Clique e 

envie-nos seu e-mail Volta para a página inicial Clique e conheça Clique e acompanhe-nos 

no twitter Página do 

Programa João Carlos Amaral Entrevista Canal no youtube Clique e 

envie-nos seu e-mail Clique e 

envie-nos seu e-mail Volta para a página inicial Clique e conheça Clique e acompanhe-nos 

no twitter
___________________________


___________________________
Clique para conhecer
___________________________


__________________________


__________________________

__________________________


______________________________
Clique para conhecer
______________________________
Clique para conhecer
______________________________

Sinapro MG
______________________________
Clique para conhecer
______________________________
Clique para conhecer



+ Categorias

  • Todos (16300)
  • POLTICA (5929)
  • GERAL (2057)
  • ARTIGOS (285)
  • ENTREVISTAS (36)
  • ECONOMIA (3754)
  • GENTE (1210)
  • TURISMO (842)

  • + Links
    + Arquivos

    Fevereiro, 2006
    Maro, 2006
    Abril, 2006
    Maio, 2006
    Junho, 2006
    Setembro, 2006
    Julho, 2006
    Agosto, 2006
    Novembro, 2006
    Outubro, 2006
    Janeiro, 2007
    Dezembro, 2006
    Fevereiro, 2007
    Maro, 2007
    Abril, 2007
    Maio, 2007
    Outubro, 2007
    Junho, 2007
    Julho, 2007
    Agosto, 2007
    Setembro, 2007
    Dezembro, 2007
    Novembro, 2007
    Janeiro, 2008
    Maio, 2008
    Fevereiro, 2008
    Maro, 2008
    Julho, 2008
    Abril, 2008
    Junho, 2008
    Setembro, 2008
    Agosto, 2008
    Outubro, 2008
    Novembro, 2008
    Dezembro, 2008
    Janeiro, 2009
    Fevereiro, 2009
    Maro, 2009
    Abril, 2009
    Maio, 2009
    Junho, 2009
    Julho, 2009
    Agosto, 2009
    Setembro, 2009
    Outubro, 2009
    Novembro, 2009
    Dezembro, 2009
    Novembro, 2012
    Janeiro, 2010
    Fevereiro, 2010
    Maro, 2010
    Abril, 2010
    Maio, 2010
    Junho, 2010
    Julho, 2010
    Agosto, 2010
    Setembro, 2010
    Outubro, 2010
    Novembro, 2010
    Fevereiro, 2011
    Maro, 2011
    Abril, 2011
    Maio, 2011
    Junho, 2011
    Julho, 2011
    Agosto, 2011
    Setembro, 2011
    Outubro, 2011
    Novembro, 2011
    Dezembro, 2011
    Janeiro, 2012
    Fevereiro, 2012
    Maro, 2012
    Abril, 2012
    Maio, 2012
    Junho, 2012
    Julho, 2012
    Agosto, 2012
    Setembro, 2012
    Outubro, 2012
    Dezembro, 2012
    Agosto, 2015
    Janeiro, 2013
    Fevereiro, 2013
    Maro, 2013
    Abril, 2013
    Maio, 2013
    Setembro, 2015
    Junho, 2013
    Julho, 2013
    Agosto, 2013
    Setembro, 2013
    Julho, 2016
    Outubro, 2013
    Novembro, 2013
    Dezembro, 2013
    Janeiro, 2014
    Fevereiro, 2014
    Maro, 2014
    Abril, 2014
    Maio, 2014
    Junho, 2014
    Julho, 2014
    Agosto, 2014
    Setembro, 2014
    Outubro, 2014
    Novembro, 2014
    Dezembro, 2014
    Janeiro, 2015
    Fevereiro, 2015
    Maro, 2015
    Abril, 2015
    Maio, 2015
    Junho, 2015
    Julho, 2015
    Outubro, 2015
    Novembro, 2015
    Dezembro, 2015
    Janeiro, 2016
    Fevereiro, 2016
    Maro, 2016
    Abril, 2016
    Maio, 2016
    Junho, 2016
    Agosto, 2016
    Setembro, 2016
    Outubro, 2016
    Novembro, 2016
    Dezembro, 2016
    Janeiro, 2017
    Fevereiro, 2017
    Maro, 2017
    Abril, 2017
    Maio, 2017
    Junho, 2017
    Julho, 2017
    Agosto, 2017
    Setembro, 2017
    Outubro, 2017
    Novembro, 2017
    Dezembro, 2017
    Janeiro, 2018
    Fevereiro, 2018
    Maro, 2018
    Abril, 2018
    Maio, 2018
    Junho, 2018
    Julho, 2018
    Agosto, 2018
    Setembro, 2018
    Outubro, 2018
    Novembro, 2018
    Dezembro, 2018
    Janeiro, 2019
    Fevereiro, 2019
    Maro, 2019
    Abril, 2019
    Maio, 2019
    Junho, 2019
    Julho, 2019




    .

    __________________________________________________________
    Domingo, Janeiro 31, 2010

    Novas renovaes e outorgas de rdio e TVs.

                                 O Dirio Oficial da Unio publicou esta semana novas outorgas 
                                                      e renovaes para Rio Grande do Sul, 
                                                             Santa Catarina, Mato Grosso, 
                                             Mato Grosso do Sul, Piau, Amap e Roraima.

                                 
                                                              Ministro das Comunicaes,
                                                                    senador Hlio Costa

    Duas cidades do Amap e uma do Mato Grosso receberam, conforme publicao do Dirio Oficial desta sexta-feira, 29 de janeiro, outorgas para funcionamento de retransmissora de televiso e rdio FM.
    Em Oiapoque e Amap (AM), os sinais de televiso sero gerados pela TV Amaznia, instalada em Macap. Em Tangar da Serra (MT), a programao ser fornecida pela TV mega, da capital paulista.
    O Ministrio das Comunicaes renova tambm a permisso da Rdio FM Concrdia, que transmite em frequncia modulada para a cidade de Trs Lagoas, no Mato Grosso do Sul. Tambm publica extrato de contrato com a geradora de televiso Farol Radiodifuso, de Rio Grande, no Rio Grande do Sul, com prazo de validade de 15 anos.
    Na quarta-feira 26, foi publicado no Dirio Oficial o extrato de contrato com o Governo do Estado do Mato Grosso, para que a Assemblia Legislativa transmita sinais de televiso por 15 anos para a capital, Cuiab, com finalidade educativa.
    Na tera-feira 25, o Ministrio oficializou o contrato com a FM Comunicao, do municpio de Ascurra, Santa Catarina. O Piau recebeu nova retransmissora de televiso na capital, Teresina.  Tambm foi publicado no Dirio Oficial o documento de transferncia de permisso da Fundao Social e Cultural, de Roraima para a empresa Buritis Comunicaes.Eider Moraes / ASCOM / Ministrio das Comunicaes


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Janeiro 31, 2010

    Programa Joo Carlos Amaral Entrevista.

                                                                     Neste domingo 22 horas
                                                                       na TV REDE SUPER
                                                                    canal 23 na NET em BH.




    O entrevistado deste domingo
    no meu "Programa Joo Carlos Entrevista"
    o subsecretrio de Desenvolvimento Urbano de Minas,
    RMULO VIEGAS.

     

    O "Programa Joo Carlos Amaral Entrevista"
     vai ao ar na TV  REDE SUPER,
    canal 23 da NET,
     todo domingo s 22 horas,
    com reprise s segundas-feiras s 13h30m.



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Janeiro 31, 2010

    Assemblia de Minas volta do recesso nesta segunda-feira, dia 1 de fevereiro, s 20 horas.

                                           Assembleia retoma trabalhos nesta segunda-feira (1/2);
                                secretrio vai ler balano de aes do Governo de Minas em 2009

                                               
                                                       Deputado Alberto Pinto Coelho,
                                                    presidente da Assemblia de Minas,
                                        recebe o secretrio de governo, Danilo de Castro,
                                         que vailer mensagem dogovernador Acio Neves
                                             na primeira reunio da Assemblia neste ano.

    Nesta segunda-feira, dia 1 de fevereiro, a Assembleia retoma os trabalhos legislativos. Na Reunio Solene, s 20 horas, no Plenrio, o presidente da ALMG, deputado Alberto Pinto Coelho (PP) instalar oficialmente a 4 Sesso Legislativa Ordinria da 16 Legislatura.
    Tambm na reunio, o secretrio de Estado de Governo, Danilo de Castro, representando o governador Acio Neves, l a mensagem do Executivo com o balano as atividades do Governo de Minas em 2009.
    Na tera-feira (2) ocorre a primeira Reunio Ordinria de Plenrio, quando sero oficialmente recebidas as mensagens do Executivo que encaminham nove vetos a proposies aprovadas em 2009 e doze projetos de lei (PLs) do governador, a serem examinados pelos parlamentares. H ainda um projeto de autoria do Tribunal de Contas do Estado (TCE).
     


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Janeiro 31, 2010

    SURPRESA!!! Vem a mudana na Secretaria de Defesa Social, em MInas.

                                           
                                              Surpresa!!!O advogado Maurcio Campos Jr.
                                              pediu para siar da Secretaria de Defesa Social,
                                              para cuidar de interesse pessoais, profissionais.   
          
                                          
                                                              Jarbas Soares foi sondado...
                                                                para o lugar de Maurcio

    Mais 20 outros auxiliares do governador Acio Neves saem do governo at maro para disputar cargos eletivo sem outubro.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Janeiro 31, 2010

    Sucesso em Minas. Deu no DATAFOLHA.

    img1.jpg

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Janeiro 29, 2010

    Lixo em Energia. Prefeito de Montes Claros, Luiz Tadeu Leite, do PMDB, foi Califrnia, EUA. Viu, gostou e vai levar a novidade ambientalmente correta para o norte de Minas. Notcia enviada ao nosso BLOG pelo jornalista Fabiano Fagundes, assessor da prefeitura de MOC. Confira.

                                                             Nova usina poder queimar
                                                            e transformar lixo em energia

     
                               A primeira dama, Stela e prefeito de Montes Claros, Luiz Tadeu Leite.
                                                O casal aproveitou as frias nos Estados Unidos
                                                              para visitar usina na Califrnia.

    A atual administrao vai intensificar os esforos no sentido de instalar uma usina de combusto de lixo em Montes Claros, na tentativa de encontrar destino correto para os resduos, na cidade. No incio de janeiro, o prefeito Luiz Tadeu Leite, acompanhado da primeira-dama e presidente da Associao de Promoo e Ao Social (APAS), Stela Gleide Martins Leite e, ainda do filho, Luiz Tadeu Martins Leite (Tadeuzinho), visitou na Califrnia, Estados Unidos, a usina mantida pela empresa Covanta Stanislau, que queima e transforma o lixo em energia.
    A inteno viabilizar projeto semelhante em Montes Claros, acabando com os transtornos atuais do setor e, ainda, gerando renda e empregos populao local e regional.
    O projeto montes-clarense prev usina com capacidade para absorver e queimar o lixo produzido em Montes Claros e em grande parte das cidades do Norte de Minas. A unidade poder comprar a cerca de R$ 25,00 a tonelada do lixo de cidades localizadas num raio aproximado entre 100 e 150 quilmetros.
    O processo de queima dos resduos tambm pe fim aos insetos, aves de rapina e ao mau cheiro, atualmente registrados em todos os municpios, que encontram, dificuldades para construir aterros sanitrios.
    A usina seria viabilizada pelo municpio, atravs da iniciativa privada, sem nus para a Prefeitura de Montes Claros. Durante entrevista coletiva Imprensa, esta semana, o prefeito enfatizou que nos Estados Unidos existem mais de 50 usinas semelhantes da Califrnia e que, caso seja viabilizada em Montes Claros, a unidade seria a primeira do Brasil, podendo servir de exemplo para todo o pas. "
    O processo no to complicado e consiste na coleta do lixo que, aps queimado, se transforma em energia, sem registro de mau cheiro, insetos, urubus ou outras aves que so atradas pelos dejetos", afirmou o prefeito, lembrando que os aterros j esto ultrapassados e que o destino correto do lixo um dos grandes desafios das administraes pblicas, em todo o mundo.
    Em Montes Claros, na administrao passada, foi iniciado um projeto para instalao de usina semelhante que custaria, atravs da iniciativa privada, cerca de R$ 50 milhes. Entretanto, a primeira etapa da licitao foi barrada pelo Tribunal de Contas da Unio (TCU) e agora, segundo o prefeito Luiz Tadeu Leite, todo o processo deve ser retomado.
    "Estivemos no Colorado e verificamos os resultados positivos da usina de combusto. Vamos intensificar esforos no sentido de viabilizar unidade semelhante em Montes Claros", afirmou o prefeito, reforando que a medida poderia resultar, ainda, em maior gerao de renda para cidades vizinhas, que venderiam o lixo, encontrando soluo para um dos maiores problemas enfrentados na atualidade.




                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Janeiro 29, 2010

    Dia 13 de fevereiro comea a mudana para a CIDADE ADMINITRATIVA Tancredo Neves. J a inaugurao do prdio da SEDE DO GOVERNO ser dia 4 de maro, data em que Tancredo Neves, que d nome Cidade Administrativa faria 100 anos.

                                             
                                           
    O governador Acio Neves anunciou, nesta quinta-feira (28), que no dia 13 de fevereiro comea a mudana das secretarias e rgos estaduais para a Cidade Administrativa do Estado de Minas Gerais. Os primeiros servidores sero transferidos no dia 22 de fevereiro. Ele tambm confirmou que o complexo de prdios que abrigar toda administrao direta do Estado ser inaugurado no dia 4 de maro, data em que o ex-presidente Tancredo Neves, que d nome Cidade, completaria cem anos de nascimento.
    "Nesses ltimos 60 dias, quando o tempo permitiu, a obra andou numa velocidade extraordinria e me d condies, hoje, de anunciar o incio do processo de transferncia da administrao pblica do Estado de Minas Gerais para a nova Cidade Administrativa", afirmou, aps uma reunio com representantes dos consrcios responsveis pela obra e com a direo da Companhia de Desenvolvimento Econmico de Minas Gerais (Codemig), que gerencia a obra.

    Estrutura para servidores
    O governador afirmou que no dia 18 de fevereiro toda a estrutura de transporte e alimentao estar funcionando para atender os servidores estaduais, inclusive as linhas de nibus que ligaro a estao do metr Vilarinho Cidade Administrativa, de forma gratuita para os servidores.
    "J acertamos com a BHTrans o incio, na quinta-feira aps o Carnaval, da circulao das novas linhas de nibus que havero de alimentar o terminal Vilarinho e a Cidade Administrativa. Tambm os nibus circulares comearo a circular logo aps o Carnaval ligando a estao Vilarinho Cidade Administrativa, esses, nibus gratuitos para os servidores", explicou.
    Acio Neves garantiu que j os primeiros funcionrios que sero transferidos iro encontrar toda estrutura necessria para trabalhar com conforto. 
    "Durante todo processo, foram tomadas todas as cautelas, todas as precaues para que no houvesse desconforto, ao contrrio, estou absolutamente seguro de que os servidores, que aqui vierem trabalhar - calculamos algo em torno de 15 a 16 mil servidores no momento em que finalizarmos a mudana -, vo trabalhar com maior conforto, com maior estmulo, com maior mobilizao e, portanto produziro mais para o Estado", destacou. 

    Cronograma de mudanas 
    Para garantir maior comodidade para os servidores, a transferncia ser feita de forma gradual, entre fevereiro e outubro, com uma mudana mensal de 1.800 a 1.900 servidores. O servio de transporte ser aumentado gradativamente na medida em que os servidores forem transferidos. J a alimentao e outros servios estaro completamente em funcionamento at o final de abril. 
    A Secretaria de Governo, Gabinete Militar do Governador, Ncleo Estado para Resultados, Secretaria de Planejamento e Gesto, Governadoria, Vice-Governadoria e todos os rgos do Sistema Estadual do Meio Ambiente (Sisema) sero os primeiros a se transferirem para a Cidade Administrativa, entre os dias 13 e 28 de fevereiro.
    O governador explicou que cada servidor receber um folheto com explicaes sobre o local exato em que vai trabalhar e um crach que dar acesso Cidade Administrativa. Nos primeiros dias de trabalho, haver funcionrios nos diversos prdios para ajudar os servidores que tiveram dvida.

    Vetor Norte 
    Acio Neves destacou que a transferncia da estrutura do Governo para a Cidade Administrativa ir impulsionar o desenvolvimento da Regio Norte de Belo Horizonte.
    "Acho que dentro de dez, quinze anos, os mineiros vo perceber que a Cidade Administrativa, alm de garantir uma eficincia e economia enorme ao de governo, vai tambm permitir o redirecionamento da nossa capital para onde ela tem que crescer, que para a regio central do Estado, portanto para o seu Vetor Norte", afirmou. 

    Economia e Circuito Cultural
    O governador tambm ressaltou que a mudana tambm trar outros impactos importantes para a populao de Belo Horizonte que, j em fevereiro, ganhar o Circuito Cultural Praa da Liberdade, que ser instalado nos prdios que antes abrigavam a estrutura administrativa do Governo.
    "Aqueles prdios defasados, que no tinham mais condies, inclusive por serem tombados pelo Patrimnio Histrico, de receber cabeamento, computadores, enfim, instrumentos para a moderna gesto, vo se transformar em espaos culturais, em museus, em cafs, em teatros, enfim, em espaos de convvio. E o prprio Palcio da Liberdade integrar agora de forma mais definitiva esse espao", explicou. 
    Acio Neves tambm lembrou que a concentrao das secretarias e rgos estaduais na Cidade Administrativa ir gerar uma economia anual de R$ 85 milhes.
    "Minas ganhar um instrumento de enorme eficincia para a sua gesto e uma economia de mais R$ 85 milhes anualmente em despesas de transporte, de telefonia, de correspondncia dentre tantas outras e o incio do processo de desenvolvimento da nossa cidade", afirmou. 
    Aps a reunio, o governador visitou Auditrio Presidente Juscelino Kubitschek, que conta com quatro mil metros quadrados e j est pronto, e tambm vistoriou os outros prdios do complexo.

                                                Cronograma de mudanas das secretarias 
                                            e rgos estaduais para a Cidade Administrativa

    22 de fevereiro
    Secretaria de Estado de Planejamento e Gesto (Seplag)
    Secretaria de Estado de Governo (Segov)
    Gabinete Militar do Governador
    Ncleo do Programa Estado para Resultados 

    Final de fevereiro
    Secretaria de Estado de Meio Ambiente
    e Desenvolvimento Sustentvel (Semad)
    Governadoria
    Vice-Governadoria 

    Final de maro
    Ipsemg
    Indi
    Secretaria de Estado
     de Desenvolvimento Econmico (Sede) 

    Final de abril
    Polcia Civil
    Polcia Militar
    Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds)
    Corpo de Bombeiros 

    Final de maio
    Secretaria de Estado de Cultura (SEC)
    Secretaria de Estado de Fazenda (SEF)
    Minas Gerais Participaes 

    Final de junho
    Secretaria de Estado de Transportes
    e Obras Pblicas (Setop)
    Deop
    DER
    Secretaria de Estado Extraordinria
     para o Desenvolvimento
     dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri
     e do Norte de Minas (Sedvan)

    Secretaria de Estado Extraordinria
    para Assuntos de Reforma Agrria (Seara)
    Secretaria de Estado de Educao (SEE)
    Loteria Mineira
    Secretaria de Estado de Cincia,
    Tecnologia e Ensino Superior (Sectes)
    Instituto de Geocincias Aplicadas
    Unimontes
    IMA
    Ruralminas

    Final de agosto
    Secretaria de Estado de Agricultura,
    Pecuria e Abastecimento (Seapa)
    Secretaria de Estado de Sade (SES)

    Final de setembro
    Advocacia Geral do Estado
    Auditoria Geral do Estado
    Ouvidoria Geral do Estado
    Secretaria de Estado de Esportes
    e da Juventude (Seej)
    Fundao Caio Martins
    Secretaria de Estado de Turismo (Setur) 

    Final de outubro
    Prodemge
    Secretaria de Estado
    de Desenvolvimento Regional
    e Poltica Urbana (Sedru)
    Detel
    Cohab
    Secretaria de Estado
     de Desenvolvimento Social (Sedese)

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________
    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Janeiro 28, 2010

    Mudanas na composio da Assemblia. suplentes deixaro as vagas, com o retorno dos titulares.

    Com as mudanas na composio do secretariado mineiro, quatro suplentes que hoje exercem mandato na ALMG devero retornar as vagas para os efetivos. A substituio, no entanto, depende da comunicao oficial dos efetivos direo do Parlamento, que pode acontecer ainda nesta quinta (28). Com o retorno do deputado Agostinho Patrs Filho, deixar a vaga o suplente Juarez Tvora (PV).

    Outros trs ex-secretrios pertenciam mesma coligao eleitoral em 2006. Com a volta de Marcus Pestana, Gustavo Corra e Dilzon Melo, deixam a Assembleia os suplentes Ronaldo Magalhes (PV) - ex-PSDB, Vanderlei Jangrossi (PP) e Rmolo Aloise (PSDB). O primeiro suplente da coligao, deputado Irani Barbosa (PMDB), no perder a vaga, uma vez que a secretria de Estado Extraordinria para o Desenvolvimento dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri e do Norte de Minas, deputada Elbe Brando (PSDB), decidiu permanecer no Executivo.



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Janeiro 28, 2010

    REFORMA no secretriado. Saem os primeiros quatro que vo disputar as eleies este ano. Dia 5 de fevereiro o governador anuncia a sada de mais 20. Uma surpresa: o secretrio de Defesa Social , Maurcio Campos, que no ser candidato, decidiu que vai deixar o governo - tudo indica que antes do carnaval.

                                                      

                                                            FALA GOVERNADOR!!!

    Como j havia anunciado anteriormente, amanh, ns estaremos fazendo a substituio dos secretrios de Estado que deixam seus cargos para concorrer s prximas eleies. Ns estaremos substituindo cinco secretrios de Estado, so exatamente aqueles que se candidataro s eleies.
    E at o prximo dia 5, portanto, at o final da prxima semana, ns estaremos anunciando a substituio de outros 20 integrantes do governo, em torno de 20 integrantes do governo que esto na diretoria de empresas pblicas, em cargos de subsecretrios, para o qual ns precisamos de um tempo maior para acomod-los do que para fazer substituies que permitam ao governo manter o mesmo nvel de atividade, o mesmo vigor, a mesma disposio at o ltimo dia. Portanto, eu passo a anunciar agora quais sero os novos secretrios e aqueles que deixam os seus cargos.

                                                      
                                                           Vereador Alberto Rodrigues,
                                                                        de BH, agora
                                                                o secretrio de Esportes.

    Na Secretaria de Esportes e da Juventude, deixa o deputado Gustavo Corra o cargo e assume o radialista Alberto Rodrigues. Na verdade, tambm uma homenagem aos cronistas esportivos de Minas Gerais, uma homenagem Cmara de Vereadores de Belo Horizonte que o tem como um dos seus mais experientes parlamentares.
    Na Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social deixa o deputado Agostinho Patrus, do Partido Verde, para assumir a ex-reitora da Universidade Federal de Minas Gerais e diretora da Unesco, doutora Ana Lcia Gazzola, um extraordinrio nome que vem trazer nvel, experincia a essa rea to relevante do governo. J era uma vontade antiga minha poder ter a doutora Ana Lcia conosco no governo e ela, hoje filiada ao PSB, assume, portanto, essa posio no governo para muita alegria pessoal do governador.

                                                     
                                                             Ex-deputado e ex-prefeito
                                                                  de Poos de Caldas, 
                                                              Sebastio Navarro Vieira
                                                                      deixa a COHAB 
                                                                 e vai para a Secretaria
                                                           de Desenvolvimento Regional.

    A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional e Poltica Urbana, ocupada at agora pelo deputado Dlzon Melo, ser ocupada, a partir de amanh, pelo ex-deputado, ex-prefeito de Poos de Caldas e at ento presidente da Companhia de Habitao do Estado, ex-deputado Sebastio Navarro Filho, um dos mais respeitados homens pblicos de Minas Gerais, tambm extremamente experiente e recoloca tambm os Democratas no primeiro escalo do governo, j que o deputado Gustavo Corra pertencia a esse partido e deixa a pasta de Esportes. 


                                                     
                                                    Antonio Jorge era adjunto de Pestana.
                                               Agora o titular da rea de sade em Minas.

    Na Secretaria de Estado da Sade, ns, depois de uma intensa avaliao, optamos por manter no cargo, agora como titular, o atual secretrio-adjunto, doutor Antnio Jorge de Souza Marques, filiado ao PPS, partido presidido aqui pelo companheiro Roberto Freire, que me acompanha nessa entrevista.
    O doutor Antnio Jorge, ele tem conhecimento profundo das aes da Secretaria de Sade, temos desafios enormes esse ano, evitar a epidemia de Dengue, processos amplos de vacinao e ele me parece o mais qualificado para que no haja interrupo seja nos programas de Sade da Famlia, no ProHosp e inmeras outras aes e obras desenvolvidas pela secretaria. um quadro hoje do PPS que tem sido desde a primeira hora um dos principais aliado deste governo, parceiro em todos os momento, mesmo antes da minha prpria eleio, na construo da nossa aliana. Portanto, uma homenagem tambm que fao a esse parceiro de primeirssima hora. 
    Quero anunciar ainda na rea da sade que, para alegria minha, assumir como secretrio-adjunto outro grande nome da rea de sade de Minas Gerais, doutor Vagner Eduardo Ferreira, que diretor da Faculdade de Cincias Mdicas e ex-diretor do MG Transplantes, um homem com extraordinria experincia nessa rea e que dividir, portanto, com o secretrio Antonio Jorge a responsabilidade e conduzir uma rea to complexa como a rea da sade que, felizmente, em Minas Gerais, tem tido avanos importantes.
    E por ltimo, deixa a Advocacia Geral do Estado, Dr. Bonifcio Andrada que advogado geral da Unio, prestou servios extraordinrios, tambm, ao Estado. Um nome respeitado dentro e fora de Minas Gerais. Ele assume importante posto, j que promovido foi, na Procuradoria Geral da Repblica em Braslia e assume o atual advogado geral adjunto, Dr. Marco Antnio Rebelo Romanelli, como tambm um quadro histrico do Estado, extremamente respeitado e qualificado. 
    Como vocs podem ver, conseguimos, pelo menos no primeiro escalo do governo e espero nos escales secundrios, manter o mesmo nvel de qualificao, manter o mesmo equilbrio partidrio que nos sustentou at aqui e tenho certeza que o governador Antonio Anastasia, que assumir o governo a partir do final do ms de maro, encontrar uma equipe extremamente motivada, agindo de forma sinrgica na busca do cumprimento de todos os objetivos pactuados no incio desse ano. Se temos uma marca neste governo, a marca da responsabilidade no cumprimento dos objetivos pactuados.
    Portanto, acredito que com essa equipe renovada, e com os novos membros que sero anunciados at o final a prxima semana repito: presidentes, dirigentes de empresa e subsecretrrios de Estado , complementaremos essa composio que ser conduzida pelo vice-governador Antonio Anastasia at o ltimo dia do nosso governo. 

                                                     
                                                                   Ex-reitora da UFMG,
                                                                     Ana Lcia Gazolla
                                                                        vai para o lugar
                                                       do deputado Agostinho Patrus Filho
                                                              na Secretaria de Ao Social.


    Essa indicao da Ana Lcia Gazzola, que do PSB, pode ter algum reflexo na composio de aliana do Anastasia, j que ele que vai ser governador e ela vai integrar o governo?
    Ela muito prxima do vice-governador, muito prxima a mim, um quadro poltico respeitadssimo no Estado. Como disse, em relao a ela, j gostaria de t-la tido no governo anteriormente. Ela assumiu um cargo na Unesco, fora do Brasil, e no pode aceitar o nosso convite. Est extremamente entusiasmada, e o PSB um partido que sempre esteve na nossa base de apoio desde a minha primeira eleio, sempre participou do governo.
    E a minha expectativa que possa continuar conosco no desafio de eleger o Dr. Antonio Anastasia, at porque a identidade entre ela e entre os demais membros do PSB com o nosso governo imensa.
    Hoje vou ficar apenas com esse anncio. Apenas satisfazendo a sua curiosidade final, o secretrio Maurcio Campos, por questes absolutamente pessoais, pediu tambm a sua substituio.
    S que como ele no candidato, estamos marcando essa sua substituio um pouco mais adiante. Ele um quadro, tambm, respeitadssimo no Brasil, uma das grandes lideranas da rea de defesa social no Brasil.
    Ns buscaremos, ali, de forma harmoniosa tambm, uma substituio que no interrompa o exitoso trabalho hoje feito na defesa social em Minas Gerais. Mas essa uma questo para ser resolvida um pouco mais adiante, provavelmente ainda antes do carnaval. A seu pedido.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Janeiro 27, 2010

    Genial Steve Jobs colocou no mundo da internet o seu TABLET.

                                             Jobs revelou, finalmente, o to esperado tablet da Apple: iPad


    Da srie:
    UMAFOTO VALE POR MIL PALAVRAS.
    Jobs revelou, finalmente,
     o to esperado tablet da Apple: iPad


    Home Screen



    The Home Screen gives you one-tap access to everything on iPad. You can customize your Home Screen by adding your favorite apps and websites or using your own photos as the background. And you can move apps around to arrange them in any order you want.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Janeiro 27, 2010

    COUROMODA em Nova Serrana vendeu quase 1 milho de pares.


                                                               Couromoda 2010 abre portas
                                                       para um ano que promete ser aquecido

                                                 
                                                                           Foto arquivo.

    O grande movimento de lojistas que visitou o estande coletivo das empresas caladistas de Nova Serrana durante a Couromoda 2010, realizada entre os dias 18 e 21 de janeiro, indica, na opinio dos expositores, que o ano que acaba de comear vai ser muito diferente de 2009. A expectativa das 70 marcas do polo que os quatro dias de feira tenham rendido vendas de 900 mil pares. Entre os lanamentos estavam sandlias, botas country com pedrarias e metais, calados esportivos e rasteiras.

                                            


    De acordo com o presidente do Sindinova Sindicato Intermunicipal da Indstria do Calado de Nova Serrana , Ramon Alves Amaral, a variedade de calados produzida no polo e a qualidade alcanada pelas empresas tm sido o grande diferencial das marcas de Nova Serrana. "Nosso polo tem sido responsvel por produzir cada vez mais calados de qualidade com preo competitivo. por isso que em Nova Serrana no podemos falar de crise. Nossa participao na Couromoda rendeu bons negcios para os expositores e lojistas, o que mostra que o ano de 2010 vai ser novamente um ano de crescimento", avaliou Amaral.
    Para o diretor da Ibizza, Ademir Souza, a participao na Couromoda vai garantir empresa 1 ms de produo, o que equivale a 18 mil pares de calados. "Fechamos pedidos para So Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paran e Santa Catarina, entre outros estados. Muitos desses compradores so novos, o que promete vendas futuras e a ampliao da cartela de clientes", disse Souza. Entre os lanamentos, cuidadosamente pesquisados na Europa e nos Estados Unidos, esto botas de montaria e country, alm da linha conforto e scarpins.
    H 28 anos comprando de Nova Serrana, o lojista Geraldo Rolim Tavares, da Extra Calados (MA), acompanha a evoluo dos calados e garante que o que o consumidor procura nos pontos de venda a unio da qualidade com o bom preo.
    "Quando penso em qualidade, oferta variada e preo competitivo no posso deixar de pensar em Nova Serrana. por isso que compro das empresas do polo h tanto tempo. Durante a feira, devo comprar cinco mil pares, deixando o restante das compras para a Nova Serrana Feira e Moda, feira realizada no polo no ms de maro", explicou o lojista.
    Para abastecer os cinco pontos de vendas que possui na capital do estado, Rolim comprou sapatnis, tnis, sandlias e rasteiras.
    "Os Femininos so os produtos que giram mais rpido e Nova Serrana tem se mostrado um bom polo de compras para este nicho de mercado" , revelou.
    Assessoria de comunicao Institucional
    Jornalista Responsvel: Juliana Lorenzato
    (31) 8471.7742
    juliana@sindinova.com.br


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Janeiro 26, 2010

    Fala vice-governador!!!

                                                                           Assuntos:
                                                                          Copa 2014,
                                                                        inauguraes,
                                                                        Eleies 2010
                       
              
                                               O vice-governador prof. Antonio Anastasia, 
                                                    assume o governo de Minas em abril,
                                                         mas j colocou o p na estarada.

                                                                   Amanh, quarta-feira 
                                                        vai com o governador Acio Neves 
                                                       inaugurar o Aeroporto de Capelinha
                                                        e a Caratinga inaugura um hospital.


    As viagens que o senhor vai fazer amanh com o governador; um ponto de partida da campanha?
    No. J fizemos vrias viagens ao longo desses ltimos anos e amanh vamos continuar fazendo. Ns vamos a Capelinha, inaugurar o Aeroporto, a Caratinga, inaugurar o hospital; como eu disse h pouco, ns temos obras, felizmente, em todo o Estado; e o governador como deixa o cargo no final de maro, natural que ele queira inaugurar o maior nmero de obras possvel, que so obras realizadas no seu governo.
    Ento, vou acompanh-lo, como vice-governador, e tambm como coordenador do Estado para Resultados, que acompanhei essas obras, para verificarmos no s essa entrega mas tambm novas reivindicaes  que naturalmente surgiro das lideranas polticas, comunitrias, das cidades a serem visitadas.
    Isso vai ser constante?
    Vai ser. O governador j anunciou vrias viagens; estamos montando a agenda, j temos vrias outras marcadas ainda esta semana tambm.
    O PSDB tem criticado muito o presidente Lula pelo fato de ele estar viajando para inaugurar obras, fazendo vistorias, enfim, ao lado da pr-candidata Dilma Roussef. O senhor no acha que essa pode ser uma crtica tambm dos adversrios polticos do senhor por conta desse anncio de 30 viagens?
    As situaes me parecem diferente. O que o PSDB nacional tem criticado o tom de comcio eleitoral feito em eventos federais. Nos eventos realizados em Minas, vocs so testemunhas disso, no h clima de anncio de comcio, de prvia eleitoral. So viagens administrativas; uma prestao de contas daquilo que foi realizado. Ento eu acho que os ambientes so bem distintos.
    O senhor preside o Ncleo da Copa, como vai ser o acompanhamento dessas obras?
    O acompanhamento intensivo, como, alis, temos feito ao longo das outras obras do Estado. Como se trata de uma obra que tem um prazo determinado pela Fifa e um caderno muito rgido, ns constitumos uma equipe slida, tcnica, para fazer o acompanhamento; um grupo maior que envolve tambm aes da Prefeitura de Belo Horizonte e ns estamos realizando esse acompanhamento, a par e passo, ou seja, dia a dia. Eu acredito que estamos no prazo, estamos ento por enquanto tranquilos, e satisfeitos com os resultados obtidos at agora.
    Est se aproximando o prazo da definio dos candidatos, como o senhor est; est animado para essa possvel, eventual candidatura?
    Tem que aguardar. Naturalmente, como dizia no ano passado, j houve uma evoluo dos fatos; a deciso do governador, de sua candidatura ao Senado; a sugesto do meu nome publicamente, pelo prprio partido, mas as definies, volto a dizer, at em respeito a legislao , s vo se dar mais adiante.
    O que ns temos um compromisso muito forte agora realizar essa obra administrativa e quando o governador deixar o Governo, agora, no final do ms de maro, incio de abril, eu o sucedendo, de acordo com a norma constitucional dar prosseguimento de maneira muito tranquila ao mandato. Estou sempre otimista, como alis minha caracterstica e muito animado com as perspectivas de Minas Gerais que felizmente um Estado que vem andando muito bem ao longo dos ltimos sete anos.
    E as pesquisas, o governador disse que est animado...
    Claro, no momento em que meu nome lembrado, ainda que no seja candidato declarado, e vem subindo ao longo das outras pesquisas e essa j chegou a 17% natural que um reconhecimento ao trabalho que vem sendo feito e claro um conhecimento maior tambm que vai sendo adquirido.
    Agora, vocs vo fazer umas 30 viagens at a sada do governador?
    O governador, como eu disse, como ele deixa o Governo no final de maro, incio de abril, ele quer fazer inaugurao de centenas de obras que ns realizamos ao longo desse tempo. Ento, natural que isso ocorra.
    Eu vou acompanh-lo em muitas dessas para que o governador colha os frutos dessas belas inauguraes que vem realizando ao longo desses ltimos sete anos. So muitas obras, amanh mesmo, em Capelinha e Caratinga; na quinta-feira j estaremos novamente no interior do Estado para novas inauguraes; sexta-feira, Jequitinhonha e Claudio; semana que vem iremos ao Tringulo Mineiro e depois Zona da Mata j esto marcadas.
    E o senhor muda quando para a Cidade Administrativa
    Juntamente com o governador, na data da mudana oficial. Vai o governador, o vice-governador a Secretaria de Governo e a de Planejamento, num primeiro momento. A data vai ser definida pelo governador, aparentemente, nessa prxima visita que ele far l, ainda nessa semana. Mas a data exata ainda no est definida.
    O senhor o presidente do Comit Gestor da Copa. J d para vislumbrar mesmo o conjunto de obras acontecendo?
    J d para vislumbrar porque as obras j comearam. A obra do Independncia e da Arena do Jacar j esto em franco andamento; aqui no Mineiro, se iniciam agora; ns estamos dentro do cronograma, muito satisfeitos com o que vem acontecendo. Ento, ns estamos otimistas, seguindo aquilo que foi planejado no incio, ou seja, Belo Horizonte ter, certamente, o mais belo, o mais preparado e o mais eficiente estdio para receber a Copa do Mundo em 2014.
    o pontap inicial para a modernizao do Mineiro. Estamos preparados?
    Muito preparados, muito otimistas, com um planejamento muito firme, acreditamos que ns estamos cumprindo totalmente o Caderno de Encargos e teremos, certamente, um estdio muito bem preparado, apto a receber, como disse o governador Acio, a abertura da Copa do Mundo.
    Camarote; teremos arquibancadas chegando at o gramado, ento vai ser no estilo europeu mesmo?
    Estilo europeu. O escritrio do arquiteto Gustavo Penna fez uma obra belssima, um belo projeto, e tenho certeza que o Mineiro no ficar a dever. Ao contrrio, ficar em p de igualdade com os melhores estdios do mundo.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Janeiro 26, 2010

    Acio informa: sai Gustavo Correa, entra Alberto Rodrigues...

    Governador anuncia
    o nome do novo secretrio
    de Esportes e Juventude.


                                                            

                                                            


                                              

                                                                                     Vererador Alberto Rodrigues
                                                                            o novo secretrio de Estado de Esportes.

    Ver galeria de fotos

    Contedo Relacionado

    Governador autoriza incio das obras do Estdio Mineiro

    Governador Acio Neves inicia obras do Mineiro

    udio da entrevista do governador Acio Neves

    Entrevista do governador Acio Neves durante autorizao do incio das obras no estdio Mineiro

    Transcrio da entrevista do vice-governador Antonio Anastasia durante autorizao do incio das obras de modernizao do Mineiro

    O governador Acio Neves anunciou, nesta segunda-feira (25), que o jornalista e vereador de Belo Horizonte, Alberto Rodrigues, ser o novo secretrio de Estado de Esportes e Juventude. Ele substituir o atual chefe da pasta, Gustavo Corra. O anncio foi feito durante a solenidade de autorizao das obras de reforma do estdio Magalhes Pinto (Mineiro), visando a Copa do Mundo de 2014.

    "Estou confirmando hoje o nome do cronista esportivo, o jornalista Alberto Rodrigues para assumir a pasta de Esportes. uma homenagem que fazemos queles que dedicam sua vida, ou dedicaram sua vida ao esporte, ao futebol mineiro. Alberto Rodrigues foi o primeiro narrador do Mineiro, est na ativa at hoje, tem muita sensibilidade para as demandas dos clubes, enfim, do esporte como todo e ter l uma equipe extraordinria ao seu lado, a comear pelo subsecretrio Rogrio Romero, nosso atleta olmpico", disse Acio neves, em entrevista.

    O governador tambm adiantou que, ainda nesta semana, anunciar a substituio de outros secretrios, atendendo prazos e exigncias da Lei Eleitoral. Segundo ele, os novos secretrios de Estado tomaro posse nesta quinta-feira (28).

    "At na quarta-feira, completarei o anncio dos nomes dos secretrios. No vou confirmar nenhum ainda porque faltam ainda algumas conversas. Existem especulaes, mas depois de amanh, no Palcio da Liberdade, comunico quais so os secretrios que substituiro os deputados que retornam Assembleia Legislativa", afirmou.

    Currculo 

    Filiado ao PV, o jornalista Alberto Rodrigues est no seu segundo mandato como vereador de Belo Horizonte. membro da Comisso Permanente de Sade e Saneamento da Cmara Municipal.

    Iniciou sua carreira como radialista na rdio Imbiara em 1958, na cidade de Arax, no Alto Paranaba. Teve passagem por diversas rdios de Belo Horizonte como Minas, Inconfidncia e Itatiaia, onde ainda atual como narrador esportivo.


     

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Janeiro 25, 2010

    HOJE o DIA DO CARTEIRO. Nossos parabns categoria!!!

                                               
                                                            Carlos Henrique Custdio,
                                                              presidente dos Correios
                                                                 e o presidente Lula
                                                         em solenidade em SoPaulo
                                            que reconheceu o brilhante trabalho de Custdio,
                                                     indicado pelo ministro Hlio Costa
                                                               frente dos Correios,
                                                 aonde os carteiros tm papel fundamental.

                                              
                                                                  Fernando Miranda,
                                                   diretor regional dos Correios em Minas.


    Os Correios realizam durante a prxima semana, em todo o Brasil, uma srie de eventos alusivos ao Dia do Carteiro, comemorado no dia 25 de janeiro, em referncia data de criao do Correio-Mor no Brasil, em 1663. Os carteiros representam a principal categoria profissional da empresa, presente em todos os municpios brasileiros. 
    Para atender a um pas com dimenses continentais como o Brasil, e fazer a entrega dos 8,3 bilhes de objetos por ano, a ECT possui em seus quadros 56.242 carteiros, o que representa mais da metade do efetivo de 108.620 mil empregados. Desse total, 5.738 so mulheres. Juntos, eles percorrem por dia cerca de 397 mil quilmetros. O Estado com o maior nmero de carteiros So Paulo, seguido por Rio de Janeiro e Minas Gerais. 
    Em Minas, sero mais de 6 mil parabns
    Mais de 6 mil carteiros circulam, diariamente, pelas ruas de Minas Gerais, realizando a entrega de 3,5 milhes de objetos postais, entre cartas e encomendas. So cerca de 5,3 mil homens e quase 700 mulheres, que trabalham nos mais de 150 centros e unidades de distribuio da empresa no Estado. Para homenagear esses profissionais, que atuam na distribuio domiciliar, na direo dos veculos e motos, na gesto das unidades e em tantas outras reas da empresa, a Direo dos Correios em Minas promove evento na capital no prximo dia 30/01. 
    Escolhido como empregado-smbolo da ECT, o carteiro a face mais visvel da empresa junto populao, sendo recebido com cordialidade e carinho em cada residncia que visita. Boa parte da credibilidade alcanada pela ECT junto populao deve-se confiana que os brasileiros depositam nos carteiros. 
    Para que estes profissionais possam desempenhar sua atividade com segurana e qualidade, os Correios possuem equipes destinadas a pesquisar constantemente melhorias das condies de trabalho. Como resultado, h vrios anos a ECT fornece aos carteiros treinamento e equipamentos especiais, como bolsa, calado, bon, culos de sol, protetor solar e uniforme adaptado s condies climticas de cada regio do Pas. 
    Os carteiros, alm da distribuio das correspondncias, so tambm responsveis pela difuso de importantes campanhas de conscientizao da populao e promoo da cidadania. Podem ser citadas as campanhas j realizadas de incentivo ao combate dengue, aleitamento materno, doao de sangue e de medula ssea e Papai Noel dos Correios. Atuam, tambm, em aes para melhoria de suas condies de trabalho, como na campanha de conscientizao para a correta instalao das caixas receptoras de correspondncias, fora do alcance de ces, para garantir tanto a integridade dos carteiros quanto a dos objetos postais. 
    Curiosidades 
    Alm de ser um personagem presente no cotidiano de cada cidado brasileiro, o carteiro tambm faz parte da histria do Pas. O mensageiro Paulo Bregaro entregou a D. Pedro I, no dia 7 de setembro de 1822, correspondncia da Imperatriz Leopoldina informando sobre novas exigncias de Portugal com relao ao Brasil. Ao receb-la, s margens do Riacho do Ipiranga, D. Pedro reagiu s imposies da Corte e declarou no ato a Independncia do Brasil, associando assim os Correios a um dos mais importantes momentos brasileiros. 
    As palavras do Conselheiro Jos Bonifcio de Andrada e Silva ao recomendar pressa na entrega dessa correspondncia ainda hoje sintetizam o trabalho responsvel do carteiro: "Arrebente e estafe quantos cavalos necessrios, mas entregue a carta com toda a urgncia".  Por seu feito, Paulo Bregaro o patrono dos Correios.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Janeiro 25, 2010

    Comea a valer hoje a Nova Lei do Inquilinato. Matria muito boa pinada da revista VEJA desta semana.

                                HOJE, dia 25 de janeiro de 2010, entra em vigor a nova Lei do Inquilinato (8.245/91). Entre as novidades, est o limite de 45 dias para o inquilino deixar a residncia em caso de despejo. O dono do imvel, por sua vez, passar a ter mais garantias de pagamento do aluguel, o que pode diminuir o pedido por fiadores. Confira a seguir as principais mudanas no assunto.
    1. Que prazo o inquilino passa a ter para deixar o imvel alugado, segundo a nova lei?
    Esse um dos pontos que mais chama a ateno na nova lei. Antes, o inquilino podia protelar a devoluo do imvel por at trs anos. Agora, isso ocorrer em no mximo 45 dias. A ao ter de ser resolvida em primeira instncia na Justia: em 15 dias dever ser concedida a ordem de despejo. O inquilino ter, ento, 30 dias para sair do imvel antes, o prazo era de seis meses. A lei igual para imveis comerciais ou residenciais.
    2. O dono do imvel pode pedir o imvel de volta quando bem entender?
    No. O proprietrio s pode pedir o imvel de volta em situaes especficas, como atraso de pagamento (independente da causa da inadimplncia) ou quando o inquilino infringir uma das obrigaes previstas no contrato de locao. O inquilino tambm corre risco de despejo caso fique sem fiador ou outras formas de garantia de pagamento.
    3. Se o proprietrio receber uma oferta maior pelo imvel e decidir despejar o inquilino, este dever ser indenizado?
    Apenas se o contrato de locao ainda estiver em vigor. Neste caso, o proprietrio dever pagar uma multa para o inquilino estipulada pela Justia. Os responsveis pelo pagamento so o proprietrio e o novo locador. Caso o contrato tenha acabado, o dono do imvel no obrigado a renov-lo. A nova lei diz que o inquilino pode, no mximo, tentar cobrir a proposta para evitar a perda da locao.
    4. O inquilino pagar multa se quiser sair antes do trmino do contrato?
    Sim, como ocorria antes. Porm, agora, o valor da indenizao passa a ser proporcional ao tempo que falta para o fim do contrato.
    5. Quais as novidades em relao ao fiador?
    Em contratos sem garantia fiador ou seguro-fiana , o inquilino que deixar de pagar o aluguel poder ser obrigado a sair do imvel em 15 dias. Com essa nova garantia, muitos proprietrios devero abrir mo da exigncia de um fiador, facilitando a locao. A nova lei diz ainda que o fiador poder deixar o contrato, caso haja separao do casal de inquilinos, morte do locatrio ou ao fim do prazo inicial do contrato. Nesse caso, o fiador continuar responsvel pela fiana durante o perodo de 120 dias aps a notificao do locador. O inquilino tem o mesmo prazo para apresentar novo fiador.
    6. Quem deve pagar o IPTU?
    A nova lei permite que o proprietrio entre em acordo com inquilino para que este arque com essa espesa.
    7. O inquilino de um imvel comercial pode repassar o ponto para um terceiro?
    No. A nica pessoa autorizada a fazer transaes com o imvel o proprietrio ou a imobiliria, se assim o proprietrio preferir.
    8. O preo do aluguel vai baixar devido a nova lei?
    Especialistas apostam que sim. As novas regras devem provocar um aumento na oferta de novos aluguis: nesse caso, o mercado obedecer lei de oferta e procura.
    9. Contratos assinados antes de a nova lei entrar em vigor sero alterados por ela?
    No. A nova lei vai reger contratos feitos a partir do dia 25 de janeiro de 2010.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Janeiro 25, 2010

    HOJE.


    Governador Acio Neves
    autoriza incio das obras
    de modernizao do Mineiro


    O governador Acio Neves autoriza, nesta segunda-feira (25), o incio imediato das obras de modernizao do Estdio Governador Magalhes Pinto, o Mineiro, uma das sedes dos jogos da Copa do Mundo em 2014. A reforma ser dividida em trs etapas e estar concluda at dezembro de 2012.
    A primeira etapa das obras prev intervenes para correo de imperfeies, como reforo na estrutura das bases de susteno e cobertura do estdio. Na segunda etapa, sero feitas escavaes e demolies e, na terceira etapa, as demais intervenes previstas, como rebaixamento do campo e novos vestirios.
    Desta forma, o cronograma de obras permitir a manuteno dos jogos dos campeonatos Mineiro e Brasileiro no Mineiro at o incio da segunda etapa de obras, previsto para junho de 2010.
    No segundo semestre, quando comear a segunda etapa das obras e o Mineiro estiver fechado ao pblico, os jogos dos campeonatos Mineiro e Brasileiro sero transferidos para os estdios Raimundo Sampaio, o Independncia (Belo Horizonte) e Henrique Nogueira (Nogueiro), mais conhecido como Arena do Jacar (Sete Lagoas). Os dois estdios tambm esto passando por reforma completa para oferecer melhor infraestrutura e segurana a atletas e torcedores.


    Servio:
    Evento: Autorizao de incio de obras de modernizao do Mineiro
    Local: Mineiro, Belo Horizonte
    Data: 25/01/2010Horrio: 15 horas


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Janeiro 22, 2010

    FALA GOVERNADOR!!!

                                      

                                                                 Assuntos: Eleies 2010,
                                                                       segurana pblica
                                                                  e subestao de energia

    O senhor falou que as ideias que devem brigar e no os homens, mas a briga est feia.
    Eu acho que est muito cedo para a campanha esquentar para os ataques pessoais. Eu espero que possamos recolocar o trem nos trilhos, retomarmos os debates sobre projetos, que saudvel para a democracia, e todos ns sabemos o que precisa ser feito no Brasil.
    O que ns temos que apresentarmos que temos as melhores condies para fazer aquilo que ainda no foi feito. Sabemos que o governo do presidente Lula um governo muito bem avaliado e que trouxe avanos importantes para o pas, eu os reconheo. Mas preciso que se reconhea que grande parte desses avanos vieram em razo dos avanos conquistados no governo do presidente Fernando Henrique, como a estabilidade, por exemplo. O mundo no foi, e o Brasil principalmente, no foi descoberto no ano de 2003.
    H um processo de reconhecimento que precisa ser feito porque acho que, a partir da, faremos uma campanha mais propositiva, mais respeitosa, o que todos ns brasileiros queremos. A democracia que ns conquistamos, e foi uma luta enorme de tantos brasileiros e de muitos mineiros, merece ser aprimorada e acredito que, no momento em que ns fizermos uma campanha em torno de ideias, vamos tambm levar grandes contribuies ao aprimoramento dela. 
    O PAC deve ser mantido ento no prximo governo?
    O PAC uma marca de um conjunto de obras. Acho que o importante no manter a marca. O importante manter as obras que so importantes, so necessrias e que so feitas com planejamento. Os governos do PSDB demonstram isso. Ns no precisamos provar mais nada a ningum. A responsabilidade dos governos do PSDB, seja no nvel nacional, sejam nos nveis estaduais ou municipais, mostram que temos enorme responsabilidade com o dinheiro pblico e isso significa ampliar e melhorar os programas que esto dando certo, inclusive os investimentos, e obviamente no avanar naquilo que no deu certo. Portanto, no se trata de manter uma marca ou um slogan propagandstico, trata-se de manter prioridade e acho que o governo do PSDB ter condies de avanar mais do que vem sendo avanado at agora.
    Como o senhor est avaliando a aproximao do PR, do Clsio Andrade, com o PT aqui em Minas? No est ficando um pouco em cima da hora para comear j fazer alianas para o Anastasia?
    No. Acho que natural que as conversas ocorram e que as lideranas polticas conversem. Mesmo estando em campo diferentes, ns nos relacionamos. Eu me relaciono com figuras importantes do PT, por exemplo.
    No devemos deixar de conversar, mas eu estarei trabalhando no limite das minhas foras para manter ao nosso lado, em torno da candidatura do professor Antonio Anastasia, o conjunto de foras que nos trouxe at aqui porque eles so, inclusive o prprio PR e outros partidos, parte desse xito.
    Se esse governo tem hoje uma aprovao espetacular como tem, isso deve ser creditado tambm ao apoio desses partidos e eu tenho muita confiana de que manteremos, em torno do professor Anastasia, a mesma aliana que me trouxe por duas vezes ao governo do Estado.
    O senhor falou que no sabe que o destino reserva para o senhor no futuro.  Falou agora no discurso. O que que vai definir o destino do senhor?
    O tempo e os mineiros, principalmente os mineiros. 
    O senhor est repensando? 
    No. Absolutamente. Eu quis dizer que o destino quem vai dizer. Qualquer que seja a eleio que disputar e a inteno disputar uma cadeira no Senado, depende dos mineiros me elegerem ou no. No posso antecipar o resultado eleitoral. 

                                                     ESTAR AO LADO DE ANASTASIA:
    Mas a minha disposio total estar ao lado do professor Antonio Anastasia. Temos uma agenda longa de viagens daqui at o carnaval e j h uma extensa agenda durante todo o ms de maro, na ltima semana de fevereiro.
    Pretendo fazer, neste perodo daqui at o final do meu mandato, pelo menos 30 viagens ao lado do professor Anastasia para inaugurarmos um nmero enorme de obras que esto prontas e de alguma forma, tambm, discutir com nossos companheiros, prefeitos, vereadores, parlamentares, lideranas regionais, o futuro de Minas e os projetos que devero ser encaminhados no prximo mandato.

    O senhor poderia repetir a importncia da energia que est sendo gerada aqui?
    Essa uma obra estratgica para o desenvolvimento de Betim. Betim uma cidade, hoje, estratgica no desenvolvimento de Minas Gerais. Talvez seja a cidade que mais cresce hoje no estado e energia um insumo absolutamente insubstituvel para esse crescimento. Ento, desde a necessidade, vamos dizer, domstica at a necessidade comercial e industrial, a Cemig, portanto, est capitalizada hoje para fazer investimentos como esse de altssima qualidade. E tenho certeza que um passo alm para o desenvolvimento dessa regio, da cidade de Betim. 
    Teve um assunto polmico essa semana que foi sobre a reativao da carceragem do 4 distrito. O secretrio de Estado de Defesa Social deu um prazo para a prefeita de 15 dias para ela conseguir um outro imvel. O que pode ser feito nesse caso? 
    Na verdade, houve um impasse que ser superado com dilogo. Acho que o interesse de todos. O que o Estado est aguardando agora que a Prefeitura aponte uma outra rea onde possa ser construda outra delegacia. E vamos construir imediatamente. O importante que existam os recursos. Betim est sendo priorizada. Se houve um desencontro em relao ao local, isso muito pequeno e tem que ser superado rapidamente para que possamos iniciar as obras. O que posso garantir, como governador, que no faltaro recursos para que possamos ver, aqui, essa delegacia especializada na questo do menor.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Janeiro 21, 2010

    Amarlio Andrade do PSC - por 11 vezes presidente da Cmara de Barbacena - apia Acio e Anastasia.

                                                     Fala vereador Amarlio de Andrade!!!

                              
                                Vereador Amarlio
                              diz qua vai caminhar
                               incondicionalmente
                                 com Acio Neves
                                      e Anastasia.

                             

    O vereador Amarlio Andrade (PSC) fez um balano do ano de 2009. Falou de sua preocupao com a cidade, sua dedicao ao Ncleo do Cncer e das eleies de outubro.  

    Como foi o ano de 2009?

    Foi um ano de muito trabalho e pela funo de membro da Comisso de Legislao e Justia e de Redao, apresentei pareceres em 123 projetos de lei de diversas origens e ainda apresentei: 13 Memoriais, 30 Indicaes, 26 Requerimentos e elaboramos 265 Ofcios.
    Por minha iniciativa, trouxemos o Vice-governador, professor  Antonio Augusto  Anastasia cidade para receber o ttulo de Cidado Honorrio, motivado pela sua deferncia com a cidade no governo passado e no atual. Foram vrios convnios e parcerias com a PMB, alm de sua distino para com o Ncleo do Cncer, ao doar uma segunda ambulncia para as atividades da entidade.
      

    Quais iniciativas de 2009 ainda esto em sua pauta?

    Neste momento, j estamos trabalhando para a realizao de trs iniciativas, tomadas ainda em 2009 que so: as comemoraes do centenrio de nascimento do Tancredo Neves e do Chico Xavier e ainda os 50 anos de fundao do Lions Clube. 

    E o Ncleo do Cncer?

    O dia-a-dia da entidade, cuja presidncia exercida pelo major-mdico Jlio Csar Andrade, conta com  o trabalho voluntrios de vrios profissionais, entre os quais, os mdicos: Aldo Peixoto e Renato Vaz de Melo,  j uma rotina. Para seu funcionamento, contamos com duas parcerias importantes, a da Saint-Gobain e da Unimed.  
    A minha atuao, com idealizador e fundador e atuar para viabilizar a construo do Centro de Atendimento Multiprofissional aos Portadores de Neoplasia Malgna. Atuamos em parceria com a Fundao Mrio Penna e diversos profissionais liberais para elaborao do projeto e os entendimentos com o Governo do Estado para a viabilizao de provveis recursos. 
      

    verdade que existem pendncias em relao ao terreno?

    Infelizmente sim. O terreno doado pelos senhores Clodoaldo Dantas Motta e Cludio Valena Motta, numa iniciativa de apreo com a vida do prximo, est com uma pendncia na justia por ocupao indevida e a dificuldade de acesso ao terreno. Quanto ocupao indevida, estamos confiantes na justia e para o acesso, contamos, mais uma vez, com a ajuda dos benfeitores.   

    Como voc v a cidade no tocante s atividades econmicas e produtivas?

    At o ano passado, a cidade no tinha uma lei de incentivo fiscal, que permitisse a doao do terreno e a iseno de tributos fiscais a possveis interessados nas atividades industriais. A lei agora existe e j permite iniciativas junto aos empresrios. Infelizmente ainda limita a cidade, a falta de saneamento.
    No temos esgoto tratado na cidade. Ano passado, elaboramos memorial ao Ministrio das Cidades para a incluso de Barbacena no PAC de Saneamento e infelizmente mais uma vez a cidade ficou de fora, mesmo Minas Gerais tendo sido contemplada com R$ 4,5 bilhes. Recebemos ofcio do Ministro das Cidades, Mrcio Fortes informando que no houve projetos e nem interesse poltico para a cidade ser includa no PAC do Saneamento.
    Independente das atividades industriais, penso que a sociedade precisa tambm mobilizar e redirecionar as vocaes naturais da cidade. Estou disposio todos os dias em meu gabinete. 
      

    E as eleies de outubro prximo?

    Sintonizado com a receptividade e o trabalho desenvolvido pelo Governador Acio Neves, eu e meu grupo poltico, daremos apoio incondicional ao professor Antonio Anastasia na sua postulao em ser reeleito em outubro, j que a partir de abril, ele ser o governador do Estado.
    Em relao ao governador  Acio Neves,  em qualquer opo de cargo, humildemente pretendemos trabalhar por seu nome. Quanto aos deputados, somente queles que estejam dispostos a um compromisso com minha bandeira, que a viabilizao da Construo da unidade para tratamento do cncer na cidade.
      

    Pesa em minha deciso, a orientao do meu partido, o PSC, que apoiar incondicionalmente Acio Neves e Antnio Anastasia. A orientao do presidente da legenda, doutor Vitor Nsseis levantar a bandeira da probidade administrativa. 

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Janeiro 21, 2010

    VICTORY HOTEl de Juiz de Fora contrata um dos mais competentes executivos para sua gerncia financeira: GIO AHMAD.



    Foto arquivo.
    Marcelo Oliveira do resort "guas do Treme"
     e o mais novo contratado do VICTORY HOTEL de Juiz de Fora,
     o competente homem de hotelaria e turismo, GIO AHMAD.
    Gio assumiu a gerncia financeira doluxuoso Victory,
    que fica no bairro So Mateus em JF.
    Desejo sucesso!!!



    Victory Bussiness Hotel
    em Juiz Fora.

     
     

                                


    Nmero total de apartamentos:
    156 apartamentos, sendo:
    13 Apartamentos Jnior
    55 Apartamentos Luxo Solteiro
    46 Apartamentos Luxo Casal
    08 apartamentos Luxo Triplo
    03 Apartamentos Luxo Adaptados
    22 Apartamentos Premium
    10 Sutes Executivas


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Janeiro 20, 2010

    Superintendente do Instituto Mrio Penna de BH,Cssio Resende, vai nesta quinta-feira, a Barbacena.Objetivo: se reunir com o diretor-geral do Hospital Ibibiapaba Luiz Eduardo Grisolia, o presidente do Ncleodo Cncar daquela cidade,o major-mdicoJlio Csar de Andrade eo vereador Amarlio Andrade, criador do Ncleo do Cncer. Confira detalhes.

    O presidente do Ncleo do Cncer de Barbacena,
    o major-mdico da PM, Jlio Csar de Andrade
    e o vereador Amarlio de Andrade, do PSC,
    recebem dia 21, quinta-feira, em Barbacena,
    o superintendente do Instituto Mrio Penna, Cssio Resende.
    Ele vai visitar o terreno aonde o governo do Estado
    vai construir o Hospital do Cncer, prometido
    pelo governador Acio Neves e o seu vice ,
    futuro governador, prof. Anastasia.



    O dr.Cssio Resende
    (a ao lado do dr.Jlio Andrade)
    vai se reunir tambm em Barbacena
    com o dr. Luiz Eduardo Grisolia,
    diretor-geral do Hospital Ibiapaba
     para uma futura parceria do Instituto Mrio Penna
     na implantaode um aparelho de radioterapia
    que est sendo doado ao hospital barbacenense
     pelo Ministrio da Sade
    a pedido do ministro e senador Hlio Costa.



    O vice-governador Antonio Anastasia
    vai receber em audincia, em breve,
    o vereador Amarlio de Andrade
    para tratar a construo
    do Hospital de Cncer em Barbacena.

    O terreno foi doado  ao Ncleo do Cncer,
    pelo advogado barbacenense
     radicado em BH, dr. Claudio Mota,
    filho do octogenrio professor Clodoaldo Dantas Mota,
    diretor e proprietrio
    do extinto Colgio Chrispim Jacques Bias Fortes,
    aonde eu estudei em Barbacena.



     Tratamento do cncer em Barbacena. 
    Nota pinado do site do ministro das Comunicaes, 
     senador Hlio Costa.

    Hospital Ibiapaba/Cebams 
      ter radioterapia 
      no tratamento do cncer
     
     

    Ministro Hlio Costa:
    cerca de 750 mil pessoas
    da regio de Barbacena
    sero beneficiadas.

     
      Dr. Luiz Eduardo Grisolia de Oliverira, 
    diretor-geral do Hospital Ibiapaba


     Os barbacenenses e uma populao regional estimada em 750 mil pessoas vo comear 2010 na expectativa de ver atendida uma necessidade indispensvel no tratamento do cncer. O Hospital Ibiapaba/Cebams se prepara para oferecer o servio de radioterapia. O equipamento, orado em R$ 2,9 milhes, ser adquirido com recursos do Ministrio da Sade, viabilizados pelo ministro Hlio Costa (Comunicaes). A informao foi confirmada, nesta quinta-feira, pelo diretor-geral da instituio, Luiz Eduardo Grisolia de Oliveira. 
    Os entendimentos entre o Ibiapaba e o governo Federal tiveram incio em novembro, quando o diretor-geral do hospital esteve em Braslia. Luiz Eduardo procurou o ministro Hlio Costa, que o levou para um encontro com o ministro da Sade, Jos Gomes Temporo.  
    "O ministro Hlio Costa foi muito feliz ao explicar ao ministro Temporo a necessidade de trazermos para Barbacena o servio de radioterapia. Ns j temos a quimioterapia, a cirurgia oncolgica e os cuidados paliativos para os casos irreversveis. Mas nos faltava a radioterapia para completar esse crculo de tratamento do cncer", detalhou Luiz Eduardo.  "O ministro Hlio Costa tambm destacou o fato de Barbacena ser um plo macrorregional referncia para uma populao de 750 mil pessoas", completou.
    O servio de radioterapia mais prximo de Barbacena e regio feito por hospitais de Belo Horizonte e Juiz de Fora, causando transtornos aos pacientes portadores de neoplasia. "Esse transporte causa mais sofrimento, porque so pessoas j debilitados pela doena, que retornam para suas casas em condies precrias", explicou Luiz Eduardo.  
    Segundo ele, o Hospital Ibiapaba/Cebams j recebeu parecer tcnico favorvel e aguarda apenas a liberao dos recursos federais (R$ 2,9 milhes) para a aquisio do equipamento.
    "O ministro Hlio Costa tem se mobilizado pessoalmente junto ao Ministrio da Sade para agilizar a aprovao e o repasse desses recursos. Nos resta agora aguardar que esses procedimentos sejam concretizados para, em seguida, assinarmos o convnio e providenciarmos a abertura de licitao para a compra do aparelho de radioterapia", informou Luiz Eduardo. 



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Janeiro 20, 2010

    CEMIG vai disputar hidreltrica de Belo Monte no Par.

    Cemig confirma participao
    em leilo para hidreltrica no Par




    Wellington Pedro/Imprensa MG
    Presidente da Cemig, Djalma Morais, vice-governador Antonio Anastasia e o governador Acio Neves
    Presidente da Cemig, Djalma Morais, vice-governador Antonio Anastasia e o governador Acio Neves


    O governador Acio Neves se reuniu nesta tera-feira (19), no Palcio da Liberdade, em Belo Horizonte, com o presidente da Cemig, Djalma Morais, e com o vice-governador Antonio Anastasia, para discutir o planejamento da empresa para 2010. Entre os projetos debatidos est a usina hidreltrica Belo Monte, no Par, que dever ter edital de licitao lanado nos prximos meses.
    Djalma Morais destacou que a Cemig ir participar da disputa.
    "Vamos participar. Vamos estar presentes. O governo federal vai lanar o edital, talvez no prximo ms, e vamos ver em que consrcio vamos estar presentes", explicou, aps a reunio com o governador.
    A hidreltrica de Belo Monte uma obra do Programa de Acelerao do Crescimento (PAC) e ter capacidade para gerar 11 mil megawatts para o sistema eltrico nacional.
    Luz para Todos e gasoduto
    Durante a reunio, o governador tambm discutiu o lanamento da terceira etapa do programa Luz para Todos, que deve promover 50 mil novas ligaes eltricas nas reas rurais do Estado, totalizando 280 mil ligaes.
    Outro projeto importante da Cemig para este ano o gasoduto no Sul de Minas, construdo em parceria com a Petrobras, e que j est em fase de testes. Com investimentos de R$ 133 milhes da Cemig, atravs da Gasmig, o novo gasoduto dever ser inaugurado nos prximos meses. Segundo Djalma Morais, a expectativa que o fornecimento de gs no Sul de Minas atraia importantes empreendimentos para a regio.
    O governador e o presidente da Cemig tambm acertaram a inaugurao, nesta sexta-feira (22), de duas subestaes de energia nas cidades de Betim, na Regio Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), e Cludio, na regio Centro-oeste do Estado. As obras receberam investimentos de R$ 30 milhes


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Janeiro 19, 2010

    FESTIVAL DE CINEMA de Tiradentes comea dia 22,prxima sexta-feira.



    Comea na sexta-feira (22) a 13 edio da Mostra de Cinema de Tiradentes. A programao inclui a exibio de 128 filmes, 29 longas e 99 curtas. Dentre eles, alguns trabalhos inditos em Minas como Cabea a Prmio de Marco Ricca, Natimorto de Paulo Machline, Insolao de Daniela Thomas e Felipe Hirsch, e A Falta que Me Faz de Marlia Rocha.
    O diretor de Madame Sat e O Cu de Suely, Karim Anouz, o homenageado da mostra. Na abertura ser exibido Viajo porque Preciso, Volto porque te Amo, feito por Anouz e Marcelo Gomes, encabeando o tema do evento Os paradoxos do cinema contemporneo no Brasil. 


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Janeiro 19, 2010

    Pinado da coluna do nosso amigo Elder Marinho do jornal O Tempo,de BH.

    Arquivo pessoal
    O ex-prefeito de Congonhas
     e ex-deputado estadual Gualter Monteiro,
    que aniversaria nesta tera-feira.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Janeiro 19, 2010

    Incluso Digital

    Minas Gerais
    recebe dois prmios nacionais
    nas reas de incluso digital e social




                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Janeiro 19, 2010

    Ateno!!!






                                       
                                                Preo do lcool chega a subir 16,8%
                                                 na regio Norte de Belo Horizonte

    O preo do lcool combustvel (etanol) voltou a subir fortemente em Belo Horizonte entre dezembro de 2009 e janeiro de 2010, com impacto diferente nas diversas regies da cidade. O aumento foi menor em postos da Regio Centro-Sul de BH (3,88%), mas chegou a 16,8% em estabelecimentos da Regio Norte.
    Considerando ainda a gasolina comum, o leo diesel e a gasolina aditivada, o aumento mdio dos combustveis nos postos da Capital, em geral, foi de 2,15%. Os ndices foram registrados em pesquisa realizada pelo Procon Assembleia entre 13 e 14 de janeiro de 2010.
    Foram pesquisados os valores praticados em 61 postos de combustveis das regies Centro-Sul, Oeste, Leste, Noroeste, Nordeste e Norte da Capital. A comparao entre os preos de dezembro e janeiro, no entanto, levou em conta apenas 25 estabelecimentos que foram pesquisados nos dois meses.
    Constatou-se que o preo do litro de etanol varia de R$ 1,717 a R$ 2,099 nos locais pesquisados. No caso da gasolina comum, o preo est entre R$ 2,229 e R$ 2,599. A gasolina aditivada variou entre R$ 2,349 e R$ 2,899. O diesel, por fim, apresentou preos entre R$ 1,829 e R$ 2,120.
    O preo mdio do lcool foi de R$ 1,944. J o preo mdio da gasolina foi de R$ 2,396. Considerando esses valores, continua vantajoso para os motoristas mineiros abastecer com gasolina, em vez de lcool. Dividindo-se o preo do etanol pelo da gasolina, o resultado de 0,81. Para o lcool ser vantajoso, o resultado deveria ser igual ou menor que 0,70.


    Responsvel pela informao: Assessoria de Comunicao - www.almg.gov.br



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Janeiro 19, 2010

    Banda Larga...

                                   

                                           
    Universalizar a Banda Larga 
                                meta para 2010, diz ministro Hlio Costa

    O ministro das Comunicaes, Hlio Costa, afirmou, em Braslia, que a principal meta do ministrio para 2010 levar a internet em banda larga a todo o Pas. "O principal desafio para o setor agora est lanado: a banda larga. Temos o ano todo para realmente fazermos o Plano Nacional de Banda Larga vingar. Temos conscincia de que impossvel fazer tudo em um ano, mas ns vamos comear."

    O ministro explicou que o Plano Nacional de Banda Larga deve ser encarado como um projeto para o Pas. "O prximo governo, seja ele qual for, certamente fica na obrigao de continuar a implantao de um plano que tem como objetivo chegar a todo o territrio nacional com essa ferramenta hoje indispensvel em qualquer meio social", salientou.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Janeiro 19, 2010

    Lei sancionada pelo governador Acio Neves. Iseno de IPVA sem restrio de potncia do carro.

                                            

                                                             Ampliada iseno de IPVA 
                                                       para veculo adquirido por deficiente

    Lei sancionada na sexta-feira amplia o alcance da iseno do IPVA no caso de veculos adquiridos por pessoas com deficincia. At ento, a iseno alcanava apenas veculo novo com at 127 HP de potncia bruta. A partir de agora, o benefcio ser estendido ao veculo adaptado, sem a limitao a veculo novo e sem a restrio de potncia.
    Com a mudana, sero includos entre os beneficirios aqueles que tm menor poder aquisitivo e podem adquirir apenas veculo usado; e a iseno do IPVA, antes restrita ao exerccio em que se d o primeiro emplacamento, ser estendida aos demais. A Lei 18.726 origina-se do Projeto de Lei (PL) 2.123/08, do deputado Walter Tosta (PMN), aprovado pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais em 2009.
    Durante a anlise do projeto pela Assembleia, a Comisso de Fiscalizao Financeira e Oramentria destacou que, no universo de 6 milhes de veculos registrados em Minas, somente 4.504 pertencem a portadores de deficincia. Sendo assim, a perda de receita relativa ao imposto no arrecadado insignificante, nada representando no Oramento do Estado.
    Emenda apresentada durante a tramitao tambm isenta do IPVA os veculos usados para transporte escolar prestado por cooperativa ou sindicato ou ainda contratado pela prefeitura, individualmente.
    A iseno abrange o veculo de motorista profissional autnomo mesmo "gravado com o nus da alienao fiduciria, ou em sua posse em decorrncia de contrato de arrendamento mercantil ou leasing por ele celebrado". De acordo com a norma anterior, a iseno restringia-se ao motorista profissional autnomo contratado pela prefeitura; no havia meno situao do veculo; e era explicitado que o transporte era na zona rural ou desta para a zona urbana, o que no ocorre mais na nova lei. 

                                                     Retroatividade dos efeitos da nova lei
                                                             recebe veto do governador

    A Lei 18.726 altera os incisos III e XVII do artigo 3 da Lei 14.937, de 2003, que dispe sobre o Imposto sobre a Propriedade de Veculos Automotores (IPVA), com as alteraes realizadas pela Lei 17.247, de 2007. A nova norma foi publicada com veto ao artigo 2, que estabelece que a nova regra ter efeitos retroativos a 28/12/07. Esse veto parcial incidiu sobre a Proposio de Lei 19.624, nome e nmero que o PL 2.123/08 recebeu aps ter a tramitao concluda na Assembleia e ser remetido ao governador.
    Nas razes do veto, o governador argumenta que o Estado teria que restituir o imposto pago, relativamente aos exerccios de 2008 e 2009, aos contribuintes que estivessem enquadrados nas hipteses de iseno. Segundo o Executivo, a medida resultaria em um prejuzo financeiro da ordem de R$ 8,8 milhes no que se refere ao transporte escolar, sem que haja qualquer compensao, como exige a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), que estabelece normas de finanas pblicas voltadas para a responsabilidade na gesto fiscal.
    O Executivo alega ainda que 50% do IPVA arrecadado pelo Estado imediatamente repassado ao municpio de emplacamento do veculo. Como se trata de devolver imposto j recolhido e repassado, o Estado teria que deduzir os valores dos futuros repasses, o que causaria impacto nas contas pblicas.
    Tramitao do veto - A partir de 1 de fevereiro, o veto ser lido em Plenrio e distribudo a uma comisso especial para, em 20 dias, receber parecer, a ser submetido apreciao do Plenrio. No total, a Assembleia tem 30 dias, contados a partir do recebimento da comunicao do veto, para decidir se o mantm ou no. A votao secreta e em turno nico. A rejeio do veto depende do voto da maioria absoluta dos deputados, ou seja, de 39 votos contrrios.

     
     
     


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Janeiro 19, 2010

    Uma biblioteca por andar... no Tribunal de Justia de Minas.

                                         LEITURA - Desembargadores da 2 Cmara Cvel criaram biblioteca no Anexo II do TJMG
                                                    Desembargadores da 2 Cmara Cvel 
                                                  criaram biblioteca no Anexo II do TJMG

    Foi lanado, em dezembro de 2009, no Tribunal de Justia de Minas Gerais (TJMG), o projeto cultural "Uma Biblioteca por Andar", que disponibiliza para os servidores livros que no tenham contedo jurdico, com o intuito de incentivar a leitura.

    Segundo o desembargador Roney de Oliveira, j existe uma grande biblioteca jurdica disposio de todos para incentivar queles que no tm condies de adquirir um exemplar. "Agora, estou disponibilizando parte do meu acervo de obras literrias para compartilhar com outras pessoas o prazer da leitura", comenta o magistrado.

    Para o presidente da 2 Cmara Cvel, o objetivo conseguir a adeso de outras cmaras para que seja montada uma biblioteca em cada andar.

    A biblioteca, recm inaugurada, est localizada no 11 andar do Anexo II, sob a superviso da secretria da 2 Cmara Cvel, Christianne Lanza. "Quem tiver interesse em algum livro pode me procurar. A biblioteca conta com obras que abordam diversos temas, como humor, poesia, dicionrio, bblia, dentre outros", convida a secretria.

    Assessoria de Comunicao Institucional - Ascom
    TJMG - Unidade Gois
    (31) 3237-6568
    ascom@tjmg.jus.br



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Janeiro 19, 2010

    Presidente Lula vai hoje a Juiz de Fora na zona da mata. Nota pinada da Tribuna de Minas.



    Lula inaugura em JF 1
    termeltrica flex do mundo

    O Brasil d hoje mais um passo na busca por fontes alternativas de gerao de energia, com a inaugurao, em Juiz de Fora, da primeira termeltrica bicombustvel do mundo. O presidente Luiz Incio Lula da Silva chega hoje cidade para a solenidade que marcar a converso da usina termeltrica de Juiz de Fora (UTE JF) para operao com etanol.



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Janeiro 19, 2010

    Fala vice-governador!!!



                                 
                                                                          Assuntos:
                                     Inauguraes de trechos do Proacesso em Angelndia,
                                                                         Aricanduva,
                                                                      Leme do Prado
                                                               e Jos Gonalves de Minas

    O Proacesso j uma realidade em vrios municpios carentes aqui do Vale do Mucuri... 
    uma verdade. J temos hoje cerca de 140 municpios mineiros com o Proacesso pronto. Hoje vamos inaugurar quatro trechos na regio do Mucuri/Jequitinhonha e muito importante porque sabemos que o asfalto muito mais do que o conforto, a qualidade de vida, a oportunidade que aquela cidade pequena tem de seu crescimento, para trazer riquezas, para gerar empregos, desenvolvimento.
    O Choque de Gesto em Minas, que exemplo para todo o pas, se o senhor for eleito governador, o que o senhor pretende fazer, o que o senhor pode dizer para a populao?
    Ns ainda estamos longe da definio de quem ou quem no candidato. Mas eu acredito que qualquer pessoa de bem, com bons propsitos deva pretender dar continuidade ao governo, o governo Acio Neves, que um governo extremamente aplaudido e mais do que isso, que tem apresentado resultados concretos e efetivos a favor da populao de Minas Gerais.
    A partir de abril, o governador deixa o Palcio da Liberdade e eu assumo o cargo, com muita honra, de governador de Minas Gerais, dando continuidade a esses programas e projetos e claro que com todo o compromisso de desdobrar essas aes. Acredito que Minas Gerais, hoje, tem uma realidade muito diferente daquela que tinha alguns anos atrs. Hoje ns temos uma auto-estima muito alta, ns temos indicadores de que Minas Gerais tem crescido muito, melhorias firmes em todas as polticas pblicas, segurana, educao, saneamento, me permita citar aqui no Mucuri,
    a questo da Copanor por exemplo, que por si s j bastaria ao governo, pela grande revoluo que foi; temos evoluo na rea da educao, muito expressiva; da infraestrutura, ento nem se diga, o Proacesso, o ProMG, a telefonia celular que levamos aos municpios, ou seja, uma gama de projetos e programas que o Governo de Minas realizou. Ento, naturalmente, estamos felizes ao constatar que a populao de Minas reconhece o xito e o sucesso deste governo. 
    Vice-governador, no seu governo, como ficaria o Proacesso onde ainda h um vazio, um buraco aqui na regio?
    O que ns temos na verdade que h uma lgica em todo o planejamento que o Governo de Minas vem realizando na rea da infraestrutura. O primeiro grande esforo o Proacesso, ligar as sedes dos municpios que no tinham acesso asfltico. O segundo esforo o ProMG, manter as estradas estaduais em boas condies.
    O terceiro esforo, que ns j estamos fazendo os projetos este ano, naturalmente a partir de 2011 iniciaro as obras, so chamados links faltantes, as ligaes faltantes, so exatamente essas, completar esses vazios, unir cidades por caminhos mais prximos, ns temos cerca de 80 trechos em Minas Gerais j considerados prioritrios, dessas chamadas ligaes faltantes, links faltantes; ento o grande esforo que teremos.
    E a quarta etapa, tambm muito importante so das estradas vicinais, estradas municipais que merecem, algumas delas, um tratamento especial com a participao do Governo do Estado porque por ali no s escoa a produo agropecuria, mas tambm uma questo importante de transporte escolar e mesmo de acesso de pessoas que moram na zona rural. Ento h todo um planejamento concebido.
    bom lembrar que o Governo de Minas preparou de maneira muito cautelosa um planejamento at 2023; ns temos indicadores, metas, aes, projetos previstos ano a ano at 2023. Ento, isso significa que independente de nomes, independente de partidos, um planejamento importante; porque no Brasil, infelizmente, no temos esse hbito do planejamento, de conceber o futuro e as naes civilizadas s esto hoje civilizadas porque tiveram no passado, um planejamento robusto a sustentar as aes de governo. 
    O Governo de Minas acaba de lanar projetos sociais, como o Conviver e o Conte com a Gente. Esses projetos tero continuidade com o senhor?
    Todo projeto lanado durante esses mais de sete anos de Governo Acio Neves tero continuidade, ainda mais comigo que como vice-governador e governador a partir de abril coordenao dos programas de governo sob a liderana e orientao do governador Acio Neves.
    Aqui ns temos um programa, se me permite mencionar, que fundamental nessa regio que o programa Travessia, to importante para os municpios, como tambm temos o Poupana Jovem para a juventude. Todos esses programas tem que ter continuidade e contnuo aprimoramento porque a administrao pblica no esttica, ela dinmica; ns temos sempre que nos esforar para melhorar, para aprimorar esses projetos que esto em desenvolvimento.
    O senhor iniciou uma nova perspectiva de vice-governador que parece que hoje at copiado ou pelo menos seguido em outros lugares do Pas, como no Rio de Janeiro, onde o Pezo tem um destaque muito grande na administrao, e tambm no Esprito Santo. Como o senhor v essa perspectiva nova no Brasil de um vice atuante no governo, o senhor acha que isso vai continuar? 
    Acho uma coisa muito positiva. Tive a honra de, ao ser convidado pelo governador Acio Neves, ele me dar a atribuio de coordenar o Programa para Resultados, que exatamente a minha misso administrativa.
    O vice-governador, pela misso constitucional tem a competncia de substituir o governador nas ausncias e impedimentos, mas tambm pode, de acordo com a Constituio, implementar todos os programas que o governador, ou o presidente ou o prefeito lhe atribui.
    Ento, como o vice uma pessoa de confiana que est ali disposto, que j recebe do Errio, nada mais correto que ele tambm trabalhe.
    Acredito que deve haver essa integrao, deve haver esse esforo, acho que esse modelo citado, que funciona em Minas e vrios outros estados e muitas prefeituras colabora tambm para o desenvolvimento e para a harmonia da administrao.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Janeiro 18, 2010

    Escritrio de advocacia mineiro Dcio Freire & Associados o 5 maior do pas. Parabns ao Dcio, campeo de relacionamento e competncia empresarial.

                                               
                                                                      Dcio Freire
    Temos a satisfao de informar aos clientes que, ante o expressivo aumento de demanda nas Regies Norte e Nordeste, tornou-se necessria a instalao de unidades prprias de DCIO FREIRE & ASSOCIADOS nas cidades de Manaus e Teresina.
    J so diversas as empresas que contam, na Regio, com o nosso estilo de trabalho que nos levou, ao final de 2009, mais uma vez, a subir no Ranking dos escritrios Mais Admirados do Pas, nos classificando, atualmente,
    em 5. Lugar, conforme a Anlise Setorial da Advocacia.
    Estamos disposio de nossos clientes nos seguintes endereos, os quais pedimos sejam agendados:
    UNIDADE DF&A MANAUS:
    Av. Djalma Batista, 1661 - Salas 1006/1007
    Bairro Chapada
    - Business Tower/Millennium Center -
    CEP 69050-970 - Manaus/AM
    UNIDADE DF&A TERESINA:
    Av. Jockey Club, 299 - Sala 912 - Jockey Club
    - Ed. Euro Business -
    CEP: 64.049-240 - Teresina PIAgora com 14 unidades prprias no Brasil, todas, com o mesmo estilo focado no resultado para o cliente, aguardamos um contato/visita.
     


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Janeiro 18, 2010

    Hoje, segunda-feria, 13h30m na REDE SUPER canal 23, em BH.

                                                            ASSISTA nesta segunda-feira
                                                    o Programa "Joo Carlos Amaral News"
                                                                         na TV Rede Super.

    HOJE, egunda-feria, 22:00hs
      no meu Programa "Joo Carlos Amaral"
    na TV REDE SUPER, canal 23 - cabo pela NET
    - o meu entrevistado o empresrio Mauro Tunes,
    criador do Museu Inim de Paula.





    No Programa "Joo Carlos Amaral",
     s 22:00 no canal 23, TV Rede Super
    voc vai conhecer o que ,
    o que representa
    e o  que pensa o criador do Museu Inim de Paula,
    hoje um dos melhores do pas.
    O empresrio Mauro Tunes
    deu uma entrevista indita e exclusiva
     falando da trajetria dele como empresrio
     - um dos donos da RM Sistemas,
    que criou junto com seu amigo Rodrigo Mascarenhas.

    A venda empresa para a Totvs
    e deciso dele de investir no mercado de arte
    e devolver para BH,
     terra aonde nasceu,
     um pouco do que a cidade deu a ele...

    Bem o restante e os lances reveladores
    voc poder assistir
    neste domingo
    na REDE SUPER, s 13h30 
    No perca!!!




                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Janeiro 18, 2010

    Colrio. Pinado do HBLOG do nosso parceiro de blogosfera, Hugueney Bisneto de Uberlndia.

                                                                  Carla Vilhena na CULT




                 Colrio


    A jornalista Carla Vilhena foi fotografada por Lo faria e entrevistada por HB.


    Ser capa da prxima edio da revista CULT.


    Aguardem.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Janeiro 17, 2010

    Muito justo.

                                                             Ampliada iseno de IPVA
                                                     para veculo adquirido por deficiente

     
    Lei sancionada na sexta-feira (15) amplia o alcance da iseno do IPVA no caso de veculos adquiridos por pessoas com deficincia. At ento, a iseno alcanava apenas veculo novo com at 127 HP de potncia bruta.
    A partir de agora, o benefcio ser estendido ao veculo adaptado, sem a limitao a veculo novo e sem a restrio de potncia.
    Com a mudana, sero includos entre os beneficirios aqueles que tm menor poder aquisitivo e podem adquirir apenas veculo usado; e a iseno do IPVA, antes restrita ao exerccio em que se d o primeiro emplacamento, ser estendida aos demais.
    A Lei 18.726 origina-se do Projeto de Lei 2.123/08, do deputado Walter Tosta (PMN), aprovado pela Assembleia em 2009.
     


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Janeiro 17, 2010

    EM TEMPO DE SUCESSO em Minas. Para refrescar a memria de ns - eleitores.



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Janeiro 16, 2010

    SOLIDADRIEDADE com as vtimas do terremoto no Haiti. De hoje at dia 22, ( US$ 0,50) do dinheiro arrecadado na venda de cada BIG MAC nas 1.700 lojas do MAC DONALD`S na Amrica Latina ser enviado para os sobreviventes do terrvel terremoto no Haiti. Informao enviada ao nosso BLOG pelo assesor de comunicaodo Mac Donald`s em BH, jornalista Schubert Arajo da Multitexto.


    Arcos Dourados, empresa que opera a marca na Amrica Latina, realiza campanha de arrecadao para a Federao Internacional da Cruz Vermelha e incentiva doaes voluntrias de funcionrios
    A Arcos Dourados, maior operadora de restaurantes da Amrica Latina e responsvel pela gesto das unidades McDonald's na regio, far uma campanha de arrecadao de recursos em prol da Federao Internacional da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho para apoiar os trabalhos de ajuda internacional s vtimas do terremoto ocorrido no Haiti. 

                                                                     POR UMA SEMANA:

    Por uma semana, a partir deste prximo sbado, 16 de janeiro, at o dia 22, todos os mais de 1700 restaurantes operados pela Arcos Dourados em 19 pases da Amrica Latina contribuiro com uma doao equivalente, em moeda local, a US$ 0,50 das vendas de cada sanduche Big Mac, vendido individualmente ou em combinaes promocionais.

    A companhia tambm criou uma conta bancria exclusiva em cada pas para receber doaes voluntrias dos funcionrios de todos os seus escritrios. O valor total doado pelos empregados ser duplicado com uma doao de igual valor feita pela companhia.
    Adicionalmente, os restaurantes da empresa localizados na Martinica e em Guadalupe estaro coletando donativos, como agasalhos e materiais no perecveis, para serem despachados para o Haiti.
    Essas doaes sero realizadas atravs de uma aliana entre a Arcos Dourados, seus franqueados e as representaes locais do Instituto Ronald McDonald.
    Atualmente a Arcos Dourados no opera restaurantes no Haiti, mas emprega dezenas de funcionrios haitianos em outros pases, especialmente no Caribe. Esses funcionrios e suas famlias esto recebendo apoio da empresa. 
    "Como uma companhia que opera em toda a Amrica Latina, a Arcos Dourados tem o compromisso de ajudar aqueles que passam por tragdias to devastadoras em nossa regio", disse Woods Staton, Presidente e CEO da Arcos Dourados. "Esperamos que nossos esforos possam fazer a diferena para a populao do Haiti". 

                                                                Sobre a Arcos Dourados

    A Arcos Dourados a maior operadora de restaurantes da Amrica Latina e a maior franquia McDonald's do mundo. uma companhia latino-americana que opera mais de 1750 restaurantes, 1200 quiosques e 200 unidades de McCaf
    em 19 pases (Argentina, Aruba, Brasil, Chile, Colmbia, Costa Rica, Curaao, Equador, Guadalupe, Guiana Francesa, Martinica, Mxico, Panam, Peru, Porto Rico, Saint Thomas, Saint Croix, Uruguai e Venezuela) e presta servios para outros 10 mercados da regio.
    Possui mais de 100 mil funcionrios que servem a 3,5 milhes de clientes por dia. Mais do que um dos maiores empregadores, a Arcos Dourados reconhecida como uma das melhores empresas para se trabalhar da Amrica Latina.
    A Arcos Dourados tambm opera a Axis, empresa de logstica presente na Argentina, Chile, Venezuela e Mxico, com 500 empregados e 150 clientes.

                                                            Sobre o McDonald's Brasil 
    A marca McDonald's lder no segmento de alimentao fora de casa e conta com 575 restaurantes e 60 unidades de McCaf. Atuando desde 1979 no Brasil, a rede est presente em 140 cidades, localizadas em 22 estados e no Distrito Federal. Em 2008, foram atendidos 1,6 milho de clientes por dia no pas, com faturamento de R$ 3,3 bilhes.
    Esses nmeros garantiram a primeira posio em vendas na Amrica Latina e a oitava posio no ranking global da corporao.
    A empresa uma das maiores empregadoras privadas do Brasil, com mais de 48 mil funcionrios, entre restaurantes prprios e franqueados, e uma das que oferecem mais oportunidades de primeiro emprego.
    Em 2009, a marca foi eleita uma das melhores empresas para se trabalhar pelos dois principais indicadores desse quesito no pas, os guias Great Place to Work/Revista poca e Guia Voc S/A|Exame.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Janeiro 16, 2010

    Hlio Costa adere ao TWITTER. O dele : heliocosta_2010



    O ministro das Comunicaes,
    senador Hlio Costa, PMDB,
    est em viagem aos Estados Unidos,
    mas continua ligado na poltica mineira e brasileira.

    Acaba de aderir onda TWITTER na internet.
    Manda notas de at 140 palavras
    pelo twitter dele: heliocosta_2010.

    Uma das ltimas foi: s especulaes.
    Nas entrelinhas se referia especulao
     de que est cotado
     para ser o vice de Dilma Rousseff
    presidncia da Repblica.
    Mas ele continua mesmo na liderana
     na corrida pelo Palcio da Liberdade,
    aqui em BH.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Janeiro 16, 2010

    TWITTER bomba na Cmara Federal em Braslia. 48% dos 513 deputados usam o twitter. Na Assemblia Legislativa de Minas vrios parlamentares tambm aderiram ao twitter. Anotei os nomes de: Dinis Pinheiro, Jairo Lessa, Sargento Rodrigues, Gustavo Valadares, Eros Biondini, Antonio Jlio... Detalhe: o ministro e senador Hlio Costa acaba de aderir ao twitter: o dele www.twitter.com/heliocosta_2010.(Eu como jornalista poltico estou na rede de twitteiros h seis meses).O meu twitter : www.twitter.com/jcamaralnews

                                                      PT, PSDB e DEM so os partidos
                                                        com o maior nmero de usurios



    Quase metade dos deputados federais j aderiu ao Twitter para divulgar suas propostas, atrair eleitores ou simplesmente aparecer. De acordo com levantamento feito pela prpria Cmara, 48% (247) dos 513 parlamentares da Casa usam a ferramenta virtual. Em outubro, eram 179.
    Proporcionalmente, o PCdoB lder no Twitter. O partido tem 83% dos seus parlamentares usando o programa, entre eles a deputada mineira J Moraes. "As pessoas tm buscado armas mais simples para se comunicar com seus eleitores", diz.
    Ela tem 584 seguidores e afirma postar mensagens diariamente, inclusive diretamente de sesses na Cmara. "Sempre senti uma grande angstia na Cmara devido distncia que os parlamentares de l tm com o eleitorado. Por isso, o Twitter terminou sendo esse instrumento de aproximao com meus eleitores", explica.
    Para a parlamentar, a ferramenta ainda uma forma gil de dar transparncia ao poltica dos membros do Executivo. "Nele (Twitter) voc mais transparente, mais direto, at mesmo pela sntese que ele exige", comenta.
    Depois do PCdoB,o PT o partido com o maior nmero de usurios, levando em conta o tamanho de sua bancada, 67%.
    A pesquisa da Cmara ainda citou partidos como PSDB (61%), DEM (59%), PDT (55%), PSB (54%) e PSC (50%).
    Em nmeros absolutos, os petistas lideram com 52 usurios conectados, seguidos pelo PSDB, 34, e o DEM, 33.
    Polmica. O site ganhou notoriedade entre a classe poltica aps a polmica criada pelo senador petista Aloizio Mercadante (SP).
    No dia 20 de agosto do ano passado, em plena crise vivida pelo Senado Federal, Mercadante postou em sua pgina: "Eu subo hoje tribuna para apresentar minha renncia da liderana do PT em carter irrevogvel".
    No dia seguinte, aps a mensagem ser lida por milhares de internautas, o senador voltou atrs e disse ter decidido permanecer no cargo depois de ter conversado com o presidente Luiz Incio Lula da Silva, revogando a frase postada no Twitter no dia anterior.
    O parlamentar mais popular do Twitter o senador petista Aloizio Mercadante, que seguido por 31.400 usurios.
    Entre os deputados, a campe Manuela D'vila (PCdoB), seguida por 9.500.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Janeiro 16, 2010

    A Revista ISTO desta semana traz as 100 personalidades escolhidas pela excenete publicao como os mais influentes do mundo. Entre eles o governador de Minas, Acio Neves.


    Acio Neves
    Governador de Minas Gerais

    aecio-neves.jpg

    Diz a ISTO:
    Governador mais popular do Brasil, o mineiro Acio Neves, 49 anos, comeou o ano de mangas arregaadas. O esforo para eleger o seu vice, Antonio Anastasia, como o prximo governador de Minas Gerais.
    Para isso, Acio pretende criar uma ampla aliana poltica em torno do nome de Anastasia e, na campanha, compensar com o prprio suor as dificuldades naturais de um candidato que jamais disputou uma eleio.
    A estratgia ser intensificada a partir de maro, quando o governador deve se afastar do cargo e, assim, tornar possvel a sua candidatura, provavelmente ao Senado.
    A sede do governo, nessas alturas, ser a Cidade Administrativa, complexo arquitetnico projetado por Oscar Niemeyer.
    Manter Anastasia no novo palcio at 2014 fundamental para o projeto presidencial de Acio, que tem rejeitado a ideia de este ano integrar a chapa tucana como vice do governador paulista Jos Serra.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Janeiro 16, 2010

    Em Juiz de Fora: convnio entre a Secretaria de Estado de Sade e Polcia Militar.

                                                        

    Marcelo RibeiroCooperao entre a SES e a PM tem o objetivo de fortalecer a ateno  sade oferecida aos militares
                                                           
                                                            Cooperao entre a SES e a PM
                                                  tem o objetivo de fortalecer a ateno sade
                                                       oferecida aos militares e a seus familiares

    A Secretaria de Estado de Sade (SES) e a Polcia Militar de Minas Gerais firmaram convnio, no valor de R$ 2.613.697,28, nesta sexta-feira (15), para a construo do Centro de Especialidades Mdicas em Juiz de Fora, na Zona da Mata.
    De acordo com o secretrio de Estado de Sade, Marcus Pestana, presente na cerimnia de assinatura do convnio, a cooperao entre a SES e a PMMG tem o objetivo de fortalecer a ateno sade oferecida aos militares e a seus familiares.
    "Pela natureza da sua funo, o policial est, cotidianamente, exposto ao risco e a tenso, o que provocam impacto sua sade. Por isso importante, para que ele desempenhe com tranquilidade a defesa da sociedade, uma boa oferta de servio de sade", disse. O secretrio tambm ressaltou que a parceria entre PM e SES j existe desde 2007.
    J o comandante geral da Polcia Militar de Minas Gerais, coronel Renato Vieira de Souza, disse que o centro de especialidades mdicas vai beneficiar cerca de 70 mil pessoas. "Essa clnica vai desafogar o SUS no que se refere aos atendimentos especializados". Ainda segundo o comandante geral, previso que a clnica esteja em funcionamento em um ano.
    Aps finalizado, o centro oferecer especialidades mdicas como ginecologista, cardiologista e ortopedista. Tambm oferecer servios de psicologia e fisioterapia. Alm disso, os usurios podero realizar exames como ultrassonografia, endoscopia e raio X.
    Parcerias
    A parceria entre SES e a Polcia Militar j ocorreu em outros momentos. Em dezembro de 2007, a Secretaria de Sade apoiou a PM durante a capacitao de profissionais militares de sade que atuariam na ateno primria sade oferecida no ento recm- inaugurado Ncleo de Ateno Integral Sade (Nais), do 13 Batalho da Polcia Militar, localizado no bairro Planalto, em Belo Horizonte. J em agosto de 2008 o Hospital Militar de Belo Horizonte (HPM) inaugurou dez leitos de CTI por meio de convnio com a sade estadual.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Janeiro 16, 2010

    VERO ARTE CONTEMPORNEA em BH com participao da gastronomia de 10 restaurantes da capital. O evento Festival Sabor e Arte comea dia 28 de janeiro e vai at 7 de fevereiro.

    Uma das novidades do Vero Arte Contempornea (VAC) 2010 a participao da gastronomia, trazida pela Associao Brasileira de Bares e Restaurantes de Minas Gerais (Abrasel), com o Festival BH Sabor e Arte, que entre os dias 28 de janeiro e 7 de fevereiro vai integrar o calendrio de atraes do evento. Dez dos melhores restaurantes de Belo Horizonte oferecem um menu degustao criado especialmente para o Festival, a preos promocionais. Ione de Medeiros, idealizadora do Vero Arte Contempornea, destaca: "Em uma semana de atividades, o Festival vai propor o olhar e o paladar dentro de uma viso expressiva e esttica da culinria".
    A outra novidade dessa edio a abertura de espao para a literatura, com o Vero Poesia. O VAC 2010 foi aberto no dia 9 de janeiro com "Sonhos de uma noite de Vero", no Teatro do Oi Futuro Klauss Vianna. A apresentao, que rene msica, teatro, moda e artes visuais exemplifica bem o conceito primordial do VAC 2010: a diversidade de linguagens. 


    Vero Arte Contempornea 2010
    Data: De 9 de janeiro a 10 de fevereiro de 2010.
    Ingressos: R$12 (inteira) e R$ 6 (meia)
    Eventos gratuitos: Mostras de filme e alguns espetculos de teatro e dana
    Preos diferenciados:
    Exposio Nove Novos Destinos Inhotim R$ 15 (inteira) e R$ 7,50 (meia)
    Exposio Savoir-Forme Museu Inim de Paula - R$ 5 (inteira) e R$ 2,50 (meia)
    Vero Poesia: Sala Joo Ceschiatti / Palcio das Artes - R$ 2 (inteira) e R$ 1 (meia)
    A Obra: R$ 10 - preo nico 

    Mais informaes:
    www.veraoarte.com.br


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Janeiro 15, 2010

    Nver do empresrio Marcus Nasser no elegante Alphaville.O jantar teve como prato de sustentao uma maravilhosa paella pilotada pelo chef Angel Ignoa, acompanhada de um bom scotch, champagne e vinhos. A cobertura completa na exclente revista VIVER BRASIL de janeiro j nas bancas.

    Fotos by ALFREDO MALAGOLI

      Aniversrio Marcus Nasser por Revista ViverBrasil.
       Aniversrio Marcus Nasser por Revista ViverBrasil.

     
    Aniversrio Marcus Nasser por Revista ViverBrasil.
       

    Aniversrio Marcus Nasser por Revista ViverBrasil.
      
    Aniversrio Marcus Nasser por Revista ViverBrasil.
      
    IMG_Aniversrio Marcus Nasser por Revista ViverBrasil.
      
    Aniversrio Marcus Nasser por Revista ViverBrasil.
      
    Aniversrio Marcus Nasser por Revista ViverBrasil.
      
    Aniversrio Marcus Nasser por Revista ViverBrasil.
      
    Aniversrio Marcus Nasser por Revista ViverBrasil.
      
    Aniversrio Marcus Nasser por Revista ViverBrasil.
      
    Aniversrio Marcus Nasser por Revista ViverBrasil.
       

    Aniversrio Marcus Nasser por Revista ViverBrasil.
      
    Aniversrio Marcus Nasser por Revista ViverBrasil.
      
    Aniversrio Marcus Nasser por Revista ViverBrasil.
      
    Aniversrio Marcus Nasser por Revista ViverBrasil.
      
    Aniversrio Marcus Nasser por Revista ViverBrasil.
     


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Janeiro 15, 2010

    ARTIGO ESPECIAL do administrador de empresas WAGNER GOMES, que est na edio de janeiro da excelente Revista VIVER BRASIL do jornalista Paulo Csar de Oliveira. Vale conferir.

                   O intrincado xadrez poltico


    Tudo isso aqui ocorre,
    porque no existe
    em um nico pas no mundo,
    exceto o Brasil,
    que oferea tamanha rede de proteo
    aos seus marginais, de quaisquer espcies.




    Texto: Wagner Gomes
    Envie seu comentrio






        "A poltica de sorte,
    de eventualidade e,
    sobretudo,
    de infidelidades."
    (Ea de Queirs)


    Sem que isso se constitua em trocadilho infame, a pergunta que se faz esta: O DEM est demolido? Muito dificilmente levantar-se- do golpe que o nocauteou, a tempo de se tornar parceiro confivel para qualquer aliana em 2010.
    O seu mensalo suplantou, em criatividade, os do PT e do PSDB. Copiaram o dinheiro na cueca e inovaram com o vil metal na meia, que por sinal, a cueca do sapato. Produziu, de quebra, uma verdadeira blasfmia, denominada orao do mensalo. Dois privilegiados beneficirios se atracaram ao secretrio Durval e, contritos, formularam pattico agradecimento aos cus, como se Deus pudesse contribuir com uma barbaridade daquelas.
    Tudo isso aqui ocorre, porque no existe um nico pas no mundo, exceto o Brasil, que oferea tamanha rede de proteo aos seus marginais, de quaisquer espcies. Quem vai querer uma aliana capaz de gerar passivo eleitoral em troca de alguns minutos no rdio e na TV?
    Os governadores Acio e Serra admitiam e estimulavam essa hiptese. Mas e agora? Tanto um quanto o outro possuem inegveis virtudes como homens ntegros, sabem se cercar de pessoas capazes e so confiveis aos olhos do grande pblico. Manejam, com eficincia e maestria, a conciliao entre a arrecadao e os gastos pblicos.
    No cenrio que se avizinha, qualquer um dos dois teria que cooptar parcela significativa do PMDB.
    Acio, mais catalisador, se apresentava sem arrogncia e sem prepotncia, at comunicar sua desistncia de concorrer Presidncia.
    A  exemplo de seu av Tancredo que em 2010 estaria completando, emblematicamente, 100 anos de pura matreirice, que o transformou na maior raposa poltica de toda nossa histria republicana , sabe que esse gesto no o impede de se movimentar por outros caminhos.
    Ao desistir, com discernimento, mostra ao pas que o seu estilo no atropela e, tambm, no se intimida.
    O rumoroso escndalo do DEM em Braslia aponta que esse partido perde seu poder de fogo em uma aliana eleitoral, mesmo que o governador Arruda tenha dele se desligado. Novos caminhos devero ser perseguidos nesse intricado xadrez poltico e, para isso, o tempo grande aliado.
    O governador Acio, ao se encontrar em sua encruzilhada da estrada de Damasco, reconheceu como justo o pleito de seu colega governador Serra, mas entendendo que o PSDB no poderia mais postergar sua deciso, colocou sua legenda com um nico candidato, polarizando a contenda.
    O governador Serra, que fincou seu ninho em cima do muro, logo perceber que essa sua atitude, antes considerada virtude mineira, hoje revela ao eleitor uma postura indecisa, tpica daqueles que no confiam em seu prprio valor.
    E o eleitor est atento a todos os movimentos que revelam indecises. Isso pode ser fatal, no embate poltico.
    Com essa percepo, tenta anular o risco dessa sinuca de bico em que foi colocado,
    sonhando ter o mineiro Itamar Franco como vice em sua chapa, j que o governador Acio abomina ocupar essa posio.
    Agora, ele apenas aguarda que as nuvens se movimentem em seu eterno bal poltico.



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Janeiro 15, 2010

    COPA 2014...









    Em Braslia
    o governador Acio Neves
     participa de assinatura 
     de Termo de Compromisso 
     da Copa de 2014



                                    Governador tambm pede definio do Governo Federal
                                              sobre ampliao do metr de Belo Horizonte
                                            e do Aeroporto Internacional Tancredo Neves








                                                                 Informao Imprensa
                                             Mas o gov.  "Acio no esteve com o pres.Lula"

    A Assessoria de Imprensa do Governador de Minas Gerais informa que o governador Acio Neves no manteve encontro com o presidente da Repblica, Luiz Incio Lula da Silva, nessa quarta-feira (13/01), no Palcio Alvorada, em Brslia. O governador participou apenas do evento realizado no Palcio do Itamaraty para assinatura do termo de compromisso para a Copa de 2014.



    O governador Acio Neves e o prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda, participaram, nesta quarta-feira (13/01), em Braslia, da solenidade de assinatura de termo de compromisso para a Copa de 2014, que contou com a presena do presidente da Repblica, Luiz Incio Lula da Silva, e de todos os 12 governadores e 12 prefeitos dos estados e cidades-sede. O documento "Matriz de Responsabilidades" um pacto de cooperao que define os encargos e os cronogramas de cada ente federativo na realizao das obras de mobilidade urbana, de estdios e seus entornos, das proximidades de aeroportos e de terminais tursticos porturios.
    O governador Acio Neves voltou a pedir uma definio do Governo Federal sobre investimentos para a ampliao do metr de Belo Horizonte e do Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins.

    "J fizemos todos os possveis e aguardamos por parte do Governo Federal a manifestao em relao ao metr e em relao aos aeroportos, ao nosso Aeroporto Internacional Tancredo Neves. No h ainda uma previso objetiva de investimento na duplicao do terminal 1, portanto, a criao do terminal 2 para mais 7 milhes de passageiros, e no h tambm a definio de recursos para o metr. Mas esperamos que o governo possa se manifestar o mais rapidamente possvel.
    Acio Neves lembrou que o Governo de Minas e a Prefeitura de Belo Horizonte chegaram a apresentar uma proposta de parceria pblico-privada (PPP) para agilizar a ampliao do metr de Belo Horizonte.
    "Ns apresentamos a proposta, inclusive, de uma parceria pblico-privada Casa Civil, e, infelizmente, no houve ainda manifestao formal de como conduzir a questo do metr, que ao lado do aeroporto internacional, so os dois grandes gargalos, no s para a Copa do Mundo, mas para o desenvolvimento adequado de Belo Horizonte e do Estado de Minas Gerais", disse Acio Neves.

    Marcio Lacerda
    O prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda, fez pronunciamento em nome dos prefeitos, durante a solenidade em Braslia. Ele destacou a parceria entre a prefeitura e o Governo de Minas nas obras que visam dotar a capital mineira de infraestrutura necessria para a Copa de 2014. Ele citou a obra de alargamento da avenida Antnio Carlos, que liga o centro de Belo Horizonte regio da Pampulha, onde est o estdio Mineiro.
    "Governo do Estado e Prefeitura trabalham em perfeita sintonia, e com muita boa vontade, para construir, concluir at maro a segunda etapa da duplicao da principal avenida de acesso ao Mineiro, com investimento conjunto de R$ 250 milhes. E aqui aproveito para agradecer ao governador Acio Neves a constante cooperao com a Prefeitura de Belo Horizonte", disse Marcio Lacerda.
    Mineiro
    Acio Neves disse que o Governo de Minas continua trabalhando para que o estdio Magalhes Pinto (Mineiro) possa sediar a partida de abertura da Copa de 2014. Segundo ele, Minas Gerais ser o primeiro estado a cumprir 100% das exigncias da FIFA.
    "O Mineiro est fazendo a sua parte. Entregaremos o Mineiro totalmente reformado e cumprindo 100% das exigncias da FIFA, acho que antes de qualquer outro estado. E obviamente, o Mineiro quer ter um papel de destaque nessa Copa do Mundo, que pode ser a abertura ou outro papel que a FIFA definir. Mas o Mineiro estar em condies de pleitear inclusive a abertura dos jogos", disse o governador.

    Fonte: Assessoria de Imprensa do Governador


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Janeiro 15, 2010

    Tratamento de cncer em Barbacena. O presidente do Ncleo do Cncer de Barbacena, o major-mdico da PM, Jlio Csar de Andrade e o vereador Amarlio de Andrade, do PSC, recebem dia 21, quinta-feira, em Barbacena, o superintendente do Instituto Mrio Penna, Cssio Resende. Ele vai visitar o terreno aonde o governo do Estado vai construir o Hospital do Cncer, prometido pelo governador Acio Neves e o seu vice , futuro governador, prof. Anastasia.



    O dr.Cssio Resende
    (a ao lado do dr.Jlio Andrade)
    vai se reunir tambm em Barbacena
    com o dr. Luiz Eduardo Grisolia,
    diretor-geral do Hospital Ibiapaba
     para uma futura parceria do Instituto Mrio Penna
     na implantaode um aparelho de radioterapia
    que est sendo doado ao hospital barbacenense
     pelo Ministrio da Sade
    a pedido do ministro e senador Hlio Costa.



    O vice-governador Antonio Anastasia
    vai receber em audincia, em breve,
    o vereador Amarlio de Andrade
    para tratar a construo
    do Hospital de Cncer em Barbacena.

    O terreno foi doado  ao Ncleo do Cncer,
    pelo advogado barbacenense
     radicado em BH, dr. Claudio Mota,
    filho do octogenrio professor Clodoaldo Dantas Mota,
    diretor e proprietrio
    do extinto Colgio Chrispim Jacques Bias Fortes,
    aonde eu estudei em Barbacena.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Janeiro 15, 2010

    SUCESSO MINEIRA. Em primeira mo. Novidade na sucesso estadual em Minas. O deputado federal Z Fernando Aparecido, do PV mineiro, se prepara para lanar a candidatura dele ao Palcio da Liberdade. Hoje, sexta-feira, no escritrio dele na Savassi, aqui em BH, o deputado fazia os primeiros contatos com uma empresa de web para montar uma futura campanha pela internet.

                                    
                                             O deputado federal do PV mineiro, Z Fernando,
                                        filho do saudoso embaixador Z Aparecido de Oliveira
                                            a novidade na corrida pelo Palcio da Liberdade.

    Uma fonte, que esteve com o deputado na tarde desta sexta-feira, nos disse que o parlamentar que est em seu primeiro mandato em Braslia - depois de ter sido prefeito da terra do pai dele, Conceio do Mato Dentro - chegou concluso que h um bom espao esperando para ser preenchido na disputa pelo Palcio da Liberdade. Da...
    E ele se propos a fazer uma campanha que tem como base a novidade de propostas.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Janeiro 15, 2010

    LEI em vigor em toda Minas Gerais.

                                                     Telefnicas tero que fornecer dados
                                                              para investigaes policiais
    Est em vigor, a partir desta quinta-feira (14/01/10), a Lei 18.721, de 2010, que obriga as operadoras de telefonia celular a fornecer informaes sobre a localizao de aparelhos de clientes autoridade da polcia judiciria. A nova norma resultado da aprovao, pela Assemblia Legislativa, no ltimo semestre, do Projeto de Lei 900/07, do deputado Dlio Malheiros (PV). O autor acredita que a avanada tecnologia utilizada na telefonia, atualmente, pode ajudar no combate e preveno de crimes. A concesso das informaes pelas empresas, no entanto, est vinculada instaurao prvia de inqurito policial.
    A lei foi sancionada pelo governador e publicada no Dirio Oficial desta quinta-feira. Ela d amparo legal para que as operadoras de telefonia, fixa e de celular, forneam as informaes, tornando o processo mais gil e eficiente. A principal finalidade coibir atos criminosos e assegurar um atendimento mais gil a vtimas que estejam em situao de risco de vida, como em caso de sequestro-relmpago, por exemplo. O texto determina que as empresas informem automaticamente s autoridades competentes a localizao de telefones que acionarem os nmeros de emergncia.
    A norma tambm cria a possibilidade de o usurio se manifestar formalmente contra o acesso administrativo a informaes sobre a localizao do seu telefone celular e exige ainda o controle do Ministrio Pblico sobre o fornecimento de informaes.
    Privacidade - As empresas de telefonia fornecero a seus clientes, novos e antigos, formulrio solicitando autorizao para o fornecimento polcia judiciria das informaes de que trata esta Lei. O cliente do servio de telefonia mvel poder, mediante declarao formal e expressa, firmada perante a concessionria, desautorizar o fornecimento das informaes.
    Caso os formulrios no sejam fornecidos aos clientes, ou se o envio de informaes polcia no ocorrer ou sofrer atrasos, as empresas responsveis podem ser multadas. Se a telefnica fornecer dados no autorizados ou repassar informaes a terceiros, tambm estar sujeita a multa, que pode chegar a 20 mil Ufemgs (Unidades Fiscais do Estado de Minas Gerais).


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Janeiro 14, 2010

    Sucesso em Minas. Conversas e mais conversas aceleram o quadro na corrida pelo Palcio da Liberdade. Hoje foi a vez doencontro entre o presidente do PP mineiro,deputado Alberto Pinto Coelho e do PPS Paulo Elisirio durante almoo no Vecchio Sogno, que fica embaixo do prdio da Assemblia de Minas. Passei por l para um dedo de prosa. Vale conferir!!!

    Frase do presidente do PPS mineiro,
     Paulo Elisirio
    sobre o encontro de hoje
    com  Alberto Pinto Coelho, presidente do PP:
         "A visita   um reconhecimento
    ao quanto o presidente Alberto Pinto Coelho
      importante,
     fundamental
    no processo das eleies
    em Minas Gerais neste ano".
     
     
            Deputado Alberto Pinto Coelho 
           costura entendimentos com o PPS 
         de Itamar Franco em Minas



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Janeiro 14, 2010

    Governador Acio Neves sanciona oramento para este ano de 41 bilhes de reais...

                                                                Oramento e reviso do PPAG
                                                                    so sancionados na ntegra

    As Leis 18.693, do Oramento do Estado para 2010, e 18.694, de reviso do Plano Plurianual de Ao Governamental (PPAG) 2008-2011, foram publicadas na ntegra, sem vetos, no Dirio Oficial Minas Gerais.
    Os projetos do Executivo que deram origem s leis foram aprovados pela Assembleia aps ampla negociao entre governo e deputados.
    Neles, foram inseridas sugestes populares apresentadas nas audincias de reviso do PPAG, plano que mostra como o Executivo investir os recursos pblicos em reas como sade, educao, meio ambiente e segurana. Leia mais
     
    Responsvel pela informao: Assessoria de Comunicao - www.almg.gov.br

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Janeiro 13, 2010

    Tratamento do cncer em Barbacena. Nota pinado do site do ministro das Comunicaes, senador Hlio Costa.

    Hospital Ibiapaba/Cebams 
      ter radioterapia 
      no tratamento do cncer
     
     

    Ministro Hlio Costa:
    cerca de 750 mil pessoas
    da regio de Barbacena
    sero beneficiadas.

     
      Dr. Luiz Eduardo Grisolia de Oliverira, 
    diretor-geral do Hospital Ibiapaba

     Os barbacenenses e uma populao regional estimada em 750 mil pessoas vo comear 2010 na expectativa de ver atendida uma necessidade indispensvel no tratamento do cncer. O Hospital Ibiapaba/Cebams se prepara para oferecer o servio de radioterapia. O equipamento, orado em R$ 2,9 milhes, ser adquirido com recursos do Ministrio da Sade, viabilizados pelo ministro Hlio Costa (Comunicaes). A informao foi confirmada, nesta quinta-feira, pelo diretor-geral da instituio, Luiz Eduardo Grisolia de Oliveira. 
    Os entendimentos entre o Ibiapaba e o governo Federal tiveram incio em novembro, quando o diretor-geral do hospital esteve em Braslia. Luiz Eduardo procurou o ministro Hlio Costa, que o levou para um encontro com o ministro da Sade, Jos Gomes Temporo.  
    "O ministro Hlio Costa foi muito feliz ao explicar ao ministro Temporo a necessidade de trazermos para Barbacena o servio de radioterapia. Ns j temos a quimioterapia, a cirurgia oncolgica e os cuidados paliativos para os casos irreversveis. Mas nos faltava a radioterapia para completar esse crculo de tratamento do cncer", detalhou Luiz Eduardo.  "O ministro Hlio Costa tambm destacou o fato de Barbacena ser um plo macrorregional referncia para uma populao de 750 mil pessoas", completou.
    O servio de radioterapia mais prximo de Barbacena e regio feito por hospitais de Belo Horizonte e Juiz de Fora, causando transtornos aos pacientes portadores de neoplasia. "Esse transporte causa mais sofrimento, porque so pessoas j debilitados pela doena, que retornam para suas casas em condies precrias", explicou Luiz Eduardo.  
    Segundo ele, o Hospital Ibiapaba/Cebams j recebeu parecer tcnico favorvel e aguarda apenas a liberao dos recursos federais (R$ 2,9 milhes) para a aquisio do equipamento.
    "O ministro Hlio Costa tem se mobilizado pessoalmente junto ao Ministrio da Sade para agilizar a aprovao e o repasse desses recursos. Nos resta agora aguardar que esses procedimentos sejam concretizados para, em seguida, assinarmos o convnio e providenciarmos a abertura de licitao para a compra do aparelho de radioterapia", informou Luiz Eduardo. 



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Janeiro 13, 2010

    TOM Comunicao destaca-se entre as melhores do pas - atende Assemblia de Minas com eficincia e criatividade.


    Adriana Machado, diretora de Planejamento,
    e Vincius Alzamora, diretor de Criao, da Tom Comunicao.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Janeiro 13, 2010

    Fala governador!!!

                                                           
                                         

                                                           Assuntos: UAI Praa Sete,
                                                              Cidade Administrativa,
                                                              Eleies 2010 e PSDB

                                                                   Sobre o evento.
    Na verdade, ns estamos inaugurando hoje a mais completa unidade de atendimento integrado do pas. Uma concepo extremamente moderna. um passo alm daquilo que foi criado muito corretamente pelo ento governador Eduardo Azeredo, o chamado Psiu. Ns estamos aqui com 400 servidores disposio da populao de Minas Gerais para prestar todo o tipo de atendimento, desde carteiras de identidade, informaes em relao Justia eleitoral, oportunidades de intermediao de emprego em parceria com o Ministrio do Trabalho, parceria com a Polcia Federal para a emisso de passaportes ou porte de armas, enfim, um conjunto de atendimentos sinrgicos, no mesmo local. Com servidores absolutamente qualificados exatamente para esse servio, o que dar mais conforto populao.
    Sempre falei que o Choque de Gesto tinha um objetivo que era permitir populao perceber de forma mais clara a melhoria da qualidade dos servios que ela demanda, que ela busca junto ao Estado. Na verdade isso, de alguma forma, tem tambm uma relao com o que ns estaremos dentro de pouco tempo fazendo com a inaugurao da Cidade Administrativa, que permitir que num s espao haja um conjunto de aes no governo que possam estar disponveis ao cidado comum.
    Portanto, ns estamos aqui, de um lado, preservando um extraordinrio monumento arquitetnico do sculo XIX, construdo no corao de Belo Horizonte, e dando a ele uma finalidade. Alm de preserv-lo adequadamente, ns estamos dando a ele essa oportunidade de se transformar em instrumento de prestao de servio de qualidade para o servidor no melhor espao, na melhor localizao que ns poderamos ter.
    A secretria Renata Vilhena, o vice-governador Antonio Anastasia, tiveram uma dedicao muito especial para com esse projeto e estou extremamente feliz de ver que os prazos foram cumpridos, o objetivo, que a qualidade da prestao do servio, foi atingido e quem vai usufruir disso a populao de Minas Gerais.
    Acho que de alguma forma ns estamos demonstrando que a gesto pblica, com gente qualificada, com metas, com dedicao dos servidores pode ser eficiente, pode melhorar a qualidade de vida do cidado.
    E o prazo da Cidade Administrativa? s final de janeiro mesmo ou o senhor j pode adiantar?
    No dia 28 de janeiro,   o que eu posso adiantar hoje,  estarei fazendo a ltima vistoria para definir o cumprimento do ltimo cronograma estabelecido h cerca de uma semana, quando l estive. No dia 28 anuncio a data definitiva da inaugurao. Porque quero fazer uma inaugurao que no seja apenas formal. Uma inaugurao que signifique que no dia seguinte ns teremos j l um conjunto importante de secretarias, toda estrutura de assessoria direta do governador, do vice-governador, funcionando.
    Como ns tivemos um perodo de chuvas no ms de dezembro, infelizmente, fez com que alguns prazos no fossem cumpridos, fizemos uma ltima pactuao com os trs consrcios responsveis pela obra, no dia 28 tem uma ltima reunio marcada com ele e no prprio dia 28, na Cidade Administrativa.
    Os senhores estaro convidados para participar dessa reunio, estarei anunciando a data da inaugurao e teremos aqui a presena de governadores de todo o pas, provavelmente do presidente da Repblica, e de inmeras figuras importantes da vida mineira, porque a Cidade Administrativa um marco no apenas na gesto pblica eficiente, mas um marco no desenvolvimento da nossa cidade, que agora caminha corretamente para o seu vetor Norte.
    No almoo de ontem, em So Paulo, o senhor foi pressionado em algum momento pela cpula tucana para ser vice de Serra?
    No, porque os companheiros do PSDB sabem que esse tipo de presso comigo no funciona. Eu tenho uma clareza muito grande de quais so as minhas prioridades. Apresentei ao partido uma proposta, o partido opta por um outro caminho, e eu respeito. Agora, a minha dedicao integral, e disse isso ao presidente Fernando Henrique, ao presidente do meu partido, o senador Srgio Guerra, ao senador Tasso, que estava tambm presente,  minha prioridade absoluta mergulhar nas questes de Minas, dedicar-me s questes de Minas.
    Ns temos um sem nmero de obras para vistoriar, um outro sem nmero de obras para inaugurar e eu pretendo fazer isso j a partir da prxima semana, ao lado do vice-governador, professor Antonio Anastasia.
    Mas est havendo esse tipo de presso por parte dos seus companheiros?
    Eu no chamaria de presso. H um sentimento que eu considero legtimo e tenho que reconhecer que legtimo, por parte de vrios companheiros, que gostariam dessa unio. Da mesma forma que tambm legtima a minha argumentao de que a forma que considero mais adequada de ajudar a vitria do nosso candidato estando aqui em Minas Gerais, trabalhando por essa vitria.
    No almoo de ontem, parece que estava dividido. Um falou que o senhor no vai aceitar mesmo e o outro que pode aceitar. O senhor deixou entender isso?
    No, a conversa no foi absolutamente nessa direo. O objetivo da nossa conversa de ontem foi fazermos uma avaliao um pouco mais detalhada das vrias situaes regionais. O grande porta-voz da reunio foi o senador Srgio Guerra que detalhadamente levou uma avaliao da situao de cada um dos estados. Realmente, est no momento de ns concluirmos algumas negociaes, definirmos alguns palanques.
    Definimos, todos ns, que o momento ps-carnaval, ainda no ms de fevereiro, o momento definitivo para que essas negociaes sejam concludas. E a conversa se deu num tom amigvel, de incio de ano. Foi tambm uma certa confraternizao entre ns e no houve, por parte dos companheiros, at porque no teria qualquer sentido, qualquer presso nessa direo.
    Eu no iria a uma conversa como essa para ser pressionado.
    Eu fui porque, como eu disse, no momento em que deixei de aspirar Presidncia da Repblica, eu estaria disposio de meus companheiros de outros estados naquilo que acharem que eu possa ser til. Obviamente, com os meus olhos, as minhas energias e o meu corao voltados para Minas Gerais, eu, naturalmente, no me furtarei a atender a convites de outros companheiros onde acharem que a minha presena possa ser til.
    Ento, o que ns fizemos ontem foi uma avaliao detalhada, porque algumas conversas cabero a mim, outras cabero ao senador Srgio Guerra, outras ao governador Jos Serra, em funo at das afinidades pessoais que ns temos com diversos companheiros das diversas partes do pas.
    O senador Srgio Guerra disse que o candidato a vice do governador Serra ser do PSDB ou do DEM. Como o senhor tem negado essa possibilidade, fica descartada o nome do ex-presidente Itamar Franco, que agora est filiado ao PPS?
    No, acho que no. Acho que o nome do presidente Itamar Franco um nome qualificado para postular qualquer posto do Brasil, a comear pela prpria Presidncia da Repblica. um nome que demonstrou um enorme compromisso com a tica, com a boa qualidade da gesto. Acho que um nome colocado.
    Agora, no cabe a mim, nesse instante, no momento em que eu abdico da disputa, fazer qualquer indicao que possa colidir com o sentimento do partido.
    Caber ao presidente do partido e ao candidato, no momento em que se afirmar como candidato do partido, conduzir todas as negociaes sobre os palanques regionais e, em especial, quela que levar composio da chapa com indicao do candidato a vice-presidente.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Janeiro 13, 2010

    UAI inagurado na Praa 7- centro de BH - pelo governador Acio Neves.

    Wellington Pedro/Imprensa MG
    Vice-governador Antonio Anastasia, secretria Renata Vilhena e o governador Acio Neves
    Vice-governador Antonio Anastasia,
    secretria Renata Vilhena
    e o governador Acio Neves

    O governador Acio Neves inaugurou, nesta tera-feira (12), a Unidade de Atendimento Integrado (UAI) da Praa Sete, no Centro de Belo Horizonte. Instalada no prdio em que funcionava desde 1998 o Posto de Servios Integrados Urbanos (Psiu), a unidade a maior do Estado, com capacidade para realizar at cinco mil atendimentos por dia.
    A UAI emitir diversos documentos como carteira de identidade, atestado de antecedentes criminais, alm de contar com postos do Detran, das secretarias de Fazenda e de Desenvolvimento Social, da Ouvidoria Geral do Estado e da Polcia Federal.
    "Sempre falei que o Choque de Gesto tinha o objetivo de permitir populao perceber, de forma mais clara, a melhoria da qualidade dos servios que ela demanda, que ela busca junto ao Estado", disse o governador. E completou, "o que estamos fazendo permitir que o cidado mineiro possa ter um atendimento digno, com profissionais preparados para dar a ele a dignidade que qualquer cidado merece", disse o governador.
    Para garantir conforto e atendimento de melhor qualidade nos servios prestados, foram investidos na reforma do local R$ 8,3 milhes, sendo R$ 7,6 milhes em obras fsicas, com a recuperao arquitetnica do edifcio, e R$ 700 mil na compra de mveis e equipamentos. A reforma comeou em janeiro de 2009.
    A nova unidade ocupar quase seis mil metros quadrados. O edifcio ao lado, que pertence ao Instituto de Previdncia dos Servidores de Minas Gerais (Ipsemg), foi anexado. Alm do espao fsico, o nmero de atendentes tambm foi ampliado de 120 para 400. So 126 guichs de atendimento.
    "Estamos de um lado preservando um extraordinrio monumento arquitetnico, construdo no corao de Belo Horizonte, e de outro dando a ele uma finalidade. Alm de preserv-lo adequadamente, estamos dando a ele essa oportunidade de se transformar em instrumento de prestao de servio de qualidade para o servidor no melhor espao, na melhor localizao que poderamos ter", explicou o governador Acio Neves.
    Modernizao do atendimento
    As Unidades de Atendimento Integrado fazem parte do projeto estruturador Descomplicar, da Secretaria de Planejamento e Gesto, responsvel por oferecer aos cidados acesso rpido a diversos servios pblicos, com um moderno atendimento.
    Alm do UAI Praa Sete, j esto em funcionamento outras 15 Unidades de Atendimento Integrado, que receberam investimentos de R$ 5,78 milhes. Belo Horizonte conta com outras duas nas regies do Barreiro e Venda Nova. No interior, j foram inauguradas UAIs em So Joo del-Rey, Lavras, Barbacena, Sete Lagoas, Coronel Fabriciano, Passos, Ponte Nova, Divinpolis, Muria, Patos de Minas, Pouso Alegre, Tefilo Otoni e Curvelo. Sero inauguradas em breve as unidades de Uberaba e Paracatu.
    Prdio
    O prdio da praa Sete que abriga a nova unidade do UAI tombado pelo Instituto Estadual do Patrimnio Histrico e Artstico de Minas Gerais (Iepha) desde 1988. Foi construdo em 1922 para sediar, originalmente, o antigo Banco Hipotecrio e Agrcola, mas ficou mais conhecido entre 1967 e 1998, quando sediou o Banco do Estado de Minas Gerais (Bemge).
    O projeto, do arquiteto e escultor Luigi Olivieri, marcado pelos padres da arquitetura ecltica. Parte dos materiais usados na obra e os elementos decorativos foram trazidos da Europa.
    Em 1941, o edifcio sofreu uma grande reforma, quando foi acrescido mais um pavimento e uma tera parte de seu tamanho no sentido horizontal e nos fundos, na mesma linguagem arquitetnica da edificao original.
    As intervenes realizadas no prdio para abrigar a UAI foram coordenadas pelo Iepha. Durante as obras, foi realizada a recuperao total da cobertura do edifcio, com substituio das telhas degradadas por telhas francesas de cermica, unindo o reparo funcional ao resgate do aspecto original.
    A parte central do telhado foi coberta por uma pirmide de vidro, constituindo novo marco arquitetnico na Praa Sete, o que permitiu a recuperao do belo sistema de iluminao natural do interior do edifcio, por claraboias e lajes vazadas. Todos os sistemas eltrico, hidrulico, de lgica, segurana e comunicaes foram refeitos.
    Os diversos ambientes do prdio foram restaurados, com destaque para os painis, as esquadrias e os pisos em parquet, os relevos em gesso e as portas externas, originais de 1921, trabalhadas com apliques de lato.
    Durante a inaugurao, o governador Acio Neves estava acompanhado do vice-governador Antonio Anastasia, dos secretrios de Planejamento e Gesto, Renata Vilhena, de Defesa Social, Maurcio Campos, de Desenvolvimento Social, Agostinho Patrus Filho, e do senador Eduardo Azeredo.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Janeiro 13, 2010

    Lamentamos a morte do jornalista CICI SANTOS. O corpo est sendo velado na capela 1.do Bonfim.O Enterro ser hoje, s 17 horas, no Cemitrio do Bonfim, aqui em BH.



    Da esquerda para a direita: o saudoso CICI SANTOS, que a aparece ao lado
    do presidente do Skal Z Maurcio,
     era um jornalista atuante nas reas sociais e tursticas de Minas
    nos ltimos 30 anos.
    Lamentamos a morte do Cici,
    que marcava pela elegncia no vestir.

    Cici Santos estava sofrendo de cncer
    e morreu na madrugada desta quarta-feira.
     Foi um dos mais renomados jornalistas mineiros. 
    Atualmente tinha colunas no jornal Dirio do Comrcio
     e Edio do Brasil aqui na capital mineira.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Janeiro 12, 2010

    Clube dos MALAS de Rio Novo, vem a BH ( amanh, quarta-feria dia 13) para fazer protesto bem humorado em frente ao Palcio da Liberdade. Nota pinada da coluna do Csar Romero da Tribuna de Minas de Juiz de Fora.

      "ELEFANTE BRANCO"

    O irreverente Clube dos Malas, de Rio Novo,
     liderado pelo "rei" Netinho Fub,
    vai aprontar nesta quarta-feira em Belo Horizonte.

    O clube far uma algazarra
    em frente ao Palcio da Liberdade,
     exibindo a rplica de um elefante branco
    com asas de avio, numa aluso ao Aeroporto Regional da Zona da Mata. 


    O que diz o site do governo mineiro minasonline: 

         Aeroporto Regional da Zona da Mata



                                      por carolina quelotti ltima modificao 18/03/2009 17:44

                                Foi realizada, no dia 12 de maro de 2009, a Audincia Pblica
                                                      referente ao Projeto de Concesso
                                                 do Aeroporto Regional da Zona da Mata.

                              Aeroporto Regional da Zona da Mata - ARZM 

                                                                    Audincia Pblica



    Em 12 de maro de 2009 foi realizada, na sede da Federao das Indstrias do Estado de Minas Gerais ("FIEMG"), em Juiz de Fora, audincia pblica para viabilizar a participao de interessados no projeto de concesso do Aeroporto Regional da Zona Da Mata ("ARZM"). Aps a realizao de uma apresentao (abaixo disponibilizada) do projeto, pela SETOP, os interessados puderam solicitar esclarecimentos e dar sugestes para o projeto.
    Situado prximo aos municpios de Guaian e Rio Claro, e h cerca de 30 km de Juiz de Fora, o ARZM possui uma pista de pouso e decolagem com cumprimento de 2,6 mil metros, e com 25 metros de largura, o que torna a segunda maior do Estado de Minas Gerais.
    Mediante a concesso do aeroporto, ser implantada uma estrutura que favorea a logstica de transporte e que permita a conservao e gesto desta estrutura por 20 anos.
    A Secretaria de Estado de Transporte e Obras Pblicas do Estado estima que as receitas decorrentes do modelo de concesso implantado, durante os 20 anos de concesso, devero somar cerca de R$ 660 milhes.
    O edital de licitao dever ser publicado ainda no primeiro semestre de 2009.

                          


                           
                                                     ( foto arquivo do site Interga Minas )
                                              Pista do Aeroporto Regional da Zona da Mata, 
                                                               no municpio de Guarar, 
                                                      a cerca de 20 kms de Juiz de Fora 

                                                 Mais detalhes do Aeroporto Regional, pinados 
                                           do site da Secretaria de Estado dos Transportes








                                INFRAERO
                     aprova pista de  aeroporto

      Verso para impressoCriar PDF  Enviar por E-mail





                            
                                                             Foto: Therezinho de Jesus

                                                                 Observao:
                                                Matria de 01 de agosto de 2007

    A Infraero considerou o ndice de rugosidade da pista do Aeroporto Regional da Zona da Mata dentro dos padres necessrios para homologao da pista. O teste, realizado nesta quarta-feira (01/08), atende pedido feito pela Agncia Nacional de Aviao Civil (Anac), na ltima sexta-feira (27/7), Secretaria de Estado de Transportes e Obras Pblicas (Setop).
    Est a ltima exigncia feita pela Agncia para fazer a homologao do aeroporto, cujo processo junto Anac foi iniciado em 16 de maro de 2006.A
    Assim que a Anac fizer a homologao, o aeroporto j poder receber vos diurnos, os noturnos ainda dependero da liberao da carta de aproximao (mapa) em elaborao pela Aeronutica, o que deve demorar cerca de trs meses.
    O Aeroporto Regional da Zona da Mata de Minas Gerais, localizado nos municpios de Goian (70% do empreendimento) e Rio Novo (30%) comeou a ser construdo em agosto de 2001 e foi concludo em junho de 2006.
    Distante 30 quilmetros de Juiz de Fora, recebeu investimentos no valor de R$ 77.186.593,39 sendo R$ 66.578.145,91 do Governo do Estado e R$ 10.608.447,48 do Governo Federal. Ele fruto de um extenso estudo de viabilidade tcnica e econmica, com o objetivo de escolher a melhor localizao para sua implantao.
    Assim que a homologao acontecer, e a Infraero assumir a administrao de sua operao, o Governo de Minas investir mais R$ 49,3 milhes no entorno e na construo e melhoria dos acessos ao aeroporto.
    Assessoria de Comunicao Social
    Secretaria de Estado de Transportes e Obras Pblicas
    3239-0881/3239-0882/3239-0883



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Janeiro 12, 2010

    De olho no governador Acio Neves. Hoje 15 horas na Praa 7.

                                                     Governador Acio Neves inaugura UAI
                                                         da Praa Sete em Belo Horizonte, 
                                                             com capacidade para atender
                                                                    5 mil pessoas por dia.

                                           

    O governador Acio Neves inaugura nesta tera-feira (12) a Unidade de Atendimento Integrado (UAI) da Praa Sete, a maior do Estado, com capacidade para atender at cinco mil pessoas por dia.
    Entre os servios oferecidos no local, estaro a emisso da carteira de identidade, atestado de antecedentes criminais, emisso de extratos de multas de veculos, emisso de guias de arrecadao, de Certido de Dbitos Tributrios para pessoas fsicas, intermediao de mo de obra, encaminhamento ao processo de pagamento do seguro desemprego, alm de servios do Procon e do Juizado de Conciliao.
    Servio:
    Evento: Inaugurao da UAI Praa Sete
    Local: Praa Sete - Belo Horizonte
    Data: 12/01/2010
    Horrio: 15 horas


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Janeiro 12, 2010

    De olho no futuro. Assemblia de Minas, tendo frente o deputado Alberto Pinto Coelho, faz at de 31 PESQUISA onde voc pode dar sua opinio sobre a atuao do parlamento mineiro. Confira.

                                                        ALMG realiza pesquisa de opinio
                                                         com o cidado at 31 de janeiro  



                                         Alberto Pinto Coelho, presidente da Assemblia de Minas
                                                        e o vice-governador Antonio Anastasia,
                                                      que assume ogoverno do Estado em abril.
     
    A Assembleia est fazendo uma avaliao sobre sua atuao, como parte do processo de planejamento de suas atividades para os prximos dez anos. Para isso, est publicada neste site uma pesquisa de opinio aberta a todos os cidados mineiros.
    As respostas a este questionrio, juntamente com pesquisas realizadas com o servidores da Assembleia e com os deputados, entre outras aes, vo subsidiar o processo de planejamento e a definio de diretrizes poltico-institucionais do Legislativo.
    A pesquisa rpida, fcil de responder a aberta a todos que queiram expressar o que pensam sobre a Assembleia e o que esperam do Poder Legislativo para a prxima dcada. Os cidados tm at o dia 31 para responder pesquisa. Participe
     
     


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Janeiro 12, 2010

    Spatifilus. Griffe mineira se movimenta...

                                                             

              spat
                                  Grife mineira de calados femininos quer ter 25 lojas franqueadas,
                                                 reduzir participao no segmento multimarcas 
                                                           e ganhar o mercado nacional

                                                            Spatifilus mostrar 20 linhas
                                                da coleo Outono-Inverno na Couromoda 
                                              e aproveitar evento para divulgar sua franquia 

    A grife mineira de calados Spatifilus marcar presena na Couromoda entre os dias 18 e 21 de janeiro, no Pavilho de Exposies do Anhembi, em So Paulo. A marca vai mostrar 20 linhas da sua coleo Outono-Inverno no evento, cuja proposta bsica oferecer conforto e praticidade mulher no dia-a-dia, sem abrir mo de informao de moda e estar atenta s ltimas tendncias, sempre com muito bom gosto e elegncia. A empresa aproveitar o evento para tambm divulgar a expanso do seu sistema de franquia.  
    Para fugir um pouco da sobriedade exagerada que prevalece no inverno, a marca mineira brincou com as cores. Utilizou o vermelho intenso, sozinho ou combinando com outras cores, tons claros, como os azuis, ou ainda com variaes de caf chegando ao preto, em couros como Piton, em estampas tipo lagarto, vernizes e metalizados (cristais, taxas, strasses) e flores nos detalhes para "iluminar" as colees.  
    Nas estruturas, bicos redondos, meia pata, plataformas e flats (rasteiras) confortveis e prticas, adornadas com taxas e flores. Alm das botas montarias, de salto 6,5, mais grosso, botas cow boy repaginadas, com taxas e bordados, em couro pton, at botas sofisticadas, em salto 11. 
    "A moda hoje muito verstil e permite combinaes e experincias, em termos de cores e materiais, antes inimaginveis. A preocupao da Spatifilus foi oferecer um mix bastante variado, sem perder de vista sua identidade enquanto marca, voltada para calados prticos, que atendam a mulher no dia-a-dia, oferecendo conforto em sintonia com bom gosto e design, contemplando uma ampla faixa de pblico,
    desde mulheres muito jovens at jovens senhoras, na faixa dos 35, 40 anos", explica a estilista da marca, Solange de Almeida, ex-proprietria da Engenho. 
    Franquia
    Lder em seu segmento em Minas Gerais, com 36 anos de mercado, presente em mais de 2.500 pontos multimarcas em todo o Brasil e exportando para vrios pases, a Spatifilus decidiu apostar todas as fichas no sistema de franchising. A empresa quer expandir em ritmo exponencial o nmero de lojas franqueadas saltando dos atuais seis pontos de venda para 25 novas franquias somente em Minas Gerais at setembro deste ano. 
    Hoje a Spatifilus tem nove lojas prprias nos principais shoppings de Belo Horizonte e seis pontos franqueados nas cidades de Barbacena (1), Conselheiro Lafaiete (2), Governador Valadares, Ipatinga e Timteo com uma loja cada uma. Em novembro, a marca inaugurou a sua stima loja franqueada, em Sete Lagoas, Regio Central do Estado. 
    Investimentos
    O investimento na franquia Spatifilus a partir de R$ 150 mil para lojas de rua e R$ 85 mil  em lojas de shoppings.
    O faturamento mdio mensal de um loja Spatifilus na capital de R$ 120 mil, enquanto o de uma loja do interior gira em torno de R$ 75 mil.  A rentabilidade lquida mnima de 13% e o retorno do investimento se d, em mdia, entre 24 e 36 meses. Historicamente, porm, segundo a empresa, este retorno tem sido alcanado em menos de 18 meses, sendo que um franqueado j conseguiu superar esta mdia, obtendo o investimento de volta em menos de um ano. 
    Diferencial competitivo
    Segundo Gilson Oliveira, um grande diferencial da franquia o fato de a Spatifilus possuir indstria prpria, "que no segmento de moda nos permite reagir de forma rpida  quanto produo, podendo atender s demandas dos nossos franqueados".
    MULTITEXTO COMUNICAO EMPRESARIAL
    Rua Gonalves Dias, 1181 Salas 801, 1005 e 1101 Savassi
    Telefones: (31) 3426-1491/9983-2905
    E-mail: multitexto@multitexto.com.br - www.multitexto.com.br
    Jornalista responsvel: Schubert Arajo (MG 02410 JP)


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Janeiro 11, 2010

    INDITO na capital mineira!!!

                                                       BELO HORIZONTE VAI SEDIAR,
                                                                 DE 25 E 30 DE JANEIRO,
                           O 10 CAMPEONATO SUL-AMERICANO JUVENIL DE SQUASH 

                                         O campeonato, que acontece pela primeira vez no Brasil,
                                             vai reunir 120 jogadores, sendo 90 estrangeiros
                                              e 30 brasileiros com idade mxima de 18 anos 

    Belo Horizonte foi a capital escolhida para sediar, de 25 a 30 de janeiro, a dcima edio do Campeonato Sul-Americano Juvenil de Squash, um dos principais torneios do mundo que acontece pela primeira vez no Brasil. A iniciativa da Federao Mineira de Squash FMS, por meio de seu presidente, Daniel Penna, em parceria com a Confederao Brasileira de Squash (CBS) e a Confederao Sul-Americana de Squash (CSS).
    Esto inscritos para o campeonato 120 participantes, com idade mxima de 18 anos, sendo 90 atletas da Argentina, Chile, Colmbia, Equador, Guatemala, Peru e Paraguai; e 30 brasileiros dos estados de Minas Gerais, So Paulo, Santa Catarina, Pernambuco, Paraba e Distrito Federal.
    As inscries foram realizadas pelas confederaes dos pases, diretamente com o comit organizador. Ao todo, sero disputados cerca de 500 jogos, nas quadras da Academia Winner (Rua Engenheiro Cirino, 328, Estoril). 
    Aproximadamente 100 pessoas, entre delegados, treinadores, rbitros e organizadores esto envolvidas com o evento, que tambm vai ser palco de reunies, almoos e jantares de confraternizao, solenidades de abertura e encerramento, alm de um passeio para todos os envolvidos. A expectativa de pblico de 200 pessoas diariamente.
    Daniel Penna, diretor-geral do evento e tambm coordenador dos Circuitos Brasileiros Juvenil e Master destaca que Brasil, Argentina e Colmbia so os grandes favoritos na briga pelo ttulo, e possuem vrios jogadores de destaque em suas selees: "Eles so os futuros profissionais das Amricas".
    De acordo com ele, o esporte precisa passar por um processo de renovao. "Precisamos trazer mais jovens para a prtica do squash. Um campeonato deste nvel muito importante para incentivar nossos meninos e meninas a praticar o esporte. Certamente teremos mais jovens jogando squash a partir deste ano. Alm disso, este campeonato coloca Belo Horizonte dentro do cenrio esportivo internacional", afirma.
    As expectativas so as melhores possveis: "Esperamos fazer com que o squash juvenil se desenvolva no Brasil como um todo, para que o pas possa voltar a ser um dia o melhor das Amricas, posto hoje ocupado pelo Mxico, nas categorias profissionais, e pela Colmbia, nas categorias juvenis", declara o presidente da FMS.
    Conhea melhor o squash
    A origem da prtica vem da Inglaterra, no incio do sculo XIX. Os primeiros relatos sobre o esporte possuem duas vertentes. A primeira a de que prisioneiros ingleses tiveram a idia de arremessar bolas contra a parede com as prprias mos. O nome de batismo dado pelos detentos foi racket. A outra a de que um grupo de estudantes da Harrow School, inspirados pelo jogo das cadeias, desenvolveram, em 1822, a prtica do esporte. Esses estudantes deram ao jogo o nome de squash, inspirado nas bolas que eram espremidas (squashed) contra as paredes. Eles tambm foram os responsveis por criar as primeiras regras do esporte.
    No Brasil, o squash foi trazido pelos ingleses que vieram atrs de ouro na regio de Nova Lima. Segundo Daniel Penna, "em Belo Horizonte o esporte se desenvolveu bastante depois que o jogador Roberto Mori, um dos grandes nomes do squash nacional, se mudou de So Paulo para a capital mineira. Foi ele o grande responsvel pela iniciao de nossos atuais professores e jogadores", explica.
    Atualmente, existem quadras em 23 estados do Brasil, como no Acre, Amaznas e Paraba. Paralelamente a isso, associaes esto sendo formadas para se filiarem Confederao Brasileira de Squash CBS.
    SERVIO
    10 Campeonato Sul-Americano Juvenil de Squash
    Data: 25 a 30 de janeiro
    Local: Academia Winner (rua Engenheiro Cirino, 328, Estoril)
    Horrio: 9h s 21h
    Nmero de participantes: 120 (Argentina, Chile, Equador, Colmbia, Guatemala, Peru, Paraguai e Brasil)
    Entrada: 1kg de alimento no perecvel
    Apoio: Head, Hi-Tec, Oficina do Tenista, Estao Digital, Grupo Sada, Secretarias Municipais e Estaduais de Esporte e Turismo
    Mais informaes no site www.squashjuvenil.com.br/2010
    Assessoria de Imprensa: Regina Perillo Comunicao - 31-3481-4888
    Helga Campos - 31-86324429 e Regina Perillo - 31-9128-5616

     



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Janeiro 11, 2010

    Encontro de juizforanos ilustres...


    A jornalista juizforana, ex-Global, Leda Nagle
     ladeada pelo casal Vnia de Landa
    e o colunista Csar Romero
    em tempos de lanamento do livro de Leda.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Janeiro 11, 2010

    Da srie: UMA FOTO VALE POR MIL PALAVRAS.



    O simptico casal barbacenense, Patrcia/ Z Arthur Filardi
    chefe de gabinete do ministro Hlio Costa em Braslia.
    Z Artur est cotado para ministro das Comunicaes,
    quando em maro, o ministro e senador Hlio Costa
    deixar o ministrio do presidente Lula
    para se candidatar ao Palcio da Liberdade. 

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Janeiro 11, 2010

    Promoo merecida. Do mdico Jlio Csar de Andrade - filho do vereador Amarlio - bom destacar que o filho foi promovido, pelo critrio da PMMG - por merecimento. O dr. Jlio, que medico da PM h 17 anos subiu de capito para major mdico. Alm de trabahar atendendo os policiais militares de toda a regio de Barbacena, o dr.Jlio Csar presidente do Ncleo do Cncer de Barbacena - trabalho que ele faz como voluntrio. Parabns ao major Jlio Csar e a seu pai, meu amigo o vereador Amarlio do PSC, que foi 11 vezes presidente da Cmara de Barbacena.


    O novo major-mdico da PM em Barbacena
     Jlio Csar de Andrade;
    o coronel Gilberto Cabral Costa,
    ex-chefe do Estado Maior da PMMG
    e o vereador Amarlio de Andrade, doPSC



    O superintendente do Instituto Mrio Penna, em BH
    dr. Cssio Resende e o recm promovido a major-mdico
    da Polcia Militar de MG,
     dr. Jlio Csar de Andrade.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Janeiro 11, 2010

    Ateno prefeitos mineiros.

                                            Prazo para envio de documentao do ICMS Cultural
                                                                 termina dia 15 de janeiro


    O prazo para as prefeituras mineiras enviarem ao Instituto Estadual do Patrimnio Histrico e Artstico de Minas Gerais (Iepha/MG) a documentao para anlise e pontuao no ICMS Patrimnio Cultural termina nesta sexta-feira (15). A entrega dever ser feita exclusivamente via Sedex, com comprovante de postagem e de recebimento.
    Servem de bases para pontuao para repasse de recursos do ICMS alguns itens como a criao de uma lei municipal de patrimnio cultural, programas de educao patrimonial (a cidade tambm deve criar o seu conselho municipal do patrimnio cultural), tombamento de bens culturais, elaborao de inventrio de proteo ao acervo cultural, alm de aes de proteo (investimentos em bens e manifestaes culturais).
    Os valores do repasse, estimados por ponto, podem garantir ao municpio uma verba extra que pode ajudar no oramento das prefeituras.
    Minas Gerais foi o primeiro Estado a adotar uma lei estadual que estabelece polticas de proteo aos bens culturais locais, usando recursos do ICMS. A iniciativa j uma realidade positiva aprovada tambm fora dos limites de Minas.
    Premiada pelo Instituto do Patrimnio Histrico e Artstico Nacional (Iphan), em 2002, a Lei Estadual n 12.040 (atual 13.803/2000) tambm foi reconhecida pelo Fundo das Naes Unidas para a Criana e o Adolescente (Unicef) como melhor programa de distribuio de renda do Brasil.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Janeiro 11, 2010

    Confira as LEIS que foram aprovadas pelos deputados estaduais em 2009.

    Criar e aperfeioar polticas pblicas,

    intermediar conflitos e ampliar a participao

    social do o tom dos trabalhos da Assembleia no ano


    Deputados em plenrio






    Criar e aperfeioar polticas pblicas, intermediar a soluo de conflitos e ampliar a participao social nas definies de governo. Essas foram algumas aes desenvolvidas pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais em 2009, seja atravs da aprovao de leis relevantes, do debate e da intermediao de conflitos nas comisses, ou na promoo de grandes eventos destinados a colher contribuio para ao parlamentar.
    Ao final dos trabalhos, o presidente Alberto Pinto Coelho destacou a participao popular na elaborao das leis: Quando os movimentos sociais procuram o Legislativo, demonstram que reconhecem o papel dos parlamentares e que a representao poltica ampliada engloba no somente a elaborao das leis, mas tambm o acompanhamento da execuo das polticas pblicas e a ateno permanente s questes de uma sociedade cada vez mais complexa, que exige respostas imediatas dos deputados". Veja vdeo
    Novas leis tiveram impacto direto na vida do cidado, nos rumos da economia ou na administrao pblica, amplamente debatidas e aperfeioadas nas comisses. Como:

    • Alterao da Lei Florestal mineira, principalmente no que diz respeito reduo do desmatamento e expanso da cobertura vegetal nativa (Lei 18.365).

    • Adoo de providncias, pelo Estado, para a realizao da Copa do Mundo de 2014 e das Olimpadas de 2016 (18.310 e 18.184).

    • Criao da Agncia Reguladora de gua e Esgoto, a Arsae/MG (18.309).

    • Proibio da venda de produtos calricos nas cantinas das escolas (18.372).

    • Medidas antifumo (18.552).

    • Desafetao da reserva biolgica Serra Azul, garantindo corredores ecolgicos interligando as reas com vegetao da reserva e o Crrego Serraria; e proibindo o uso das reas de preservao permanente para fins de pastoreio (18.307).


    Comisses consolidam papel de intermediar conflitos  e encaminhar solues para problemas que afetam a sociedade, com resultados como: 

    • Mudana na postura da Polcia Ambiental na fiscalizao das atividades dos garimpeiros em Capelinha e dos produtores rurais de Par de Minas.

    • Definio de construir um novo hospital em Divinpolis, para solucionar o problema do dficit de leitos.

    • Garantia do cumprimento de obrigaes trabalhistas por empresa contratada pela Gasmig em Ouro Branco.

    • Proposta de aperfeioamento da PEC 16/07, que originalmente determinava o tombamento da Serra da Moeda e passa a assegurar a conservao de stios de valor arqueolgico, paleontolgico, espeleolgico, ecolgico, histrico, cientfico e cultural.

    • Aperfeioamentos na lei penal, como resultado da Comisso Especial da Execuo das Penas, que props vrias alteraesi, como o controle da execuo penal por meio eletrnico e a realizao de videoaudincias, evitando gastos com deslocamentos.


    Eventos ampliaram interlocuo com sociedade, em torno de grandes temas:



    • Ciclo de Debates Minas Combate a Crise.



    • Frum tcnico que aprimorou o projeto do Plano Decenal de Educao.



    • Seminrio Legislativo Esporte, Infncia e Adolescncia.



    • Comemoraes dos 20 anos da Constituio Estadual. 



    • 6 edio do projeto Parlamento Jovem, de educao para cidadania.



    • Conferncias da Criana e do Adolescente, da Comunicao e da Cultura, realizadas em parceria com o Executivo.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Janeiro 10, 2010

    S partir de fevereiro...








                                       
                                        

                                           Governador Acio Neves marca para final do ms
                            definio sobre mudana de servidores para Cidade Administrativa.

                                                                       Governador anuncia
                                                                          que visitar todas
                                                                         as regies de Minas


    O governador de Minas Gerais, Acio Neves, inspecionou as obras da Cidade Administrativa do Estado. Acompanhado pela secretria de Planejamento, Renata Vilhena, e de representantes dos trs consrcios de empresas responsveis pelas obras, o governador percorreu todos os prdios do complexo e marcou para o final deste ms o anncio da data da mudana das secretarias e rgos estaduais para o complexo de prdios do bairro Serra Verde, regio Norte de Belo Horizonte.

    "Estamos redefinindo alguns prazos. Volto Cidade Administrativa neste ms ainda de janeiro, a sim para marcar a data definitiva. Houve atrasos decorrentes das chuvas, alguns at esperados. Mas quero fixar uma data que seja uma data definitiva. Estarei na ltima semana do ms de janeiro fazendo a ltima visita Cidade Administrativa antes da mudana, mas hoje j temos andares dos prdios das secretarias completamente prontos", disse Acio Neves.

    Em entrevista, o governador informou que as chuvas constantes das semanas finais de 2009 provocaram pequenos atrasos na parte de paisagismo do complexo de prdios.

    "Foram alguns problemas no subsolo em razo das chuvas que tivemos em dezembro e que realmente atrasou, principalmente a urbanizao da parte externa, paisagismo, e, enfim, alguns outros detalhes que no so centrais, mas eu no gostaria de fazer uma mudana pela metade. Estarei inaugurando a Cidade Administrativa em condies de receber tudo aquilo que foi planejado e anunciarei a data at o final de janeiro", disse o governador.

    A transferncia dos servidores para as novas instalaes de trabalho ser feita gradualmente. A Cidade Administrativa abrigar um conjunto de 18 secretarias e 25 rgos, totalizando 16 mil servidores.

    Viagens
    O governador Acio Neves tambm anunciou que visitar todas as regies do Estado de Minas nos meses de janeiro e fevereiro, antes do prazo final de descompatibilizao do Governo de Minas.

    "Estou tendo um privilgio, que no sei se muitos governantes tiveram, de ir a todas as regies do Estado e sendo recebido como algum que ajudou a transformar a realidade de Minas. Isso, para mim, como homem pblico, como cidado, extremamente gratificante", afirmou.

    Ele acrescentou que visitar as obras e projetos executados pelo governo do Estado. "Estarei entre janeiro e fevereiro visitando praticamente todas as regies do Estado, inaugurando obras e vistoriando outras obras. So centenas e importantssimas obras ocorrendo em praticamente todos os municpios mineiros", disse.


    Fonte: Assessoria de Imprensa do Governador


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Janeiro 10, 2010

    Procon da Assemblia de Minas alerta!!!

     

                         Itens de alimentao sofrem as maiores altas nos supermercados

    Pesquisa mensal do Procon Assembleia junto a supermercados das regies de Belo Horizonte e da grande BH apontam para um aumento mdio de 0,67% nos preos praticados por 12 estabelecimentos. A pesquisa, divulgada nesta quinta-feira (7/1/10), foi realizada de 4 a 6 de janeiro. De 165 produtos pesquisados, 99 apresentaram aumento, com destaque para itens do setor de alimentao, que registrou variao mdia de 1,16% nos preos. Os outros 66 produtos pesquisados apresentaram reduo de preos, sobretudo do setor de limpeza, com queda de preos de 3,41%, seguido do segmento de higiene, apresentando reduo mdia de 0,41%.

    Por itens do setor de alimentao, o consumidor est pagando mais caro sobretudo pelo acar cristal Caet (14,38%) e Nutrisucar (13,45%), seguido do tempero alho e sal Arisco (13,34%). Por outro lado, ficaram mais baratos o biscoito maisena Bauducco (-14,88%), o tempero alho e sal Pirata (-13,02%) e o leite longa vida desnatado Parmalat (-11,21%).

    J no setor de higiene, lideram os aumentos o creme dental branco Sorriso (10,84%), o papel higinico Neve de 30 metros e folha dupla (5,28%) e o xampu Fructis (4,1%). Os produtos que sofreram as maiores quedas de preo foram o creme dental Branco Colgate (-11,93%), o absorvente aderente sem abas Intimus Gel (-8%) e o sabonete comum Albany (-6,04%).

    Entre os itens de limpeza pesquisados, o sabo em barra de coco com cinco unidades das marcas Minuano (18,134%) e Ufe (10,04%) lideram os aumentos, seguidos da gua sanitria de 1 litro Santa Clara (7,6%). J as maiores redues de preos foram verificadas na gua sanitria Batuta (-12,65%), no sabo em p Tixan (-4,9%) e no desinfetante Pinho Bril (-4,09%).

    A pesquisa completa pode ser acessada no site do Procon Assembleia. Procon Assembleia.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Janeiro 10, 2010

    Prodabel faz 36 anos hoje.









    Ao completar 36 anos no dia 10 de janeiro, a Prodabel refora seu compromisso com a eficincia, marca que vem construindo desde sua criao. Responsvel pelos sistemas de tecnologia da informao e comunicao da PBH, a empresa busca desenvolver solues cada vez mais prximas das necessidades dos rgos da administrao municipal, qualificando o trabalho de cada setor e de cada profissional da empresa, o que reflete na atuao do poder pblico municipal, como um todo.


    As solues tecnolgicas passam, inevitavelmente, pela incluso. Nesse sentido, a empresa desenvolve, desde 1995, o Programa BH Digital, um dos pilares da atual administrao. O principal suporte do BH Digital a criao de espaos pblicos que permitem o acesso informao e tecnologia, como os hotspots e o Centro de Recondicionamento de Computadores.



    A expectativa da Prodabel continuar avanando com aes dessa natureza, cujo alcance a insero social dos cidados. Para quem faz parte da histria da empresa, um orgulho ajudar a desenvolver solues tecnolgicas. o caso do analista de recursos estratgicos, Mrcio Eustquio Peconick, que integra o quadro de funcionrio h 35 anos. "Sou da poca do computador de grande porte e, de l pra c, muita coisa mudou.
    Vi a empresa crescer em nmero de pessoas e em eficincia". Aos 61 anos, casado, pai de dois filhos e j av, Peconick define a Prodabel como a sua segunda casa. "Sou f da empresa e me sinto feliz em perceber que os atendimentos esto mais geis e isso que eu quero: que a Prodabel cresa cada vez mais", disse.



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Janeiro 9, 2010

    Rede ACCOR vai construir hotel em Montes Claros no norte de Minas. Notcia enviada pelo jornalista Fabiano Fagundes da assessoria da Prefeitura de MOC.

                                               Projeto para construo de hotel de rede mundial
                                                                foi lanado em Montes Claros 

                           
    Em breve comea a ser construdo em Montes Claros uma unidade de uma das maiores redes hoteleiras do mundo. Lanado oficialmente, nesta sexta-feira, 08, no gabinete da Prefeitura, o projeto de construo do Hotel do grupo francs Accor. O prdio ter sete andares e 119 apartamentos,

    Montes Claros/Funadem venceu o Volta Redonda e enfrenta o Vitria sbado, 09
    Em mais uma partida fora de casa, pela nona rodada da Superliga 09/10, o Montes Claros/Funadem levou a melhor, superando o Volta Redonda por 3 sets a 0, quinta-feira, 07, na cidade de Volta Redonda (RJ). A partida teve a durao de 1h21, com parciais de 25/22/; 25/23 e 25/14.

    Carnaval de rua ser na Sanitria
    O carnaval de Montes Claros, que este ano retoma a tradio nas ruas da cidade, com desfiles de escolas de samba e blocos caricatos, ser na Avenida Deputado Esteves Rodrigues (Sanitria), ocupando uma rea de 480 metros lineares, incluindo o espao para a concentrao dos folies. A deciso foi tomada esta semana pela comisso organizadora.





                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Janeiro 9, 2010

    Jornada reduzida na Cidade Administrativa - a nova Basilinha, construda pelo governo Acio Neves...

     

                         Lei permite jornada reduzida na Cidade Administrativa, em 2010

    Duas leis que tratam da Cidade Administrativa, nova sede do Executivo estadual, foram publicadas no Dirio Oficial Minas Gerais desta sexta-feira (8/1/10). Uma delas estabelece que o Executivo, atendendo convenincia do servio pblico, poder reduzir em at 25%, no ano de 2010, a jornada de trabalho dos servidores que venham a desempenhar suas funes no local. Outra norma a que d nomes aos prdios pblicos da Cidade Administrativa. As leis foram aprovadas pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais em 2009 e sancionadas pelo governador na quinta (7).

    A lei que estabelece a reduo da jornada autorizativa e abarca servidores das administraes direta e indireta, indistintamente. , portanto, o Executivo que definir, em decreto, o ndice de reduo da jornada e o horrio de trabalho, caso isso seja conveniente para a melhor adaptao dos funcionrios. A mudana no implicar perda de salrio. A Cidade Administrativa concentrar num s lugar secretarias e rgos pblicos. O novo conjunto, concebido pelo arquiteto Oscar Niemeyer, fica na divisa de Belo Horizonte com os municpios de Santa Luzia e Vespasiano, com acesso pela Linha Verde, via que tambm leva ao Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins.

    Cincia e tecnologia, VTI, piloto de helicptero e turismo

    Alm de tratar da jornada de trabalho na Cidade Administrativa, a Lei 18.710 (ex-PL 3.439/09, do governador) estabelece outras mudanas no Executivo. Entre elas, extingue 11 cargos vagos da carreira de tcnico em atividades de cincia e tecnologia (nvel mdio), alterando a quantidade de cargos dessa carreira de 343 para 332; e cria 11 cargos da carreira de gestor em cincia e tecnologia (nvel superior), alterando o quantitativo dos cargos de 275 para 286. Essas novidades decorrem de solicitao da Fapemig, a fundao de amparo pesquisa do Estado, que reivindica o ingresso de mais profissionais de nvel superior.

    Outra determinao da lei manter o valor correspondente Vantagem Temporria Incorporvel (VTI) recebida por designado em caso de nova designao, salvo se o intervalo entre uma e outra for superior a 300 dias, hiptese em que o servidor receber a VTI relativa nova designao; alm de garantir, nessa hiptese, o pagamento dos adicionais por tempo de servio para o designado, o que no ocorria anteriormente. A medida atende a uma demanda dos servidores do magistrio, encaminhada pela Secretaria de Educao e aprovada pela Cmara de Coordenao Geral, Planejamento, Gesto e Finanas.

    A nova norma tambm suprime dispositivo legal que previa o pagamento de VTI para os servidores que ingressassem nas carreiras de assistente tcnico educacional e de analista educacional. Isto porque os ocupantes dos cargos dessas carreiras no recebem mais a VTI, que foi incorporada ao vencimento bsico.

    Outro trecho da nova lei cria um cargo de piloto de helicptero, cuja lotao, identificao e forma de recrutamento sero definidas em decreto. Em funo da mudana, o quantitativo de cargos fica alterado de oito para nove. Segundo o governador, o cargo criado destina-se Polcia Civil, tendo em vista as tarefas de combate ao crime, de colaborao com aes do MG Transplantes e de parceria com entidades e rgos responsveis pela preveno a incndios florestais.

    A Lei 18.710 altera ainda uma das competncias da Secretaria de Estado de Turismo, que passa a ser "implementar a poltica estadual de turismo em articulao com rgos e entidades das esferas de governo federal, estadual ou municipal". At ento, a redao era "implementar a execuo da poltica estadual de turismo em articulao com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econmico". A nova norma tambm mudou o nome de duas superintendncias: de Fomento e Desenvolvimento do Turismo para Polticas de Turismo; e de Promoo e Marketing Turstico para Estruturas do Turismo.

    Ementa - A Lei 18.710 cria e extingue cargos pertencentes ao Grupo de Atividades de Cincia e Tecnologia do Poder Executivo, a que se refere a Lei 15.466, de 2005; altera as Leis 15.784 e 15.787, de 2005; e as Leis Delegadas 129 e 174, de 2007. A Lei 18.710 cria e extingue cargos pertencentes ao Grupo de Atividades de Cincia e Tecnologia do Poder Executivo, a que se refere a Lei 15.466, de 2005; altera as Leis 15.784 e 15.787, de 2005; e as Leis Delegadas 129 e 174, de 2007.

    Nomes dos prdios - A Lei 18.709 (ex-PL 3.960/09, do governador) d os seguintes nomes aos prdios da Cidade Administrativa Presidente Tancredo de Almeida Neves: Palcio Tiradentes, ao prdio destinado sede do Poder Executivo; Auditrio Presidente Juscelino Kubitschek, ao prdio destinado ao auditrio; Minas, ao Prdio I, localizado na poro nordeste, a 200 metros da Rodovia MG-010; Gerais, ao Prdio II, localizado na poro nordeste, a 300 metros da rodovia. A Lei 18.709 (ex-PL 3.960/09, do governador) d os seguintes nomes aos prdios da Cidade Administrativa Presidente Tancredo de Almeida Neves: Palcio Tiradentes, ao prdio destinado sede do Poder Executivo; Auditrio Presidente Juscelino Kubitschek, ao prdio destinado ao auditrio; Minas, ao Prdio I, localizado na poro nordeste, a 200 metros da Rodovia MG-010; Gerais, ao Prdio II, localizado na poro nordeste, a 300 metros da rodovia.

    Uemg - Outra lei publicada nesta sexta (8) a 18.707 (ex-PL 3.975/09, do governador), que autoriza o Executivo a doar Universidade do Estado de Minas Gerais (Uemg) imvel com rea de 322,2 mil m2, a ser desmembrado de rea total de 436,16 mil m2, situado em Barbacena. O imvel ser usado para a construo do campus da Uemg no municpio. Caso no lhe seja dada essa destinao no prazo de cinco anos contados da lavratura da escritura pblica de doao, o imvel reverter ao patrimnio do Estado. Outra lei publicada nesta sexta (8) a 18.707 (ex-PL 3.975/09, do governador), que autoriza o Executivo a doar Universidade do Estado de Minas Gerais (Uemg) imvel com rea de 322,2 mil m2, a ser desmembrado de rea total de 436,16 mil m2, situado em Barbacena. O imvel ser usado para a construo do campus da Uemg no municpio. Caso no lhe seja dada essa destinao no prazo de cinco anos contados da lavratura da escritura pblica de doao, o imvel reverter ao patrimnio do Estado.




                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Janeiro 8, 2010

    Relaes de Trabalho. Presidente da FIEMG, Robson Andrade recebeu visita do ministro do Trabalho no final do ano. Na pauta o projeto que prev a reduo da jornada de trabalho de 44 para 40 horas. Desdobramentos viro agora em 2010.










    Atendendo ao convite do presidente Robson Braga de Andrade, o ministro do Trabalho, Carlos Lupi, visitou a Fiemg. Em almoo oferecido pela instituio ele conversou com empresrios mineiros sobre o atual momento do pas e perspectivas para 2010. Lupi afirmou que a criao de mais de um milho de postos de trabalho em 2009 no foi surpresa para ele. "Havia previsto isso em fevereiro deste ano, mas poucos acreditaram", disse. Para 2010 sua expectativa ainda mais otimista. "Podem me cobrar. No ano que vem, vamos criar o dobro do que foi criado em 2009".

    Na avaliao do ministro, a reunio na Fiemg um importante mecanismo de entendimento para aprimoramento das relaes de trabalho do Brasil. " expondo divergncias de maneira sincera, que podemos encontrar convergncias para o aperfeioamento institucional", ressaltou.

    O presidente da Fiemg, Robson Braga de Andrade, defendeu o dilogo constante como forma de entendimento entre empresrios e trabalhadores. Andrade apresentou ao ministro os argumentos da indstria, que contrria ao projeto de lei que prev a reduo da jornada de 44 para 40 horas para todos os trabalhadores. Para ele, a questo simples. "Em todos os pases desenvolvidos, as negociaes so feitas caso a caso, sem interferncia do governo. Assim deve ser aqui tambm", sentenciou. O lder empresarial observou que cada setor tem uma realidade e os problemas de cada um se resolvem com livre negociao e no com uma lei nica para todos. "O setor automotivo, por exemplo, trabalha com 40 horas. E o de autopeas com 44. Isso porque as necessidades de cada um so diferentes", ressaltou.

    Carlos Lupi se mostrou favorvel reduo da jornada de trabalho, mas lembrou que esse um assunto para o Congresso Nacional. "Eu acho que a reduo boa para o Brasil", opinou. Ele, no entanto, considerou a flexibilizao defendida pela Fiemg. "Acho que pode ser boa a negociao, mas isso um trabalho para os parlamentares", ponderou.

    Participaram do almoo cerca de 80 pessoas entre empresrios, autoridades dos poderes Executivo e Legislativo.



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Janeiro 8, 2010

    Seguranaa Pblica no sul de Minas.

                                                      Defesa Social assume cadeia pblica
                                                      da cidade de Santa Rita do Sapuca

    BELO HORIZONTE (07/01/10) - A Subsecretaria de Administrao Prisional (Suapi) da Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds) assumiu nesta quinta-feira (7) a cadeia pblica da cidade de Santa Rita do Sapuca, no Sul Minas, chegando marca de 111 unidades prisionais sob sua responsabilidade. Cerca de 40 agentes participaram da operao, que incluiu procedimentos de busca nas celas e distribuio de kits compostos de uniformes, cobertores, toalhas, escovas de dente e produtos de higiene pessoal para os recuperandos.
    Com a transferncia, trs policiais (um civil e dois militares) foram liberados para desempenhar suas funes especficas de investigao e policiamento preventivo e repressivo, dando lugar a 55 agentes penitencirios, especialmente treinados para assumir a tarefa de guarda e escolta de presos.
    Ao assumir o comando da unidade, a Suapi transforma a cadeia pblica em presdio, promovendo mudanas estruturais que vo desde o uso de uniforme obrigatrio por parte dos detentos at estabelecimento de novas normas de visitao. A partir de agora s ser permitida a entrada do visitante que providenciar seu cadastro na portaria, mediante apresentao de documentos como atestado de antecedentes criminais, comprovante de residncia e cpias do RG e CPF.
    Disciplina
    Para viabilizar as adequaes, nos primeiros 30 dias aps a assuno (implementao das mudanas), as visitas aos presos ficaro suspensas. A medida faz parte do Procedimento Operacional Padro (POP), manual que disciplina os direitos e deveres dos detentos, funcionrios e visitantes, que adotado em todas as unidades prisionais do Sistema de Defesa Social. O presdio passar ainda por uma reforma nos sistemas eltrico e hidrulico.
    Os detentos tero atendimentos jurdico, social, odontolgico, mdico, psicolgico e quatro refeies dirias, com cardpio supervisionado por nutricionista.  "Hoje cumprimos mais uma etapa do compromisso do Governo de tirar dos policiais civis e militares a obrigao de cuidar de presos, devolvendo-os s suas funes institucionais de investigao e policiamento ostensivo", afirmou o subsecretrio de Administrao Prisional, Genilson Ribeiro Zeferino.
    Somente em 2009, a Suapi assumiu 22 carceragens da Polcia Civil. De 2003 at hoje, foram 60. Tambm foram inaugurados os presdios de So Joaquim de Bicas II, Itajub e Pouso Alegre, o Complexo Penitencirio de Ponte Nova e o Centro de Referncia Gestante Privada de Liberdade, em Vespasiano. Alm disso, 2009 terminou com todas as cadeias pblicas da Regio Metropolitana de Belo Horizonte transferidas para a Seds.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Janeiro 8, 2010

    CEMIG. Governador Acio VETA artigo que determina que a receita decorrente do uso de instalaes de distribuioem atividades de telecomunicaes da CEMIG ser revertida para reduzir tarifa de energia eltrica. Artigo inconstitucional - segundo alegao do governador mineiro.

     

                         Cemig poder explorar servios de telefonia, TV a cabo e internet

    Foi publicada nesta quarta-feira (6/1/10), no Dirio Oficial Minas Gerais, lei que amplia o objetivo social da Cemig, sancionada com veto parcial, ao artigo 2. Originada do PL 3.619/09, do governador, a Lei 18.695 autoriza a empresa a desenvolver e explorar comercialmente servios de telecomunicao e informao, como telefonia, TV por assinatura e internet, e o veto parcial se deu, segundo o governador, por inconstitucionalidade.

    O artigo vetado determina que a receita decorrente do uso das instalaes de distribuio em atividades de telecomunicao da Cemig ser revertida em prol da modicidade tarifria. Entre as razes do veto, o governador expe que essa reverso de receita significa invaso da competncia da Unio de explorar os servios de telecomunicaes, bem como para legislar a respeito, conforme estabelecido nos artigos 21 e 22 da Constituio Federal de 1988.

    Exame do veto - A partir de 1 de fevereiro, quando termina o recesso parlamentar, o veto ser lido no Plenrio da Assembleia e distribudo a comisso especial para, no prazo de 20 dias, receber parecer, que ser depois submetido apreciao do Plenrio. No total, a Assembleia tem 30 dias, contados a partir da data da comunicao lida no Plenrio, para decidir sobre a manuteno ou no do veto, em turno nico e com votao secreta. A rejeio do veto depende do voto da maioria absoluta dos membros, ou seja, de 39 votos contrrios ao veto. A partir de 1 de fevereiro, quando termina o recesso parlamentar, o veto ser lido no Plenrio da Assembleia e distribudo a comisso especial para, no prazo de 20 dias, receber parecer, que ser depois submetido apreciao do Plenrio. No total, a Assembleia tem 30 dias, contados a partir da data da comunicao lida no Plenrio, para decidir sobre a manuteno ou no do veto, em turno nico e com votao secreta. A rejeio do veto depende do voto da maioria absoluta dos membros, ou seja, de 39 votos contrrios ao veto.

    Razes do veto - O governador cita, entre outros, que a Lei 9.472, de 1997, editada em consonncia com o art. 21, XI, da Constituio Federal, regulamentou a organizao dos servios de telecomunicao, por meio de regras quanto aplicao das receitas, universalizao, s penalidades por descumprimento dos contratos de concesso, entre outros, instituindo a Agncia Nacional de Telecomunicaes (Anatel) com a funo de rgo regulador.O governador cita, entre outros, que a Lei 9.472, de 1997, editada em consonncia com o art. 21, XI, da Constituio Federal, regulamentou a organizao dos servios de telecomunicao, por meio de regras quanto aplicao das receitas, universalizao, s penalidades por descumprimento dos contratos de concesso, entre outros, instituindo a Agncia Nacional de Telecomunicaes (Anatel) com a funo de rgo regulador.

    O governador expe, ainda, que as concesses, permisses e autorizaes de servio de telecomunicaes e de uso de radiofreqncia e as respectivas licitaes regem-se exclusivamente por esta lei, no tendo o legislador estadual competncia para estabelecer regras ou condies relativas prestao de servios de telecomunicaes.

    Obstculos semelhantes quanto ao setor eltrico, no que se refere competncia da Unio, tambm so enumerados na exposio de motivos do veto. Segundo o governador, a Resoluo Normativa 375, de 2009, da Aneel, regulamenta a utilizao das instalaes de distribuio de energia eltrica como meio de transporte para a comunicao digital ou analgica de sinais, por meio do sistema de PLC. E determina, entre outros, que "a apurao das receitas do uso das instalaes de distribuio nas atividades com o uso do PLC ter reverso em prol da modicidade tarifria, nos termos da legislao estabelecida pela Aneel".




                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Janeiro 7, 2010

    Sucesso!!! Balano da Campanha PAPEL NOEL dos Correios em Minas.


    Fernando Miranda, diretor regional
     dos Correios em Minas.


    Cerca de 150 mil sonhos
    realizados em Minas Gerais
     

    Mais uma vez Minas demonstra sua solidariedade por meio da campanha Papai Noel dos Correios. A mobilizao dos mineiros foi responsvel pelo atendimento a quase 150 mil cartinhas, das 165 mil enviadas ao "bom velhinho" nesse Natal.
    O resultado ultrapassou a expectativa inicial da empresa (130 mil pedidos), j que neste ano a campanha contou com uma grande novidade no Estado: para participar as crianas, obrigatoriamente, deveriam estar cursando at a ltima srie da 1 etapa do Ensino Fundamental de instituies de ensino pblicas, alm de creches e abrigos. Tal postura foi adotada com a inteno de contribuir para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento do Milnio, como a educao bsica de qualidade, atendendo prioritariamente crianas em situao de vulnerabilidade social.
     
    A participao intensa da sociedade contribuiu para que a campanha mantivesse o elevado ndice de apadrinhamento no Estado, acima de 90%. Vale destacar que, em 2009, vrias regies adotaram 100% das cartinhas, como o Tringulo Mineiro, o Vale do Jequitinhonha-Mucuri, o Norte e o Leste de Minas. Belo Horizonte tambm merece destaque, j que foi responsvel pelo maior volume de cartas apadrinhadas, mais de 55 mil. 
    Atualmente a campanha Papai Noel dos Correios integra as aes de responsabilidade social da empresa e o desempenho bem-sucedido que vem alcanando nos ltimos anos mostra que a iniciativa no pertence mais somente ECT. Os Correios desempenham, principalmente, o papel de operador logstico da campanha, com destaque para o empenho de seus milhares de carteiros, que se desdobram para entregar os presentes.
    Contudo, a fora de sua sustentao vem da sociedade, ressaltando o apoio fundamental de empresas, dos veculos de comunicao, alm das milhares de pessoas que vm aos Correios na poca de Natal em busca das cartinhas para adoo.
     


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Janeiro 7, 2010

    Ateno voc, que funcionrio pblico estadual em Minas.

                                                
                                            
                                           Governador regulamenta posicionamento de servidores 
                                                                      por tempo de servio


    O governador Acio Neves assinou no dia 31 de dezembro de 2009 o decreto 45.274/2009, que regulamenta o posicionamento dos servidores efetivos por tempo de servio nas carreiras do Poder Executivo Estadual. O decreto beneficiar 169,5 mil servidores, sendo 128.876 ativos e 40.692 inativos.
    O impacto financeiro mensal com o reposicionamento, incluindo os encargos, ser de R$ 38,176 milhes. O decreto entra em vigor no dia 30 de junho.
    Em 2005, poca da implementao das novas estruturas de carreiras do Poder Executivo, o tempo de servio no foi utilizado como critrio para posicionamento dos servidores, sendo considerado somente o valor do vencimento bsico e a escolaridade. Naquela ocasio, o Governo de Minas atendeu a uma reivindicao histrica dos servidores com novos planos de carreiras e tabelas salariais para o conjunto do funcionalismo.
    O decreto assinado pelo governador define critrios para a valorizao do tempo de servio no posicionamento nas carreiras da administrao direta, das autarquias e fundaes do Poder Executivo, visando aperfeioar o processo de implementao dos Planos de Carreiras.
    Esses critrios foram definidos a partir de negociaes com as entidades sindicais e concilia as expectativas dos servidores com a viabilidade financeira do governo para operacionalizao do reposicionamento por tempo de servio, observando, ainda, as regras gerais definidas em lei.
    O texto do decreto estabelece, inclusive, que as despesas decorrentes do reposicionamento nas carreiras estaro sujeitas ao limite de gastos com pessoal, estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal. Para cada carreira h uma tabela especfica. Cada secretaria ou rgo responsvel pela atualizao dos dados de seus servidores que servir de base para o reposicionamento nas carreiras.
    Reposicionamento
    Conforme previso legal, a contagem de tempo para fins de reposicionamento ter como marco inicial a data do ltimo ato de posicionamento, progresso ou promoo do servidor na carreira antiga. J o marco final ser a data do posicionamento do servidor na nova carreira, ou seja, 1 de setembro de 2005 para os funcionrios da Educao Bsica, Educao Superior, Sade, pessoal civil da Polcia Militar, especialistas em Polticas Pblicas e Gesto Governamental.
    Para as demais carreiras do Poder Executivo, o marco final para o clculo do tempo para o reposicionamento 1 de janeiro de 2006. Portanto, o tempo de servio a ser utilizado para o reposicionamento corresponde ao perodo durante o qual o servidor no foi beneficiado com progresses ou promoes na carreira antiga. No caso dos servidores inativos, ser considerado o perodo anterior data da aposentadoria.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Janeiro 7, 2010

    Boa notcias para ns, motoristas. Confira.

     

                        Detran ter que substituir placa clonada sem custo para motorista

    A partir de agora, o Departamento Estadual de Trnsito (Detran-MG) deve substituir placas clonadas sem nus para o proprietrio do veculo e ainda proceder ao cancelamento da Carteira Nacional de Habilitao (CNH) das pessoas falecidas. Duas leis nesse sentido foram sancionadas na ntegra pelo governador e publicadas no Dirio Oficial de Minas Gerais nesta quarta-feira (6/1/10), j estando em vigor.

    A Lei 18.703 (ex-PL 3.005/09, do deputado Fbio Avelar), torna obrigatrio o envio, ao Detran-MG, da relao de registros de bitos para fins de cancelamento da Carteira Nacional de Habilitao das pessoas falecidas. Para que seja feito o cancelamento, a partir desta quarta-feira (6) os oficiais de Registro Civil das Pessoas Naturais do Estado passam a ter que encaminhar, mensalmente, ao Detran-MG, a relao dos registros de mortes ocorridos no perodo. O descumprimento da lei sujeita o infrator ao pagamento de multa no valor de R$ 1 mil. O objetivo coibir no Estado fraudes envolvendo transferncias de multas para a CNH de pessoas falecidas.

    J a Lei 18.704 (ex-PL 2.032/08, do deputado Ruy Muniz), que trata da placa de veculo automotor que tiver sido clonada, garante ao proprietrio do veculo o direito substituio da placa gratuitamente, aps a comprovao da clonagem, mediante processo administrativo. O novo emplacamento e a nova documentao do veculo sero providenciados sem custo para o proprietrio.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Janeiro 6, 2010

    Vice de Serra, nem pensar. A deciso DEFINITIVA - disse o governador Acio Neves na primeira coletiva dele este ano. Acio visitou a Cidade Administrativa e disse os 16 mil funcionrios do Estado sero transferidos pr l em fevereiro. As chuvas atrasaram a mudana, prevista para este ms de janeiro.

                                      

                                                          Assuntos: Cidade Administrativa,
                                                                 mudana de secretariado,
                                                                  Eleies 2010 e PSDB

    O senhor definiu o dia da inaugurao do Centro Administrativo?
    Fiz hoje uma visita longa Cidade Administrativa e uma reunio com todos os consrcios. Estamos redefinindo alguns prazos. Volto Cidade Administrativa neste ms ainda de janeiro, a sim para marcar a data definitiva.
    Houve atrasos decorrentes das chuvas, alguns at esperados, outros atrasos de equipamentos que esto sendo agora instalados e no h mais que justifique outros atrasos. Mas quero fixar uma data que seja uma data definitiva. Estarei na ltima semana do ms de janeiro fazendo a ltima visita Cidade Administrativa antes da mudana, mas hoje j temos andares dos prdios das secretarias completamente prontos. O Palcio est sendo praticamente todo montado.
    O que houve foram alguns problemas no subsolo em razo das chuvas que tivemos em dezembro e que realmente atrasou principalmente a urbanizao da parte externa, paisagismo, e enfim alguns outros detalhes que no so centrais, mas eu no gostaria de fazer uma mudana pela metade, uma mudana com a Cidade ainda ou parte dela, mesmo que no interferindo no funcionamento das secretarias, mas nos d essa impresso de que uma obra inacabada.
    Estarei inaugurando a Cidade Administrativa em condies de receber tudo aquilo que foi planejado e espero poder anunciar essa nova data at o final do ms de janeiro. Espero no, anunciarei a data at o final de janeiro.
    E a mudana do secretariado? J tem alguma coisa definida?
    No defini a data ainda. Essa uma questo que no me atormenta neste instante. Temos o prazo final que o prazo do final de maro. Os secretrios que sero candidatos obviamente sairo e possvel que haja sim uma antecipao, mas eu no vou fazer isso na correria. Estou j fazendo algumas consultas, estou agora comeando a definir alguns nomes, conversando inclusive com os secretrios que sairo. No quero tambm fixar uma data antes que eu tenha toda equipe montada.
    O que eu posso adiantar para vocs que vamos fazer isso tudo de uma s vez e pode ser sim que ocorra antes do prazo fatal para que os novos secretrios, no s secretrios porque alguns outros servidores, dirigentes de empresas, tambm se candidataro, para que todos possam ter um tempo maior para concluir o nosso mandato.
    O senhor candidato ao Senado?
    Sou candidato ao Senado se o meu partido me indicar como candidato ao Senado. Diria que hoje sou pr-candidato ao Senado pelo PSDB de Minas.
    Essa reunio agora do PSDB no foi uma forma de ter sensibiliz-lo a vice de Jos Serra?
    Tenho uma posio muito clara com relao a essa questo. Digo sempre que um quadro partidrio to amplo como o nosso demandaria uma composio de uma chapa que no fosse exclusiva de um partido.
    A minha posio com relao ao pleito nacional foi dada, com absoluta clareza e agora eu dedico-me s questes de Minas Gerais.
    Estarei entre janeiro e fevereiro visitando praticamente todas as regies do Estado, inaugurando obras e vistoriando outras obras. So centenas e importantssimas obras ocorrendo em praticamente todos os municpios mineiros e farei isso, sempre que possvel, na companhia do vice-governador Antonio Anastasia, at porque ele ter responsabilidade de, a partir de abril, dar andamento a todos esses investimentos.
    O senhor acha que h uma insistncia indevida dos aliados em falar sempre que o senhor vai ser vice e deve ser vice?
    J disse que no cogito hoje essa hiptese. Acho que ela no benfica para o nosso projeto. Serei, no momento em que o candidato do PSDB for definido, um soldado sua disposio com absoluta lealdade, mas mergulhado nas questes de Minas.
    A partir de Minas, eu buscarei vencer as eleies para o Governo do Estado para dar continuidade ao projeto que est aqui em andamento com a aprovao mais expressiva, como vimos nas ltimas pesquisas, entre todos os estados brasileiros, e ajudar a partir de Minas Gerais a dar a vitria ao nosso candidato Presidncia da Repblica.
    Como deve ser o comportamento do PSDB neste momento em que no h um candidato posto e h o risco desse candidato s se apresentar no final do ms de maro?
    A minha posio interna a mesma que externo a vocs. Sempre achei que o PSDB poderia estar antecipando esse processo, mas buscou no faz-lo e eu respeito essa deciso e certamente tem razes para tal. Eu hoje estou absolutamente dedicado e, mais do que isso, entusiasmado com as questes mineiras.
    Estou tendo um privilgio que no sei se muitos governantes tiveram de ir a todas as regies do Estado e sendo recebido como algum que ajudou a transformar a realidade de Minas e isso, para mim, como homem pblico, como cidado, extremamente gratificante.  isso que me importa neste instante e vou estar disposio do partido nas misses que o partido me determinar, mas vinculado com as questes de Minas e obviamente disputando as eleies por Minas Gerais.
    A demora em definir o candidato do PSDB inviabiliza a ampliao das alianas? Inviabiliza ir alm de PSDB, DEM e PPS?
    Essa sempre uma questo que eu coloquei. Acho que deveramos estar trabalhando agora efetivamente para a ampliao da nossa aliana e acho possvel que isso ocorra. Quanto mais rapidamente tivermos um nome conduzindo essas conversas, mais possibilidades dessa ampliao teremos. Mas essa uma questo que agora est a cargo da direo nacional do partido, atravs do presidente Srgio Guerra.
    No cabe a mim, a partir do momento em que retiro formalmente o meu nome da disputa, no cabe a mim ficar agora fazendo outro tipo de cobrana, cabe a mim me colocar disposio do partido e eu serei um entusiasta, defensor da candidatura pela qual o PSDB optar, at porque acho importante encerrarmos esse ciclo de governo e iniciarmos um outro.
    Quando o senhor retirou a pr-candidatura, o senhor disse que era uma forma de ajudar para que o partido tivesse uma definio mais rpida. O senhor acha que no adiantou e est faltando por parte de So Paulo, por parte do governador Serra, um posicionamento?
    o que disse. No cabe a mim fazer qualquer crtica a essa conduo at porque o senador Srgio Guerra, e eu disse isso quando anunciei a minha sada dessa disputa, e reitero, tem sido muito equilibrado, tem sido muito correto. O sentimento dele no muito diferente do meu. Vamos ver se nas prximas semanas ns possamos ter alguma novidade. Eu confesso a voc que nesses ltimos dez dias, a no ser por telefone, para desejar boas festas, eu falei com os principais dirigentes do partido sobre poltica.
    Certamente, vamos voltar a nos reunir. Mas repito, essa conduo, a partir de agora, do PSDB, da direo nacional do PSDB - eles j conhecem a minha posio, como vocs conhecem -, qualquer que seja ela, cabe a mim, como filiado ao partido respeit-la.
    A direo regional do PSDB esteve reunida, pedindo que o PSDB faa mais crtica ao governo Lula. O senhor concorda com isso? Vai fazer mais crtica?
    Acho que o PSDB tem que ter posies mais claras em relao a diversos temas. Isso vai ocorrer. Acho que ns podemos falar em avanos sem falar em descontinuidade de questes que so importantes para o pas, at porque no houve uma descontinuidade do governo Lula em relao ao governo Fernando Henrique.
    Talvez o grande mrito do presidente Lula tenha sido, exatamente, por mais que alguns petistas no gostem, a continuidade das questes fundamentais. No houve ruptura, por exemplo, na conduo da poltica macroeconmica. Houve uma continuidade clara. No houve uma ruptura nas polticas sociais.
    Houve um aprofundamento, que eu reconheo, nas polticas sociais. Ento ns podemos falar de novos avanos, demonstrando aonde o governo no foi bem, e demonstrando que ns, com a experincia que temos, pela qualidade das gestes do PSDB, podemos fazer mais, preservando as conquistas que vieram tambm no governo do presidente Lula.
    Como fazer isso, governador, se de fato o PSDB ainda no tem oficialmente um candidato?
    Acho que vai ficar naturalmente clara de termos o candidato. Isso pode ocorrer nas prximas semanas, pode ocorrer no prximo ms. Repito, uma deciso que o partido ter que tomar, mas eu acho que no momento que me afasto dessa disputa, claro que comea haver uma clareza maior de quem ser o candidato do partido. No cabe a mim antecipar isso, cabe ao candidato. Acho que naturalmente essa minha sada facilita esse embate, facilita esse contraponto que ns vamos estabelecer em relao ao governo. Ns no devemos temer essas eleies.
    Elas sero eleies duras, mas ns temos histria para mostrar, temos uma trajetria poltica, ns do PSDB, absolutamente clara, importante para o pas, e acho que ns podemos mostrar aos brasileiros que podemos caminhar mais rapidamente em direo ao futuro que todos ns queremos, de termos emprego, termos desenvolvimento, uma distribuio mais adequada de renda, portanto esse ser o grande debate.
    Quem poder fazer mais daqui por diante, e no uma comparao que a sim me parece equivocada entre o governo Fernando Henrique Cardoso e o governo Lula, at porque foram governos que ocorreram em momentos distintos. O governo do presidente Fernando Henrique tem mritos inquestionveis, ali sim, com o presidente Itamar e Fernando Henrique, houve a primeira grande ruptura com o passado, que foi com a estabilidade da economia, e de l para c, estamos colhendo avanos. Acho que o PSDB no governo, a partir de 2011, trar ao Brasil muito mais avanos do que a continuidade do atual governo.
    Essa deciso do senhor irrevogvel?
    definitiva.
    Numa eventual desistncia do Serra...
    No cogito isso. definitiva e estou entusiasmado com as questes de Minas Gerais e a elas que me dedicarei a partir de agora.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Janeiro 6, 2010

    CONTROLE DE GASTOS...

                                                            Minas Gerais enfrenta crise
                                                             com controle de despesas
                                                                e aumento de renda


    O Governo de Minas iniciou 2009 com a ateno voltada para os possveis efeitos da crise financeira mundial, que comeou a dar sinais em outubro do ano anterior, seus reflexos sobre a economia e, consequentemente, sobre as finanas pblicas, com riscos ao cumprimento do oramento fiscal. Nos primeiros meses houve a queda de arrecadao, que comeou a ser revertida com a adoo de medidas cuidadosas para controle das despesas e recuperao da receita, sem qualquer aumento da carga tributria.
    Ao sustentar essa poltica para manter o equilbrio fiscal, o Governo de Minas encerrou 2009 com a receita do Imposto sobre Circulao de Mercadorias e Prestao de Servios (ICMS), principal tributo estadual, mostrando significativa recuperao e alcanando R$ 22 bilhes. Os nmeros representaram a segunda maior arrecadao entre os estados brasileiros. A esse resultado soma-se o esforo de aes voltadas para novas captaes de recursos, que permitiram um adicional da ordem de R$ 2,2 bilhes ao oramento, incluindo as de operaes de crditos.
    Aes
    Para o xito desse trabalho foram mantidos os investimentos nos dois projetos estruturadores a cargo da Secretaria de Estado de Fazenda (SEF), "Modernizao da Gesto Fiscal" e "Eficincia Tributria e Simplificao", este recebendo mais recursos para melhorar a infraestrutura e as condies operacionais da instituio.
    Com base em um bem montado Plano Anual do Fisco Estadual, coube Subsecretaria da Receita Estadual (SRE), alm de promover a modernizao do controle fiscal do trnsito e reestruturao da cobrana administrativa do crdito tributrio, implementar novos sistemas para melhorar e simplificar o relacionamento do fisco com os contribuintes e garantir a arrecadao das receitas fiscais, sem que tal medida implicasse aumento da carga tributria.
    Entre as principais aes destaca-se a modernizao do controle fiscal do trnsito de mercadorias, mediante a implantao de uma nova concepo desse controle, elaborada a partir de uma viso integrada e global da atuao do fisco mineiro.
    O novo modelo abrangeu a reestruturao das unidades fiscais da SEF, que passou a ter 37 unidades voltadas exclusivamente para o controle fiscal do trnsito de mercadorias, sendo 12 Delegacias Fiscais de Trnsito (DFTs), incluindo uma voltada especificamente para o Comrcio Exterior (DFT/Comrcio Exterior), 24 Postos de Fiscalizao e uma Diretoria Executiva da Fiscalizao.
    Para ampliar o alcance do sistema de Substituio Tributria foram firmados diversos protocolos com So Paulo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul, fazendo com que vrios setores, como medicamentos, produtos eletroeletrnicos, material eltrico, cosmticos e outros, ficassem sujeitos ao recolhimento do ICMS/ST. Essa medida apresentou sinais bastante positivos para o incremento da receita.
    A Receita Estadual cuidou ainda do fortalecimento das aes de cobrana do crdito tributrio; melhoria de sistemas que simplificam e agilizam o atendimento aos contribuintes; realizao de aes especiais em conjunto com o Ministrio Pblico, voltadas para o combate sonegao e ao crime contra a ordem tributria, com auxlio das polcias Militar e Civil; e o desenvolvimento de estudos sobre tratamento tributrio diferenciado, como medida de proteo a economia do Estado, necessrio ao equilbrio da competitividade das empresas mineiras, em vista de benefcios concedidos por outras unidades da Federao, no previstos em lei complementar ou convnio. A medida atende os anseios do empresariado mineiro e estimula a manuteno dos empreendimentos e empregos no Estado.
    Incremento de receita
    Ainda em decorrncia dos reflexos da crise mundial sobre a economia mineira, a SEF intensificou aes voltadas a novas captaes de recursos financeiros e ao incremento da arrecadao. Esse esforo acrescentou aos cofres estaduais recursos da ordem de R$ 2,2 bilhes, includos os provenientes das operaes de crditos que tiveram seus cronogramas antecipados.
    Em outubro, o Governo de Minas firmou nova operao de crdito com o Banco Interamericano de Desenvolvimento para financiar o Programa de Apoio Competitividade dos Arranjos Produtivos Locais (APLs), existentes em seu territrio, no valor de US$ 10 milhes, estando em fase de cumprimento das condies de efetividade desta operao para liberao de recursos. At novembro, das operaes contratadas recentemente pelo Estado, foram liberados recursos no montante de R$1,12 bilho.
    Apenas em relao operao junto ao Banco Mundial/Programa de Desenvolvimento de MG II, contratada no valor de US$ 976 milhes, o Estado recebeu neste perodo R$1,07 bilho. Esses recursos esto sendo aplicados na segunda Gerao do Choque de Gesto (Estado para Resultados) de forma a ampliar a oferta e melhorar a qualidade e eficincia dos servios pblicos oferecidos.
    Na primeira quinzena de dezembro, o Senado Federal aprovou os processos relativos obteno de autorizao para contratao de operaes de crdito com o BID/Profort de US$ 40 milhes para o aperfeioamento da gesto e do controle da mquina fiscal e financeira do Estado, e o Pronoroeste, no valor de US$ 10 milhes, para eletrificao rural do Noroeste mineiro.
    Quanto infraestrutura, foi implantada a nova rede fazendria, com banda ampliada e uso de novas tecnologias; a Central de Atendimento (Service Desk), que funcionar como porta nica de entrada para todas as demandas relativas tecnologia da informao e de comunicaes; instalados 500 novos microcomputadores, em substituio aos equipamentos existentes; implantado os servios de voz sobre IP (Voip); e ampliado o parque de impresso, por meio de contratos de outsourcing, visando reduzir custos.
    Para ver grficos com mais informaes clique aqui.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Janeiro 5, 2010

    Da srie: UMA FOTO VALE POR MIL PALAVRAS.



    Foto arquivo: Di Lello teve seu trabalho
    reconhecido pelo municpio de Araguar.

    O ex-prefeito de Araguar, Marcos Alvim
    hoje presidente do Prominas em BH
    e o engenheiro Henrique Di Lello Filho,
    que presidiu com com competncia,
    muita diplomacia e eficincia,
    o Consrcio Capim Branco.

    Ele que teve como brao direito,
    o economista Celso Castilho
    (ex-secretrio de Meio Ambiente
    do governo Itamar Franco em Minas).
    Hoje Celso tambm est na VALE
    ( ele foi diretor de Meio Ambiente do CCBE
    e depois sucedeu Di Lello na presidncia).

    Tive a honra de trabalhar com  Henrique e Celso,
     como Assessor de Comunicao e Marketing,
    durante os cerca de quatro anos de construo
    das Usinas em Araguar.

    Henrique nos dizia - com sua generosidade
     e para minha satisfao -
    que eu era "um reprter, que ia alm da notcia".
    Uma msica para os meus ouvidos de profissional da mdia.
    Ficamos amigos.

    CCBE
    O consrcio,encabeado pela VALE,Cemig,
    Grupo Votorantin e Paineiras Papis,
    construiu duas Usinas no Rio Araguari,
     um nvestimento de 1 bilho de reais.
    As Usinas - hoje chamadas de Amador Aguiar I e II,
     geram 450 megawatts de energia
    e milhares de reias para os cofres
    de Uberlndia, Araguari e Indianpolis.

    Atualmente, Henrique Di Lello
    gerente-geral de energia da VALE.

     F DE "GABO"
     Ele f do escritor  colombiano,
    nascido Cartagena, Gabriel Garcia Marques.
    Com ele compartilho gosto pelo  realismo fantstico de "Gabo".

    De "100 Anos de Solido", passando pelo excelente
    "Crnicas de uma Morte Anunciada"
      pelo denso e fino "Memrias de Minhas Putas Tristes"
    e o maravilhoso "Amor nos Tempos do Clera"
    - minha sintonia intelectual com  Di Lello
    na literatura latino-americana
    um sintonia fina.

    Gostamos tambm  do russo Fidor Dostoivski
    autor de "Crime e Castigo"
    e "Os Irmos Karamazovsk"...

    DETALHE:
    Na passagem de ano, liguei para Di Lello em So Paulo.
    Com sua fala macia, cativante,
    ele nos disse que tinha acabado de ler uma obra,
    no de Garcia Marques,
    mas do excelente Dan Brawn: "O Smbolo Perdido".
    Di Lello me sugeriu a obra. Vou comprar.
    E eu suger a ele, o livro:
     "Emotionomics" de Jonh Hill.

    Vale registrar ainda: acabo de assistir o filme
    "O Amor nos Tempos do Clera".
    Ficou uma obra-prima, viu Henrique!!!

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Janeiro 5, 2010

    Na terra de Tiburtina, Cristina Pereira, a vice de Tadeu Leite assume a Prefeitura de Montes Claros no norte de Minas, durante as frias do titular. Fato histrico. Matria enviada ao nosso BLOG pelo jornalista Fabiano Fagundes, assessor de Comunicao da Prefeitura de MOC.

                                          
                                                    O deputado estadual, Gil Pereira, do PP 
                                                          e a mulher dele, Cristina Pereira,
                                                                 a prefeita em exerccio 
                                                                     de Montes Claros.

    Cristina Pereira entrou para a histria poltica do municpio, como a primeira mulher a assumir o cargo de prefeita de Montes Claros, quinta maior cidade de Minas Gerais. A solenidade de posse foi na tarde de sexta-feira, 1, na sala de reunies do gabinete, com as presenas do esposo, deputado estadual Gil Pereira, secretrios, autoridades e lideranas comunitrias do municpio. Cristina Pereira conduzir os trabalhos do Executivo durante 20 dias, em substituio a Luiz Tadeu Leite, que tirou frias regulamentares, previstas pela legislao atual.
    Durante o perodo em que comandar as aes municpais, Cristina Pereira pretende dar continuidade aos projetos e aes j desenvolvidos pela administrao, as quais foram planejadas no incio do atual mandato, em 2009. "No vejo dificuldades, uma vez que j acompanho os trabalhos da Prefeitura, em todos os setores, em sintonia com o prefeito licenciado, Luiz Tadeu Leite e os secretrios municipais", afirmou Cristina Pereira, que antes de assumir a chefia do Executivo despachava, rotineiramente, em seu gabinete, no segundo andar do prdio da Prefeitura.
     Ontem, a prefeita em exerccio comeou o expediente, com uma reunio de trabalho, despachando com a equipe do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ). Na oportunidade, foram definidas aes de combate dengue, quando Cristina Pereira pediu empenho do setor e alertou populao quanto aos cuidados que devem ser tomados contra a doena. O objetivo realizar uma intensa campanha para eliminar os focos do mosquito aedes aegypti, com total apoio da comunidade.





                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Janeiro 4, 2010

    Dois homens de confiana do ministro das Comunicaes, senador Hlio Costa.



    O advogado barbacenense, Jos Artur Filardi
      cotado para ser ministro no lugar de Hlio Costa
    quando o senador se desencompatibilizar em maro
    para disputar o governo de Minas.
      E o presidente dos Correios,
    o mineiro de Paraispolis- sul de Minas - 
     Carlos Henrique Custdio.
    Discreto e efeciente, Custdio faz belo trabalho
      frente dos Correios.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Janeiro 4, 2010

    Boa notcia para quem trafega pela BR-040 (BH-Rio). VALE vai retirar - a partir deste ms de janeiro - os CAMINHES que transportam minrio usando a BR-040 entre BH e Congonhas. Promessa do presidente da VALE, Roger Agnelli ao governador Acio Neves.








                                        Governo de Minas assina acordo de cooperao
                                            com a Vale para financiamento de pesquisas

                                    

    Mineradora anuncia ainda criao de um Instituto de Tecnologia, em Ouro Preto, modernizao do Contorno Ferrovirio de Belo Horizonte
    e retirada dos caminhes que transportam minrio da BR-040


    O governador Acio Neves assinou nesta no Palcio da Liberdade, com o presidente da Vale, Roger Agnelli, acordo de cooperao entre a mineradora e a Fundao de Amparo Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig). O acordo prev a induo e apoio a projetos cooperativos de pesquisas estratgicas com foco no desenvolvimento do Estado. Sero destinados R$ 41 milhes para financiamento de projetos de pesquisas, sendo R$ 21 milhes desembolsados pela Vale e R$ 20 milhes pela Fapemig. Roger Agnelli anunciou ainda a criao de um Instituto de Tecnologia em Sustentabilidade com sede em Ouro Preto.

    "Esses anncios vm ao encontro daquilo que Minas tem buscado fazer: investir em inovao, em tecnologia, em conhecimento, na busca da sustentabilidade das atividades que aqui so exercidas, buscando dar a elas tambm maior competitividade", afirmou o governador.

    Roger Agnelli explicou que o instituto vai atuar no desenvolvimento de novas tecnologias que possam transformar a minerao em uma atividade sustentvel, do ponto de vista ambiental e social.

    "A questo da emisso, da utilizao da gua, das barragens de rejeitos, de como processar o minrio, como extrair o minrio, ou seja, a gente tem que repensar a minerao do futuro. Ento, hoje fizemos uma parceria muito importante com a Fapemig no sentido de fomentar esse desenvolvimento cientfico. Estamos construindo um centro de tecnologia sustentvel em minerao que ser construdo em Ouro Preto. Esse instituto vai olhar a minerao do futuro", detalhou o presidente da empresa.

    As pesquisas que sero financiadas pelo convnio entre a Vale e a Fapemig tero como reas de interesse a minerao, energia, ecoeficincia, biodiversidade e produtos ferrosos para siderurgia. Esse o primeiro convnio assinado entre a Vale e uma fundao estadual de pesquisa.

    " um momento histrico, j que a Vale nasceu em Minas Gerais. o primeiro convnio que articula em rede fundaes de amparo pesquisa e uma empresa. o maior desse gnero j realizado no Brasil e possivelmente servir para balizar como outras empresas agiro no pas", destacou o diretor do Instituto Vale, Luiz Eugnio Arajo de Moraes Mello.

    Contorno ferrovirio
    O presidente da Vale tambm anunciou o projeto de modernizao do Contorno Ferrovirio de Belo Horizonte, que receber investimentos de R$ 137,5 milhes, beneficiando cerca de 250 mil pessoas em dez bairros da capital e regio metropolitana.

    O empreendimento ser feito em parceria com a Ferrovia Centro-Atlntica (FCA), concessionria da malha ferroviria centro-leste e operadora do trecho que ser modernizado, e que controlada pela Vale. As obras sero feitas no traado da linha que transporta a carga da Vale, num trecho de 8,3 km, passando por Belo Horizonte e Sabar, sendo a maior parte entre os bairros Horto e General Carneiro. Nessa linha so transportados 13 milhes de toneladas de cargas por ano.

    " a soluo de um problema que para ns em Belo Horizonte quase que dramtico, at porque histrico. A questo da transposio ferroviria de Belo Horizonte vinha trazendo transtornos enormes h dcadas populao da regio metropolitana", destacou o governador Acio Neves.

    Com as obras sero reduzidas as interferncias da ferrovia nos bairros a partir da eliminao das passagens em nvel onde os acidentes so frequentes , da construo de trs passarelas, trs viadutos rodovirios, dois viadutos ferrovirios e uma trincheira. Tambm est prevista a implantao de reas verdes e de lazer em locais prximos nova faixa de domnio.
    "Finalmente a gente conseguiu, h algumas semanas, assinar em Braslia junto com o Governo Federal um acordo definitivo para o contorno ferrovirio. Os projetos j esto prontos e queremos fazer logo a licitao e comear o quanto antes possvel as obras", anunciou Agnelli.

    BR-040
    O presidente da Vale anunciou ainda que, a partir de janeiro de 2010, a empresa no transportar mais minrio pela BR-040, com a utilizao de rotas alternativas. A mineradora tambm pretende desenvolver, com outras empresas de minrio e com clientes, uma soluo definitiva para que no utilizem mais a BR-040.

    "O trfego de caminhes de minrio traz perigo, danos, acidentes, enfim, a rodovia no est preparada para esse volume. Esto buscando uma alternativa que possa permitir num primeiro momento a retirada dos caminhes administrados diretamente pela Vale, para que possamos estender tambm essa negociao com outras mineradoras que utilizam em excesso essa rodovia, em detrimento de grande parte da populao", disse o governador.


    Fonte: Assessoria de Imprensa do Governador


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Janeiro 3, 2010

    Com todo o gs...

                                                 Gasmig expande investimentos em 2009
                                                    e planeja aes para o ano de 2010


                                             
                                                        Mrio Nunes, presidente da Gasmig.

    A Companhia de Gs de Minas Gerais (Gasmig) deu prosseguimento em 2009 s obras do seu plano de expanso, que levaro a empresa a alcanar, em 2010, um incremento superior a 100% em malha de gasodutos e volume de distribuio de gs natural. Hoje, a Gasmig distribuidora de gs natural canalizado que mais cresce no pas.
    Investimentos da ordem de R$ 1 bilho permitiro companhia ampliar a extenso de sua rede de distribuio (gasodutos), dos atuais 407, para 860 quilmetros. O volume de distribuio, que este ano ser de 450 milhes de metros cbicos (excluindo o fornecimento s usinas termeltricas), saltar, em 2010, para mais de 1 bilho.
    Para atender ao Vale do Ao, foi iniciada, em abril, a construo de um gasoduto de 280 quilmetros, que estar concludo no segundo trimestre de 2010. Esse gasoduto, que vai de Ouro Branco a Belo Oriente, beneficiar, entre outros municpios, Ouro Preto, Mariana, Joo Monlevade, Timteo e Ipatinga.
    Somente nessa obra, esto sendo investidos mais de R$ 700 milhes.
    No Sul de Minas, a Gasmig concluiu recentemente as obras do gasoduto de 110 quilmetros que liga Jacutinga a Poos de Caldas, com investimentos da ordem de R$ 150 milhes. O incio das operaes depende apenas da entrega do gs pela Petrobras, que, para isso, est concluindo a ligao entre Paulnia e Jacutinga.
    Grandes empreendimentos nos segmentos de siderurgia e minerao em implantao no Estado tambm esto sendo contemplados pelos investimentos da Gasmig na ampliao da oferta de gs natural.
    Em novembro, entrou em operao o ramal de 33 quilmetros - ligando Brumadinho a Nova Lima - que atende nova usina de pelotizao de minrio de ferro da Vale, na rea da antiga MBR. Nesse ramal, a Gasmig investiu cerca de R$ 40 milhes. Outro ramal foi construdo para atender ao Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins.
    Mais R$ 10 milhes esto sendo investidos pela empresa na construo de um ramal, com seis quilmetros de extenso, para atendimento Vallourec & Sumitomo Tubos do Brasil (VSB), em Jeceaba. A concluso da obra est programada para maro de 2010.
    H outros investimentos previstos para a ampliao da rede de distribuio de gs natural nas reas de influncia de Belo Horizonte, Juiz de Fora e Barbacena, alm da estreia da Companhia no segmento residencial, com a implantao de infraestrutura de gs canalizado para o atendimento a alguns bairros de Belo Horizonte e Poos de Caldas.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________
    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Janeiro 1, 2010

    Banda Larga ainda este ms ganha novo rosto...



    Para Hlio Costa,
    universalizar banda larga
    principal meta do setor para 2010


                   Expectativa do governo definir Plano Nacional de Banda Larga em janeiro

    Braslia O ministro das Comunicaes, Hlio Costa, afirmou hoje, em Braslia, que a principal meta do ministrio para 2010 comear a levar a internet em banda larga a todo o pas. "O principal desafio para o setor agora est lanado: a banda larga. Temos o ano todo para realmente fazermos o Plano Nacional de Banda Larga vingar. Temos conscincia de que impossvel fazer tudo em um ano, mas ns vamos comear", disse, durante a cerimnia de consignao de canais digitais para a cidade de So Luis (MA).
    O ministro explicou que o Plano Nacional de Banda Larga deve ser encarado como um projeto para o pas. "O prximo governo, seja ele qual for, certamente fica na obrigao de continuar a implantao de um plano que tem como objetivo chegar a todo o territrio nacional com essa ferramenta hoje indispensvel em qualquer meio social", salientou.
    Hlio Costa lembrou que o presidente Luiz Incio Lula da Silva determinou no fim de novembro o prazo at meados de janeiro para receber um documento reunindo novas informaes e propostas para o Plano Nacional de Banda Larga.
    O ministro disse que o presidente Lula tem insistido que toda obra de infra-estrutura a ser desenvolvida no pas contemple tambm a infra-estrutura de telecomunicaes, o que fortalecer o projeto de universalizao da internet em banda larga. "Para se construir uma estrada, ser preciso fazer tambm a estrutura de comunicaes, o que facilita muito", explicou.
    TV Digital
    Nesta segunda-feira, 21 de dezembro, o ministro das Comunicaes assinou contratos de consignao de canais digitais com trs emissoras de televiso de So Lus (MA). Hlio Costa lembrou que, passados dois anos da implantao da TV Digital, 29 cidades brasileiras j transmitem em alta definio.
    So Lus a 20 capital brasileira a operar a TV Digital.

    Danyella Proena e Augusto Henriques ASCOM/Ministrio das Comunicaes

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Janeiro 1, 2010

    Sortudos: 10 27 40 46 49 58

     

    Uma aposta feita em Santa Rita do Passa Quatro, de So Paulo (SP), e outra feita em Braslia, no Distrito Federal (DF) vo dividir a bolada milionria da Mega-Sena da Virada. Cabe a cada aposta vencedora R$ 72.450.747,46. A Caixa Econmica Federal (CEF) divulgou as dezenas sorteadas na noite desta quinta-feira (31). O prmio total considerado o recorde das loterias na Amrica Latina.
    Confira os nmeros sorteados: 10 27 40 46 49 58. A Quina premiar 734 apostas com R$ 34.724.23. J a Quadra saiu para 55.988 apostas, com rateio a ser confirmado pela CEF, mas em torno de R$ 650,33 para cada bilhete, segundo a assessoria da instituio. O sorteio foi realizado s 20h, na Estao da Luz, em So Paulo. A maior quantia paga at agora foi de R$ 64,9 milhes, em outubro de 1999. Atualizado, esse valor chegaria a R$ 115 milhes, ainda conforme a CEF.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Janeiro 1, 2010

    Novidades sobre os FUNDOS ESTADUAIS.

     

                                          Lei que altera fundos estaduais sancionada

    Foi sancionada nesta segunda-feira (28/12/09) a Lei n 18.683 (ex-PL 3.854/09, do governador), que altera leis que dispem sobre cinco fundos estaduais. So elas: 11.396, de 1994, que cria o Fundo de Fomento e Desenvolvimento Socioeconmico (Fundese); 14.869, de 2003, que cria o Fundo de Parcerias Pblico-Privadas; 15.686, de 2005, que dispe sobre o Fundo de Assistncia ao Turismo (Fastur); 15.980, de 2006, que cria o Fundo de Equalizao; e 15.981, de 2006, que cria o Fundo de Incentivo ao Desenvolvimento (Findes). O objetivo adequar esses fundos de financiamento e de garantias Lei Complementar 91, de 2006, que trouxe diretrizes para a normatizao de fundos. A norma sancionada aborda, entre outros aspectos, as atribuies do agente financeiro, que o Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG), dos grupos coordenadores e dos agentes executores.

    Uma das principais mudanas quanto remunerao do BDMG no Findes e no Fundo de Equalizao, que passa de fixa a varivel, a fim de acompanhar as oscilaes do mercado e de conferir flexibilidade para a atuao do banco. O Findes o fundo destinado expanso do parque industrial mineiro; e o Fundo de Equalizao tem, em linhas gerais, o objetivo de atrair empresas para o Estado por meio de taxas de juros inferiores s de mercado.

    Assim, a remunerao do Findes passa a ser de, no mnimo, 2% e, no mximo, 4%, quando includa na taxa de juros; ou de, no mnimo, 1,5% e, no mximo, 3,5%, se descontada de cada parcela liberada. Antes, a remunerao era de 3%, no primeiro caso, e de 2,5%, no segundo caso. O prazo mximo de contratao do fundo passa a ser de 11 anos, prorrogveis por mais quatro. J o supervit financeiro, apurado ao trmino de cada exerccio, poder ser transferido para outro fundo. Quanto ao Fundo de Equalizao, a remunerao passa de 3% para de 1,5% a 3,5%.

    Outra alterao importante da nova lei diz respeito ao Fundo de Parcerias Pblico-Privadas. At ento, a remunerao das disponibilidades do fundo era pela taxa Selic. Agora, as disponibilidades podero ser mantidas em fundos financeiros exclusivos regulados pela Comisso de Valores Mobilirios (CVM). A mudana pode conferir mais rentabilidade ao Estado, pois o agente financeiro pode aplicar as disponibilidades em fundos que rendam mais que a Selic. O fundo precisa ser fiscalizado pela CVM.

    Novidade tambm a reduo, de 2% para 1%, da tarifa de abertura de crdito junto ao Fastur. Fica mantida, por outro lado, a comisso de 3% do BDMG. O rgo gestor no ser mais a Codemig, e sim a Secretaria de Estado de Turismo, alm de ter sido includa a Companhia Mineira de Promoes no grupo coordenador do fundo. A nova lei extinguiu o Programa Fundese/Estrada Real, incorporando-se seu patrimnio ao Fastur.

    Durante a tramitao, o PL 3.854/09 incorporou o PL 3.874/09, tambm do governador, que altera a Lei 13.848, de 2001, que extingue o Fundo de Saneamento Ambiental das Bacias dos Ribeires Arrudas e Ona (Prosam), o Fundo Somma, o Fundo Estadual de Saneamento Bsico (Fesb) e o Fundo de Desenvolvimento Urbano (Fundeurb) e autoriza a capitalizao do BDMG. Segundo o texto aprovado pela Assembleia, os recursos de retorno dos financiamentos desses fundos extintos sero destinados ao Findes, a partir do 2 semestre de 2009. At ento, esse dinheiro era destinado ao BDMG, para servir de aumento de capital do banco.

    O trecho que dispe sobre o Fundese tambm sofreu alteraes durante a tramitao do PL 3.854/09. Ele um fundo destinado ao financiamento de micro, pequenas e mdias empresas e cooperativas, sendo alimentado pelo retorno dos financiamentos. Exclui-se desses retornos a parcela destinada a outros fundos, no caso o Fastur e o Fundo Estadual de Cultura (FEC). S que a lei do Fundese estabelece que 4% dos retornos so destinados ao Programa Estadual de Crdito Popular. Por esse motivo, este programa e outros que possam ser incorporados foram abarcados no rol das excluses.



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________




    ___________________________


    Clique para conhecer

    ___________________________


    Clique para conhecer

    ______________________________

    Clique para conhecer

    ______________________________
    Clique para conhecer
    ______________________________
    Clique para conhecer
    ______________________________

         
     
    Clique e envie-nos 

seu e-mail