bulcke, do presidente da empresa no Brasil, Juan Carlos Marroqun, e do vice-presidente para as Amricas, Laurent Freixe.

    Em fevereiro, o jornal Valor Econmico informou que o Brasil era candidato a ter uma fbrica de cpsulas da Nestl da marca Nescaf Dolce Gusto, mais popular que a Nespresso. A multinacional no confirmou que marca ser produzida na nova unidade. A brasileira 3coraes tambm ter uma fbrica de cpsulas em Montes Claros, com investimento inicial de R$ 45 milhes e previso de aplicar outros R$ 45 milhes, caso a demanda continue em alta.

    Os projetos das duas fabricantes somam R$ 276 milhes. A 3coraes informa que a fbrica comea a ser construda no primeiro trimestre de 2015 e vai produzir cpsulas de diversas bebidas. Atualmente, os produtos so encapsulados na Itlia.

    A fbrica da Nestl ser em propriedade anexa unidade da companhia que produz o leite condensado Moa. O documento do governo mineiro diz que sero empregadas 120 pessoas. Segundo fontes do setor, a Nestl vem negociando, h meses, uma autorizao do governo brasileiro para importar caf verde de outros pases, para compor seus blends nas cpsulas.

    No h proibio de importao da matria- prima, mas exigido um certificado de anlise de risco de pragas do Ministrio da Agricultura. O assunto ainda est sendo discutido dentro do governo e se houver alguma deciso, ser deliberada pela Cmara de Comrcio Exterior (Camex), informou o ministrio.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Dezembro 13, 2014

    NOVO GOVERNO DE MINAS. De gro em gro vamos divulgando os nomes dos futuros secretrios do governador eleito Fernando Pimentel.

    Na llistagem deste sbado veja os mais cotados.
    Uns so certos. Outros dependem de novas conversas com os partidos de base de Pimentel.

    O PERIGO para muitos pretendentes forar demais a indicao e a corda arrebentar.

    ALERTA:
    Lembro a estria contada sobre um pretendente a um cargo no governo Tancredo:
    - Dr. Tancreo, esto dizendo que eu vou ser secretrio. O que que falo?
    - Diz que eu te convidei e voc no ACEITOU!!!

    Pano rpido!!!

    Mais cotados:

    1. Turismo: deputado federal George Hilton, PRB

    Detalhe: a secretaria hoje de Turismo e Esporte
    ser desmembrada. A de Esportes ficar com o PC do B
    Nome cotado: deputado estadual "Caixa" da Radio Itatiaia

    2. Planejamento: Helvcio Magalhes ( nome certo para a Sade. Preferiu mudar de pasta)
    Com isso volta a circular o nome do ex-ministro Saraiva Felipe do PMDB.

    3. Vales do Mucuri, Jequitinhonha e norte de Minas: Tadeu Leite Filho, PMDB

    4. Comunicao: resistiu mas foi convencido
    pelo governador Pimentel: Eduardo Serrano (conhecido como He Man)

    5. Obras: Murilo Valadares, PT

    6. Fazenda: Jos Afonso Bicalho

    7. Defesa Social: Bernardo Vasconcellos, PR

    8. Educao: Maca Evaristo

    9. Copanor: Juninho da Geloso, prefeito de Rio Acima

    10. Codemig: Marco Antonio Castelo Branco

    11. Cemig: Mauro Borges

    12. Copasa: aposta em quem?

    13. Sade: mais cotado Saraiva Felipe, PMDB

    14. Agricultura: ouv o nome de Silas Brasileiro
    (uma fonte me disse que ser quem o vice- governador Toninho Andrade indicar).

    15. Governo: deputado Odair Cunha, PT

    16. Casa Civil: Marco Antonio Rezende

    17. Gasmig: filho do vice-governador Antonio Andrade.

    18. Imprensa: Nereide Beiro o nome ouvido sempre por mim - de trs fontes confiveis

    19. Publicidade/cuidar das Agncias: o nome citado o de Thas Pimentel

    20. DER: fala-se em Flvio Meniccuci... PMBD

    21. Cincia e Tecnologia:?

    22. Trabalho: deputado Andr Quinto, PT

    Pano rpido!!!


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Dezembro 12, 2014

    Na hora certa$$$

    Sade repassa R$ 150 milhes
    de recurso adicional
    para a preveno de dengue
    e chikungunya

    Estados e municpios recebero recurso exclusivo para qualificao das aes de combate aos mosquitos transmissores das doenas Aedes aegypti e Aedes albopictus

    O perodo de chuvas este ano trar, alm do perigo da dengue, uma nova ameaa sade: a febre chikungunya. Para intensificar as medidas de vigilncia, preveno e controle dessas doenas, o Ministrio da Sade ir repassar um recurso adicional de R$ 150 milhes a todos os estados e municpios brasileiros. Os recursos so para qualificao das aes de combate aos mosquitos transmissores das doenas Aedes aegypti e Aedes albopictus, o que inclui vigilncia epidemiolgica e o aprimoramento dos planos de contingncia.

    Do total repassado, R$ 121,8 milhes sero destinados s secretarias municipais de sade e R$ 28,2 milhes s secretarias estaduais. O recurso adicional exclusivo para aes contra dengue e chikungunya e ser repassado em uma parcela nica. O valor representa um subsdio de 12% do valor anual do Piso Fixo de Vigilncia e Promoo da Sade de R$ 1,25 bilho.

    Em contrapartida, os municpios precisam cumprir algumas metas, como disponibilizar quantitativo adequado de agentes de controle de endemias; garantir cobertura das visitas domiciliares pelos agentes; adotar mecanismos para a melhoria do trabalho de campo; realizar o LIRAa (Levantamento Rpido de Infestao por Aedes Aegypti) com ampla divulgao nos veculos de comunicao locais; notificar os casos graves suspeitos de dengue, entre outras aes.

    O nmero de casos registrados de dengue caiu 61% entre janeiro e 15 de novembro de 2014, em comparao ao mesmo perodo de 2013. Foram 1,4 milho de casos em 2013 contra 566,6 mil neste ano, no mesmo perodo. Todas as regies do pas apresentaram reduo de casos notificados, sendo que a regio Sudeste teve a queda mais representativa, correspondente a 67%, seguida pelo Sul (64%), Centro-Oeste (58%), Nordeste (42%) e Norte (12%).

    Mesmo com a reduo nos casos de dengue, a preveno precisa ser mantida. A combinao do trabalho preventivo em cada residncia, com as aes do poder pblico, capaz de reduzir a presena do mosquito do Aedes aegypti no meio ambiente e, consequentemente, evitar epidemias, afirma o ministro da Sade, Arthur Chioro.

    O estado com a maior diferena entre 2013 e 2014 foi o Rio de Janeiro, que conseguiu reduzir em 97% o nmero de casos, seguido pelo Mato Grosso do Sul (96%) e Minas Gerais (86%). Os bitos por dengue no Brasil tambm apresentaram queda em comparao a 2013. Neste ano, foram 398 mortes, contra 652 confirmados no ano passado, uma reduo de 39%.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Dezembro 12, 2014

    Instituto JK 30 anos...



    Jantar em comemorao dos 30 anos do Instituto JK.

    O anfitrio desta sexta em BH o presidente do Instituto JK, Anbal Teixeira. O ex-ministro recebe un petit comit para um jantar VIP em comemorao dos 30 ANOS do INSTITUTO JK. Dentre os convidados de destaque, o empresrio Emdio Teles da Livraria LEITURA do Ptio Savassi.

    Convidado que fui pelo ex-ministro estarei presente no jantar na casa dele no Bairro So Bento.


    Foto: Jantar em comemorao dos 30 anos do Instituto JK.<br />
O anfitrio desta sexta em BH  o presidente do Instituto JK, Anbal Teixeira. O ex-ministro recebe un petit comit para um jantar VIP em comemorao dos 30 ANOS do INSTITUTO JK. Dentre os convidados de destaque, o empresrio Emdio Teles da Livraria LEITURA do Ptio Savassi.<br />
Convidado que fui pelo ex-ministro estarei presente no jantar na casa dele no Bairro So Bento.








                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Dezembro 12, 2014

    O vereador Wellington Magalhes, com o apoio do prefeito Mrcio Lacerda, foi eleito hoje o novo presidente da Cmara da capital mineira.

    Dos 41 vereadores de BH ele obteve 25 votos.

    Os outros 16 parlamentares deixaram de votar.

    Tambm foram eleitos:
    Henrique Braga (PSDB), primeiro vice-presidente;
    Plablito (PV), segundo vice-presidente;
    Coronel Piccinini (PSB), secretrio-geral;
    Dr. Nilton (Pros), primeiro-secretrio;
    e Pel do Vlei (PTdoB), segundo secretrio


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Dezembro 12, 2014

    "Notcia boa, tambm d audincia"!!!

    PO DE ACAR CHEGA A MINAS GERAIS
    E INAUGURA PRIMEIRA LOJA NO ESTADO
    em Uberldia.


    Foram investidos R$ 11 milhes para a inaugurao do supermercado, que ficar em Uberlndia, e trar todo o diferencial da marca ao Estado, como consultores gastronmicos, sortimento diferenciado e iniciativas sustentveis.

    Uberlndia, dezembro de 2014 - O Po de Acar refora sua ampliao pelo pas e anuncia a inaugurao de sua primeira loja em Minas Gerais no dia 12 de dezembro a partir das 9h. O novo supermercado est localizado em Uberlndia, no bairro Morada da Colina uma das regies que mais valorizadas na cidade, e conta com rea de vendas de 1.080 m. A rede investiu R$ 11 milhes para essa inaugurao, que contar com servios diferenciados como consultores especiais de queijos e vinhos, iniciativas sustentveis e Espao Sushi. A loja possui estacionamento prprio com 70 vagas.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Dezembro 11, 2014

    Ateno voc, que xomo eu, frequenta o Diamond em Lourdes

    Comea no prximo domingo os horrios especiais de Natal no DiamondMall.

    Dias 14 e 21/12 (domingo)
    Lojas 10h s 22h
    Verdemar 7h s 22h
    Cinema funcionamento normal

    Dias 18, 19, 20, 22 e 23/12
    Lojas 10h s 23h
    Verdemar 6h s 22h
    Cinema funcionamento normal

    Dias 24 e 31/12
    Lojas 9h s 18h
    Verdemar 6h s 20h
    Cinema ltima sesso 15h

    Dias 25/12 e 1/1
    Lojas No abrem
    Verdemar No abre
    Praa de Alimentao 10h s 22h
    Cinema funcionamento normal


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Dezembro 11, 2014

    Carreira!!!

    UNIVERSIDADE FUMEC RECEBE JOVENS PARA
    DIALOGAR SOBRE O PLANEJAMENTO DA CARREIRA
    #partiufuturo rene pessoas prestes a entrar na universidade e discute caminhos para uma carreira prospera e um profissional realizado

    A Universidade Fumec realizou o evento #partiufuturo, no qual contou com a participao de professores e profissionais de mercado para dialogar como jovens prestes a entrar na universidade devem planejar a carreira em um mundo altamente competitivo. Foram discutidos temas como: Coach executivo e de carreira, Inovao na vida e Como encontrar prosperidade no desconhecido.

    De acordo com a palestrante Raquel Couto, advogada e administradora de empresas, a ideia central da explanao foi levar o pblico a pensar em que de fato acredita. Segundo ela, tudo parte disso. A partir do conhecimento do que acreditamos, a segunda etapa pensar nas decises. Se a deciso for verdadeira, ela leva ao foco e, posteriormente, ao. No qualquer caminho que basta. Tudo precisa ser pensado, j que cada um dono da sua prpria trajetria, explica.

    Ricardo Brando Castanheira, coaching e mestre em Administrao, mostrou que as decises em relao carreira dependem de um autoconhecimento apurado e precisam estar ligados ao desejo prprio. No existe crise para quem gosta e bom no que faz.

    A carreira certa e promissora a que faz sentido para a pessoa, alerta.
    O professor Frederico Gabrich levou os participantes a construrem juntos a formao. Para ele, a transdiciplinaridade tornou-se uma realidade e exige que os alunos no s participem, mas assumam a direo do processo do conhecimento.
    O reitor da Universidade Fumec, Prof. Eduardo Martins de Lima, acredita que eventos como esse so essenciais para mostrar aos participantes que podem contar com a instituio em que planejam estar inseridos. A maioria das pessoas que hoje ingressam na universidade muito jovem e tem em suas mos uma deciso muito sria para tomar. Se conhecer bem, entender que sempre tempo de mudar e ter uma grande estrutura no trajeto faz com que esse caminho fique mais leve e tranquilo.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Dezembro 10, 2014

    Claret Nametala reeleito presidente do BH Convention & Visitors Bureau. Desejo sucesso!!!

    NO ANIVERSRIO DA CAPITAL MINEIRA, O BELO HORIZONTE CONVENTION & VISITORS BUREAU COMPLETA 17 ANOS E APRESENTA NOVA DIRETORIA EXECUTIVA
    12/12/2014

    Em reunio geral de todos os associados do Belo Horizonte Convention & Visitor Bureau BHC&VB, Antnio Claret Nametala (foto) foi reeleito presidente da instituio. Em uma eleio com chapa nica, Nametala foi reconduzido ao cargo e ser responsvel pela Gesto do BHC&VB at o final de 2016.

    ANTNIO CLARET NAMETALA
    Psiclogo, com ps-graduao em Prticas Pedaggicas do Ensino Superior e especializao em Marketing, atualmente o presidente executivo do BHC&VB, tendo sido um de seus fundadores, e diretor de marketing do Minas Tnis Clube.
    Scio proprietrio e presidente do Grupo Nonna e do Grupo Serpis Bey, atua com marketing esportivo em vrios clubes em diferentes estados brasileiros. Foi presidente executivo da Associao Mineira de Supermercados por 11 anos, e diretor do Cruzeiro Esporte Clube por 5 anos. Autor e instrutor de vrios cursos e palestras com temas motivacionais e comportamentais. Consultor especialista em RH, Marketing, Negociao e Gesto.

    Realizada na sede da instituio, na avenida Brasil, o encontro foi utilizado para apresentar os nmeros da entidade nesta gesto, os avanos em diversas reas, alm de algumas diretrizes para o prximo binio.

    Evidentemente a partir de janeiro de 2015 estar sendo implantado um Plano Estratgico BHC&VB 2020 com o objetivo de CONSOLIDAR o DESTINO BELO HORIZONTE COMO PLO DE EXCELNCIA EM EVENTOS INTERNACIONAIS.

    Para Nametala, seu primeiro mandato foi marcado por acontecimentos que influenciaram diretamente nos resultados da instituio. Fatores externos como a Copa do Mundo da FIFA e as eleies (nacional e estadual), influenciaram a nossa movimentao, muitos diriam que foi um ano difcil. Contudo, toda esta comoo nacional no interrompeu nossas atividades, nestes perodos demos continuidade promoo do Destino dentro da proposta da Gesto Integrada do Turismo e a captao de eventos e esse trabalho se refletiu nos resultados positivos.

    Entre as atividades de 2014 o presidente reeleito tambm destacou aes internas que prometem ampliar a atuao da entidade nos prximos anos. Foi um ano em que revimos muitos processos para de forma objetiva, investirmos naquilo que realmente nos trar retorno. Adotamos como nossos valores a transparncia e o foco nos mantenedores, e esses tm norteado toda nossa atuao, que visa gerar oportunidades de negcios para os associados e para a cidade e seu entorno.

    Nova gesto
    No ltimo ano, a gesto do ICVB buscou equiparar uma disparidade existente entre as reas de Visitors e Eventos. Foram traadas estratgias e uma poltica de apoio a eventos que, hoje, servem de base para a atuao da equipe. Essa atitude fortaleceu o departamento e agora tambm ser implantada em Visitors. A nova diretoria eleita pretende equilibrar os investimentos nos dois departamentos, em busca de incrementar a movimentao turstica no Destino e gerar mais oportunidades aos associados.

    A gesto 2015/2016 do BHC&VB ter a seguinte composio:

    Diretoria Executiva
    Presidente: Antnio Claret Nametala Grupo Nonna
    Vice Presidente: Anderson Souza Rocha CDL BH
    Vice Presidente Institucional: Alexander Geraldo Borges Mercure Louredes
    Diretor Administrativo Financeiro: Marcelo Batista Serra Serra Adventure
    Diretor de Comunicao e Marketing: Leonardo Ronson Chebly J.Chebly Comunicao e Marketing
    Diretor de Eventos: Carlos Rogrio Coelho Zech Panda Promoes e Eventos
    Diretora de Negcios: Fernanda Heloise Fonseca Quadros Libertas Viagens e Experincias



    Conselho Superior
    Presidente: Roberto Luciano Fortes Fagundes Clan Administrao de Hotis Ltda
    Primeira vicepresidente: Maria Elisa Ordones de Oliveira Tecnitur Feira e Congresos
    Segunda vice-presidente: Patrcia Matos Azeredo Coutinho ABIH MG

    Conselho Fiscal
    Titular: Jos Fernando de Almeida Jnior ABRASEL MG
    Titular: Sarah Vaintraub SV Eventos
    Titular: Edmundo Lanna Neto Buona Tvola
    Suplente: Mauro Werkema Belotur
    Suplente: Monnica de Monteiro Lyrium Eventos
    Suplente: Antnio da Matta ABAV MG


    Nmeros do BHC&VB 2014
    154 Associados
    21 Novos associados
    20 Segmentos
    Equipe tcnica: Hernani de Castro Jnior, Ftima Sadala, Ktia Freitas e Flvia Amaral

    Eventos:
    80 Eventos que foram e esto sendo trabalhados para captao
    22 Eventos j confirmados at 2018

    15 mil Nmero de visitantes que aqui estaro
    60 mil Pernoites sero geradas
    2015 a 2018 Esses eventos captados sero realizados
    R$ 23 milhes Sero gerados em receita somente dos eventos captados (nmero que leva em conta hospedagem, transporte, alimentao, visitas a atrativos, compras e outras atividades)

    28 Boletins de Oportunidades para associados
    12 Aes de promoo do Destino Belo Horizonte

    Feiras O ICVB participou de feiras voltadas ao mercado de eventos

    176 agendamentos com entidades organizadoras de eventos brasileiras, latino-americanas e mundiais.

    Visitors
    115 Operadores e Agentes de Turismo foram recebidos.
    22 Boletins de oportunidade para associados (Visitors)

    A Gesto Integrada, para promoo do Destino, participou de feiras nacionais e internacionais.

    Imprensa
    55 veculos atendidos em presstrip.
    Mais de um milho de reais em mdia espontnea.

    Mdias digitais
    Mais de 100 mil acessos no site www.bhcvb.com.br
    Mais de cinco milhes visualizaram as publicaes na fanpage
    5.384 pessoas Curtem a pgina no Facebook


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Dezembro 10, 2014

    Reeleito!!!


    O empresrio Srgio Frade da Solutions Seguros, acaba de ser reeleito presidente da ADCE minas. E ser o anfitrio do janatar de fim de ano da entidade no PIC Cidade na sexta, que vai homenagear o economista Paulo Brant presidente da Cenibra.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Dezembro 10, 2014

    Lanado em Juiz de Fora o livro dosso colega de profisso, jornalista e escritor YVANIR YASBECK. O livro VALE O ESCRITO foi lanado na Mercearia Gastr. O colunista Cesar Romero fez a cobertura na coluna dele no jornal Tribuna de Minas.



    quarta5

    Ivanir Yazbeck, autor do livro Vale o Escrito, e Glair Simo na noite de autgrafos, na Mercearia Gastr FOTOS ANDRA OTTONI


    quarta4

    O prefeito Bruno Siqueira e o secretrio Michael Guedes


    quarta3

    Aline Coelho Gomes com os pais, Nara e Joo Mrcio Coelho


    quarta2

    Tatiana Yazbeck recebe o afago dos tios Ivanir e Munir Yazbeck



    quarta1



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Dezembro 9, 2014

    ABARAJET de Pernambuco faz 30 anos!!! No pude atender convite do presidente Lui Felipe - eu estava em viagem bussiness em New York City. Parabns!!!


    A seccional do Estado de Pernambuco
    da Associao Brasileira de Jornalistas de Turismo, a Abrajet-PE,
    est completando 30 anos de fundao em 2014.

    E, para marcar esta data, seu atual presidente, o jornalista Luiz Felipe Moura, promoveu um almoo- comemorativo, dia 25 de novembro.

    Ele foi realizado na Casa de Eventos Andra Guerra, situada no Municpio de Olinda, cidade vizinha capital Recife, e cujo Centro Histrico, surgido a partir de meados dos anos 1500, Patrimnio da Humanidade. Na ocasio, os membros da entidade homenagearam com um trofu muito especial, denominado Personalidade Turstico do Ano, Maurcio Galvo de Medeiros.

    Alm de empreendedor no setor do turismo, uma vez que proprietrio do Hotel Costeiro, h seis anos ocupa o cargo de secretrio de Turismo de Olinda. Maurcio tambm o presidente da Associao Brasileira das Cidades Histricas Tursticas e faz parte da Diretoria da Organizao das Cidades Brasileiras Patrimnio Mundial.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Dezembro 9, 2014

    Internet 3.0

    Minha atuao profissional na internet
    teve incio em 2006 com meu BLOG
    verso 1.0
    Passou pela 2.0
    Hoje est na verso 3.0
    Criei o termo e plataforma FACEBLOG
    uma mistura se Face com meu BLOG.
    Entenda o que a internet 3.0

    Texto pinado do Google:
    " importante mencionar que para compreender a web 3.0 preciso ter conhecimento das etapas que a antecederam, pois cada uma delas trouxe novidades que permitiram o aparecimento da prxima.

    A web 1.0 possua pginas que quase no interagiam com os internautas e a quantidade de usurios era bem menor se comparada com a que temos hoje. Os contedos eram, em sua maioria, institucionais. Nessa etapa da era digital, os internautas tambm comearam a usar emails.

    A web 1.0 trouxe muitas novidades, verdade, mas elas foram, com o tempo, sendo substitudas por outras, no caso pela web 2.0.

    Ela compreende a era social, cujos contedos, deixaram de ser, em sua grande maioria, institucionais, abrindo portas para os prprios internautas produzirem o contedo, em outras palavras, surgiram s redes sociais.

    A etapa seguinte a web 3.0, a qual tambm conhecida como web inteligente. Sua principal caracterstica a capacidade de mquinas assumirem determinadas atividades que hoje so realizadas manualmente.

    Isso possvel graas ao grande avano da tecnologia que conseguir organizar a informao de tal forma que as mquinas so capazes de decifrar determinado contedo e apontar solues para ele sem necessitar da interveno humana.

    Em resumo, a web 3.0 garante o acesso a informao de forma rpida e eficiente e trs mudanas que realmente inovam a internet.

    E devido a esse grande desenvolvimento tecnolgico que algumas pessoas dizem que a web 3.0 est prxima a Inteligncia artificial."


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Dezembro 8, 2014

    Ser que posso ser um EMPREENDEDOR? Vale conferir este texto que o competente consultor Ricardo Gandra nos enviou via e-mail


    A dvida que intitula este texto algo que deve pairar
    no crebro de muitos postulantes ao cargo de empresrio.
    Ser que possvel ser empreendedor em algum segmento?
    Algumas pessoas tm mais viso que outras?
    Teramos algumas dicas para comentar a respeito?
    Ento, resolvo esta questo j destrinchando a primeira pergunta.

    Eu posso ser empreendedor sim!o!
    claro que algumas pessoas possuem uma viso mais arrojada para um negcio. A sensibilidade em olhar de maneira mercadolgica; o conhecimento mais aprofundado de um determinado segmento e a escolha certa de como voc deseja ser percebido pelo mercado podem lev-lo a um caminho mais curto ao sucesso. De maneira bem didtica, gostaria ento de ofertar cinco dicas para a gente empreender em algum negcio. Antes mesmo de oferecer essas sugestes, quero lembr-lo(a) que empreender est ligado a renovar, liderar, enxergar e criar oportunidades. Vamos ao primeiro passo ento:

    Escolha um ramo em que tenha afinidade. Estar ligado a um segmento no qual voc no possui intimidade, em que o conhecimento extremamente limitado, em que as informaes surgem como raios em um lugar descampado um risco que no vale a pena. Arriscar-se sim, chutar no escuro no! E lembro que quando gostamos do que fazemos, temos grande probabilidade de realizar aquela ao com maior xito.
    No momento em que voc escolhe um ramo para atuar, importante se posicionar para as pessoas.

    Posicionamento em marketing a forma como voc deseja ser enxergado pelo consumidor. Alguns exemplos para a gente entender: a rede mineira de supermercados Epa j levou o rtulo de Baratssimo, a tica do Povo ganhou o conceito de popular, o Ricardo Eletro lembrado por ter o menor preo nos eletrodomsticos, eletroeletrnicos e mveis. A Brahma j foi reconhecida por ser a nmero 1, a Skol se moldou na mente do receptor como a bebida que desce redondo, entre outros exemplos. O posicionamento fundamental, pois assim voc se diferencia no mercado, passa a ser um algo distinto dos demais.

    Sucesso sem risco impossvel de alcanar, algum obstculo ou barreira voc ter de enfrentar para chegar a meta almejada. Mas lembre-se, como j foi dito anteriormente, assuma riscos calculveis, no faa emprstimos mirabolantes em que o caminho do negcio venha significar a perda de um imvel pessoal. No construa um local fsico em uma localidade em que voc se baseia no achismo. Pesquisas srias diminuem o risco de erros!
    O conhecimento abre portas.

    Portanto, conhea a rea em que vai trabalhar. Saiba como funciona seu mix de produtos, entenda a logstica do seu servio, pesquise quais so seus concorrentes, escolha bem o seu ponto de venda. Conhecimento nunca demais, pois ele possibilitar uma viso do seu negcio para que tenha misso, viso e objetivos bem definidos.

    Parte do mercado costuma morrer aqui. s vezes a gente erra de estratgia a primeira vez ou precisa de um aperfeioamento. O sujeito costuma desistir na primeira tentativa e a perseverana, a pacincia neste momento fundamental. Tudo tem a sua hora! Lembremos da estratgia e pacincia do alpinista para chegar ao topo de uma montanha. Recordemo-nos da histria da dupla Zez di Camargo e Luciano que virou filme. Para se alcanar ao xito, importante subir cada degrau e no queimar etapas. A cruz que carregamos pode nos dar ao final de um caminho uma grande recompensa


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Dezembro 8, 2014

    Notcia pinada da coluna de Csar Romero da Tribuna de Minas de Juiz de Fora




    BAHAMAS AMPLIA PRESENA EM UBERLNDIA 
    Jovino Campos e Paulo Roberto Lopes inauguraram o Bahamas Granada, a terceira unidade em Uberlndia. Foram investidos cerca de R$ 10 milhes para a montagem da loja, com uma rea de vendas de 2.100 metros quadrados, estacionamento para 128 veculos (praticamente com todas as vagas cobertas) e 20 check outs, alm da gerao de 140 postos de trabalho direto e dezenas de indiretos. Segundo Jovino, chegamos metade do nmero de lojas que pretendemos para Uberlndia.
    Alis, na prxima quinta-feira, ser reinaugurada uma das filiais do Bahamas em Cataguases. Funcionando h 15 anos, a loja agora ter a bandeira BahamasMix.
    Nas fotos, algumas presenas no coq inaugural em Uberlndia.

    jf7

    Paulo Roberto e Isabel Lopes com o filho Leonardo


    jf6

    Os diretores do Bahamas, Jovino Campos e Paulo Roberto Lopes ladeando o vice-prefeito Paulo Vitiello, o prefeito de Uberlndia, Gilmar Alves Machado e Vitorino Alves (secretrio de Gesto Estratgica e Tecnologia)


    jf5

    Marta e Jovino Campos


    jf4

    Jovino, o deputado eleito Felipe Atti, o diretor nacional da Start, Srgio Spini, Dilson Dalpiaz Dias e o advogado Dilson Jnior


    jf3

    Nlson Jr., Papaulo Martins, Paulo Roberto, Sinval Cruz, Jovino, Arnaldo Guerra e Cludio Souza



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Dezembro 7, 2014

    O casal Nina/artista plstico Fernando Pacheco e o psicanalista Hlio Kosky no nvel do irmo dele Iladeu em So Bento em BH




                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Dezembro 7, 2014

    O casal Beth/Aristoteles Atheniense prestigiou o niver de Ildeu Kosky no So Bento em BH.




                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Dezembro 7, 2014

    Niver do decorador Ildeu Kosky no Santa Lcia em BH foi o evento que movimentou a society no sbado na capital mineira




                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Dezembro 6, 2014

    A caminho da Festa de aniversrio do consagrado decorador mineiro ILDEU KOSKY na casa dele no bairro So Bento em BH.

    Conosco o casal Suely/Antonio Claret Guerra, diretores do jornal MG Turismo.
    O nver vai reunir QUEM QUEM da society da capital mineira.

    A residncia uma verdadeira obra de arte e decorao: pinacoteca, tapetes, mveis, objetos de decorao originais. E o mais importente: a alegria e o requinte com que ILDEU recebe!!!

    Darei cobertura completa pelo meu FACEBLOG.
    Aguardem!!!


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Dezembro 6, 2014

    DE OLHO na poltica

    1.Um passarinho me contou
    que o novo diretor geral do DER de Minas
    poder ser o filho do vice-governador eleito Antonio Andrade.

    Com ele concorre um nome forte, apoiado pelo ex-governador Newton Cardoso: Flvio Meniccuci.
    Espera para ver, j que os nomes devero ser anunciados pelo governador eleito Fernando Pimentel antes do Natal.

    2. Para secretrio de COMUNICAO o nome mais citado de Eduardo Serrano. A jornalista Nereide Beiro iria para a rea de Imprensa e Ronaldo assessor direto do governador eleito Fernando Pimentel.

    3. TURISMO: o novo secretrio, segundo apurei, mas sem confirmao, esto trs nomes: deputado estadual Tadeuzinho Leite, Leondio Bouas e uma zebra, Toninho Timbira, ex-prefeito de Santa Brbara, ex-presidente da Turminas.
    Aguardem!!!


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Dezembro 6, 2014

    Empresrio Srgio Frade da Solutions Seguros foi reeleito presidente da ADCEMina. Desejo sucesso!!!

    ADCE MG elege nova Diretoria

    A ADCE MG realizou dia 05/12/2014, em sua sede, s 17 horas, em 1 chamada e s 17:30 em 2 chamada, a Assembleia Geral Ordinria para eleio da nova diretoria para o mandato de 05/12/2014 a 05/12/2016.

    Foram eleitos, presidente, vice-presidente e os diretores abaixo relacionados.

    Presidente
    Srgio Eduardo Michetti Frade, Empresrio, Presidente da Solutions Gesto de Seguros

    Vice-Presidente
    Maria Flvia Cardoso Mximo, Advogada, Advogados Associados Castro Mximo & Pereira.
    1 Secretrio
    Felipe Palhares Guerra Lages, Advogado, Scio Diretor da Mandatum Consultoria Jurdica

    2 Secretrio
    Geraldo Luiz Moura Tavares, advogado, Scio fundador da Moura Tavares Figueiredo Moreira e Campos Advogados

    1 Tesoureiro
    Srgio Leal Bagno, economista, Diretor do Laboratrio Geraldo Lustosa

    2 Tesoureiro
    Alicia Maria Gross Figueir, Administradora de Empresas, Diretora Financeira da Construtora Barbosa Mello

    Diretor
    Ascendino Barcelos Filho, Empresrio, Presidente da Tticas Consultoria e Treinamento

    Diretor
    Jos Lcio Costa, Administrador de Empresas, Presidente da Suggar Eletrodomsticos

    Diretor
    Jos Athi Campos Cruz, Auditor

    Diretor
    Marcus Nogueira, Engenheiro Civil, Scio Diretor da Mano Consulting

    Diretora
    Roslia Paraso Matta de Paula, Empresria, Scia da Documentar

    Diretor
    Valdomiro Mendes Pereira, Advogado, scio da Valmepe Solues Contbeis e Tributrias

    Dentre os principais desafios para a nova gesto, destaca-se a manuteno do cronograma de atividades da ADCE (Almoos palestras, Cafs com f, Encontros de Reflexo e seminrios), acelerao no desenvolvimento do Programa Empresas com Valores, (ECV), criao da ADCE Jovem, expanso da ADCE para o interior do Estado e apoio ADCE Brasil na realizao do Congresso Mundial da Unipac em BH em out/2015.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Dezembro 6, 2014

    Notas polticas exclusivas. Confira!!!

    1. Final de tarde no Diamond Mall em BH. Encontro o futuro secretrio de obras do governo Fernando Pimentel que toma posse dia 1 de janeiro.
    MURILO VALADARES, sempre simptico e sorridente, nos disse que Pimentel deve anunciar o secretariado antes do Natal.

    2. METR
    O futuro secretrio de obras de Minas nos disse que " ningum aguenta mais falar em metr em BH".
    Deixou a a entender que vai agir, para s falar no assunto quenado tiver definido a abertura de licitao.

    3.Murilo Valadares trabalhou no governo Tancredo Neves na Cohab presidindo a Associao dos Funcionrios
    sempre foi um petista atuante, um lder.
    Eu o comheo desde aquela poca, 1983/84.
    Eu era reprter e ncora da Rede Globo.
    Pano rpido!!!

    O QUE ENTROU PELO MEU OUVIDO DE REPRTER

    COMO circulo pelos bastidores da poltica OUVI de outras fontes o aeguinte sobre o futuro secretariado do governador eleito Fernando Pimentel:

    A. O nome mais cotado para a presidncia da Cemig o de Mauro Borges, que entrou na vaga de Pimentel no Mi nisitrio da Indstria , Comrcio e Desenvolvimento da presidenta Dilma. E j deixou o cargo. Est PHD - Por hora Disponvel.

    B. No Turismo a Pasta pode ficar mesmo com o PMDB. Nome mais falado deputado Tadeu Leito, o Tadeuzinho de Montes Claros.
    Mas ele poder mesmo ir para a Secretaria de Dsenvolvimento dos Vales.

    UM PASSARINHO ME CONTOU!!!

    No ser surpresa para mim se o novo secretrio de TURISMO, pasta que ao que se sabe ser desmembrada do Esporte pelo futuro governador, recair sobre o ex-prefeito de Santa Brbara TONINHO TIMBIR, suplente de deputado. Timbir j esteve na rea do Turismo em Minas no governo Azeredo, parece-me que presidindo a Turminas.
    ligado ao ex-ministro do Turismo
    e ex
    vice-governador de Minas
    Walfrido dos Mares Guia.







                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Dezembro 6, 2014

    Governador Alberto Pinto Coelho nomeia reitor - o mdico JOO CANELA - e vice-reitor da Unimontes - O professor Joo dos Reis Canela foi reconduzido pelo governador Alberto Pinto Coelho ao cargo de reitor da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes).

    O ato de nomeao foi publicado na edio do Dirio Oficial Minas Gerais nesta quinta-feira (4/12). O professor Padre Antnio Alvimar Souza foi conduzido ao cargo de vice-reitor. O mandato de quatro anos.

    A posse, que a formalidade do ato de nomeao, dever acontecer at a prxima segunda-feira (8/12), conforme agendamento do Governo do Estado. As eleies para composio de lista trplice para reitor e vice-reitor, que no se caracterizam como diretas e se constituem como consulta comunidade acadmica , foram realizadas no dia 6 de novembro com trs candidatos para cada cargo.

    No dia 13/11, em reunio extraordinria, o Conselho Universitrio homologou o resultado do processo eleitoral e encaminhou a lista trplice em ordem alfabtica ao governador para o ato de nomeao.
    uma honra receber este reconhecimento para mais quatro anos de gesto, mandato este de grandes propsitos e metas que j esto em andamento. Sinto-me honrado e tenho a certeza de que nossos propsitos so puramente institucionais, pontuou o professor Joo Canela.

    A minha deciso em assumir o segundo mandato se alicera na manifestao expressiva da comunidade acadmica, na confiana do governador de Minas Gerais, Alberto Pinto Coelho, e nas diversas manifestaes de apoio de inmeros setores da sociedade, seja entidades de classes ou de variadas representaes polticas, acrescentou o reitor.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Dezembro 6, 2014

    Todos contra o mosquito da dengue, neste sbado!!!

    Mobilizao nacional
    contra o mosquito aedes aegypti
    acontece neste sbado (6)

    Sero realizados mutires de limpeza urbana e atividades para alertar os profissionais de sade ao diagnstico correto das doenas. O ministro da Sade, Arthur Chioro, participar de atividades na comunidade do Catumbi, no Rio de Janeiro

    O sbado vai ser de mobilizao contra os focos do mosquito aedes aegypti, responsvel pela transmisso da dengue e da febre chikungunya. Para isso, o Ministrio da Sade convocou estados e municpios a realizarem o Dia D de Mobilizao, que ser marcado por mutires de limpeza urbana e atividades para alertar os profissionais de sade ao diagnstico correto das doenas. O ministro da Sade, Arthur Chioro, participar de uma visita comunidade do catumbi, no Rio de Janeiro, estado que conseguiu reduzir em 97% os casos de dengue, comparao de 2013 a 2014, a maior do pas.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Dezembro 5, 2014

    Dica. Cestas de Natal

    CASA RIO VERDE INVESTE EM CESTAS DE NATAL

    PARA AS COMEMORAES DE FINAL DE ANO

    As cestas de Natal continuam sendo um presente clssico e de bom gosto, que agrada a todo tipo de pblico. Com tradio de 25 anos em comercializao de cestas e kits de Natal, a Casa Rio Verde lanou um catlogo com 20 opes de cestas e kits de vinhos, com preos que variam de R$139 a R$3.968. As cestas e kits so comercializados nas seis lojas da importadora em Belo Horizonte, pelo televendas e pelo site (www.casarioverde.com.br).

    O foco no vinho levou a Casa Rio Verde a aprimorar as cestas com a incluso da ficha tcnica de cada produto com sugesto de harmonizao, um diferencial nico entre a concorrncia. A seleo de vinhos outro ponto forte das cestas. A maioria de importao prpria da Casa Rio Verde.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Dezembro 5, 2014

    Novo reitor da Unimontes: o medico JOO CANELA foi escolhido - para um segundo mandato - pelo governador Alberto Pinto Coelho na lista trplice da universidade.

    Noticia enviada por Fabiano Fagundes que comenta:

    Unimontes-
    Foi nomeado para reitoria da Unimontes Joo Canela.

    O Interessante que a vice reitoria foi tambem objeto de grande negociao,mas prevaleceu o bom senso e Pe. Antonio Avilmar vai tomar posse como vice-reitor.Pe. Antonio merece,j sua carreira tanto como paroco e tambem como professor motivo de orgulho para quem o conhece.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Dezembro 3, 2014

    A atual situao dos principais rios do estado de Minas Gerais ser discutida nos prximos dias 4 e 5 de dezembro, no municpio de Brumadinho, distante cerca de 60Km da capital, Belo Horizonte. Por iniciativa do Consrcio Intermunicipal da Bacia Hidrogrfica do Rio Paraopeba (Cibapar), em parceria com o Instituto Mineiro de Gesto das guas (Igam), ser realizado o 1 Frum das guas, contando com a participao de diversos rgos relacionados ao problema. Especialistas e autoridades apresentaro um panorama dos impactos da estiagem em 2014, avaliando o perodo no contexto climatolgico. O resultado das discusses servir de subsdio para a elaborao do Plano de Ao 2015, com abrangncia e execuo em todo o estado de Minas Gerais. A bacia do rio Paraopeba, principal afluente do rio So Francisco na regio, ser um dos temas do evento, por ter apresentado queda no volume de gua em alguns dos seus trechos.

    Ministrio da Sade
    anuncia regras
    para ambientes
    em que ser permitido fumar

    O ministro da Sade, Arthur Chioro, anuncia nesta quinta-feira (4), as regras para os ambientes em que ser permitido fumar e a regulamentao de medidas de proteo aos trabalhadores expostos ao fumo durante o exerccio de sua profisso. Na ocasio, haver o lanamento da Campanha Ambientes Livres do Tabaco, que pretende conscientizar a populao, sindicatos e proprietrios de estabelecimentos comerciais sobre a entrada em vigor da Lei Antifumo em todo o territrio nacional.

    O evento ser transmitido pela Web Rdio.

    Anncio da regras para ambientes em que ser permitido fumar e lanamento da Campanha Ambientes Livres do Tabaco

    Data: 4 de dezembro (quinta-feira)
    Horrio: 11 horas
    Local: Auditrio Emlio Ribas, Trreo da Sede do Ministrio da Sade Esplanada dos Ministrios, Bloco G.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Dezembro 3, 2014

    1 Frum das guas discutir situao dos principais rios de Minas Gerais

    A atual situao dos principais rios do estado de Minas Gerais ser discutida nos prximos dias 4 e 5 de dezembro, no municpio de Brumadinho, distante cerca de 60Km da capital, Belo Horizonte. Por iniciativa do Consrcio Intermunicipal da Bacia Hidrogrfica do Rio Paraopeba (Cibapar), em parceria com o Instituto Mineiro de Gesto das guas (Igam), ser realizado o 1 Frum das guas, contando com a participao de diversos rgos relacionados ao problema.

    Especialistas e autoridades apresentaro um panorama dos impactos da estiagem em 2014, avaliando o perodo no contexto climatolgico.

    O resultado das discusses servir de subsdio para a elaborao do Plano de Ao 2015, com abrangncia e execuo em todo o estado de Minas Gerais. A bacia do rio Paraopeba, principal afluente do rio So Francisco na regio, ser um dos temas do evento, por ter apresentado queda no volume de gua em alguns dos seus trechos.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Dezembro 2, 2014

    O presidente da CENIBRA, Paulo Brant, o escolhido para receber o 3 Prmio ADCE de Responsabilidade Social de 2014

    Solenidade de entrega ser no prximo dia 11 de dezembro em jantar de Confraternizao de Natal da ADCE MG no PIC Cidade

    No dia 11 de dezembro, a Associao de Dirigentes Cristos de Empresa (ADCE MG) recebe associados e demais convidados para o seu Jantar de Confraternizao de Natal. O evento acontece a partir das 19h30, no Pampulha Iate Clube (PIC Cidade), que fica na rua Cludio Manoel, 1185, no bairro Funcionrios.

    Durante o evento ser realizada a solenidade de entrega do 3 Prmio ADCE Minas de Responsabilidade Social, que vai agraciar o dirigente de empresas, Paulo Eduardo Rocha Brant, presidente da CENIBRA, pelo seu ativo compromisso empresarial e social.

    Nascido em Diamantina (MG), Paulo Brant, graduado em economia e engenharia civil, com especializao nas reas econmicas e de estratgia empresarial. Paulo ocupou os cargos de diretor executivo do BEMGE Distribuidora e diretor vice-presidente e de relaes com o mercado do Banco do Estado de Minas Gerais (BEMGE). Em abril de 2010 assumiu o cargo de diretor-presidente da Celulose Nipo-Brasileira S. A. - CENIBRA, uma das maiores produtoras mundiais de celulose branqueada de fibra curta de eucalipto.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Dezembro 2, 2014

    SAI o primeiro nome da equipe do governador eleito Fernando Pimentel. BERNARDO SANTANA o novo secretrio de DEFESA SOCIAL de Minas

    Bernardo Santana o novo secretrio de DEFESA SOCIAL de Minas,



    Governador eleito Fernando Pimentel anuncia seu primeiro secretrio de Estado: o deputado federal do PR, Bernardo Santana de Vasconcelos. Vai ocupar o cargo de secretrio de DEFESA SOCIAL. Bernardo filho do ex-deputado Z Santana, atual vice-presidente do BDMG.

    ADALCLEVER presidncia da Assembleia de Minas. APUREI que o deputado reeleito Adalclever Lopes do PMDB ser mesmo o prximo presidente da Asemblia. Costura bem as conversas de bastidores. jeito, tem perfil de lider: sabe ouvir!!!

    E tem o apoio do governador eleito, do vice-governador eleito Antonio Andrade e do partido dele.

    A primeira secretaria da ALMG, com ormaneto anula de mais de 1 bi de reais fica para o deputado petista Paulo Guedes. Fonte no PMDB nos disse que o melhor para Paulo, seria mesmo a Secretaria dos Vales do Jequitinhonha, norte e Mucuri.

    J que Paulo no abre mo de disputar a prefeitura de Montes Claros, enfrentando o habilidoso prefeito Ruy Muniz em reeleio.




                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Dezembro 2, 2014

    Ateno prefeitos!!!

    BDMG presta assessoria em PPPs a municpios mineiros

    Com longo histrico de relacionamento
    com administradores pblicos,
    Banco apoia Prefeituras na estruturao de parcerias
    com o setor privado

    O Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG) est prestando assessoria a municpios mineiros interessados na estruturao de parcerias pblico-privadas (PPPs). Com mais de 50 anos de experincia com projetos de investimento pblicos e privados, o Banco tem sido um parceiro frequente do Governo de Minas na viabilizao de PPPs. Um exemplo recente o projeto da Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) de PPP para ampliao do Sistema de Esgotamento Sanitrio de Divinpolis.

    Em funo da sua qualificao tcnica e do seu papel desenvolvimentista, o BDMG passou a atuar no assessoramento aos municpios para a estruturao de projetos de infraestrutura nas modalidades de concesso administrativa e concesso patrocinada (as PPPs) e outras formas de parceria com o setor privado, como as concesses comuns.

    Para reforar a estruturao de projetos de prefeituras mineiras, o BDMG firmou acordo operacional com o International Finance Corporation (IFC), um dos braos do Banco Mundial, e com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econmico e Social (BNDES), tendo em vista que ambas instituies possuem ampla expertise com PPPs. Foram o IFC e o BNDES que estruturaram duas PPPs que so referncia nacional: a do Hospital do Subrbio, em Salvador, e a das escolas municipais em Belo Horizonte. O acordo operacional entre BDMG, IFC e BNDES nico dentre todos os Estados brasileiros, destaca o gerente geral de Operaes Estruturadas do BDMG, Jorge Duarte de Oliveira.

    Dentre as vantagens das PPPs, est a vinculao da remunerao do parceiro privado a indicadores de qualidade do servio prestado, a possibilidade de trazer para o setor pblico a dinmica e a experincia do setor privado; o compartilhamento das responsabilidades e riscos entre as partes (pblico e privado); o melhor planejamento prvio licitao; a reduo do tempo de obra e melhor previsibilidade dos custos; e o financiamento sob responsabilidade do parceiro privado.

    Contratos de PPP podem ser celebrados em reas como saneamento (gua e esgoto), sade (construo e gesto de hospitais, unidades de atendimento bsico e especializado), educao (construo e gesto predial), resduos slidos (aterros sanitrios), iluminao pblica, centros de feiras e convenes, centro administrativo, rodoviria, dentre outras. Alm de contar com conhecimento tcnico especializado, uma prefeitura municipal, ou mesmo um consrcio de municpios, poder ter ao seu lado um parceiro isento para orient-la no processo de estruturao de um contrato de longo prazo, pois o BDMG uma empresa pblica e no ter conflitos de interesse, pois no participar do processo licitatrio, ressalta o gerente geral de Operaes Estruturadas do BDMG.

    Outro diferencial da instituio o longo histrico de relacionamento com os municpios mineiros, tendo atualmente contratos de financiamento com mais de 400 Prefeituras Municipais.

    Cenrio das PPPs Aps 10 anos de promulgao da Lei Federal de PPPs, o nmero de contratos celebrados no Brasil soma 67,principalmente no nvel estadual, mas cada vez mais no nvel municipal, em funo da maior adoo de Procedimentos de Manifestao de Interesse privado (PMIs), que permitem a interao com as empresas interessadas desde o momento inicial de estruturao do projeto. Atualmente h mais de 100 PMIs publicadas, das quais 80% foram aps 2012, com volume crescente de iniciativas municipais.

    Deve-se observar que a mesma Lei estabelece que os contratos tenham valores superiores a R$ 20 milhes, durao entre cinco e 35 anos, que no sejam apenas para a construo de obras, alm de outros parmetros. J do ponto de vista das finanas municipais, o comprometimento anual mximo atualmente permitido com o pagamento de PPPs, via contraprestao, de 5% da Receita Corrente Lquida.

    O BDMG pode ser um importante parceiro das prefeituras mineiras em vrias etapas, como a instituio da base legal municipal, a realizao de chamamentos e interlocuo com o setor privado em PMI, a conduo de estudos tcnicos para compor o edital, o suporte durante o processo licitatrio, explica Jorge Duarte de Oliveira.

    As Prefeituras Municipais interessadas podem contatar a Gerncia de Operaes Estruturadas do BDMG pelo e-mail mercap@bdmg.mg.gov.br.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Dezembro 1, 2014

    Mercado Quarento!!!

    Mercado Distrital do Cruzeiro comemora quatro dcadas em grande estilo
    Mercado comemora seus 40 anos de histria!

    O Mercado Distrital do Cruzeiro foi inaugurado em 14 de dezembro de 1974 e desde ento faz parte da vida e da histria da cidade de Belo Horizonte. Como uma grande famlia os lojistas passam por uma excelente fase e comemoram seus 40 anos na certeza que continuam conquistando cada vez mais o carinho e a confiana dos moradores da capital mineira.

    Para um aniversrio to importante, o mercado preparou uma programao especial, com dois finais de semana de feiras de cermica e artesanato, shows, festival gastronmico e muito mais.

    Nos dias 5 e 6 de dezembro - na sexta-feira entre as 9h e 17h e no sbado entre as 9h e 18h30 - o Grupo Terraviva Cermica estar expondo oratrios, placas, retbulos, estandartes e mandalas na arena central do Mercado. No sbado, entre as 13h e s 15h, acontece uma roda de choro com Du Macedo e convidados, apresentando desde clssicos do sculo XIX at o choro dos tempos atuais. No repertrio nomes como Chiquinha Gonzaga, Anacleto de Medeiros, Pixinguinha, Jac do Bandolim e Paulinho da Viola.

    J nos dias 12 e 13 de dezembro, nos mesmos horrios da semana anterior, o Mercado abre espao para a feira das Arteiras das Gerais, que trar para arena central do Mercado uma diversificada gama de produtos, como velas artesanais especiais para o Natal, aromatizadores para casa, colchas de patchwork, bijuterias, semi joias com pedras brasileiras, tbuas de vidro temperado, kits de temperos artesanais, mosaicos, etc. No sbado, 13, de 13 s 15 horas, os frequentadores do Mercado sero contemplados com o show da renomada banda Cobra Coral. Com trs violes e quatro vozes, o quarteto apresenta desde um repertrio autoral de excelente qualidade como releituras de prolas da MPB.

    Uma excelente opo para os moradores de Belo Horizonte que quiserem comemorar com os lojistas do Mercado o seu aniversrio de 40 anos, ser uma edio especial do Festival Gastronmico Aproxima, em uma verso de Bolso (Aproxima de Bolso), que acontecer nos dias 13 e 14 de dezembro, das 12h as 17h, desta vez dentro do recm criado multiespao denominado Distrital, idealizado pelo produtor cultural Kuru Lima, um espao mltiplo para eventos e que abriga o bar e restaurante Balaio de Gato, a Cafeteira Academia do Caf, a Cumpanio a Discoteca Pblica e a Cervejaria Harmonia. Se fosse apenas para conhecer este novo espao do Mercado Distrital do Cruzeiro, j estaria valendo a visita ao Mercado nestes dias, mas com a realizao do Aproxima, idealizado por Eduardo Maya, o espao ganha atrativos irresistveis: sero cinco chefs de cinco renomados restaurantes da cidade criando pratos com produtos normalmente encontrados e comercializados pelos comerciantes do Mercado Distrital do Cruzeiro.
    A grande Festa dos 40 Anos est marcada para o dia 14 e fecha as comemoraes com uma Missa de Ao de Graas, s 9 horas, na Arena Central, seguida por homenagem aos lojistas, e o inevitvel e obrigatrio Parabns para voc com bolo de aniversrio para 300 pessoas. Durante todo o dia tambm acontecer exposio de fotos e matrias antigas com fatos marcantes do Mercado e das 11h s 13h, show com a banda Qu4tro em Ponto animando os presentes com um repertrio variado: Bossa Nova, Jazz e Pop Rock, sem dispensar clssicos como Tom Jobim e Beatles em verses instrumentais inusitadas.

    A Histria do Mercado

    Na dcada de 70, em Belo Horizonte, foram criados quatro mercados distritais de abastecimento em diferentes bairros sob a administrao da COBAL (Companhia Brasileira de Alimentos), com a finalidade de retirar os feirantes das ruas e instal-los em um local seguro, onde pudessem comercializar livremente seus produtos. Depois de anos, vrias mudanas e concorrncia acirrada, apenas o Mercado do bairro Cruzeiro permaneceu. Fui criada dentro do Mercado do Cruzeiro, meu pai era o dono da Banca Zanatta, hoje quem toca o negcio sou eu, com a incluso de diversos produtos e modificao do nome para Revistaria Zanatta. O Mercado faz parte da histria da minha famlia e da maioria dos comerciantes daqui Muitos de ns crescemos aqui e aqui estamos criando nossos filhos para dar continuidade aos nossos negcios. Somos, enfim uma grande famlia, conta Josiane Simas, Presidente da Associao dos Comerciantes do Mercado do Cruzeiro (ACOMEC).

    Contratempos e vitrias:

    Em 2007 o Mercado passou por um grande choque quando os lojistas receberam aviso para deixar suas lojas em 30 dias, pois o Poder Pblico queria construir no espao outro tipo de empreendimento, voltado para a hotelaria e o ramo de shopping centers. Isso mobilizou no s os mercadores que teriam que abandonar seu comrcio, como tambm os moradores da regio, os frequentadores e cidados de Belo Horizonte. Depois de muita luta o Mercado permaneceu com suas caractersticas originais que fazem parte do imaginrio afetivo da cidade, sendo tambm um ponto turstico e de encontro de grande importncia para a cidade de Belo Horizonte e seus moradores. O Mercado Distrital do Cruzeiro est mais vivo do que nunca, enfatiza Josiane, presidente do Mercado. Atualmente so 50 lojistas atuando aqui, no existe mais nenhuma loja vaga, o que razo de orgulho para todos ns. Segundo Josi, como conhecida, h um caso de amor entre os mercadores, o estabelecimento e os fregueses. O que nos diferencia o tom prximo que temos com nossos clientes, muitos deles vimos crescer, muitos viraram amigos e muitos at vm de bairros mais distantes s para conviver com o clima familiar do nosso Mercado , complementa ela.

    Servio
    40 anos do Mercado do Cruzeiro
    De 05 a 14 de dezembro.
    MERCADO DISTRITAL DO CRUZEIRO
    Endereo: Ouro Fino, 452. Cruzeiro, Belo Horizonte
    Telefones para contato: (31) 3223-7844/3284-0709
    Entrada Franca


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________




    ___________________________


    Clique para conhecer

    ___________________________


    Clique para conhecer

    ______________________________

    Clique para conhecer

    ______________________________
    Clique para conhecer
    ______________________________
    Clique para conhecer
    ______________________________

         
     
    Clique e envie-nos 

seu e-mail