Clique e 

envie-nos seu e-mail Volta para a página inicial Clique e conheça Clique e acompanhe-nos 

no twitter Página do 

Programa João Carlos Amaral Entrevista Canal no youtube Clique e 

envie-nos seu e-mail Clique e 

envie-nos seu e-mail Volta para a página inicial Clique e conheça Clique e acompanhe-nos 

no twitter
___________________________


___________________________
Clique para conhecer
___________________________


__________________________


__________________________

__________________________


______________________________
Clique para conhecer
______________________________
Clique para conhecer
______________________________

Sinapro MG
______________________________
Clique para conhecer
______________________________
Clique para conhecer



+ Categorias

  • Todos (16267)
  • POLTICA (5929)
  • GERAL (2057)
  • ARTIGOS (285)
  • ENTREVISTAS (36)
  • ECONOMIA (3754)
  • GENTE (1210)
  • TURISMO (842)

  • + Links
    + Arquivos

    Fevereiro, 2006
    Maro, 2006
    Abril, 2006
    Maio, 2006
    Junho, 2006
    Setembro, 2006
    Julho, 2006
    Agosto, 2006
    Novembro, 2006
    Outubro, 2006
    Janeiro, 2007
    Dezembro, 2006
    Fevereiro, 2007
    Maro, 2007
    Abril, 2007
    Maio, 2007
    Outubro, 2007
    Junho, 2007
    Julho, 2007
    Agosto, 2007
    Setembro, 2007
    Dezembro, 2007
    Novembro, 2007
    Janeiro, 2008
    Maio, 2008
    Fevereiro, 2008
    Maro, 2008
    Julho, 2008
    Abril, 2008
    Junho, 2008
    Setembro, 2008
    Agosto, 2008
    Outubro, 2008
    Novembro, 2008
    Dezembro, 2008
    Janeiro, 2009
    Fevereiro, 2009
    Maro, 2009
    Abril, 2009
    Maio, 2009
    Junho, 2009
    Julho, 2009
    Agosto, 2009
    Setembro, 2009
    Outubro, 2009
    Novembro, 2009
    Dezembro, 2009
    Novembro, 2012
    Janeiro, 2010
    Fevereiro, 2010
    Maro, 2010
    Abril, 2010
    Maio, 2010
    Junho, 2010
    Julho, 2010
    Agosto, 2010
    Setembro, 2010
    Outubro, 2010
    Novembro, 2010
    Fevereiro, 2011
    Maro, 2011
    Abril, 2011
    Maio, 2011
    Junho, 2011
    Julho, 2011
    Agosto, 2011
    Setembro, 2011
    Outubro, 2011
    Novembro, 2011
    Dezembro, 2011
    Janeiro, 2012
    Fevereiro, 2012
    Maro, 2012
    Abril, 2012
    Maio, 2012
    Junho, 2012
    Julho, 2012
    Agosto, 2012
    Setembro, 2012
    Outubro, 2012
    Dezembro, 2012
    Agosto, 2015
    Janeiro, 2013
    Fevereiro, 2013
    Maro, 2013
    Abril, 2013
    Maio, 2013
    Setembro, 2015
    Junho, 2013
    Julho, 2013
    Agosto, 2013
    Setembro, 2013
    Julho, 2016
    Outubro, 2013
    Novembro, 2013
    Dezembro, 2013
    Janeiro, 2014
    Fevereiro, 2014
    Maro, 2014
    Abril, 2014
    Maio, 2014
    Junho, 2014
    Julho, 2014
    Agosto, 2014
    Setembro, 2014
    Outubro, 2014
    Novembro, 2014
    Dezembro, 2014
    Janeiro, 2015
    Fevereiro, 2015
    Maro, 2015
    Abril, 2015
    Maio, 2015
    Junho, 2015
    Julho, 2015
    Outubro, 2015
    Novembro, 2015
    Dezembro, 2015
    Janeiro, 2016
    Fevereiro, 2016
    Maro, 2016
    Abril, 2016
    Maio, 2016
    Junho, 2016
    Agosto, 2016
    Setembro, 2016
    Outubro, 2016
    Novembro, 2016
    Dezembro, 2016
    Janeiro, 2017
    Fevereiro, 2017
    Maro, 2017
    Abril, 2017
    Maio, 2017
    Junho, 2017
    Julho, 2017
    Agosto, 2017
    Setembro, 2017
    Outubro, 2017
    Novembro, 2017
    Dezembro, 2017
    Janeiro, 2018
    Fevereiro, 2018
    Maro, 2018
    Abril, 2018
    Maio, 2018
    Junho, 2018
    Julho, 2018
    Agosto, 2018
    Setembro, 2018
    Outubro, 2018
    Novembro, 2018
    Dezembro, 2018
    Janeiro, 2019
    Fevereiro, 2019
    Maro, 2019
    Abril, 2019
    Maio, 2019
    Junho, 2019



    _______________________________________________________________
    .

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 30, 2011

    Na mesa o oramento de 2011...








    DEFENSORIA PBLICA PARTICIPA DE DEBATE
    SOBRE EMENDAS AO PROJETO DA LEI ORAMENTRIA
     
     




    A Comisso de Participao Popular (CPP) da Assembleia Legislativa de Minas deve apresentar emendas ao Projeto de Lei n 1.697/11, que dispe sobre as diretrizes para a elaborao da lei oramentria para o exerccio financeiro de 2012, sugeridas por entidades da sociedade civil organizada. O prazo para apresentao de emendas parlamentares termina nesta quinta-feira (30/6/11). A deciso da CPP foi anunciada por seu presidente, deputado Andr Quinto (PT) aps reunio conjunta com a Comisso de Fiscalizao Financeira e Oramentria (FFO), realizada nesta quarta-feira (29), para debater a proposio.


    Participaram da reunio o Assessor para Assuntos Interinstitucionais, Defensor Pblico Eduardo Cyrino Generoso, e o Diretor de Planejamento e Oramento, Ramon Neres, da Defensoria Pblica de Minas; os deputados Romel Anzio, Z Maia e Carlin Moura; o assessor da Superintendncia de Tributao da Secretria de Estado de Fazenda (SEF/MG), Kalil Said de Souza; a diretora da Superintendncia de Contadoria Geral, Maria da Conceio Barros de Rezende; a superintendente central de Planejamento e Programao Oramentria da Secretria de Estado de Planejamento e Gesto (Seplag), Aline Tavares; alm de representantes do Frum Erradicao e Combate ao Trabalho Infantil e Proteo ao Adolescente; do Comit Temtico de Segurana Alimentar e Nutricional Sustentvel; do Conselho Estadual de Assistncia Social (Consea) e da Frente de Defesa dos Direitos da Criana e do Adolescente.



    almg-29jan



    Eduardo Cyrino Generoso ( direita na foto) e Ramon Neres ( sua esquerda) acompanham os trabalhos presididos pelo deputado Andr Quinto


    Durante a reunio, Andr Quinto citou duas emendas que considera prioritrias: a excluso de contingenciamento (reduo de recursos para investimentos) de programas destinados s reas sociais, para criana e adolescente e segurana, alm dos sugeridos por emendas populares; e reviso geral de remunerao dos servidores, com a implantao de indicadores e parmetros de reajustes.


    O subsecretrio Andr Abreu Reis afirmou que o Executivo j est em negociao com sindicatos de servidores para a elaborao de uma lei que estabelea uma poltica remuneratria nica, que atenda aos funcionrios, mas, ao mesmo tempo, seja sustentvel para o governo. Ele tambm admitiu avaliar a proposta de proteger os programas sugeridos de provveis contingenciamentos.


    Previses - Aline Tavares fez uma breve apresentao com os principais pontos do projeto da Lei de Diretrizes Oramentrias (LDO) para 2012. A proposio projeta para o prximo ano uma receita bruta de 49,8 bilhes, j descontadas as transferncias do Tesouro Nacional. A receita corrente lquida, que deduz os repasses constitucionais para os municpios, deve ser da ordem de R$ 37 bilhes.


    O projeto prev um crescimento do Produto Interno Bruto de 5% para 2012, e de 5,5% nos dois anos seguintes, passando de R$ 4 bilhes, em 2011, para 5,3, em 2014. Somente a arrecadao de ICMS, o principal imposto estadual, crescer 14% no prximo ano, chegando a R$ 31,52 bilhes, conforme as previses. Os investimentos do governo para 2012 devem atingir aproximadamente R$ 4 bilhes.


    O projeto deste ano traz algumas novidades como a previso de publicao de relatrios de execuo de programas sociais e dos projetos relativos Copa do Mundo de 2014. No especifica, no entanto, os gastos com os programas estruturadores, remetendo o detalhamento para o Plano Pluarianual de Ao Governamental (PPAG), que dever ser remetido para a Assembleia em setembro deste ano. O subsecretrio Andr Reis explicou que a diferena da anlise entre os projetos de LDO e PPAG sempre ocorre em incio de governo em funo das obrigaes constitucionais. A LDO se refere ao exerccio seguinte e o PPAG a projeo dos cinco anos posteriores.


    Fonte: ALMG (30/06/2011)


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 30, 2011

    POSSE da nova direo da ABRAJET Minas ser dia 8 de agosto, 20 horas, no plenrio JK da Assemblia Legislativa de Minas. Nosso parceiro na escolha do local foi deputado estadual Tenente Lcui, presidente da Comisso de Turismo do Parlamento Mineiro. J aprtir de hoje estamos fazendo contatos com autoridades do turismo, do mundo poltico e empresarial para enviar os convites. O secretrio de Estado de Turismo de Minas, deputado Agostinho Patrus - parceiro de primeira hora da Abrajet - j confirmou que estar presente posse. Vamos convidar o ministro do Turismo, Pedro Novais, os senadores Acio Neves e Clsio Andrade - bem como o governador de Minas, prof. Anastasia - estamos agendando uma visita ao governador no Palcio Tiradentes. Esperamos o apoio das nossas entidades co-irms no turismo como a ABAV, ABIH, ABRASEL,SKAL,Convention Bureau... todo o trade turstico. NOVIDADE: a Abrajet Minas est agora oficialmente no Conselho Estadual de Turismo - entreguei toda a documentao Isabela Sette no 11 andar do Edifcio Geraes na Cidade Administrativa Tancredo Neves. Agora estamos entrando numa nova fase de reconstruo da entidade que est fazendo em Minas, 24 anos. Estou contando com a ajuda na gesto da entidade em Minas, com todos o outros 10 membros da diretoria - implantamos uma gesto horizontal, compartilhada e transparente. O relatrio das viagens para representar a entidade estou enviando, com farta documentao fotogrfica, pelo e-mail de cada associado. ABAIXO a nova diretoria da Abrajet Minas, que ser empossada dia 8 de agosto na Assemblia de Minas - quando daremos posse ao Conselho Honorrio, formado pelo secretrio Agostinho Patrus e o presidente da Belotur.

    Diretoria da ABRAJET MG
    Da esquerda para a direita: Srgio Moreira (Conselho Fiscal),
    Carlos Felipe(vice-presidente secretrio),
    Chico Maia ( vice-presidente de Comunicaco),
    Antnio Claret (vice-presidente executivo),
    Joo Carlos Amaral (presidente),
    Eujcio Silva (vice-presidente tesoureiro),
    Suely Guerra( conselho de tica),
    Ernani de Castro
    ( representante junto ao Conselho Estadual de Turismo),
    Marden da Motta Couto (Conselho Fiscal)
    e Srgio Neves (representante junto ACMINAS).


    Joo Carlos Amaral e Chico Maia
    O vice-presidente, o jornalista Chico Maia, ( esquerda), 
    da Abrajet Minas nos empossou
    no cargo de presidente
    para um mandato de dois anos.



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 30, 2011

    Conselho Municipal de Turismo de BH tem novo vice: nosso colega da Abrajet, Hernani de Castro. Parabns. Desejo sucesso!!!

    ELEITO
    O VICE-PRESIDENTE
    DO COMTUR BH

          
           Da esquerda para direita:
           o novo vice-presidente do COMTUR-BH, Hernani de Castro, 
           a mulher dele Vanda Fulgncio
           e o casal Lucy/Fernando Coura,
           no aniversrio de Lucy
           no Far West Emporium no Jardim Canad.

    O Diretor Secretrio do Belo Horizonte Convention & Visitors Bureau, nosso colega abrajetiano Hernani de Castro Jnior, representante do BHC&VB junto ao Conselho Municipal de Turismo de Belo Horizonte, foi eleito, por unanimidade, o seu vice-presidente.

    Hernani de Castro j coordenava a Cmara Temtica "Grupo Gestor Destino Indutor BH" no mesmo COMTUR BH,  dentro do Programa de Regionalizao e dos 65 Destinos Indutores do pas, alm de ser o vice-presidente executivo da Federao de Convention & Visitors Bureaux do Estado de Minas Gerais - FC&VB-MG. Ele representa a Abrajet MG no Conselho Estadual de Turismo de Minas Gerais.

    Engenheiro e administrador, Hernani de Castro diretor do BHC&VB desde o ano de 2000, tendo ocupado as funes de diretor de Comunicao e Diretor Secretrio. Professor da UFMG por 20 anos, tambm lecionou na Escola de Minas da UFOP e no Curso de Turismo da Estcio de S. empresrio e consultor de turismo, desde 1990, responsvel por inmeros eventos empresariais e sociais da capital mineira e cidades do interior.



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Junho 29, 2011

    Workshop na Defensoria Pblica.








    DPMG REALIZA I WORKSHOP
    DA DEFENSORIA PBLICA
    DE EXECUO PENAL
     
     




    Com o objetivo de uniformizar a atuao da Defensoria Pblica de Minas Gerais (DPMG) em face s mudanas na Lei de Execuo Penal, que passa a regulamentar a atuao da Defensoria Pblica no sistema prisional, a DPMG realiza, nesta sexta (1), o I Workshop da Defensoria Pblica de Execuo Penal.


    As palestras sero proferidas pelos Defensores Pblicos Rodrigo Duque Estrada, do Rio de Janeiro e Carlos Weiss, de So Paulo.


    Iniciativa da Corregedoria Geral, com o apoio da Defensoria Pblica Geral e da Associao dos Defensores Pblicos de Minas Gerais (Adep-MG),  o workshop ser transmitido via videoconferncia  no horrio de 9h s 13h30.


    O evento aberto aos Defensores Pblicos de todas as reas, Defensores Substitutos e servidores, sendo que sero convocados os Defensores Pblicos com atuao na rea de Execuo Penal.


    Na Capital, o workshop ser transmitido no auditrio da Secretaria Estadual de Sade. No interior, os Defensores Pblicos assistiro as palestras nas Gerncias Regionais de Sade (SESMG).


    Fonte: Ascom / DPMG (21/06/2011)


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Junho 29, 2011

    Posse nova diretoria do Rotary Club de Belo Horizonte - Dia 2, sbado, 20:00 no Automvel Clube da capital mineira. Fomos convidados. Estaremos l. Desejo sucesso nova diretoria.





    CONSELHO DIRETOR - 2011/2012

    Presidente: Maria do Carmo Ferreira Ribeiro Costa
    Vice-Presidente: Denise da Silva Lucena
    1 Secretrio: Alexandre Tlio Cezar Fernandes
    2 Secretrio: Clovis Osrio Vieira
    1 Tesoureiro: Cloves Vieira
    2 Tesoureiro: Evaldo Alves de Paula
    1 Protocolo: Jos Horta Bregunci
    2 Protocolo: Ailton Cunha Carneiro



    COMISSES DE SERVIOS

    Servios Internos: Sidney Sebastio Lzaro de Morais
    Servios Profissionais: Max Rogrio Bretas
    Servios Comunidade: Rejane Helena Carvalho Lage Neves
    Servios Internacionais: Roberto Dias Perecini
    Servios s novas geraes: Carlos Alberto Moreira Alves
    Diretoria Social: Denise da Silva Lucena
    Fundao Rotria: Maria Auxiliadora Coutinho
    1 Oficial de Intercmbio: Cludio Luiz Thurler
    2 Oficial de Intercmbio Evaldo Alves de Paula
    Conselheiro de Intercmbio: Wilson Caldas Malheiros


    CONSELHO CONSULTIVO

    Hirohito Torres Lage
    Oswaldo Costa Filho
    Gelson Rubem de Almeida
    Wagner Tomz de S


    ASSESSORES DA PRESIDENTE

    Maurncio de Carvalho Assis
    Marco Antnio Neves
    Augusto Jos de Arajo Santiago


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Junho 29, 2011

    Selo comemorativo.

    Correios lana selo em homenagem aos 20 anos do Sescon-MG

    Os Correios promovem nesta sexta-feira, 1 de julho, o lanamento de selo postal em homenagem aos 20 anos do Sindicato das Empresas de Consultoria, Assessoramento, Percias, Informaes, Pesquisas e Empresas de Servios Contbeis (Sescon-MG). A solenidade ser realizada no Ouro Minas Palace Hotel (Avenida Cristiano Machado, 4001, Belo Horizonte), s 20 horas.

    Sobre o selo

    O selo postal que ser lanado composto por duas partes. A primeira contm o selo postal de carta comercial de primeiro porte, em que esto impressas as imagens da Igreja do Serro, sobreposta ao mapa do estado de Minas Gerais. J a segunda parte contm a imagem da logomarca da instituio, com arte grfica eleborada pelo publicitrio Helton Lcio da Silva Soares.

    Sescon-MG

    A trajetria do Sescon-MG teve incio em 1979, com o surgimento da Associao dos Profissionais de Assessoramento, Percias, Informaes e Pesquisas no Estado de Minas Gerais. Porm, somente em 1991, a instituio se consolidou como o atual Sindicato das Empresas de Consultoria, Assessoramento, Percias, Informaes, Pesquisas e Empresas de Servios Contbeis (Sescon-MG), resultado da padronizao das siglas dos sindicatos filiados Federao das Empresas de Servios Contbeis e das Empresas de Assessoramento, Percias, Informaes e Pesquisas (Fenacon).

    A entidade tem como misso representar, perante as autoridades administrativas e judicirias, os interesses gerais das categorias econmicas filiadas, alm de colaborar com os poderes no desenvolvimento da solidariedade social, promovendo a conciliao nos conflitos de trabalho.

    Assessoria de Comunicao dos Correios em Minas Gerais


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Junho 29, 2011

    Capital para quem quer inovar!!!

    Fapemig e BDMG garantem recursos para
    empresas mineiras investirem em inovao

    O Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG) e a Fundao de Amparo Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig) lanaram nesta segunda-feira, 27, no auditrio Paulo Camillo, duas linhas de financiamento para apoiar projetos de desenvolvimento e/ou implantao de inovao de produtos e servios. Na solenidade, o secretrio de Estado de Cincia e Tecnologia, Nrcio Rodrigues, parabenizou ao BDMG e a Fapemig pela parceria, que permitir a Minas dar um passo importante em direo ao futuro. Conclamou aos representantes do Governo, empresrios e os demais presentes para fazer da inovao um compromisso de Minas com o futuro. Entre os presentes, o presidente da FIEMG, Olavo Machado, o presidente da Federaminas, Wander Luis Silva e o conselheiro do BDMG, professor Jos Israel Vargas.

    O presidente do BDMG, Matheus Cotta de Carvalho disse que a questo da inovao a chave para o desenvolvimento econmico do estado nos prximos 30, 40 anos. Ns precisamos de solues que permitam que os empresrios invistam em inovao. Se ns queremos, de fato, incentivar a inovao no estado, temos que criar mecanismos adequados para isso. Segundo o presidente, ao oferecer s empresas inovadoras produtos com juros baixos e prazos longos, o BDMG e a Fapemig se aliam para fortalecer as empresas mineiras na busca da competitividade e sustentabilidade da economia do estado e de empregos com qualidade.

    Mrio Neto, presidente da Fapemig, destacou quatro pontos, que, segundo ele, so os mais relevantes para o sucesso da iniciativa. O primeiro deles, a parceria indita entre o BDMG e a Fapemig, uma agncia de fomento; o segundo, a agilidade que se espera na tramitao do processo, cerca de 30 dias; o terceiro, a baixa taxa de juros e, por ltimo, exigncias de garantias menos onerosas para o empresrio.O risco compartilhado entre o BDMG, a Fapemig e o empresrio favorece a todas as partes para que a gente tenha um elevado nvel de sucesso nessa iniciativa disse.

    Todos os projetos sero submetidos a um comit tcnico, constitudo por representantes do BDMG, da Fapemig e convidados, que vai julgar se eles contribuem para o lanamento de novos produtos ou servios inovadores de alto valor no mercado. Podem ser financiados obras civis, mquinas e equipamentos, mveis e utenslios, veculos, instalao e montagem, informatizao, desenvolvimento tecnolgico, pesquisa e desenvolvimento, licenciamento ambiental e capital de giro associado. O Pr-Inovao tambm financia investimentos intangveis, tais como: consultoria, marketing, design, tecnologia, certificaes, treinamentos, entre outros.


    Conhea os novos produtos que estaro disposio dos empresrios a partir desta quarta-feira, 29, nos sites do BDMG e da Fapemig:

    Pr-Inovao - Produto para Apoio Inovao nas Empresas financia investimentos fixos, intangveis e capital de giro associado de projetos de desenvolvimento ou, ainda, na implantao de inovaes em produtos e servios das empresas mineiras. Esto sendo destinados para esta linha R$ 70 milhes, sendo que cada empresa poder financiar at R$ 2 milhes, no podendo ultrapassar aos 80% do investimento, incluindo capital de giro de at 30% do valor do investimento total. Os juros so de 8% ao ano, sem correo monetria. A carncia de 12 meses com um prazo de 48 meses para amortizao, ou seja, o empresrio tem at 60 meses para quitar o financiamento.

    Proptec - Produto de Apoio s Empresas em Parques Tecnolgicos. Sua finalidade financiar projetos de investimento para implantao, ampliao e modernizao de ativos fixos, investimentos intangveis e capital de giro associado de empresas localizadas em parques tecnolgicos do estado. Cada empresa pode financiar at R$ 2 milhes, com juros fixos de 9% ao ano. As demais condies so as mesmas do Pr-Inovao. Esto disponveis para esta linha R$ 30 milhes.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Junho 29, 2011

    Nesta quarta, 15:30 no Auditrio do BDMG,aqui em BH. Uma novidade: Aerporto Internacional Tancredo Neves no caminho de virar Cidade Aeroporto - uma AEROTRPOLIS. Estarei na palestra do prof. Kasarda da Universidade da Carolina do Norte.







    Luiz Antnio Athayde,
    subsecretrio
     de Investimentos Estratgicos
    trouxe o prof. Kasarda.

    O subsecretrio de Investimentos Estratgicos da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econmico (Sede), Luiz Antnio Athayde, e o professor da Universidade da Carolina do Note, John F. Kasarda, concedem entrevista coletiva, nesta quarta-feira (29), s 15h30, na sala Carlos Drummond de Andrade, no 2 andar do Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG), para falar sobre Aerotropolis ou Cidade Aeroporto. O Aeroporto Internacional Tancredo Neves (AITN) o primeiro da Amrica do Sul a ser desenvolvido dentro dessa proposta.
    O conceito das Aerotrpolis, criado pelo professor Kasarda, pressupe o papel primordial da aviao e dos aeroportos da modelagem de centros de negcio no desenvolvimento econmico e no crescimento urbano. Desde 2004, o professor o consultor master do Governo de Minas na elaborao de diretrizes para o desenvolvimento do Aeroporto Internacional Tancredo Neves (AITN).
    John F. Kasarda, professor de Estratgia e Diretor do Instituto Kenan de Empreendimentos Privados, na Faculdade Kenan-Flager da Universidade da Carolina do Norte ir proferir uma palestra sobre o conceito de Aerotropolis na quarta-feira (29), no auditrio Paulo Camilo, do BDMG, entre 16h30 e 18h.
    Servio
    Dia: 29/06/2011
    Horrio: 15h30
    Local: Sala Carlos Drummond de Andrade BDMG
    Endereo: Rua da Bahia, 1600, 2 andar


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Junho 29, 2011

    No d pr fazer omelete sem quebrar ovos....








    Obras de requalificao da Savassi
    entram em uma nova fase





    As obras de requalificao da Savassi, que comearam em maro deste ano e tm prazo de execuo de 12 meses, entra em uma nova fase. As prximas intervenes so a concretagem da laje na rua Pernambuco (entre a praa e a rua Fernandes Tourinho), a escavao para as vigas de travamento na avenida Getlio Vargas, entre a praa e a rua Paraba, a concretagem das vigas de travamento, a demolio asfltica na avenida Getlio Vargas (entre a praa e a rua Paraba) e a aplicao de concreto rolato na avenida Getlio Vargas (entre praa e a rua Paraba). Vrias outras intervenes foram feitas e algumas esto em andamento.

    A obra prev servios de drenagem e revitalizao da rua Pernambuco, entre as ruas Tom de Souza e Fernandes Tourinho, na rua Antnio de Albuquerque, entre as ruas Alagoas e Paraba, e nas avenidas Getlio Vargas e Cristovo Colombo, dentro do quadriltero formado pelas ruas Alagoas, Paraba, Tom de Souza e Fernandes Tourinho. Alm disso, sero realizadas intervenes na praa como alargamento das travessias, novo desenho de piso no cruzamento, travessias elevadas e extenso da praa nos calades.

    O que j foi feito

    Trabalhos topogrficos e levantamentos das interferncias das concessionrias para adequaes de projeto. Demolio do pavimento asfltico nos quarteires fechados.
    A Copasa terminou a rede de esgoto da Rua Pernambuco, entre a ruas Fernandes Tourinho e Tom de Souza, e na rua Antnio de Albuquerque, entre a praa e a rua Alagoas.
    Retirada das esttuas de Henriqueta Lisboa e Roberto Drumond.
    Escavao da rede de drenagem pluvial da rua Pernambuco, entre a praa e a rua Tom de Souza.
    45% da laje de concreto na rua Pernambuco, entre a praa e a rua Fernandes Tourinho.

    Em andamento

    Assentamento de canaleta da rua Antnio de Albuquerque (entre a rua Alagoas e a praa)
    Execuo de vigas para colocao do piso intertravado na travessia de pedestre da avenida Getlio Vargas (em frente ao Centro tico)
    Execuo da drenagem na avenida Getlio Vargas (entre a praa e a rua Paraba)
    Assentamento de meio fio na avenida Getlio Vargas com a rua Paraba
    Escavao e regularizao do passeio da rua Pernambuco (entre a rua Tom de Souza e a praa)
    Execuo de drenagem na rua Pernambuco (entre a rua Fernandes Tourinho e a praa)
    Concretagem da laje na rua Pernambuco (entre a praa e a rua Tom de Souza)



    Alteraes de trnsito

    Em funo da nova etapa das obras, sero realizadas alteraes no trnsito e no transporte coletivo da regio, inicialmente para o teste operacional que ir acontecer das 14h de sbado, dia 2, s 14h de domingo, dia 3, e de forma definitiva a partir das 10h de tera-feira, dia 5. O local ser sinalizado com faixas de tecido e placas indicativas para orientao aos condutores. Agentes da Unidade Integrada de Trnsito e da Guarda Municipal iro monitorar o trfego na regio. Monitores da Gerncia de Educao da empresa estaro no local orientando os pedestres sobre como fazer as travessias de forma segura.

    Folhetos informativos

    Para informar a comunidade sobre as alteraes no trnsito, a BHTrans est distribuindo 70 mil folhetos informativos para os motoristas, pedestres, passageiros do transporte coletivo, moradores da Savassi e do entorno, comerciantes e formadores de opinio. Alm disso, sero veiculados VTs em monitores de LCD em elevadores de edifcios comerciais, restaurantes, academias e hotis, alm de spot em rdios de Belo Horizonte e informaes em abrigos de passageiros da regio.

    Interdio e desvios de trnsito

    A avenida Cristvo Colombo, entre as ruas Paraba e Tom de Souza, neste sentido, ser interditada ao trnsito de veculos. Sero implantados semforos com foco para pedestres nas intersees da rua Paraba com a avenida Getlio Vargas, da rua Tom de Souza com a avenida Getlio Vargas e da rua Tom de Souza com a avenida Cristvo Colombo.

    Os motoristas que trafegam pela avenida do Contorno, sentido avenida Afonso Pena/ bairro Santo Antnio, ao acessar a avenida Cristvo Colombo, devem entrar direita na rua Paraba. Aps a rua Paraba podem seguir por trs caminhos: para a regio do bairro Serra, eles devem entrar direita na avenida Getlio Vargas, para a Praa da Savassi devem entrar esquerda na avenida Getlio Vargas e, para a Praa da Liberdade devem atravessar a avenida Getlio Vargas, entrar na Rua Tom de Souza, que ser mo nica em direo avenida Cristvo Colombo, e entrar na avenida Cristvo Colombo.

    No sentido inverso, o trnsito na avenida Cristvo Colombo no ser alterado. Os motoristas que trafegam da avenida Getlio Vargas (sentido Serra/ Savassi) em direo Praa da Liberdade, devem entrar direita na rua Tom de Souza, acessando posteriormente a avenida Cristvo Colombo. J para os motoristas que trafegam da Praa da Liberdade em direo avenida Nossa Senhora do Carmo no haver alteraes.

    Alteraes de trnsito

    A rua Tom de Souza, entre a avenida Getlio Vargas e a rua Pernambuco, atualmente mo dupla, passa a operar em mo nica direcional, neste sentido. A rua Tom de Souza, entre a rua Pernambuco e a avenida Cristvo Colombo, atualmente mo nica no sentido avenida Cristvo Colombo/rua Pernambuco, passa a operar em mo nica em sentido inverso.

    Para viabilizar o desvio sero realizadas algumas alteraes nas reas de estacionamento da rua Tom de Souza, entre as avenidas Getlio Vargas e Cristvo Colombo. Ser proibido o estacionamento do lado esquerdo da via (sentido avenida Cristvo Colombo), onde atualmente existe rea de estacionamento rotativo. Ser proibido o estacionamento do lado direito da via (sentido avenida Cristvo Colombo), onde atualmente existe rea de estacionamento paralelo com vagas para deficiente, de carga e descarga e estacionamento rotativo. Sero mantidas as vagas para deficiente, de carga e descarga e sero criados dois pontos de nibus.

    Cartazes sero afixados no interior dos nibus das 14 linhas que tero seus itinerrios desviados e nos pontos de embarque e desembarque para informar aos usurios sobre as alteraes.

    | Voltar

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Junho 29, 2011

    1 Milho de rvores na Estrada Real.



    Osvaldo Afonso/Secom MG
    Adriano Magalhes, Agostinho Patrus, Elmiro Nascimento e Maurlio Guimares
    Adriano Magalhes, Agostinho Patrus, Elmiro Nascimento e Maurlio Guimares



    O secretrio de Estado de Turismo, Agostinho Patrus Filho; o secretrio de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentvel, Adriano Magalhes Chaves; o secretrio de Estado de Agricultura, Pecuria e Abastecimento, Elmiro Alves do Nascimento; e a presidente da Associao das Caminhantes da Estrada Real, Maria Elvira Salles Ferreira, assinaram, nesta tera- feira (28), na Cidade Administrativa Presidente Tancredo Neves, Protocolo de Inteno para implementar o projeto rvore Vida no percurso da Estrada Real. A meta o plantio de um milho de rvores. O rvore Vida um projeto de reflorestamento e visa impulsionar a conscientizao ecolgica.
    Responsabilidades
    Para execuo do projeto rvore Vida, a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentvel ir fornecer, atravs do Instituto Estadual de Florestas, mudas de arvores nativas, de acordo com o bioma local, alm de dar todo apoio necessrio referente s questes de educao ambiental no trecho.
    O secretrio Adriano Magalhes Chaves afirma que o protocolo mais uma etapa no trabalho de aproximao da sociedade com a questo ambiental. Somente a conscientizao levar mudana de atitude das pessoas, destaca. Magalhes observa que os plantios sero precedidos de planejamento e estudos para identificar reas, espcies e tcnicas adequadas. A dinmica que adotamos no Sistema Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hdricos de buscar parcerias, adotando uma postura mais orientadora que fiscalizatria, afirma.
    A Secretaria de Estado de Turismo ser responsvel pelo envolvimento das Associaes de Circuitos Tursticos inseridas na Estrada Real.  Durante a cerimnia, o secretrio Agostinho Patrus Filho afirmou que a integrao essencial para a eficcia do projeto. Vamos envolver os atores inseridos na cadeia do turismo, os nossos presidentes e gestores dos circuitos, os trabalhadores da atividade turstica, as escolas e tambm as prefeituras e fazer uma grande cadeia que sensibilize e motive as comunidades neste esforo, afirmou.
    A Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuria e Abastecimento, atravs da Emater-MG, dar orientao tcnica e far acompanhamento do plantio.  O secretrio Elmiro Nascimento lembrou que, por orientao do governador Antonio Anastasia, as secretarias de Estado esto trabalhando em rede, em harmonia e parceria para a concretizao de bons projetos. Estamos engajados em trabalhar em prol de nossas comunidades, buscando o bem comum e, acima de tudo, a preservao de nosso ambiente natural, destacou.
    J as Caminhantes da Estrada Real faro a mobilizao das prefeituras para que as mesmas colaborem na execuo do projeto e no envolvimento das comunidades. De acordo com a presidente da Associao de Caminhantes da Estrada Real, Maria Elvira Salles Ferreira, a assinatura do protocolo marca o incio das atividades no Estado. Este trabalho fruto de um ideal. Estamos dando testemunho de amor ao planeta, contribuindo hoje para o futuro de nosso meio ambiente. A estratgia o plantio aliado conscientizao, disse. Ainda de acordo com Maria Elvira, entre os dias 2 e 9 de julho, durante a 12 Caminhada Feminina pela Estrada Real, entre Santos Dumont e Juiz de Fora, as mulheres caminhantes faro o plantio simblico das primeiras mudas.
    Histrico
    O projeto foi criado em 2006 pela Associao de Mulheres de Negcios e Profissionais (BPW), entidade que conta com a participao de mulheres de negcios e profissionais de cerca de 100 pases. Em Minas Gerais, o rvore Vida foi abraado pelas Caminhantes da Estrada Real.
    O projeto j alcanou outros estados brasileiros. Em So Paulo, na cidade de Itu, foi realizado o plantio de 30 mil rvores de 82 espcies por 12.500 voluntrios. J em Barueri, foi feito o plantio simultneo de 18.886 rvores por 6.550 voluntrios, em 2008. De acordo com a BPW, no Rio Grande do Sul,  somente este ano, foram  plantadas 3 milhes de mudas de rvores pelos familiares de agricultores do estado.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Junho 29, 2011

    Preparativos do PSDB VIVO reuniu lideranas de todoo Estado em BH. frente o secretrio-geral do PSDB mineiro, deputado estadual Carlos Mosconi.

                        

    O PSDB-Minas reuniu nessa tera-feira, 28 de junho, em Belo Horizonte, deputados, prefeitos, vereadores e lideranas tucanas de mais de 60 cidades mineiras. Todas as regies do Estado foram representadas por pessoas dispostas a trabalhar ainda mais para o crescimento da legenda. Outro objetivo da reunio foi elaborar os preparativos do PSDB VIVO, um grande evento que ocorrer no dia 27 de agosto.
    Para o deputado estadual Carlos Mosconi, secretrio-geral do partido em Minas e coordenador do PSDB VIVO, a Executiva tucana pretende realizar vrias reunies com as lideranas da legenda. "Esse encontro de hoje foi um sucesso. E ser o primeiro de muitos. Vamos fortalecer mais o PSDB mineiro, que possui nomes fortes, como o governador Antonio Anastasia e o senador Acio Neves, o maior lder da poltica nacional", ressaltou.
    Evento. O PSDB VIVO uma iniciativa do partido que ocorrer simultaneamente em cerca de 45 cidades mineiras. Os municpios escolhidos so sedes das Associaes Microrregionais, da Associao Mineira de Municpios AMM. Nas microrregionais maiores, o encontro poder ocorrer em mais de uma cidade.
    "Vamos estar com vocs no PSDB VIVO, ouvindo as lideranas, sabendo da necessidade de cada regio. Ser um espao para debatermos ideias e colocarmos em prtica novas aes", disse Mosconi. O secretrio-geral tambm informou que os principais lderes tucanos vo gravar uma mensagem que ser veiculada no PSDB VIVO, como o governador; o senador Acio Neves; o presidente do partido, deputado federal Marcus Pestana; e vrios outros.
    Nmeros. Em Minas, o PSDB composto por um governador, um senador e 21 deputados, sendo 8 federais e 13 estaduais. Alm disso, a legenda administra 160 prefeituras, tem 141 vice-prefeitos e 1.056 vereadores. Em todo o Estado, so 303 diretrios municipais e 165 comisses provisrias. "O PSDB um partido de construo. Precisamos crescer mais e ns vamos fazer isso", concluiu Mosconi.
    Texto: Janaina Massote
    Assessora de Imprensa
    do dep. Carlos Mosconi (PSDB)
    Gabinete Parlamentar em Belo Horizonte


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________
    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Junho 28, 2011

    Furo!!! POLTICA do novo PSD no Boibdromo de Parintins - 340 kms de Manaus, s margens do rio Amazonas. O presidente nacional do PSD, prefeito de So Paulo, Gilberto Kassab, aproveitou o Festival Folclrico dos bois vermelho e azul para articulaes polticas. Flagrei ele e o empresrio Paulo Simo, presidente do PSD mineiro no palanque oficial da festa. Confira!!!

     
    Paulo Simo, presidente do PDS mineiro e Gilberto Kassab, fundador e presidente nacional do PSD em Parintins, Amazonas no feriado.


    O governador do Amazonas, Omar Aziz, PSD, a senadora Vanessa Grazziotin, do PCdoB-AM, Vanessa e o deputado federal Jaime Marins do PR mineiro - bem no clima do Festival Foclrico de Parintins.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Junho 28, 2011

    Na Fbrica de motos da HONDA em Manaus. A maior da Amrica Latina, produzindo 7.500 motos por dia. Emprega 10.500 trabalhadores de diversas regies do pas, principalmente nordeste e norte. Na foto abaixo, o momento em que o jornalista Srgio Moreira, diretor regional da ABRAJET em Minas, testava uma poderosa honda 750cc na fbrica. Foi s uma simulao, claro. Mas o Serj]ao - boa praa, meu amigo dos tempos da Rede Globo, quando foi meu chefe de reportagem - tem carteira de motoqueiro, nos garantiu.



    O jornalista Srgio Moreira participou da visita Fbrica de motos HONRA,
    agendada pelo presidente da Abrajet de Manaus, Paulo Roberto,
    Ele recebeu os 40 membros da Executiva Nacional da entidade em Manaus
    com direito ao primeiro dia do Festival Folclrico de Parintins,
    com a tradicional disputa entre os bois bumb,
    GARANTIDO E CAPRICHOSO

    UM ESPETCULO!!!

    Eu tambm aproveitei para sentir o gostinho de adrenalina - s na imaginao - montado num 750 cc da HONDA. Ao contrrio do Serjo no tenho - e nunca vou tirar - carteira de motoqueiro. Gosto, mas no nasc para andar de moto.

    Como dizia uma frase no caixote de entrega de um motoboy,
    aqui em BH.
    "No sou maluco.
    Voc que normal demais".



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Junho 28, 2011

    Obras para Conceio do Mato Dentro: Luz para Todos e Universidade Estadual de MG (UEMG).


    Omar Freire/Imprensa MG
    Governador em exerccio Alberto Pinto Coelho assinou protocolo de intenes
    Governador em exerccio Alberto Pinto Coelho assinou protocolo de intenes


    O governador em exerccio Alberto Pinto Coelho esteve nesta tera-feira (28) em Conceio do Mato Dentro, na regio Central do Estado, onde assinou protocolo de intenes para a instalao da Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) no municpio. Alberto Pinto Coelho tambm concretizou parcerias com a Anglo Ferrous, empresa instalada no municpio, para melhorias virias na cidade e regio.
    A presena do governador em exerccio em Conceio do Mato Dentro tambm marcou a concluso do Programa Luz para Todos em comunidades rurais do municpio, que agora tem 100% da sua rea atendida pelo servio de energia eltrica.
    "Tenho a clara conscincia de que participamos de um momento verdadeiramente histrico. Encarregou-me o governador Antonio Anastasia de reafirmar o integral compromisso do Governo de Minas com a evoluo de cada fase desse projeto da UEMG. Isso assegura que a Unidade de Conceio do Mato Dentro beneficiar dezenas de municpios coirmos, irmanados numa mesma aspirao e num s ideal: o de conquistar novos e melhores padres de vida para a sua gente", afirmou Alberto em seu discurso na Cmara Municipal da cidade.
    Cursos tecnolgicos
    A nova unidade da UEMG em Conceio do Mato Dentro ser implantada por meio de parceria entre o Governo do Estado, a UEMG, a Fundao Centro Internacional de Educao, Capacitao e Pesquisa Aplicada em gua (Hidroex), a prefeitura e a empresa Anglo Ferrous Brazil. J a partir do vestibular de 2012 sero oferecidos cursos superiores tecnolgicos voltados vocao do municpio e da regio. 
    "Com a UEMG, vamos superar e realizar aqui aquele que um dos desafios e uma das prioridades de Minas e no Brasil no campo da educao: investir no ensino profissionalizante orientado para as necessidades do mercado de trabalho", disse o governador em exerccio.
    Sero formados profissionais capacitados para os setores de mineralogia, agricultura, turismo e meio ambiente. Para pronto funcionamento, esto sendo planejados os cursos presenciais de Agroecologia e Processos Metalrgicos. Na Educao Distncia, ser oferecido o curso de Gesto Ambiental. 
    O governador em exerccio lembrou a importncia de mais essa ao do Governo de Minas, para que os jovens no precisem deixar sua regio para fazer um curso superior.
    "Eu diria que os investimentos materiais so importantes para propiciar o bem estar, agregar qualidade de vida. Mas acho que o mais significativo aqui o campus da Universidade Estadual que estamos implantando, porque assegurar a oportunidade para os filhos de Conceio e de toda a regio, para terem um futuro melhor, adquirirem o conhecimento e o saber, que algo fundamental na vida de qualquer cidado", afirmou Alberto Pinto Coelho. 
    A prefeita de Conceio do Mato Dentro, Nelma Lcia Cirino, agradeceu a ateno do Estado ao municpio. "Almejamos j h muito um curso superior em Conceio do Mato Dentro, uma faculdade onde nossos filhos, nossos jovens, possam se graduar e continuar residindo na terra que tanto amamos, uma faculdade onde os mais simples tambm tenham a oportunidade de aperfeioarem as suas potencialidades", disse a prefeita. 
    Infraestrutura
    O governador em exerccio tambm assinou protocolo de intenes que garante vrias melhorias virias para Conceio do Mato Dentro e regio. Em parceria com a Anglo Ferrous sero investidos R$ 10 milhes para a pavimentao de 49 quilmetros da MG-010 no trecho que liga o entroncamento Dom Joaquim, em Conceio do Mato Dentro, at o municpio de Serro. 
    Alm disso, a empresa se compromete a restaurar trecho de quatro quilmetros da avenida JK, principal rua da cidade, com nova pavimentao e obras complementares. A Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) investir cerca de R$ 120 mil para substituio de 580 metros de redes de gua e 80 ramais domiciliares, que beneficiar cerca de 1.200 famlias da cidade.
    O entorno do municpio tambm ser recuperado. O protocolo de intenes prev a pavimentao do contorno de Conceio do Mato Dentro. Sero 6,5 quilmetros de obras.
    Luz para todos 
    A lamparina agora pea de museu nas comunidades rurais de Conceio do Mato Dentro. O governador em exerccio Alberto Pinto Coelho tambm celebrou a ltima instalao do projeto Luz para Todos no municpio. Agora, todas as famlias que tm perfil que se encaixam no programa, na cidade, esto com luz eltrica em casa. At o final do ano o compromisso do governo chegar a 100% em todo o Estado, na rea da Companhia Energtica de Minas Gerais (Cemig).
    Dona Zita, a primeira atendida em Minas Gerais pelo programa, moradora de uma das comunidades rurais no municpio, participou do evento comemorando a nova vida. "Agora tudo bem, outra coisa. Melhorou muito a vida da gente. Agora a gente tem luz, televiso, tudo. uma maravilha", afirmou Dona Zita. Em Conceio do Mato Dentro, desde 2004, foram realizadas 1.118 ligaes com investimentos de R$ 11,5 milhes. O Estado, junto com a Cemig, arca com 77% do programa. Os 23% restantes so custeados pelo governo federal.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Junho 28, 2011

    ARTIGO ESPECIAL enviado ao nosso BLOG - a nosso pedido - pelo presidente da Abrajet do Esprito Santo, Joo Zuccaratto. O companheiro - sou presidente da Abrajet de Minas - ficou emocionado, quase s lgrimas - eu v - ao assistir as performances dos dois grupos de boi bumb - o Garantido- na cor vermelha -(que venceu o Festival por 2 dcimos) e Caprichoso) na cor azul. Vale conferir o artigo!!!

        


     

                                                                   
                                                                              
                                                                              Caprichoso 
                                                                               Garantido 
                                                                               fazem espetculo 
                                                                               sem igual

                                                                              Texto 
                                                                              Joo Zuccaratto

    Tudo o que voc ouviu dizer, leu em jornais e revistas ou assistiu pela TV pouco para descrever o impacto que toma conta das pessoas que assistem s apresentaes dos bois-bumbs Caprichoso e Garantido, em Parintins.
    A primeira pergunta que vem mente de todos como a pequena populao de um Municpio com cerca de 150 mil habitantes, distribudos pelos 5 mil quilmetros quadrados de uma ilha fluvial, longe de tudo, conseguem tal proeza: duas horas e meia sem parar de um show em qua se destacam fantasias luxuosas e alegorias imensas que entram e saem da arena com uma leveza sem igual.

    Tive a oportunidade de acompanhar a abertura do Festival de Parintins no ltimo dia 24 de junho, sendo brindado pelo boi Garantido com um espetculo difcil de descrever.
    O chamado "Boi do Povo" hipnotizou a plateia com seu domnio total de criatividade, tcnica, profissionalismo, garra e muito mais coisas que no encontro palavras para descrever. Numa tosca comparao com as escolas de samba do Rio de Janeiro, arrisco dizer que ele como a Beija Flor, que encanta no s pelo enredo como pela imponncia do que leva arena, num entra e sai constante sem quebrar o ritmo em nenhum instante.

    Nem bem tinha digerido o que acabara de acontecer, eis que entra em campo o Caprichoso, com a obrigao de superar seu adversrio na interpretao do tema da festa de 2011: Miscigenao.
    Como assistia a tudo de um camarote no setor azul cor do Caprichoso, enquanto a do Garantido vermelho , todos volta me diziam que agora em iria ver realmente um grande espetculo. No que tenha me decepcionado, mas acho que cometeram erros como vestir a marujada a bateria de verde forte, padro que tambm dominava suas fantasias e poucas alegorias. Isto reduziu em muito o brilho do cenrio.

    Como no conheo os critrios usados pelos jurados para escolher o vencedor alis, trs deles eram do Estado do Esprito Santo , e como tambm me disseram que, nas apresentaes do sbado e do domingo, eles vo modificando o que levam ao chamado boibumbdromo, sa de l com a impresso de que o Garantido tinha feito barba, cabelo e bigode do Caprichoso.
    O que se verificou na concorrida apurao da segunda-feira. Fica ento este pequeno registro de uma festa que merece ser conhecida por todos que admiram o folclore brasileiro, e que faz enorme sucesso principalmente por todo o exterior.

    CURIOSIDADES:
    Parintins dividida
    entre o
    vermelho
    e o
    azul.

    A cidade dividida em territrios azuis, dos torcedores do Caprichoso, e vermelho, do Garantido. E isto se repete na arena, separada meio a meio entre eles.
    Como o acesso s arquibancadas gratuito, ao meio dia, comeam as filas de um lado e do outro do boibumbdromo, sendo que a festa s comea s 20:30 horas.
    Marcas dos patrocinadores so adaptadas s cores das agremiaes. Quem azul tem que aceitar aparecer em vermelho; e vice-versa. Coca-Cola e Trip, por exemplo.
    Enquanto um boi se apresenta, o lado do adversrio tem suas luzes todas apagadas e seus torcedores no se manifestam. Ficam em completo silncio duas horas e meia, vendo o adversrio.
    Na apresentao, chefes de evolues se postam frente da torcida, dirigindo as manifestaes das mesmas. Um espetculo
    que rivaliza com o que ocorre dentro da arena.
    Impressiona a agilidade e a leveza com que as imensas alegorias so colocadas e retiradas da rea do espetculo. Num piscar de olhos, elas aparecem ou desaparecem.

    O jornalista viajou a Manaus
    a convite da Amazonastur,
    a empresa de turismo
    do Estado do Amazonas


                                                                             


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Junho 28, 2011

    Time quase completo.... Defensoria Pblica de Minas ganhou 50 novos defensores, aprovados em concurso, e empossados pelo governador Antnio Anastasia.A Defensoria vive um momento histrico. Recebeu independncia do governo do Estado - estava at 31 de janeiro como rgo ligado Secretaria de Defesa Social. Agora est independente, como prev a Constituinte de 88 - o Ministrio Pblico j conseguiu independncia e oramento prprios h muito tempo. A Defensoria luta pela autonomia total que vir quando receber autonomia oramentria. Depende de aprovao de duas leis - uma federal e uma estadual. Os defensores, tendo frente a defensora pblica-geral, Andra Tonet, est articulada em busca da autonomia geral, espera-se que para breve.








    NOVO DEFENSOR PBLICO EMPOSSADO  
     




    Em cumprimento ao art. 50, 3 da LC 65/2003, tomou posse, nesta quarta-feira (22/06) no cargo efetivo de Defensor Pblico de Classe I Nvel I, o candidato nomeado por meio da Resoluo n 077/2011, Antnio Csar Camargo Jardim.



    novodefensorjunho


    O novo Defensor Pblico, Antnio Csar Camargo Jardim, foi empossado pela Defensora Pblica-Geral, Andra Tonet (ao centro); na presena do Assessor Institucional, Glauco David de Oliveira Sousa e da Coordenadora Cvel/Famlia da Capital, Marta Rosado.

    Fonte: Ascom / DPMG (22/06/2011)


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Junho 28, 2011

    YES,champion

    Yes Rent a Car Franchising recebe prmio da revista Pequenas Empresas & Grandes Negcios

    A revista Pequenas Empresas & Grandes Negcios premiou a Yes Rent a Car Franchising como a melhor empresa locadora de automveis em satisfao do franqueado e a segunda melhor rede de franquias do pas em 2010.

    O prmio Melhores Franquias do Brasil elege, anualmente, as melhores franquias de cada setor, levando em conta critrios como crescimento da rede, satisfao do franqueado, qualidade da rede, entre outros.

    Para o diretor executivo da Yes Rent a Car Franchising, Raimundo Teixeira, a satisfao dos franqueados fundamental para o bom desempenho da Rede.

    de extrema importncia que os franqueados se sintam satisfeitos, afinal, nossos primeiros clientes so eles. Acredito que esta satisfao seja fruto do relacionamento aberto e flexvel que temos com cada um deles, afirma Teixeira.


    Stalo Comunicao
    Rafael Tavares / Ana Flvia Tornelli
    (31) 3486-8629


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Junho 27, 2011

    Boibdromo de Parintins - Amazonas - avermelhou hoje. O boi GARANTIDO venceu o 46 Festival Folclrico de Parintins por 2 dcimos. Garantido 1.258,8 e Caprichoso 1.258,6




    A cantora Faf. de Belm no palanque oficial
    encarnou a exploso de emoes 
    que todos sentimos
    nas duas horas e meia de espetculo
    dos integrantes
    do Boi

    e
    Garantido(vermelho)
    Caprichoso (azul)



    Boi GARANTIDO,
    preferido do governador do Amazonas,
    Omar Azis, ganhou.

    O da primeira dama,
    CAPRICHOSO
    ficou na vice,
    por apenas 2 dcimos.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Junho 27, 2011

    PARINTINS!!! Inesquecvel!!!

    Uma exploso de cultura popular
    com seu Festival Folclrico dos bois
    Garantido
    e Capricho
    atraiu cerca de 60 mil turistas
    de todo o pas.

    Fizemos os registros e compartilhamos
    com voc que nos acompanha
    pelo nosso BLOG.

    Fique de olho!!!



     









    A cantora Faf. de Belm no palanque oficial
    encarnou a exploso de emoes 
    que todos sentimos
    nas duas horas e meia de espetculo
    dos integrantes
    do Boi

    e
    Garantido(vermelho)
    Caprichoso (azul)

    A COCA COLA, indito,
    aparece com sua legendria logo
    em AZUL 
    se curvando
     ao boi Caprichoso.

    Mas na torcida do Garantido
    aparece na sua tradicional cor vermelha.

    Detalhe:
    E quem cuida da marca no Brasil,
    o competente mineiro de BH, Jack Corra
    vice-presidente da Coca Cola no Brasil.
    Jack,que foi cehefe do cerimnial
    do ex-governmador Francelio Pereira em Minas,
    estava no palanque em Parintins.

          
       
       
       
       
       
       
       
       
       
       
       
       
       
       
        
       
       
       
       
       
       
       
       
       
           
           

     
    Os bois
    Garantido
    Caprichoso
    estavam por toda parte.

           
       
       
        
      

      Um dia antes show no Bumbdromo para opovo.
    No palanque o governador do Amazonas,
    Omar Aziz e a primeira dama
    receberam os jornalistas da Abrajet, com simpatia.

         

        
       
       
       


    CENAS de uma manh
    no Hotel AMAZON RIVER
     s margens do Amazonas
    em Parintins
        
       
       

        
       
       
       
        
       
       
       
        
       
       
       
        
     

    A abertura do Festival de Parintins
    teve as presenas dos governadores:
    da Bahia, Jacques Wagner 
    e Casagrande, do Estado do Esprito Santo,
    do prefeito de So Paulo, Gilberto Kasseb,
    da senadora pelo Amazonas, Vanessa Grazziotin
    do ministro do STF Marco Aurlio Melo,
    do deputado mineiro Jaime Martins
    do vice-presieente da Coca Cola do Brasil, Jack Corra.

        
       
       
       
       
       
       
       
       
       
       
       
       
       
       
       


    No palanque oficial

        
       
    O governador Omar Aziz,
    a senadora pelo Amazonas Vanessa Grazzioitin
    e o deputado federal do PR mineiro
    Jaime Martins.
    JCA e o presidente da ABIC,Paulo Simo.


        
       
       
       
    Paulo Simo, filiado em Minas ao PSD
    do prefeito de SoPaulo
    Gilberto Kasab

        
       
           
           


    Cenas do Aeroporto Jlio Belm
    em Parintins.
    A cidade de 130 mil habitantes
    fica numa ilha fluvial do rio Amazonas.

      
      
     
      

    A beleza e a riqueza do Amazonas
    vistos da janeta do 737-700 
    encheram os olhos
       

         
     
       
     
       
     
       
      
      
     
       


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Junho 26, 2011

    Visitamos em Manaus a fbrica da HONDA. Fica numa rea de quase 1 milho de metros quadrados. So quase 200 mil metros quadrados de linhas de produo da HONDA - a maior da Amrica Latina - aonde trabalham em trs turnos, 10.500 pessoas vindas de mais de 10 Estados. Por dia a HONDA produz em mdia 7.500 motos, triciclos e mquinas paradas. A HONDA tem hoje 800 lojas de distribuidores espalhadas pelo pas. A visita Fbrica foi programada pelo presidente da Abrajet de Manaus, Paulo Roberto e durou quase duas horas com um almoo base de piraruc, camares e saladas. Confiras as fotos!!!

     

    Para ampliar click na foto!!! 


       

       
       
       
       
       
       
     


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Junho 26, 2011

    Como presidente da Abrajet Minas, ns participamos em Manaus da Reunio da Executiva Nacional da Abrajet no auditrio do Hotel Comfort. Presidentes e diretores de 20 Estados debateram os rumos da nova Abrajet, presidida agora por Hlcio Estrella, de So Paulo. Homem de trato ameno, ponderado e firme em suas posies em favor da entidade, Estrella vem imprimindo um rumo cresce na entidade - reestrutura as ferramentas de internet, criou comisso para refazer o Estatuto da entidade e fez o primeiro encontro da Executiva Nacional em Manaus. O Encontro estabeleceu vrios tens da pauta do Congresso Nacional da Abrajet, marcado para 22, 23 e 24 de setembro em Belm do Par. A presidente da Abrajet do Par, Benigna Soares pediu que todos os presidentes das Abrajets do pas enviem a relao de quem vai participar do Congresso. Registro: a delegao de Minas foi formada mpor mim(presidente) os diretores da Abrajet Nacional, jornalistas Antnio Claret Guerra e Srgio Moreira, alm da nossa diretora da Comisso de tica, Suely Callais Guerra, mulher do nosso diretor Antnio Claret. O encontro foi muito proveitoso. Coma Abrajet de So Paulo - presidida por Claudio Oliva - firmamos cooperao entre Minase SP para troca de experincias e intercmbio de idias. Sero feitos encontros l e em Minas - aonde ns debateremos aes efeitivas na rea da divulgao dopotencial turstico de Minas e de So Paulo. Encontro de Manaus, com roteiro at o FRestival Folclrico de Parintins - fica a 450kms de Manaus - foi supreendendo pela beleza, originalidade e criatividade das mentes da terracom seus mitolgicos bois - Garantideo(vermelho) e Caprochoso(azul). Espetculo que consome todas as nossas oalavras de elogio, admirao e respeito pela cultura de Parentins (para onde viajamos pela GOL) ida e volta no trajeto maravilhoso que vimos da janela do 737-700, que transportou mais de mil e quinhentos turistas de Manaus para Parintins. Os 45 mil foram levados pelo rio Amazonas at Parintins em 500 barcos e navios. Inacreditvel!!!



    Paulo Roberto, presidente da Abrajet do Amazonas,
    foi o eficiente, atencioso e simptico ANFITRIO
    de todos ns, presidentes e diretores da Abrajet,
    na ida a Manaus e Parintins.
    Valeu grande Paulo!!!
    Nota 1 milho!!!


    O presidente da Abrajet, Hlcio Estrella, de So Paulo
    Conduziu com firmesa e ponderao
     o Encontro da Executiva Nacional
    no auditrio do Comfort Hotel em Manaus.











                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Junho 26, 2011

    Caprichoso e Garantido!! Olha os bois!!!

    Estou em PARINTINS em plena floresta amaznica.
    Assist o primeiro dia do maior Festival Folclrico do planeta.

    Uma pera dividida em trs atos - simplesmente genial. Converso com vrias personalidades no palanque oficial. O governador do Amazonas Omar Aziz recebeu os governadores da Bahia Jacques Wagner, Casagrande do Esprito Santo, o prefeito de So Paulo Gilberto Kassab, o ministro do STF Marco Aurlio Melo, o presidente da ABIC, o mineiro de BH Paulo Simes, o deputado federal do PR mineiro Jaime Matins e a cantora Faf de Belm.

    Aqui no Amazonas o fuso horrio de uma hora - vamos embarcar no Aeroporto de PARINTINS s 16:30 horrio local rumo a Manaus. E meia noite e meia de Manaus para o Galeo no Rio de Janeiro. Do Rio vou para BH aonde chega s 11 da manh de domingo Feliz da Vida.

    PRIMEIRA MO: o governador do Amazonas Omar Aziz o mais novo filiado do PSD de Gilberto Kassab - ato abenoado pelos mticos bois Garantido ( boi preferido do governador Aziz) e Caprichoso ( de preferncia da primeira da primeira dama) manobra poltica que lembra a nossa sagacidade mineira. Dividir para governar!!! As fotos? Esto na seo de capricho, garantido!!!

    25 de Junho de 2011 - 11:02

    AMAZONAS

    Garantido abre apresentaes do Festival Folclrico de Parintins
    A festa considerada o maior festival folclrico da Amrica Latina



    Compartilhar |
    Portal Amaznia - portalamazonia@redeamazonica.com.br

    MANAUS O duelo dos bumbs Garantido e Caprichoso comeou nesta sexta-feira (24) na Ilha de Parintins (distante 235 quilmetros de Manaus). O boi da baixa do So Jos, Garantido, abriu a primeira noite do 46 Festival Folclrico. A festa encerra no domingo (26) com a apresentao do boi Caprichoso.
    O boi-bumb defende o tema Miscigenao e leva para o Bumbdromo a histria da formao social e cultural dos povos da Amaznia. Itens como a rainha do folclore, Patrcia de Ges, e os versos do amo do boi, Tony Medeiros, chamaram a ateno do pblico. A primeira apresentao da noite foi intitulada de Povo Vermelho Amaznia Indgena, antes e mostrou a diversidade cultural dos povos amaznidas com incio da celebrao folclrica Encontro de culturas, tendo a cobra grande como tema da lenda Amaznica. O ritual dos Xams Kanamari abriu a noite do festival.
    Leia tambm: Disputa entre bumbs Garantido e Caprichoso comea em Parintins
    Em seguida, o boi azul, Caprichoso, entrou na arena para apresentar o tema A Magia que Encanta. A proposta do Caprichoso mostrar a magia que vem da arte do Boi Caprichoso, que passa pelos encantos da floresta envolvendo o povo com o folclore popular. Na primeira noite, o bumb, atual campeo do Festival, apresentou a temtica A Magia que Encanta para contar os mitos, contos e saberes dos ribeirinhos e indgenas que vivem na floresta. Entre os destaques da noite, o Caprichoso encenou a lenda amaznica Boina e trouxe a figura do seringueiro para ilustrar a migrao de nordestinos para a Amaznia.
    O Festival Folclrico de Parintins ocorre sempre no ltimo fim de semana do ms de junho, na cidade de Parintins, no Amazonas. A festa considerada o maior festival folclrico da Amrica Latina e atrai milhares de turistas, no s do Brasil, mas de vrios pases, para ver o duelo cnico e artstico entre os bumbs, Caprichoso e Garantido. Em trs noites de apresentao, as agremiaes folclricas so julgadas em vrios itens por especialistas.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Junho 24, 2011

    CAF...

    Clsio Andrade defende receita para caf sem crise

    Sistema de inteligncia para garantir renda aos produtores e qualidade para os consumidores


    O cafeicultor precisa de um sistema de inteligncia estratgica para evitar as crises sazonais, com o aumento da qualidade e do consumo, interno e externo, que resulte na garantia de renda para os produtores de todos os portes. Foi o que disse o senador Clsio Andrade (PR-MG), hoje (22), na instalao da Frente Parlamentar Mista em Defesa da Cafeicultura, na Cmara dos Deputados.

    Os principais objetivos do grupo so incentivar e valorizar a produo de caf de forma sustentvel, promover a atividade e acompanhar as polticas do Governo Federal para o setor. A Frente Parlamentar Mista em Defesa da Cafeicultura conta com mais de 330 parlamentares.

    A Frente tem uma importncia muito grande. Acho que ela vem inovar porque vai trabalhar com um plano estratgico duradouro para que a gente consiga estabelecer metas para evitar as crises sazonais do caf. Afirma o senador mineiro

    O maior desafio considerado pela Frente a manuteno dos preos atuais. Para isso, o grupo vai defender alguns pontos considerados essenciais, como tornar a cadeia de produo sustentvel, incentivar o consumo de qualidade no mercado interno, fortalecer a imagem do caf brasileiro no exterior e buscar apoio do Governo Federal para elaborao do planejamento estratgico.

    Em seu discurso, Clsio Andrade apresentou alternativas para dar mais estabilidade ao setor. Uma das propostas, que citada no documento Fortalecimento de Minas no Cenrio Nacional, a criao da Empresa Brasileira do Caf que, pela proposta, ser capitalizada com recursos do Funcaf.

    O Senador Clsio Andrade ressaltou ainda a oportunidade que a Frente em Defesa da Cafeicultura tem neste governo Dilma: A Frente parlamentar tem maioria de membros da base aliada ao governo, a presidente Dilma tem demonstrado ateno com produtores de caf, ento, temos que aproveitar esse bom momento

    Clsio Andrade finalizou afirmando que a unio do setor muito importante para o sucesso da cafeicultura no pas: "Agora a hora do setor se unir. Temos que pensar no bem maior, seja exportador, produtor ou cooperativa.

    Veja os nmeros do Caf no Brasil:

    370 mil propriedades
    2000 municpios produtores
    18 estados da Unio
    43,5 milhes de sacas (60 kg)
    2,06 milhes de hectares em produo
    5,7 bilhes de plantas
    8 milhes de empregos
    63% do Caf brasileiro exportado e 37% fica no mercado interno.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 23, 2011

    Estamos rumo PARINTINS...

    Comea hoje em Parintins o Festival Folclrido mpar em todo o planeta pela sua grandiosidade. Ns da ABRAJET estamos a caminho de Parintins a bordo de uma aeronave da Gol - que vai percorrer os 450 kms de Manaus a Parintins. Ns jornalistas da Abrajet  somos da Abrajet de Manaus e Amazonastur ao Festival Folclrico de Parintins - um dos maiores espetculos de cultura do planeta. Confira!!!


    FESTIVAL FOLCLORICO
    DE PARINTINS 2011
    VAI SER SHOW


    Ficheiro:Festival Folclrico de Parintins.jpg






     
    HlcioEstrella
    presidente nacional
       da ABRAJET
    que comandou
     o Congresso da Executiva da entidade
     no Comfort Hotel em Manaus.
    aonde estamos
    como presidente da Abrajet de Minas.
    Duas decises do Congresso da Abrajet:
    foi criada uma comisso para fazer um novo ESTATUTO da Entidade Nacional.
    E o tema do Concresso Nacional da Abrajet em setembro em Belm do Par ser
    os efeitos do evento Copa do Mundo de 2014 na rea do turismo no pas.



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Junho 21, 2011

    Uma semana que comeou com grandes e importantes eventos em BH. A entrega do trofu Tancredo Neves no auditrio da CDL reuniu o vice-governador Alberto Pinto Coelho - que recebeu o trofu das mos do presidente da Assemblia Dinis Pinheiro - e mais secretrios de Estado, desembargadores, empresrios, publicitrios e gente da sociedade de vrios segmentos. Quem estava frente do evento era o diretor do jornal EDIO DO BRASIL, Eujcio Silva, diretor finaceiro do CEPO e da ABRAJET. E a jornalista Eneida Costa, foi empossada na presidncia do Sindicato dos Jornalistas numa solenidade no CREA prestigiadssima. E no segmento gastronoomia contempornea foi inagurado o restaurante MES AMIS em Lourdes - dos empreendedores Herique Cruz e o casal Kelly e Junior, ex-jogador do Atltico Mineiro. Confira as fotos, que fizemos.

    Entrega do Trofu Tancredo Neves
     pelo jornal EDIO DO BRASIL na CDL











    Posse da nova presidenta
     do Sindicato dos Jornalistas
    no Auditrio do CREA


    A nova presidenta
     do Sindicato dos Jornalistas,
    Eneida Costa
    e o jornalista Carlos Barroso,
    ncora da nova TV de BH,
    "BH NEWS"


    Inaugurao do MES AMIS
    em Lourdes.





                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Junho 20, 2011

    Pela manh a Defensora Pblica-Geral de Minas, Andra Tonet, participou da abertura do Congresso do Terceiro Setor. Agora noite vai Cmara Municipal de BH, aonde participa da Sesso Solene em homenagem aos 236 anos da Pol[cia Militar.








    DEFENSORA PARTICIPA
    DO VII ENCONTRO NACIONAL
    DO TERCEIRO SETOR
    DE MINAS GERAIS
     
     




    A Defensora Pblica Geral, Andra Tonet, participou nesta segunda-feira (20/06), da abertura do VII Encontro Nacional do Terceiro Setor de Minas Gerais.


    O evento traz para os gestores e colaboradores novidades em tecnologias de gesto e palestras que busquem exemplificar o grande alcance das parcerias entre governo, mercado, associaes e fundaes. Nesta edio, acontece tambm o I Encontro Nacional de Direito do Terceiro Setor.


    O Encontro, que realizado em parcerias entre Ministrio Pblico Estadual atravs do Centro de Apoio Operacional ao Terceiro Setor (CAO-TS), o Centro Mineiro de Alianas Intersetoriais (CeMAIS) e a Federao Mineira de Fundaes e Associaes de Direito Privado (Fundamig), tem por objetivo central divulgar e estabelecer discusses a respeito da gesto administrativa e jurdica das entidades que compem o terceiro setor, com foco nas parcerias entre as mesmas e os demais setores.



    aa_mesahonra2dsc01517



    Andra Tonet ( direita) e demais autoridades compem mesa durante a solenidade de abertura


    Dentre outras autoridades, compareceram tambm abertura do evento, o governador do Estado, Antonio Anastasia; o presidente da Assembleia Legislativa, Diniz Pinheiro; e o procurador de Justia e coordenador do  CAO Terceiro Setor, Tomz de Aquino Rezende.


    O Encontro continua at a prxima quarta-feira (22/06).

    Fonte: Ascom / DPMG, com informaes do Centro Mineiro de Alianas Intersetoriais (20/06/2011)


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Junho 20, 2011

    Wildes e Celso Castilho no aniversrio de Lucy Coura no Far East Emporium no final de semana. Celso atuou como presidente do Consrcio Capim Branco, que fez duas usinas em Araguari e Uberlndia. A Amador Aguiar I e II que geram juntas 450 Megawatts. Tive a honra de assessorar o Celso e o Henrique de Lello durante os 4 anos de obras. Aprend muito com o Celso, que um campeo no relacionamento com as pessoas. Sempre atencioso, simptico, amigo.



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Junho 20, 2011

    UFA!!! Bola pr frente que a vem a Copa de 2014.

                                                                          

                                                                   Volta ao trabalho
                                                            nas obras do MINEIRO,
                                                                   informa a SECOPA.  

                                                                  
                                                                        Srgio Barroso,
                                                                  secretrio Extraordinrio
                                                                     da Copa em Minas.

    A Secretaria de Estado Extraordinria da Copa do Mundo (Secopa) informa que 100% dos operrios esto trabalhando nesta segunda-feira (20) nas obras de modernizao do Estdio Governador Magalhes Pinto (Mineiro).
    Na manh desta segunda-feira (20) os operrios aprovaram em assemb
     proposta da empresa Minas Arena, responsvel pelas obras e posteriormente pela operao por 25 anos do estdio.
    A ltima rodada de negociao foi em audincia de conciliao e instruo no Tribunal Regional do Trabalho (TRT), realizada na noite de sexta-feira (17), entre a Minas Arena e os representantes do Sindicato dos Trabalhadores nas Indstrias da Construo de BH e Regio (STIC-BH) e o Sindicato dos Trabalhadores das Indstrias da Construo Pesada de Minas Gerais (Siticop-MG).
    O acordo prev os seguintes benefcios:
    - Fornecimento de cesta bsica/carto alimentao no valor de R$ 60,00 a partir de 10/07/2011 (cesta ou carto).
    - Estabilidade de trabalho para os operrios que fazem parte da comisso de representantes dos empregados.
    - Pagamento como participao nos lucros proporcional ao tempo de servio na obra, no valor de at R$ 660,00.
    - Apresentao de um plano de sade para os trabalhadores at o final de junho. 
    - Pagamento de adicional de hora extra de 100%.
    - Reajuste salarial com aumento de 4% de forma linear para todos os empregados. 
    "Entendemos que todas as reivindicaes foram atendidas. Os operrios ausentes compensaro os dias que estiveram em paralisao no regime de oito horas", afirma o presidente da Minas Arena, Ricardo Barra." importante destacar que o cronograma est mantido e que o Mineiro estar pronto em dezembro de 2012", assegura o secretrio de Estado Extraordinrio da Copa do Mundo, Sergio Barroso.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Junho 20, 2011

    Terceiro Setor



    Omar Freire/Imprensa MG
    Governador Antonio Anastasia em pronunciamento na abertura do Encontro
    Governador Antonio Anastasia em pronunciamento na abertura do Encontro


    O governador Antonio Anastasia participou, nesta segunda-feira (20), da abertura do 7 Encontro Nacional do Terceiro Setor, que nesta edio tambm sedia o 1 Encontro de Direito do Terceiro Setor, para discutir um novo marco regulatrio para o setor. Durante a solenidade, que aconteceu no auditrio da Uni-BH, o governador defendeu a existncia de um Estado forte com a participao da sociedade civil organizada. Anastasia tambm destacou a importncia da criao do marco legal para legitimar e fortalecer as organizaes do Terceiro Setor.
    "Sempre defendemos que o Estado seja bem instrumentalizado e tenha condies de atender bem s polticas pblicas, mas ele no pode fazer sozinho. Para que ele tenha verdadeira legitimidade, que as pessoas percebam a ao efetiva do governo e possam usufruir dessa ao, imprescindvel que a sociedade civil seja forte. Isso passa pelo fortalecimento das entidades do Terceiro Setor. So organizaes no governamentais, organizaes da sociedade civil de interesse pblico que precisam ter um marco legal adequado e precisam co-executar as polticas pblicas nos municpios, nos estados e tambm na esfera federal", disse Anastasia em entrevista.
    Durante a abertura do encontro foram apresentados os resultados do trabalho feito pela escola de planejamento HomoSapiens, que desenvolve projetos de capacitao sob medida, programas de coaching para gerentes, mapeamento e melhoria contnua de sistemas produtivos. Recentemente, a escola realizou oficina de planejamento de vida e de ideias para a Copa de 2014 com 3.718 crianas de escolas pblicas. 
    A apresentao foi feita pelo diretor acadmico da HomoSapiens, Eduardo Shana, e os resultados do trabalho foram entregues ao governador Antonio Anastasia pelos professores que conduziram os projetos nas escolas. A HomoSapiens desenvolveu a metodologia TEvEP, que funciona como um protocolo de comunicao entre as pessoas e facilita a organizao das informaes e a mobilizao de recursos. 
    Desenvolvimento Social e parcerias 
    O 7 Encontro Nacional do Terceiro Setor vai at o dia 22 de junho e realizado pelo Ministrio Pblico Estadual, por meio do Centro de Apoio Operacional ao Terceiro Setor (CAO-TS), em parceria com o Centro Mineiro de Alianas Intersetoriais (CeMAIS) e a Federao Mineira de Fundaes e Associaes de Direito Privado (Fundamig). 
    Ativistas, gestores e profissionais do terceiro setor, voluntrios, representantes de empresas privadas e do poder pblico discutiro propostas de desenvolvimento social e de mobilizao da opinio pblica para temas de relevncia social como sade, educao, segurana e meio ambiente. O evento tambm vai promover discusses sobre a gesto administrativa e jurdica das entidades que compem o Terceiro Setor, com foco nas parcerias. 
    Entre as palestras programadas para o Encontro esto "Movimento Conspirao Mineira pela Educao", do coordenador do Movimento Conspirao Mineira pela Educao, Evando Neiva; "Apacs: Exemplo de sucesso", a ser feita pelo presidente da Fraternidade Brasileira de Assistncia aos Condenados, Valdeci Antnio Ferreira. 
    Tambm sero realizadas mesas redondas sobre "A intersetorialidade e os resultados sociais - Projeto Plug Minas, Grupo Santa Casa de Belo Horizonte e Misso Ramacrisna", coordenada pela secretria de Estado de Planejamento e Gesto, Renata Vilhena; e "Marco Legal", ministrada por Paulo Modesto, do Ministrio Pblico da Bahia. 
    Tambm participaram do evento o procurador de Justia e Coordenador do CAO ao Terceiro Setor, Tomz de Aquino Rezende; o presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Dinis Pinheiro (PSDB); os secretrios de Estado Renata Vilhena (Planejamento e Gesto) e Wander Borges (Desenvolvimento Social), o controlador-geral do Estado, Moacyr Lobato; a defensora pblica-geral do Estado, Andra Abritta Tonet; o procurador de Justia, Leonardo Charles; a diretora-presidente do CeMAIS, Marisa Seoane; o diretor-presidente da Fundamig, Heliomar Manoel Quaresma; o presidente da Fiemg, Olavo Machado Jnior, e a reitora do Uni-BH, Sueli Baliza.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Junho 20, 2011

    NOVO CONCEITO EM GASTRONOMIA CONTEMPORNEA na capital mineira. Inaugurao hoje, 20 horas. Restaurante "MES AMIS" na rua Rio de Janeiro, esquina com Alvarenga Peixoto em Lourdes. J estive l em um evento off e jantando com minha mulher a decoradora Cida Amaral. Gostei muito da cozinha e do atendimento dos garons comandados pelo maitre Ronan de Andrade. Degustamos um lagostin com risoto de aafro. Delcia!!! Os preos: dos pratos e vinhos, justos. DETALHE: como presidente da ABRAJET - Associao de Jornalistas de Turismo - recomendo. E estarei hoje na inaugurao oficial do MES AMIS - a convite dos proprietrios - muito simpticos - Kelly Souza/ Junior Souza e Guilherme Cruz.





                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Junho 20, 2011

    BRASIL: POTNCIA OU COLNIA? Vale conferir o que pensa o presidente da ABIMAQ nacional, Luiz Aubert Neto, que esteve em BH recentemente falando para o mercado mineiro.

                                              DFICIT AUMENTA
                                              E PREOCUPA SETOR DE MQUINAS
                                              E EQUIPAMENTOS


                                             

                                              Luiz Aubert Neto, Presidente da Abimaq,
                                              Foto : Divulgao/Abimaq

    Crescente a cada ms, o dficit comercial do setor de mquinas e equipamentos registra recorde histrico atingindo US$ 5,5 bilhes no primeiro quadrimestre do ano, segundo levantamento do departamento de economia e estatstica da ABIMAQ Associao Brasileira da Indstria de Mquinas e Equipamentos.
    De acordo com Luiz Aubert Neto, presidente da entidade, est na hora de nos questionarmos quanto ao futuro do Brasil, potncia ou colnia. Se no forem tomadas medidas emergenciais por parte dos nossos governantes, no tenho dvida, que desaparecemos como segmento industrial do pas", explica Aubert, acrescentando:
    "est na hora de revertermos esse processo de aumento de importaes de produtos industrializados e grandes exportadores de produtos primrios, porque assim no conseguiremos reverter a tendncia de primarizao e desindustrializao da economia".
    De acordo com ele ainda, basta uma rpida anlise dos nmeros setoriais para concluirmos que a situao est insustentvel.
    "Enquanto as nossas exportaes explica - passaram de US$ 2,5 bilhes de janeiro a abril de 2010 para US$ 3,4 bilhes de janeiro a abril de 2011, as importaes passaram de US$ 6,7 bilhes para US$ 8,9 bilhes, um crescimento de 32,5%".
    O dficit em mquinas e equipamentos do primeiro quadrimestre j chega a US$ 5,5 bilhes aumentando o rombo da balana comercial em 33,3% em relao ao perodo de janeiro a abril de 2010, quando o dficit era de US$ 4,1 bilhes.
    De acordo com Aubert, a situao do segmento de mquinas e equipamentos extremamente preocupante, porque em paralelo ao aumento do dficit do setor, aparece forte queda na carteira de pedidos do setor, no 1 quadrimestre recuou 18,2% quando comparado com o mesmo perodo de 2010.
    O faturamento no ms de abril de 2011 quando comparado com o ms de maro de 2011 registrou queda de 10,4% e no ano (jan-abr/2011) a taxa de crescimento recuou para 7,1% ao alcanar R$ 24,5 bilhes

    Quem nos enviou o texto foi:
    Regiane Moreira Nascimento
    Coordenadora Geral
    ABIMAQ/SINDIMAQ MG

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Junho 19, 2011

    NVER DE LUCY COURA...






    EM PRIMEIRA MO as cenas do MEGA NVER de Lucy Coura no elegante FAR EAST EMPORIUM no Jardim Canad em Nova Lima, prximo da BR-040 sada para o Rio de Janeiro.

    Requintada e prestigiada a festa promovida pelo engenheiro, empresrio da minerao, presidente do SINDIEXTRA e vice-presidente da FIEMG, Fernando Coura.

    A festa reuniu personalidades da poltica mineira como o presidente da Assemblia Legislativa, deputado Dinis Pinheiro, o secretrio de governo Danilo de Castro, o secretrio dos Vales do Mucuri, Jequitinhonha, Gil Pereira e a mulher dele Cristina que vice-prefeita de Montes Claros, os deputados dr. Viana e Rodrigo de Castro, secretrio-geral do PSDB nacional, o ex-deputado Fbio Avelar, o ex-senador Arlindo Porto, o ex-ministro Paulino Ccero, o prefeito de Dom Silvrio.

    O jornalista Paulo Csar Oliveira ( editor chefe da revista Viver Brasil e do Blog do PCO) e a mulher dele Luza Lanna, o ex-presidente do Consrcio Capim Branco, Celso Castilho e Wides, Vanda e Hernani de Castro. Ele nosso companheiro de ABRAJET e responsvel pela rea de manobristas e recepo com sua prestigiada e eficiente EXITUS (Hernani e Vanda Fulgncio, moram no mesmo prdio do casal Lucy/Ferando Coura).

    Presentes tambm na festa, empresrios da rea de minerao, executivos do setor...
    Olha era tanta gente importante que ao invs de citar todos os nomes, prefer que  voc pode confira
     AS FOTOS, clicar nelas para AMPLIAR , porque afinal  uma foto vale por mil palavras.

    Parabenizo aqui a LUCY, que num modelo vermelho e vaporoso estava radiante com a presena de tantos amigos.

    Quanto ao Fernando Coura, nosso amigo, um perfeito anfitrio - alegre, descontraido, com ums palavra simptica para acada convidado(a) - fez uma surpreendente performance no palco.
    Cantou at em russo para delrio de ns todos seus amigos.
    Belssima festa.

    Meu presente de aniversrio para a LUCY COURA - alm do AUDIO LIVRO "Comer, Amar e Rezar" - essa cobertura fotogrfica que fiz pessoalmente no Far East. Parabns a Lucy pelo nver.
    Ao Coura e os filhos Luciana, Fernanda e Rafael tambm parabenizo pela bela festa organizada em alto nvel.

























































    RECORDANDO BONS MOMENTOS
    NO TNEL DO TEMPO:
















                          




                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Junho 19, 2011

    CAIU DO CAVALO.






    O senador Acio Neves,
    que sempre que pode vai para a Fazenda da famlia em Claudio
    quebrou a clavcula e cinco costelas.





    Acio Neves foi submetido a atendimento mdico e passou por exames em Belo Horizonte (Foto: Divulgao/Assessoria de Imprensa senador Acio Neves)
    Acio Neves foi submetido a atendimento mdico
    e passou por exames (Foto: Divulgao/Assessoria
    de Imprensa senador Acio Neves)

    O senador Acio Neves (PSDB-MG) quebrou a clavcula e cinco costelas em um acidente, enquanto cavalgava na propriedade de sua famlia, na cidade de Cludio, no Centro-Oeste de Minas Gerais. Segundo a assessoria do senador, o tombo foi no fim da tarde de sexta-feira.
    Ele estava com um amigo e um primo.
    O senador foi atendido no Hospital Mater Dei em Belo Horizonte, pelo mdico ortopedista Rodrigo Lasmar. Ficou internado at a noite de ontem, sbado. Ele fraturou a clavcula e cinco costelas do lado direito. Ainda de acordo com a assessoria, o senador sente dores, mas passa bem.
    O senador vai ficar com o brao direito imobilizado de seis a oito semanas. Ele est em repouso absoluto por dez dias em casa, em Belo Horizonte, e s retorna a Braslia aps esse perodo.

    DETALHE:
    O senador, digo eu, gosta de montar.
    Eu mesmo o v cavalgar um belo cavalo rabe
    na abertura da Superagro em BH h dois anos,
    quando ele era governador do Estado.
    Mostrou destreza e estilo na cela.
    Mas acidentes, infelizmente acontecem.
    Ainda bem que foi um susto, sem gravidade.

    Desejo rpida recuperao, j que como jornalista de poltica, convivo com o senador, h 29 anos. Desde os tempos em que ele era secretrio particular do ento governador de Minas, Tancredo Neves e eu, reprter e comentatista da Rede Globo em Minas. A poltica nos aproximou. Nos tornamos amigos.

                                       TNEL DO TEMPO:
                                        pinado do site do Rancho Arabco                                                 

    GOVERNANDOR ACIO NEVES
    FAZ UM TEST DRIVE EM CAVALO RABE
    FOI em 2009.



                
             
    O GOVERNADOR ACIO E SB SADATA  

       



         SYLVIO, ACIO E MENDELSOHNN (IMA)

    O Governador de Minas Acio Neves
    montou o animal SB SADATA
    de propriedade do Rancho Arabco,
    durante a abertura da Superagro 2009
    e Exposio Mountains Arabian do cavalo rabe
    em Belo Horizonte.





                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Junho 19, 2011

    Defensora Pblica de Minas em ao.








    EMPOSSADO
    O NOVO SUPERINTENDENTE REGIONAL
    DA POLCIA FEDERAL
    EM MINAS GERAIS
     
     




    A Defensora Pblica Geral, Andra Tonet, compareceu, nesta quinta-feira (16/06), cerimnia de posse do novo superintendente regional da Polcia Federal de Minas Gerais. O delegado Fernando Durn Poch assumiu a Superintendncia Regional, substituindo o delegado Jerry Antunes de Oliveira.



    b_dsc01452



    Defensora Pblica Geral e o novo superintendente regional da Polcia Federal


    A cerimnia, que contou com a presena de diversas autoridades dos poderes Legislativo, Executivo, Judicirio e convidados, aconteceu no auditrio da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).


    a_dsc01451



    Larissa Arantes Rodrigues, Defensora Pblica Chefe da Unio em Minas Gerais e Andra Tonet

    Fonte: Ascom / DPMG (17/06/2011)


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Junho 18, 2011

    O nver de destaque deste sbado em BH de Lucy Coura, mulher do engenheiro Fernando Coura, presidente do poderoso Sindiextra e vice-presidente da FIEMG. Fomos convidados - eu e minha mulher a decoradora Cida Amaral - e iremos logo mais noite ao elegante FAR WEST EMPORIUM no Jardim Canad abraar a aniversariante, o nosso amigo Coura e os filhos Luciana, Fernanda e Rafael.

                                       O casal Fernando e Lucy Coura
                                       recebe em grande estilo
                                       quem quem do mundo poltico e empresarial
                                       no FAR WEST EMPORIUM s 21 horas.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Junho 18, 2011

    De olho nas obras da COPA em BH.

     

    Deputados vo verificar
    condies de trabalho
    em obras no Mineiro

    A Comisso de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa de Minas Gerais vai visitar as obras do Estdio Governador Magalhes Pinto, o Mineiro, e os alojamentos dos trabalhadores da construo civil, na prxima segunda-feira (20/6/11), s 11 horas, para verificar as condies denunciadas pelos operrios, em greve desde quarta-feira (15). Representantes da Superintendncia Regional do Trabalho e do Ministrio Pblico do Trabalho de Minas Gerais sero convidados.

    A visita atende a requerimento dos deputados Adelmo Carneiro Leo (PT), Duarte Bechir (PMN) e Rogrio Correia (PT), e do vice-presidente da comisso, deputado Paulo Lamac (PT), aprovado em reunio na manh desta sexta (17).

    Alm disso, ser enviado ofcio com apelo ao secretrio extraordinrio da Copa do Mundo, Srgio Barroso, para providncias em relao abertura de negociao com os operrios. O requerimento dos deputados Adelmo Carneiro Leo e Duarte Bechir.

    A reunio desta sexta foi solicitada pelo deputado Adelmo, contou com a participao de cerca de 40 operrios e teve como objetivo apresentar as reivindicaes aos parlamentares. Segundo o presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indstrias da Construo de Belo Horizonte e Regio, Osmir Venuto da Silva, os operrios da obra no estdio pedem aumento salarial e melhores condies de trabalho. O sindicato quer que o valor pago aos pedreiros seja de R$ 1.250 e aos serventes, R$ 850. Atualmente, os salrios so de R$ 926 e R$ 600, respectivamente.

    Conforme Osmir, 42 trabalhadores moram em alojamento no bairro So Paulo, na regio Nordeste da Capital, mas contam com apenas dois banheiros. Na obra, a situao se repete: o sindicalista informou que existem apenas trs chuveiros para 500 operrios. "A lei exige que haja um para cada 10 trabalhadores", afirmou. Alguns dos funcionrios se manifestaram para confirmar as dificuldades enfrentadas no canteiro. Vantuil Jos da Silva, por exemplo, disse que se sente "envergonhado pela atitude das empreiteiras no Estado" e que, em pleno sculo XXI, muitas seriam negligentes em relao s garantias dos trabalhadores.

    Deputados cobram valorizao e transparncia

    O presidente da comisso, deputado Durval ngelo, explicou que representantes do Governo do Estado e das empreiteiras no foram convidados para a reunio porque no houve tempo, j que o encontro foi acertado com os operrios na tarde anterior.

    O deputado Rogrio Correia considerou a reivindicao compatvel com os custos da reforma. Conforme o parlamentar, o projeto bsico do estdio custou R$ 17,8 milhes, enquanto o do estdio de Braslia, o Man Garrincha, R$ 2 milhes.

    O deputado Duarte Bechir parabenizou os operrios pela tentativa de busca de solues e pediu para que eles sejam reconhecidos e valorizados. Para Adelmo Carneiro Leo, a expectativa de que o Governo haja com transparncia em relao s obras. J Paulo Lamac ponderou que h escassez de mo-de-obra para a construo civil no Estado e que os valores pagos esto "abaixo do razovel".

    Presenas - Deputados Durval ngelo (PT), presidente; Paulo Lamac (PT), vice; Duarte Bechir (PMN); Adelmo Carneiro Leo (PT); e Rogrio Correia (PT). Deputados Durval ngelo (PT), presidente; Paulo Lamac (PT), vice; Duarte Bechir (PMN); Adelmo Carneiro Leo (PT); e Rogrio Correia (PT).



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Junho 18, 2011

    ECOS da Feijoada do Cabelin da Tribuna de Minas de Juiz de Fora.


    Renata Barbosa, Fernanda Rocha e Christiane Polini no clima de alegria que imperou no La Rocca

    Renata Barbosa, Fernanda Rocha e Christiane Polini
     no clima de alegria que imperou no La Rocca


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Junho 18, 2011

    Porteirinha ganha Unidade Bsica de Sade.


    Andr Brant/SES MG
    A nova UBS vai beneficiar cerca de 7 mil moradores de Porteirinha
    A nova UBS vai beneficiar cerca de 7 mil moradores de Porteirinha



    PORTEIRINHA (17/06/11) Com investimentos de R$ 345 mil, o Governo de Minas entregou, nesta sexta-feira (17), a nova Unidade Bsica de Sade (UBS) do municpio de Porteirinha, no Norte do Estado. A nova UBS, que vai beneficiar cerca de 7 mil moradores da cidade, oferece servios de imunizao, consultas de clnica mdica, educao em sade, consultas ginecolgicas, coleta de material para exames laboratoriais, escovao supervisionada, atendimento de enfermagem, aferio da presso arterial, glicemia capilar e orientaes em sade bucal.
    Para o secretrio de Estado de Sade de Minas Gerais, Antnio Jorge de Souza Marques, que esteve em Porteirinha para a inauturao, a construo da sade pblica necessita de pessoas com boas ideias e disposio. A ateno primria, por focar na preveno, diminui os custos com procedimentos, sendo capaz de superar as dificuldades dos pequenos municpios e tornar a populao mais saudvel.
    Na unidade, atuaro duas Equipes de Sade da Famlia (ESF). Cada uma dessas equipes composta por clnico geral, ginecologista, fisioterapeuta, nutricionista, assistente social, fonoaudilogo, psiclogo e Agentes Comunitrios de Sade (ACS).
    Durante a cerimnia de inaugurao, os ACS receberam bicicletas para realizar os trabalhos da equipe. A sade fundamental na construo de uma melhor qualidade de vida. Alm disso, os profissionais da ateno bsica fazem um trabalho preventivo de informao e de mobilizao", explicou o prefeito, Juracy Freire.
    Santa Casa
    A Santa Casa de Misericrdia do municpio tambm foi beneficiada com investimentos do Estado. Atravs de convnio, o hospital recebeu R$150 mil para aquisio de medicamentos.
    Referncia para os municpios de Pai Pedro, Serranpolis de Minas, Riachos dos Machados, Mato Verde, Gameleira e Catuti, o hospital oferece especialidades mdicas como ginecologia, pediatria, clnica mdica, clnica cirrgica e ortopedia.
    De acordo com o diretor do hospital, Carlos Alberto de Freitas, aproximadamente 5 mil atendimentos ambulatoriais e 225 internaes so realizadas por ms na unidade. O hospital equipado com desfibrilados, monitor multiparmetro, oxmetro, carrinho de urgncia/emergncia, bero aquecido, incubadora de transporte, bomba de infuso, ultrassom, raio X, eletrocardiograma e mamgrafo.
    Na Santa Casa atuam sete mdicos plantonistas e cinco mdicos que fazem consultas ambulatoriais. O hospital possui capacidade para realizar exames de RX, ultrassonografias, exames laboratoriais e cirurgias ortopdicas simples, informou a secretria Municipal de Sade, Lara Jamile.
    Para fortalecer a prestao de servios de sade na unidade e tambm na ateno primria, Antnio Jorge, anunciou novos investimentos: Porteirinha investe em sade e trabalha para melhorar a qualidade de vida das pessoas. O Estado quer ser parceiro do municpio nessa empreitada, finalizou.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Junho 17, 2011

    Turismo


    FESTURIS INVESTE NO MERCADO NORTE-AMERICANO

    Com o objetivo de estreitar cada vez mais os laos com o mercado internacional e consolidar o Festival do Turismo de Gramado como palco de negcios tursticos mundiais, Marta Rossi e Marcus Rossi participam da AIBMTM (The Americas Meetings and Events Exhibition), que se realiza de 21 a 23 de junho em Baltimore, nos Estados Unidos. Os empresrios vo apresentar a 23 edio do Festuris ao trade norte americano. Buscamos cada vez mais a internacionalizao do Festuris , diz Marcus Rossi. E o mercado norte-americano um dos targets da empresa nessa estratgia de expanso internacional. Em sua primeira edio, a AIBMTM ter a presena de autoridades tursticas e empresrios de pases como ustria, Blgica, Brasil, Canad, Finlndia, ndia, Irlanda, frica do Sul, Sua, Reino Unido e Estados Unidos, reunindo cerca de 700 expositores e compradores focados em eventos e viagens de incentivos.

    O FESTURIS - Considerada a feira de negcios de resultados mais efetivos para o trade e palco de negcios tursticos mundiais, o Festival voltado exclusivamente a profissionais do trade turstico. Com mais de 350 expositores o Festuris recebeu em sua ltima edio aproximadamente 13 mil profissionais com poder de deciso e agentes de viagem da Amrica do Sul. O 23 Festival do Turismo de Gramado se realiza de 17 a 20 de novembro, em Gramado, sul do Brasil. Informaes no www.festivalturismogramado.com.br.


    Crdito: Cleiton Thiele/SerraPress

    Melissa Hugentobler
    Comunicao
    Marta Rossi e Silvia Zorzanello Feiras e Empreendimentos
    melissa@martaesilvia.com.br . 55 54 3286-3313


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Junho 17, 2011

    Prestao de contas do PSDB ao governador Anastasia

    O secretrio-geral do PSDB-MG, deputado estadual Carlos Mosconi, entregou, no dia 13 de junho, a prestao de contas da campanha do PSDB mineiro ao governador do Estado, Antnio Anastasia. As contas so referentes eleio de 2010 para os cargos majoritrios e proporcionais. Elas foram aprovadas pelo Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG). Durante a campanha, Mosconi era tesoureiro da legenda.
    As contas foram aprovadas pelo TRE sem nenhuma ressalva. Isso demonstra a competncia do partido na realizao de um trabalho srio e coerente, explicou o secretrio-geral ao governador. Anastasia parabenizou Mosconi pela eficincia e pelo empenho. O PSDB um partido srio e que honra com suas obrigaes. Esse documento mais uma prova disso, afirmou o governador. Mosconi entregou a prestao de contas ao governador na presena do secretrio de Estado de Governo, Danilo de Castro, e do assessor parlamentar Jos Carlos Garuti.
    Contas. Cerca de R$ 35 milhes foram arrecadados pelo PSDB para a eleio do ano passado. O PSDB de Minas, alm de repassar recursos para seus candidatos, tambm destinou doaes para candidatos e partidos da coligao Somos Minas Gerais. Dos recursos doados, 91,76% foram para candidatos eleitos.
    Foram beneficiados 58 candidatos, de 13 partidos e de 4 diretrios. Trinta e trs pessoas foram eleitas: o governador Antnio Anastasia, os senadores Acio Neves e Itamar Franco, 16 deputados federais e 14 estaduais. Os deputados eleitos receberam 71,40% do total destinado aos candidatos parlamentares.

    Sugesto de legenda: O deputado Carlos Mosconi entrega a prestao de contas da campanha eleitoral do PSDB para o governador Antnio Anastasia


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Junho 17, 2011

    Estamos no Restaurante Atlntico em Lourdes. Um dos ilustres presentes o ex-governador Newton Cardodo, atual deputado federal,

    Newton Cardodo almoa com os filhos e neto. Sempre simptico nos convidou para almoar com ele. Agradec porque estou com meus amigos: o gerente geral do Hotel Financial, Csar Vianna, Dr. Osrio Tertius e o administrador de empresas Jos Aparecido.

    Na mesa ao lado o deputado federal Fabinho Ramalho.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Junho 17, 2011

    Lamento a morte do ilustre ubaense Dr. Washington Peluso Albino de Souza.

    O Prefeito de Ub, Vadinho Baio, decretou Luto Oficial no Municpio por 3 dias, pelo falecimento do ilustre conterrneo e jurista, Dr. Washington Peluso Albino de Souza, conforme o Decreto N 5187, de 17 de Junho de 2011.
    Nascido em Ub, ingressou na Faculdade de Direito da UFMG em 1933 e, em 1938, tornou-se professor de Economia Poltica da Universidade. Considerado um pioneiro do Direito Econmico no Brasil, foi responsvel, em 1972, pela introduo da grade curricular do curso, da disciplina Direito Econmico. Professor Emrito da Faculdade de Direito da UFMG, onde se dedicou ao magistrio em 1942, obtendo os ttulos de livre docente, doutor e titular. Foi chefe do Departamento de Direito Pblico, coordenador de cursos de ps graduao e, finalmente, Presidente da Fundao Brasileira de Direito Econmico, sendo um de seus fundadores em 1972, alm de membro da Association Internacionale de Droit conomique, na Blgica.

    Dr. Washington est sendo velado na Faculdade de Direito da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).
    Dr. Washington Peluso Albino de Souza autor de inmeros artigos e livros jurdicos, entre os quais, Teoria da Constituio Econmica.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 16, 2011

    CEPO - CENTRO DE CRONISTAS POLTICOS de MG, visita prefeito Mrcio Lacerda.

    Prefeito de BH, Mrcio Lacerda e o secretrio de Comunicao Rgis Souto receberam os jornalistas do CEPO para uma conversa bem mineira. No menu, po de queijo, bolo e caf. Poltica municipal, claro, deu o tempero maioria das conversas. O prefeito convidou os jornalistas para uma agenda, que dever constar de um almoo mensal para passar limpo os assuntos mais importantes da poltica mineira, com os representantes do CEPO, que rene jornalistas polticos de TV, de Rdio e de Blogs. 

                  



















                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 16, 2011

    Gerente geral do Hotel Financial, Csar Vianna, recebeu em almoo executivo de alto nvel que o hotel oferece diariamente aos hspedes e aos executivos e executivas do escritrios do Hipercentro de BH - o delegado Osrio Trtius e o administrador de empresas e especialista em hotelaria e trnsito, Jos Aparecido Ribeiro. Tambm tive o privilgio de degustar um delicioso peixe - chamado panga, importando do Vietnam acompanhado de pur de batata, alcaparras e salada). Nota 1000!!!



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 16, 2011

    Almoo da ABRAJET na Churrascaria Gabaritus na capital mineira. ( quem nos recebeu foi o simptico e eficiente gerente da Gabaritus ABEL). No encontro da diretoria executiva da entidade que ns presidimos ficou definido que a posse da diretoria ser em agosto no plenrio da Assemblia de Minas.

     
    Srgio Moreira, Walter Freitas, Hernani de Castro, JCA,
    Eujcio Silva (jornal Edio do Brasil)
    e os diretores do jornal MG Turismo, Suely e Claret Guerra.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 16, 2011

    Unindo foras.








    JUIZ DA INFNCIA E DA JUVENTUDE
    VISITA A DEFENSORIA PBLICA
     
     




    O Juiz de Direito titular da Vara Cvel da Infncia e da Juventude da comarca de Belo Horizonte, Marcos Flvio Lucas Padula, esteve nesta quinta-feira (16/06), na Defensoria Pblica do Estado de Minas Gerais para uma visita de cortesia.

    O juiz foi recebido pela Defensora Pblica Geral, Andra Tonet e pela Coordenadora Cvel/Famlia da Capital, Marta Rosado.



    a_dsc01379




    Coordenadora Marta, Defensora Geral e o juiz Marcos Flvio Padula

    Fonte: Ascom / DPMG (16/06/2011)


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 16, 2011

    Neste momento - 11:15 da manh - a diretoria do CEPO est reunida com o prefeito Mrcio Lacerda .

    Os jornalistas foram recebidos no gabinete do prefeito. O assunto em pauta est sendo sobre o trnsito na capital e as alternativas para uma soluo a curto prazo.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 16, 2011

    Nesta quinta-feira a diretoria do CEPO - Centro de Cronistas Polticos de Minas - visita o prefeito de BH, Mrcio Lacerda.Ser s 10:30 da manh no salo nobre da Prefeitura da capital.

    Os jornalistas polticos tero frente o presidente da entidade, jornalista Carlos Lindenberg, que junto com o vice-presidente Mrcio Dotti, da Rdio Itatiaia, estar conversando com o prefeito da capital mineiracom uma comitiva de diretores do CEPO:
    Acir Anto;
    Eduardo de vila;
    Eujcio Antnio;
    Fbio Reis;
    Flvio Penna;
    Joo Carlos Amaral;
    Srgio Moreira;
    Sueli Cotta;
    Walter Freitas.

    O CEPO foi recebido pelo governador Anastasia
    e o vice Alberto Pinto Coelho no Palcio Tiradentes
     da Cidade Tancredo Neves.
    E nesta quinta faz visita ao prefeito de BH, Mrcio Lacerda
    na Prefeitura da capital.

                                                                  Confira as fotos.
     


    Governador Anastasia
    e o presidente do CEPO,
    Carlos Lindemberg


        
       

       
       

       

       

       

        
    Diretoria Ceppo


    Presidente: Carlos Lindenberg
    Vice-Presidente Administrativo e Financeiro: Mrcio Doti
    Vice-Presidente de Comunicao e Eventos: Manoel Fagundes Murta
    Primeiro Secretrio: Eduardo de vila
    Segundo Secretrio: Maurcio Campos Wanderley Reis
    Primeiro Tesoureiro: Acir Anto
    Segundo Tesoureiro: Srgio Moreira
    Diretor de Expanso: Joo Carlos Amaral
    Diretor Social: Jadir Barroso
    Primeiro Suplente: Fbio Reis
    Segundo Suplente: Eujcio Silva
    Terceiro Suplente: Luiz Carlos Bernardes

    Conselho Fiscal

    Flvio Pena
    Sueli Cotta
    Chico Brant

    Primeiro Suplente do Conselho Fiscal: Valria de Arajo Rodrigues
    Segundo Suplente do Conselho Fiscal: Orion Teixeira
    Terceiro Suplente do Conselho Fiscal: Lcio Braga 

    Representante do CEPO junto Cmara Municipal de BH, Walter Freitas.
      
     
      
        
       






                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Junho 15, 2011

    Medalha Alferes Tiradentes nos 236 anos da PM de Minas.








    DEFENSORA GERAL E ASSESSOR DA DPMG
    SO AGRACIADOS PELA MAIS ALTA COMENDA DA POLCIA MILITAR DO ESTADO
     
     




    medalhadsc01337



    Defensora Geral, Andra Tonet e Assessor Institucional, Glauco de Oliveira, acompanhados pelo Comandante-Geral da Polcia Militar de Minas Gerais, Coronel Renato Vieira de Souza
    A Defensora Pblica Geral, Andra Tonet e o Assessor Institucional da DPMG, Glauco David de Oliveira Sousa, foram condecorados, na noite desta tera-feira (14/06), com a Medalha Alferes Tiradentes, em cerimnia realizada no ptio da Academia de Polcia Militar, na Capital, juntamente com autoridades e personalidades civis e militares.



    medfalhadsc01091

    Palanque das autoridades
    A cerimnia faz parte das comemoraes dos 236 anos de criao da Corporao e teve a presena do governador do Estado, Antnio Anastasia; do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Diniz Pinheiro; presidente do Tribunal de Justia do Estado de Minas Gerais (TJMG), Cludio Costa; do prefeito de Belo Horizonte, Mrcio Lacerda; do secretrio de Estado de Defesa Social, Lafayette Andrada, dentre outras autoridades.



    medalhadsc01312certo



    Sentido horrio: Comandante-Geral da Polcia Militar de Minas Gerais, governador do Estado, Antnio Anastasia e a Defensora Pblica Geral, Andra Tonet
    A solenidade foi encerrada com o desfile das tropas da Polcia Militar de Minas Gerais.


    A Medalha
    Regulamentada pelo decreto n 29774, de 17 de julho de 1989, a Medalha Alferes Tiradentes distingue as pessoas e entidades que prestaram relevantes servios Corporao. A comenda, que se constitui numa reverncia ao Protomrtir da Independncia do Brasil, foi inspirada na significao histrica de Joaquim Jos da Silva Xavier, o Tiradentes, cujo valor e exemplo de amor Ptria transcendem as fronteiras do tempo.




                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Junho 15, 2011

    Projeto "FILME EM MINAS".


    Omar Freire/Imprensa MG
    Anastasia durante assinatura do protocolo de intenes com a Fiemg
    Anastasia durante assinatura do protocolo de intenes com a Fiemg



    O governador Antonio Anastasia e a secretria de Estado de Cultura, Eliane Parreiras, premiaram nesta quarta-feira (15), no Palcio das Artes, os projetos contemplados na quinta edio do projeto Filme em Minas Programa de Estmulo ao Audiovisual, para o binio 2011-2012. Durante a solenidade, o governador destacou que investir em programas que estimulem o audiovisual favorece a cultura, os valores e o turismo do Estado e ainda impulsiona a importante cadeia produtiva desta atividade.
    O audiovisual uma atividade muito importante no s de cultura, de entretenimento, mas tambm como atividade econmica. Ela gera empregos de qualidade, incluso social, leva Minas Gerais a ser mais conhecido, ou seja, favorece o turismo, preserva a nossa cultura e os nossos valores. O Governo de Minas j vem, h alguns anos, investindo no audiovisual. Vamos continuar fazendo isso, e agora tambm com a parceria com o Sesi e com a Fiemg, para termos mais recursos disponveis para que os nossos produtores, diretores e atores tenham em Minas oportunidades de mostrar o seu talento e, ao mesmo tempo, fazendo com que Minas Gerais seja mais conhecida, disse Anastasia em entrevista.
    Durante o evento, o governador Antonio Anastasia, a secretria Eliane Parreiras e o presidente da Federao das Indstrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), Olavo Machado, assinaram protocolo de intenes no qual a Fiemg se prontifica a ajudar no fomento da cadeia da indstria audiovisual no Estado.
    Trabalhamos com o conceito de que cultura desenvolvimento econmico, com a gerao de oportunidades de trabalho dentro da indstria criativa. Cultura desenvolvimento humano e tambm pode ser desenvolvimento social quando falamos de incluso social e do protagonismo juvenil. Na rea audiovisual podemos compreender todas essas vertentes do setor cultural. Por isso nosso compromisso buscar todos os mecanismos possveis para colaborar com o desenvolvimento do audiovisual mineiro, ressaltou a secretria Eliane Parreiras.
    Tambm participaram da solenidade o presidente da Cemig, Djalma Bastos de Morais, o produtor do filme O menino do Espelho, Andr Carreira, e o diretor e ator de O Palhao, Selton Mello dois dos projetos vencedores desta edio do Filme em Minas , alm de produtores, diretores e atores de curtas, mdias e longas-metragens.
    Estmulo e investimentos
    O Filme em Minas um programa bienal de estmulo ao audiovisual realizado pela Secretaria de Estado de Cultura, em parceria com a Cemig. Em cinco edies, foram contemplados 143 projetos com um montante de investimento superior a R$ 17 milhes.
    Nesta edio foram selecionados 32 projetos de um total de 298 inscritos. Sero distribudos R$ 4,5 milhes para a viabilizao dos projetos vencedores. As propostas passaram pela anlise de uma comisso formada por 16 especialistas da rea, sem a participao de membros da Secretaria de Estado de Cultura ou da Cemig.
    A premiao dividida em sete categorias (longas-metragens; distribuio de longas-metragens; finalizao; curtas e mdias-metragens; formato livre; publicao, preservao e memria; incentivo Minas Film Commission ao cinema nacional). Das 32 propostas selecionadas, 28 projetos so de Belo Horizonte, dois do interior (Contagem e Cruzeiro da Fortaleza), e dois nacionais (Rio de Janeiro e uma co-produo Brasil-Alemanha) - essas ltimas na categoria Incentivo Minas Film Commission.
    O programa busca fomentar as diversas formas de manifestao do setor audiovisual em Minas Gerais, contribuindo para o fortalecimento desse mercado no Estado. Por meio do edital, concedido patrocnio com base na Lei do Audiovisual e na Lei Federal de Incentivo Cultura.
    Destaques
    As edies anteriores contemplaram produes que fizeram grande sucesso no cenrio cinematogrfico nacional. Na quarta edio, o filme Chico Xavier, de Daniel Filho, recebeu apoio financeiro de R$ 300 mil do Estado e tambm contou com auxlio da Minas Film Commission para realizao da pr-produo e logstica nas filmagens realizadas em Minas Gerais. Tambm receberam apoio do Filme em Minas: Mutum, de Sandra Kogut; Matraga, do diretor Vincius Coimbra, adaptao da obra de Guimares Rosa, inteiramente filmado em Minas e que tem no elenco atores como Jos Wilker, Joo Miguel, Chico Ansio e Fernanda Montenegro; e Contador de Histrias, de Luiz Vilaa.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Junho 14, 2011

    Almoo em Palcio, em Braslia. Presidenta DILMA recebeu o senador mineiro Clsio Andrade do PR de Minas. O senador ocoordenador do Movimento Pr-Minas da presidenta Dilma no Estado.





     

    Dilma Rousseff recebe Clsio Andrade
    em almoo no Palcio da Alvorada


    Senador aproveitou o encontro
    para lembrar a importncia do documento
    Fortalecimento de Minas


    "A presidente Dilma assumiu definitiva e integralmente a coordenao poltica do seu governo e demonstrou que uma poltica habilidosa, disposta ao dialogo e valorizao do Congresso Nacional." Esta a opinio do senador Clsio Andrade (MG), aps almoo com a presidente, no Palcio da Alvorada, em que ela recebeu a bancada de senadores do PR.
    O senador mineiro afirmou que a iniciativa da presidente Dilma Rousseff de convidar a senadora Gleise Hoffman e a ministra Ideli Salvati para ocuparem o gabinete Civil e a Secretaria de Relaes Institucionais, respectivamente, encerra a crise envolvendo o ex-ministro Antnio Palocci.
    " uma nova fase do governo Dilma, que entregou a parte gerencial para a ministra Gleisi - uma pessoa competente, com experincia - e ter o apoio de Ideli, no relacionamento com o congresso", disse Clsio Andrade, negando a interpretao de que a presidente estaria deixando a tutela do ex-presidente Lula. " um governo de continuidade, com estilos diferentes", disse.
    Para o senador mineiro, o excesso de atribuies do ex-ministro Palocci foi responsvel pela crise que, na sua opinio, j acabou e, com a presidente assumindo a coordenao poltica, haver um entendimento mais fcil e rpido com senadores e deputados.
    Clsio Andrade contou que no fez qualquer solicitao de cargos pblicos. "Meu compromisso com Minas Gerais, e a presidente j determinou que as novas ministras nos recebam para que apresentemos os pleitos do estado, que j esto expressos no documento "Fortalecimento de Minas", fruto da unio da bancada de apoio ao governo federal.




                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Junho 14, 2011

    ABRAJET MINAS tem encontro nesta quarta-feria na Churrascaria Gabaritus, aqui em BH.

    A direo da Associao Brasileira de Jornalistas de Turismo em Minas, faz reunio para aecrtar vrias aes que sero empreendidas nos prximos meses. Tudo dentro da estratgia traada pelo atual presidente -o jornalista Joo Carlos Amaral. A solenidade de posse da nova diretoria dever ser marcada para a primeira quinzena de julho.

    Ser feito o balano das atividades que tivemos no Congresso Internacional de Turismo realizado em Natal no Rio Grnde do Norte em maio.
    Na reunio sero abordadas atividades que teremos na Reunio da Executiva Nacional da Abrajet, de 21 a 25 deste ms em Manaus e Paritnins no Amazonas.





    Nome: Churrascaria Gabaritos Grill
    Telefone: (31) 3296-8880
    Endereo: Av. Baro Homem de Melo, 4.522 - Estoril
    Cidade: BELO HORIZONTE
    Site: http://www.gabaritosgrill.com.br






    Resultado do Google Imagens
    Sabor e satisfao a proposta da Gabaritos Churrascaria e Chopperia. Nossa especialidade o rodzio com vinte e oito tipos de carnes nobres, alm do buffet de saladas, massas, e sushi bar. Aqui a msica encontrou o seu lugar, onde a vista s um detalhe. Os funcionrios so bem treinados e atenciosos. Nossa capacidade de 520 pessoas. Temos estacionamento com manobrista para o conforto e segurana de nossos clientes.
    Formas de pagamento: Cheque e carto de crdito
    Horrio de Funcionamento: A partir das 11h at o ltimo cliente






















    JORNALISTAS DE TURISMO
    SE REUNEM EM MANAUS E PARINTINS



    Os 40 membros do Conselho Executivo da Associao Brasileira de Jornalistas de Turismo (Abrajet) estaro no Amazonas neste fim de junho. Eles fazem reunio do Conselho no dia 22 e seguem no dia seguinte para Parintins.


    Atravs de parceria firmada entre a Amazonastur e a Abrajet do Amazonas, cerca de 40 jornalistas de turismo chegaro a Manaus no pximo dia 21 de junho para a reunio do Conselho Executivo da Associao Brasileira de Jornalistas de Turismo. Esta reunio acontece duas vezes por ano, sendo Manaus a escolhida em 2011 para sediar o evento.

                O Conselho Executivo da Abrajet composto basicamente por todos os membros com mandato eletivo na entidade, alm dos conselhos de tica e fiscal. Fazem parte deste grupo ainda todos os presidentes das entidades estaduais, desde que com mandato em vigor.

                Com isso, Manaus ter um grupo expressivo de jornalistas reunido neste perodo. Este evento, no entanto, somente pode ser confirmado devido a participao efetiva da Amazonastur. Desde que soube da inteno da Abrajet Amazonas em sediar o encontro, a presidente Oreni Braga confirmou sua participao e vem dando todo apoio possvel iniciativa. "Ter um grupo de jornalistas deste porte em nosso Estado muito importante. No poderamos ficar fora dessa atividade", disse ela.

                Alm de promover o encontro, a Amazonastur e a Abrajet Amazonas levaro todos os jornalistas para conhecer o Festival Folclrico de Parintins, um dos principais produtos culturais e tursticos do Amazonas. Esta iniciativa, inclusive, vem despertando muito interesse dos jornalistas do Brasil inteiro. "At que enfim conhecerei Parintins", disse a jornalista Cristina Lira, do Jornal de Hoje, de Natal (RN).

                Para o jornalista Luiz Pires, do Jornal de Tocantins, a oportunidade muito boa para todos os membros da Abrajet. "Sempre ouvimos falar de Manaus e de Parintins. No vejo a hora de conhecer e poder divulgar essa festa", comentou ele.

                A programao ainda a ser confirmada do evento a seguinte:

                21/6 Chegada dos participantes;

                22/6 Reunio da Executiva pela manh, visita a uma das fbricas do Plo Industrial de Manaus;

                23/6 Visita a um hotel de selva pela manh e embarque para Parintins s 15h30.

                24/6 City tour por Parintins e Noite de abertura do Festival Folclrico de Parintins.

                25/6 Retorno a Manaus as 16h30 e embarque para os destinos de origem.
                Contato: Paulo Roberto Pereira (92) 9128-0843 / 8207-4355





                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Junho 14, 2011

    Na Assemblia de Minas...

     

    Banco de tecidos biolgicos
    ser tema de audincia nesta 4 (15)

    A implantao do banco pblico de tecidos biolgicos tema de audincia pblica que a Comisso de Sade da Assembleia Legislativa de Minas Gerais realiza nesta quarta-feira (15/6/11), s 9h30, no Plenarinho I. A audincia foi requerida pela deputada Luzia Ferreira (PPS), com o objetivo de obter informaes sobre o processo de validao tcnica e metodologia usada para a implantao do primeiro banco de tecidos da Amrica Latina, desenvolvido pelo Centro de Tecidos Biolgicos (Cetebio) de Minas Gerais.

    De acordo com a deputada, o centro vai fornecer sangues raros, peles, tecidos musculares e ossos, alm de clulas de cordo umbilical, placenta e medula ssea. "O Cetebio uma reivindicao antiga em Minas Gerais e uma grande conquista para os brasileiros. O que precisamos agora conscientizar a populao quanto importncia da doao de rgos", comentou Luzia Ferreira. Segundo a assessoria da parlamentar, a construo do Cetebio ser iniciada este ano, em Lagoa Santa (Regio Metropolitana de Belo Horizonte). No Brasil, existem centros especficos de rgos, como o Banco de Tecido Musculoesqueltico do Hospital das Clnicas de Curitiba (PR), o Banco de Pele da Santa Casa de Porto Alegre (RS) e os bancos de cordo umbilical no Distrito Federal e nos estados de So Paulo, Rio de Janeiro, Pernambuco, Santa Catarina, Par e Amazonas.

    Convidados - Foram convidados para a audincia: o secretrio de Estado de Sade e presidente do Conselho Estadual de Sade, Antnio Jorge de Souza Marques; a presidente da Fundao Hemominas, Jnia Guimares Mouro Cioffi; o diretor do Instituto de Cincias Biolgicas da UFMG, Tomaz Aroldo da Mota Santos; o presidente da Fundao de Amparo Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig), Mrio Neto Borges; o diretor-presidente da Agncia Nacional de Vigilncia Sanitria (Anvisa), Dirceu Brs Aparecido Barbano; e o coordenador administrativo do Centro de Tecidos Biolgicos, Alexandre Vertelo. Foram convidados para a audincia: o secretrio de Estado de Sade e presidente do Conselho Estadual de Sade, Antnio Jorge de Souza Marques; a presidente da Fundao Hemominas, Jnia Guimares Mouro Cioffi; o diretor do Instituto de Cincias Biolgicas da UFMG, Tomaz Aroldo da Mota Santos; o presidente da Fundao de Amparo Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig), Mrio Neto Borges; o diretor-presidente da Agncia Nacional de Vigilncia Sanitria (Anvisa), Dirceu Brs Aparecido Barbano; e o coordenador administrativo do Centro de Tecidos Biolgicos, Alexandre Vertelo.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Junho 14, 2011

    Arena do Jacar em 7 Lagoas: aberta licitao...


    Gil Leonardi/Secom MG
    Estdio Joaquim Henrique Nogueira (Arena do Jacar), em Sete Lagoas
    Estdio Joaquim Henrique Nogueira (Arena do Jacar), em Sete Lagoas


    Est aberto o processo de licitao para bares do Estdio Joaquim Henrique Nogueira (Arena do Jacar), em Sete Lagoas, na regio Central do Estado. A informao foi publicada pela Administrao de Estdios do Estado de Minas Gerais (Ademg) no Dirio Oficial do Estado. A concorrncia pela permisso de explorao de cinco bares da Arena.
    Os comerciantes interessados em participar da concorrncia devem entregar os envelopes lacrados at o dia 12 de julho, s 9h, na Arena do Jacar. A abertura dos envelopes com as propostas concorrentes acontecer no mesmo dia, a partir das 10h, na sala de entrevistas coletivas do estdio.
    Para o diretor-geral da Ademg, Ricardo Raso, a licitao servir para regularizar a situao dos bares. "Os bares da Arena funcionavam atravs de contrato precrio. mais uma oportunidade de participao da comunidade de Sete Lagoas no dia a dia da principal casa do futebol mineiro", afirma.
    Mais informaes sobre a licitao, como prazos, documentos exigidos, localizao dos bares e os editais podem ser encontrados no site www.ademg.mg.gov.br/instituicao/publicacoes.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Junho 14, 2011

    Frum Reforma Eleitoral

    Frente Nacional de Prefeitos assina protocolo de intenes com Secretaria de Polticas para as Mulheres
    Iniciativa pretende fortalecer polticas para autonomia das mulheres em vrias reas

    A Frente Nacional de Prefeitos (FNP) assina, nesta quarta-feira (15), em Vitria (ES), protocolo de intenes com a Secretaria de Polticas para as Mulheres da Presidncia da Repblica. A solenidade ser realizada durante o primeiro encontro da diretoria executiva da atual gesto da FNP e contar com a presena da ministra Iriny Lopes. O evento acontece em paralelo ao Frum Nacional da Reforma Eleitoral, em Vitria (ES).

    O protocolo uma iniciativa da FNP para fortalecer polticas que garantam a autonomia das mulheres nas reas do trabalho, educao, sade, assistncia, do enfrentamento violncia e do fortalecimento institucional dos organismos de polticas para as mulheres nos municpios. O acordo prev a implementao de aes de forma conjunta entre a FNP e a Secretaria de Polticas para as Mulheres.

    A Frente Nacional de Prefeitos tem atuado de forma ativa na articulao de polticas para as mulheres e, nesse sentido, criou a vice-presidncia responsvel pela temtica, sob a coordenao da prefeita de Lauro de Freitas (BA), Moema Gramacho.

    Frum da Reforma Eleitoral O frum comea nesta quarta (15) e vai at sexta-feira (17), no centro de convenes, em Vitria (ES). O evento vai reunir representantes de diversas correntes polticas e jurdicas de todo o pas em torno de debates sobre as mudanas eleitorais que tramitam no Congresso Nacional.


    Assunto: Assinatura de protocolo de intenes entre a FNP e a Secretaria de Polticas para as Mulheres da Presidncia da Repblica
    Local: Centro de convenes de Vitria (ES)
    Dia: 15 de junho (quarta-feira)
    Hora: 14 horas


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Junho 14, 2011

    Movimento Pr-Minas da presidenta Dilma em ao.

                            
    Clsio Andrade
    anuncia investimentos 
    para Minas



    Em entrevista coletiva na tarde desta segunda, o senador Clsio Andrade (PR-MG) e integrantes da bancada mineira de apoio ao Governo Dilma anunciaram que as licitaes de ampliao e duplicao dos trechos da BR-040, da BR-381 e da modernizao no Anel Rodovirio de BH esto autorizadas.


    A obra de duplicao da BR-381 ser no trecho entre Belo Horizonte e o Trevo do Caet, com aproximadamente 70 Km de extenso. J a duplicao e adequao da BR-040, entre os municpios de Ouro Preto e Ressaquinha, ter 120 Km de extenso. A outra obra anunciada a reformulao e modernizao do anel rodovirio de Belo Horizonte.
    Essas obras esto entre as principais propostas do documento "Fortalecimento de Minas no Cenrio nacional", organizado pelo senador e pela bancada mineira de apoio ao Governo Federal. O documento faz um diagnstico sobre as necessidades mais urgentes do estado em relao a obras de infraestrutura e tambm sobre a recuperao do espao poltico perdido no cenrio nacional.

    "A Presidente Dilma reconhece a importncia e entendeu a necessidade de fortalecer o estado. Temos certeza de essas obras vo sair. Os projetos esto prontos e os recursos esto assegurados", afirmou o senador.


    Alm disso, Clsio Andrade anunciou a realizao de outros projetos, como a construo de uma fbrica de fertilizantes da Petrobras, em Uberaba, e da extenso do metr, que deve ganhar mais 20 km e chegar at Betim.


    O senador afirmou ainda que o DNIT incluiu em seu plano estratgico, de 2012 at 2015, 55 obras federais em Minas Gerais. Se aprovada pelos rgos competentes, ser um investimento de 12 bilhes de reais nos prximos quatro anos.
    Veja as obras anunciadas:

    Reformulao e modernizao do anel rodovirio de BH

    Extenso: 26,5 km
    Valor da obra: R$ 750 milhes

    Projeto prev:

    -melhoramento e adequao da capacidade

    -construo de trincheiras, viadutos e passarelas

    -criao ou ampliao de pistas marginais

    BR 040 Trevo de Ouro Preto/ Ressaquinha
    Extenso: 120 km

    Valor da obra: R$ 350 milhes

    Projeto prev;

    Duplicao e travessias urbanas, alargamento, recuperao e criao da 3 faixa, em alguns municpios.

    BR 381 Belo Horizonte / Trevo de Caet
    Extenso: 70 km

    -eliminao de curvas

    -reduo de aclives e declives

    -construo de novas pontes e viadutos





                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Junho 14, 2011

    Para ler e PENSAR!!!

    Segurana do trabalho com reduo de custos
    Empresas brasileiras podem deixar de pagar adicional de insalubridade se comprovarem eliminao do risco ou mant-los sob o limite de tolerncia



    As empresas brasileiras podem deixar de pagar o adicional de insalubridade se comprovarem a eliminao de risco ou mant-lo sob o limite de tolerncia. A recomendao feita por Nietsche M. De Leon, advogado e scio da Pactum Consultoria Empresarial, que atua juridicamente para a reduo dos encargos na folha salarial, incluindo a anlise do investimento na rea de Medicina e Segurana do Trabalho para eliminar o pagamento do adicional de insalubridade, alm de outras funes. No caso, a parcela suprimida no compromete o princpio da irredutibilidade salarial, porque a verba s existe em razo do risco.

    Segundo De Leon, o investimento na rea ter sempre a finalidade da supresso ou neutralizao de agentes nocivos enquadrados como riscos ambientais, conforme cada ramo de atividade empresarial. Caso no seja possvel neutraliz-los permitido adequ-los aos limites de tolerncia, conforme prev a legislao de regncia, informa.

    Com o perigo uma vez eliminado ou mantido sob os limites legais de tolerncia, o nus deixa de continuar a existir e proporciona o direito a suprimir o pagamento, o que gera reduo de custos. Cabe alertar ainda que est prevista uma maior onerao quelas empresas que optarem por pagar o adicional de insalubridade, ao invs de investirem na rea de forma preventiva adverte De Leon.

    Portanto recomendvel que a empresa o invista na identificao dos fatores envolvidos na segurana do trabalho a fim de prevenir responsabilidades e, na medida do possvel, reduzir custos com a folha salarial, gerando maior competitividade. Desta forma tambm vai ser atendido o direito fundamental sade do trabalhador e todos sero beneficiados, diz o scio da Pactum Consultoria Empresarial.

    Sobre a Pactum

    A Pactum Consultoria Empresarial, empresa que trata o direito com viso estratgica e de desenvolvimento, um centro permanente de estudos e pesquisas jurdico-empresariais, especializado em reorganizao societria, preparao e acompanhamento de fuses, aquisies, vendas e incorporaes, planejamento estratgico trabalhista, cvel e tributrio, dentre outras atividades. A empresa foi fundada em 1979 e possui escritrios em cinco capitais de estados: So Paulo, Belo Horizonte, Porto Alegre, Curitiba e Florianpolis. Alm do Brasil, a Pactum tambm atua na Argentina, Chile, Colmbia, Equador e Uruguai.


    MULTITEXTO COMUNICAO EMPRESARIAL


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Junho 14, 2011

    DE OLHO NO TURISMO MINEIRO


    A Associao do Circuito Turstico Nascente do Rio Doce celebrar nos dias 16 e 17 de julho de 2011 a 14 edio do Bike Cana. O tradicional passeio de Mountain Bike pelas vias rurais da regio traz, neste ano, um passeio pela "Rota dos Tropeiros", entre os municpios de Presidente Bernardes e Mariana.

    Desde 1832, esses tropeiros transportavam "as cachaas de Calambau" nos lombos de burros para Mariana e Ouro Preto para abastecer as minas de explorao de ouro da regio. Pedalaremos nesse caminho e chegaremos ao municpio de Mariana no dia em que se comemora o aniversrio da cidade e dia de Minas, transferncia simblica da Capital do Estado para a cidade de Mariana.

    Convidamos a todos para fazer parte desta grande aventura, que ter incio s 9:00 do dia 16 de julho da praa Cnego Lopes, centro de Presidente Bernardes em direo a Praa da S em Mariana MG.

    As inscries esto disponveis no site, o valor de R$50,00 (Cinquenta Reais), e o participante ter direito a:
    - 1 Camiseta do 14 Bike Cana;
    - Lanches;
    - Estrutura de Apoio: Ambulncia, Veculo p/ Transporte das Bagagens, Veculo comapoio mecnico, Veculo equipado com som, Veculo equipado com transbike e motos que auxiliaram na sinalizao do percurso.

    Para mais informaes acesse o site do evento:

    www.bikecana.com.br


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Junho 13, 2011

    Encontro Nacional de Turismo na Bahia - 18 e 19 de agosto

    A Associao Brasileira de Jornalistas de Turismo(ABRAJET), seccional da Bahia, presidida pelo jornalista Edmundo Lemos, confirmou apoio ao empresrio Srgio Gordilho, na realizao da quarta edio do Encontro Nacional de Turismo da Bahia, que acontece nos dias 18 e 19 de agosto , no Centro de Convenes da Bahia, em Salvador. A quarta edio est cheia de novidades, com uma programao intensa.

    O evento apoiado pelo Governo do Estado da Bahia, atravs da Setur-Bahiatursa, Saltur, Convention Bureau, Sindetur-BA,Abla, Sindloc, ABIH-BA,Cmara de Turismo da Bahia de todos os Santos, ABEOC-BA.Cerca de 60% dos estandes j foram comercializados, finalizou Gordilho.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Junho 13, 2011

    Defesria Pblica tem respaldo indito da OEA

    Assembleia Geral da OEA aprova, por unanimidade, resoluo sobre Defensoria Pblica autnoma e independente //


    A Organizao dos Estados Americanos (OEA), durante a sua 41 Assembleia Geral, realizada no perodo de 5 a 7 de junho, na cidade de San Salvador, Repblica de El Salvador, aprovou, por unanimidade, a Resoluo AG/RES. 2656 (XLI-0/11) "Garantias para o acesso Justia. O papel dos defensores oficiais".

    O documento o primeiro ato normativo aprovado pela OEA que aborda o tema do acesso Justia como um direito autnomo, que permite exercer e proteger outros direitos, alm de impulsionar o papel da Defensoria Pblica Oficial como ferramenta eficaz para garantir o acesso Justia das pessoas em condio de vulnerabilidade.

    Dentre os pontos mais importantes da resoluo se destaca a recomentao para que os "Estados membros que j disponham do servio de assistncia jurdica gratuita adotem medidas que garantam que os Defensores Pblicos oficiais gozem de independncia e autonomia funcional.

    E recomenda que os Estados que "ainda no disponham da instituio Defensoria Pblica que considerem a possibilidade de cri-la em seus ordenamentos jurdicos.

    Defensoria Pblica no Brasil
    - Santa Catarina o nico estado brasileiro que ainda no criou Defensoria Pblica
    - Apenas 42% das cidades brasileiras contam com Defensores Pblicos
    - Para atender toda a populao carente do Brasil, existem apenas 5.500 Defensores Pblicos

    Clique aqui e leia a ntegra do documento.

    Histrico
    Em setembro de 2010, a Associao Interamericana de Defensorias Pblica (AIDEF) deliberou pela adoo de medidas que buscassem maior aproximao com a OEA. Por um lado, foi solicitado o "Registro de Organizaciones de la Sociedad Civil en la OEA" e por outro, e como meta mais importante, a elaborao de um projeto de resoluo para ser encaminhado Assembleia Geral da OEA, para recomendar aos pases membros a implementao do direito de acesso Justia por meio das Defensorias Pblicas Oficiais, dotadas de autonomia e independncia funcional.

    O Conselho Diretivo da AIDEF, reunido em So Paulo (Brasil) no dia 14 de maro de 2011, aprovou o esboo do projeto de resoluo, elaborado pela Defensoria Pblica Geral da Nao Argentina.

    Washington
    Em abril, o Coordenador-Geral da AIDEF e Presidente da Associao Nacional dos Defensores Pblicos, Andr Castro (Brasil), a Vice-Coordenadora da AIDEF, Silvia Sturla (Uruguai), e a Secretria-Geral, Stella Maris (Argentina), estiveram na sede da OEA, em Washington, para uma reunio com representantes da OEA e das embaixadas de seus pases para tratar do apoio ao projeto de resoluo elaborado pela AIDEF, bem como do pedido de registro como sociedade civil e da atuao da AIDEF na Comisso Interamericana de Direitos Humanos.

    Apoio do MERCOSUL
    Durante a XIX Reunio de Altas Autoridades em Direitos Humanos e Chancelarias do MERCOSUL e Estados Associados (RAADDHH), realizada na cidade de Assuno (Repblica do Paraguai), nos dias 25, 26 e 27 de abril, as delegaes da Argentina, Brasil, Uruguai, Paraguai, Colmbia, Chile e Per decidiram coordenar esforos a fim de impulsionar, no 41 Perodo de Sesses da Assembleia Geral da OEA, o projeto de resoluo elaborado pela AIDEF.

    Registro na OEA
    No dia 18 de maio, o Conselho Permanente da OEA aprovou a solicitao da AIDEF para ser inscrita no "Registro de Organizaciones de la Sociedad Civil en la OEA", em conformidade com as diretrizes adotadas pela Resolucin CP/RES 759.

    O reconhecimento dessa inscrio permitiu AIDEF um melhor posicionamento em mbito institucional interamericano. Com ele, a associao se compromete, em cumprimento de sua misso institucuonal, a contribuir com as diversas reas de trabalho da OEA em matria de proteo dos direitos humanos na regio.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Junho 12, 2011

    Nesta segunda-feira, dia 13, Seminrio CONTROLE INTERNO E EXTERNO no Tribunal de Contas em BH, vai receber o governador Anastasia e a ministra Carmen Lcia do Supremo Tribunal Federal. A Defensoroa Pblica-Geral de Minas, Andra Tonet tambm participa dos debates.



    O presidente do Ttribunal de Contas, Antnio Carlos Andrada
    recebe o governador de Minas, Antnio Anastasia
    s 8:30 da m,anh, desta segunda-feira no Seminrio no TCE

     
    A ministra Carmen Lcia do STF e a Defensora Pblica-Geral,
    Andra Tonet so duas outras personalidades
     que participaro do Seminrio no TCE.

    A Ministra do Supremo Tribunal Federal, Carmem Lcia Antunes Rocha, participa, como conferencista, do "Seminrio de Controle Interno & Controle Externo Transparncia e responsabilidade na gesto pblica" que o Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais realiza nesta segunda-feira (13/06), a partir das 8:30hs, no Auditrio Vivaldi Moreira. O evento realizado pelo TCEMG, por meio da Escola de Contas e Capacitao Prof. Pedro Aleixo, em parceria com a Controladoria-Geral do Estado, e vai contar com renomados juristas na abordagem e discusso do tema.

    Pronunciamentos do governador do Estado Antonio Anastasia, do Controlador-Geral do Estado de Minas Gerais, Moacyr Lobato de Campos Filho, e do Presidente do TCEMG, Conselheiro Antnio Carlos Andrada, esto previstos na abertura do Seminrio. Logo em seguida, a Ministra Carmem Lcia fala sobre a transparncia como instrumento da democracia.

    O Seminrio vai contar com a participao de representantes e tcnicos da Advocacia Geral do Estado, do Conselho de tica Pblica do Estado de MG, das Controladorias Gerais da Unio em BH e do Municpio de BH, da Defensoria Pblica, do Ministrio Pblico Estadual, da Ouvidoria do Estado, da OAB, do Tribunal de Justia, da Secretaria do TCU em BH e dos dois rgos organizadores do evento: o TCEMG, responsvel pelo exerccio do controle externo, e a CGE, responsvel pelo controle interno.

    Programao
    Entre os horrios das 11 e 16:20hs, sero realizadas quatro palestras, comeando pela do Auditor do TCEMG, Licurgo Joseph Mouro de Oliveira, sobre o tema "transparncia e servios de publicidade: a atuao do controle e a independncia do sufrgio", tendo como presidente da mesa, o Promotor de Justia do MPE, Edson de Resende Castro, e como debatedor, o Controlador Geral Adjunto, Juliano Fisicaro Borges.

    s 14hs, o palestrante e professor Luciano Ferraz focaliza o tema intitulado "termo de ajustamento de gesto", tendo como presidente da mesa, o chefe da Controladoria Regional da Unio em MG, Luiz Alberto Sanabio Freesz, e como debatedor, o Subcontrolador de Correio Administrativa, Robson Lucas da Silva.

    As duas palestras que encerram o Seminrio sero da Secretria de Estado da Casa Civil e de Relaes Institucionais, Maria Coeli Simes Pires, sobre "Estado em Rede e Transparncia", tendo como presidente da mesa, o deputado estadual Jos de Freitas Maia e, como debatedor, o Procurador Geral do Ministrio Pblico junto ao TCEMG, Glaydson Santo Soprani Massaria; e depois, do Secretrio Geral da Associao Contas Abertas, Gil Castello Branco, sobre "controle social", tendo como presidente da mesa o Conselheiro do TCEMG, Cludio Couto Terro.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Junho 12, 2011

    Modernizao com conscincia social.








    Novas rampas de passarela
    da avenida Cristiano Machado
    so liberadas



    Em funo da liberao das novas rampas da passarela da avenida Cristiano Machado, que aconteceu na quinta-feira, dia 9, foi realizada a remoo do conjunto de semforos e a faixa de pedestre em ambos os sentidos da avenida, na esquina com a rua So Roque, no bairro Sagrada Famlia (prximo do acesso ao Santurio So Judas Tadeu).

    As novas rampas da passarela do acesso pista exclusiva de nibus, garantindo a acessibilidade dos pedestres s pistas da avenida. A remoo dos semforos uma ao que est alinhada ao pacote de obras complementares do Governo do Estado de implantao e requalificao das passarelas, que visa garantir mais segurana aos pedestres e fluidez no trfego da avenida Cristiano Machado.

    Gradis foram implantados para garantir que os pedestres no faam a travessia irregular na via. Ser realizada uma campanha com distribuio de folhetos educativos para conscientizar os pedestres sobre a importncia da travessia segura na regio.


    | Voltar

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Junho 11, 2011

    Simplesmente POESIA, nesse sbado ensolarado na capital mineira. A autora a minha conterrnea de Barbacena, Denise Cobucci - que s conheo pelo Facebook. E acrescento, como disse Guimares Rosa: " o que a vida quer da gente CORAGEM"!!!

    Denise Cobucci publicado
    em POEMATIZE-SE!

    Qual Luz?
    Tempos passam
    Mais que dias,
    Quiseram ser noites..
    ...Para passar a dor..
    Voc quer sair,
    Viver..
    Amar..Gritar
    Mas a dor..
    Cega
    Paralisa
    Deixa a luz
    To linda..
    Machucar
    Doer...
    Porm,
    Sou forte
    Nenhuma dor..
    Impedir
    De ver a luz
    A cor
    O meu lils
    O mundo que verdeja,
    O sol,
    Estou aqui
    Noite ou dia
    Forte sou e serei
    Porque a vida
    Sempre amarei!


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Junho 11, 2011

    Pode vir a uma nova UNIVERSIDADE!!! Confira.

     
    Comisso analisar transformao
    do Cefet em Universidade

    A Comisso de Educao, Cincia e Tecnologia da Assemblia Legislativa de Minas Gerais realiza, nesta segunda-feira (13/6/11), visita ao Campus I do Centro Federal de Educao Tecnolgica de Minas Gerais (Cefet/MG), em Belo Horizonte. O objetivo buscar informaes sobre a possvel transformao da instituio em Universidade Tecnolgica do Estado de Minas Gerais e avaliar as aes a serem implementadas. A visita est marcada para as 15 horas, no Campus localizado Avenida Amazonas, n 5.253, bairro Nova Suia.

    A visita foi requerida pelo deputado Dalmo Ribeiro Silva, aps receber pedido de apoio de alunos da instituio, que defendem a transformao do Centro em Universidade Tecnolgica. A mudana garantiria o repasse de recursos pblicos e a melhoria na estrutura da instituio, para oferecer educao pblica e gratuita, com educao de nvel mdio e superior (graduao e ps-graduao), nfase na cincia aplicada e na educao tecnolgica. No Estado do Paran, o Centro Tecnolgico j foi transformado em Universidade Tecnolgica do Paran, por meio da Lei Federal n 11.184/2005.

    Estrutura - O Cefet/MG oferece, atualmente, 71 cursos, distribudos em: 34 cursos de ensino tcnico; 15 cursos de graduao; 15 especializaes; e 7 cursos de mestrado. Em Minas Gerais, o Cefet possui 15 mil alunos e 1.300 servidores, com campus nas cidades de Arax, Belo Horizonte, Curvelo, Divinpolis, Leopoldina, Nepomuceno, Timteo e Varginha. - O Cefet/MG oferece, atualmente, 71 cursos, distribudos em: 34 cursos de ensino tcnico; 15 cursos de graduao; 15 especializaes; e 7 cursos de mestrado. Em Minas Gerais, o Cefet possui 15 mil alunos e 1.300 servidores, com campus nas cidades de Arax, Belo Horizonte, Curvelo, Divinpolis, Leopoldina, Nepomuceno, Timteo e Varginha.

    Estrutura - O Cefet/MG oferece, atualmente, 71 cursos, distribudos em: 34 cursos de ensino tcnico; 15 cursos de graduao; 15 especializaes; e 7 cursos de mestrado. Em Minas Gerais, o Cefet possui 15 mil alunos e 1.300 servidores, com campus nas cidades de Arax, Belo Horizonte, Curvelo, Divinpolis, Leopoldina, Nepomuceno, Timteo e Varginha. - O Cefet/MG oferece, atualmente, 71 cursos, distribudos em: 34 cursos de ensino tcnico; 15 cursos de graduao; 15 especializaes; e 7 cursos de mestrado. Em Minas Gerais, o Cefet possui 15 mil alunos e 1.300 servidores, com campus nas cidades de Arax, Belo Horizonte, Curvelo, Divinpolis, Leopoldina, Nepomuceno, Timteo e Varginha.



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Junho 11, 2011

    Cooperao do Estado ePrefeitura de BH. Valor total 157 milhes. Sendo 113 e meio dos cofres do Estado.


    Wellington Pedro/Imprensa MG
    Governador Antonio Anastasia e o prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda
    Governador Antonio Anastasia e o prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda


    O governador Antonio Anastasia e o prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda, assinaram nesta sexta-feira (10), no Palcio Tiradentes, convnios para obras de melhorias da mobilidade urbana em Belo Horizonte. No total sero investidos R$ 157,6 milhes, sendo R$ 113,6 milhes em recursos do Estado.

    Durante o evento, o governador lembrou que os convnios fazem parte das parcerias entre o Governo do Estado com as prefeituras para a melhoria da vida dos cidados.  "Essa cerimnia singela reflete o compromisso iniciado ao tempo do governador Acio Neves, uma participao muito efetiva entre o Governo do Estado e a Prefeitura Municipal de Belo Horizonte, compromisso esse que representou a realizao de obras importantssimas como a Linha Verde, a Antnio Carlos, a reforma da Cristiano Machado, o Complexo da Lagoinha e outras tantas obras, o Boulevard Arrudas, a primeira fase, e que, felizmente, vem tendo uma boa continuidade com o prefeito Marcio Lacerda e agora com a nossa gesto", disse Anastasia.

    BRT
    Um dos convnios assinados, no valor de R$ 144 milhes, para investimentos nas obras das avenidas Pedro I, Pedro II e Carlos Luz, e nas vias 210 e 710. O Governo do Estado participar com R$ 100 milhes, com contrapartida de R$ 44 milhes da Prefeitura de Belo Horizonte.
    O recurso ser utilizado na implantao do sistema Bus Rapid Transit (BRT), beneficiando as regies Norte, Oeste, Pampulha, Venda Nova e Centro. Tambm ser implantada a Via 210, um percurso de ligao entre as avenidas Waldyr Soeiro Emrich, rsula Paulino e Tereza Cristina, criando uma ligao alternativa entre as regies Oeste, Barreiro, Norte e Centro.

    Alm dessas obras, ser implantada parte da Via 710, trecho que liga a avenida Cristiano Machado, prximo ao Minas Shopping, avenida Jos Cndido da Silveira e Avenida dos Andradas. O investimento a primeira parcela de trs que o governo vai repassar prefeitura para as obras.
    "Nos comprometemos a alocar R$ 300 milhes em questes de intervenes maiores, pendentes reforma para a Copa do Mundo, para toda a estrutura necessria. Essa assinatura est aqui resgatando nossos compromissos e nossa palavra, a despeito das dificuldades que temos, que so comuns em razo, claro, dos apertados oramentos. Mas ns vamos continuar empreendendo, para que Belo Horizonte tenha condies de ser uma capital especialssima na questo da Copa e ao mesmo tempo com um belo legado para a sua populao. Essas parcerias so fundamentais", reforou o governador.

    Obras de drenagem
    Outro convnio assinado prev investimento de R$ 3,6 milhes na elaborao de estudos tcnicos e de viabilidade econmica, servios preliminares para otimizao do sistema de drenagem das bacias do Ribeiro do Ona, do Ribeiro Pampulha e do Crrego Cachoeirinha, com objetivo de minimizar os impactos das enchentes nestas bacias.

    O prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda, disse que a parceria fundamental para que as obras fluam como o planejado. " uma alegria muito grande estar aqui com o governador, meu amigo, amigo de Belo Horizonte, para a assinatura desses dois convnios e um termo aditivo. Esse bom e especial momento que ns vivemos se deve, sem dvida, a dois fatores principais: primeiro, o amadurecimento poltico que temos vivenciado na nossa cidade, no nosso Estado, no qual o interesse pblico fica acima de interesses imediatos, partidrios e particulares, na busca de solues de desafios to complexos que a nossa realidade metropolitana nos impe. E em segundo lugar, devemos tambm o fato de estarmos em um bom momento, a um amadurecimento tcnico, no qual o planejamento do futuro, com definio de metas, objetivos claros e resultados, norteiam certamente o nosso trabalho em nvel estadual e municipal", disse.

    Mais obras
    O governador e o prefeito assinaram, tambm, Termo Aditivo ao convnio assinado em 2010, no valor de R$ 45,4 milhes, para as obras de construo do complexo virio na interseo das avenidas Abraho Caram e Antnio Carlos, que inclui a construo de um viaduto. Com o Termo Aditivo sero destinados mais R$ 10 milhes ao projeto.

    As obras fazem parte do Planejamento Estratgico para realizao da Copa do Mundo de 2014 e facilitaro o acesso ao Mineiro e ao Campus da UFMG. O Governo de Minas investiu R$ 190 milhes na obra de duplicao da avenida Antnio Carlos, realizada em parceria com a Prefeitura de Belo Horizonte, que investiu cerca de R$ 62 milhes.

    " claro que a capital, com a realizao da Copa do Mundo, vai ser uma vitrine extremamente visitada e acompanhada por todos. Vamos continuar trabalhando muito integrados porque a Copa, como a sua data chegar de modo inexorvel, um bom marco. Temos que trabalhar e deixar tudo pronto para a data de meados de 2014", afirmou Anastasia.

    O governador disse que tambm j determinou Secretaria de Transportes e Obras Pblicas o incio dos estudos para interveno no gargalho que existe no final da avenida Cristiano Machado, sentido Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em seu encontro com a Linha Verde.
    "H um gargalo, uma verdadeira rolha urbana. A avenida se afunila e as pessoas no conseguem chegar na hora certa. Ali algo emergencial, que eu j solicitei ao DER para fazer, junto com a prefeitura, essa interveno, que urgentssima", afirmou o governador.

    Reajustes
    Aps o evento, em entrevista coletiva, o governador comentou sobre a proposta de reajuste que ser dada aos agentes da Defesa Social, polcias militares, civis e bombeiros.
    "Ns fizemos uma apresentao, um novo ndice muito expressivo. Acredito que no teremos nenhum outro Estado que tenha apresentado uma proposta to ousada em termos de segurana pblica como fizemos, com reajustes que vo elevar o salrio inicial da polcia a R$ 4 mil e ao mesmo tempo, com reajustes anuais em boa proporo.

    Acredito que a polcia os bombeiros, os agentes penitencirios, policiais militares, os guardas scio-educativos todos concordaram com a proposta. Tenho a convico e a esperana que a Polcia Civil tambm seguir nessa linha, porque uma proposta muito vantajosa", destacou.

    Sobre a conversa que o Estado vem tendo com servidores pblicos da educao, o governador disse que Minas tm feito esforos financeiros histricos e reforou que, com os subsdios concedidos desde o incio desse ano, o Estado tem superado as determinaes de leis nacionais.
    "Ns j fizemos este ano a adoo em Minas do piso, atravs dos subsdios. Explicamos isso exausto, comprovamos isso de modo at matemtico.

    Continuamos insistindo e demonstrando isso. Ns continuamos com a negociao, mas o Governo tem seus limites. Os professores esto em greve em todo o Brasil praticamente, em todos os Estados da federao. Porque so reivindicaes, naturalmente, sempre meritrias de aumentar os salrios, mas que encontram limite na capacidade de pagamento do poder pblico", afirmou.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sbado, Junho 11, 2011

    SME 12:30 nesta sexta participei do Almoo Empresarial na sede da Sociedade Mineira de Engenheiros, aqui em BH. Quem fez palestra o Paulo Safady Simo, presidente da Cmara Brasileira da Indstria da Construo

    Ele falou sobre o programa do governo federal Minha Casa Minha Vida.Aborda tambm sobre o Programa de Saneamento Bsico do governo federal. Destacou que o Minha Casa alavancou o setor entregando mais de 1 milho de casa para pessoas de baixa renda. E gerou 2 milhes e 600 mil empregos no pas. E mudou o conceito de s dar oportunidade de adquirir uma casa. vem no pacote saneamento e preservao do meio ambiente.

    O dficit habitacional hoje no pas de 6 milhes de unidades. Safady disse que a presidenta Dilma lana semana que vem o PAC com abertura para mais 2 milhes de novas unidades financiadas pelo programa. Em tempo: quem presidiu a mesa de trabalho no almoo palestra foi o presidente da SME Ailton Ricaldoni.

    Presente o prefeito de BH Mrcio Lacerda.
    Ele dever ser o prximo convidado do SME 12:30.
    Adiantou uma informao: "tenmos mais de 3 bilhes de reiais para investir em BH,mas temos dificuldade de especialistas e projetos" - disse Mrcio Lacerda.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Junho 10, 2011

    Poltica Mineira. A semana que vem vai comear com novidades

    O senador Clsio Andrade (PR-MG) e os presidentes dos partidos PCdoB, deputada J Moraes; PT, deputado Reginaldo Lopes; PRB, deputado George Hilton; PMDB, deputado Antonio Andrade, coordenadores do grupo Movimento Pr-Minas da Dilma e demais membros concedem entrevista coletiva, na prxima segunda-feira, dia 13 de junho, s 14h30, no Plenarinho da Assembleia Legislativa de Minas Gerais.

    Sero abordados os seguintes assuntos:

    - Resultados obtidos para Minas Gerais nos primeiros cinco meses do Governo Dilma atravs deste grupo;
    - Anncio de obras a serem licitadas no Estado nos prximos dias;
    - Comunicao de encontros regionais que sero feitos por este grupo, para discutir interesses das mesorregiesa serem includas no PPAG.

    SERVIO
    Entrevista coletiva
    Plenarinho da Assembleia Legislativa de Minas Gerais
    Dia 13 de junho (segunda-feira), s 14h30

    Assessoria do senador Clsio Andrade


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Junho 10, 2011

    Estou triste...

    Morreu em Juiz de Fora
    o chargista BELLO.
    Tinha 55 anos.



    Parte o homem.
    Fica sua obra.
    Para sempre.

    O talento chargista morreu de infarto. Durante 25 anos dedicou todo seu talento ao jornal Tribuna de Minas - do empresrio, mdico e filsofo Juracy Neves.
    Lamento a morte do chargista.

                          

    Parte o homem.
    Fica sua obra.
    Para sempre.

    O talento chargista morreu de infarto. Durante 25 anos dedicou todo seu talento ao jornal Tribuna de Minas - do empresrio, mdico e filsofo Juracy Neves.
    Lamento a morte do chargista.

                          



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Junho 10, 2011

    Assemblia de Minas discute um tema sempre atual, e que muitos teimam em no ver - POBREZA.





    superacao1 superacao2

    Desigualdade caiu na dcada, mas 57% das famlias
    em pobreza extrema dependem dos programas de renda


    A ltima dcada trouxe a ampliao de renda e a queda das desigualdades sociais e da pobreza entre os brasileiros, o que foi impulsionado pelo crescimento do Pas e a implementao de polticas sociais de transferncia de renda. As concluses foram apresentadas pelo diretor de Estudos e Polticas Sociais do Instituto de Pesquisa Econmica Aplicada (IPEA), Jorge Abraho de Castro, primeiro palestrante do Ciclo de Debates Estratgias para a Superao da Pobreza, que teve incio da manh desta quinta-feira (9/6/11) na Assembleia Legislativa de Minas Gerais.
    De acordo com dados apresentados pelo diretor, o nmero de brasileiros que se encontram na linha de extrema pobreza, os seja, que possuem renda per capta de at R$ 70, decresceu de 8,9%, em 2004, para 5,2%, em 2009. Ainda de acordo com Castro, embora a pobreza extrema em Minas Gerais e no Brasil tenha cado no mesmo ritmo, a mdia estadual, registrada em 2009, melhor do que a nacional, chegando aos 3%.
    Na avaliao do diretor do IPEA, a transferncia de renda ainda muito importante para a sobrevivncia de grande parte da populao de baixa renda. Segundo dados de 2009 mostrados por Castro, 57% das famlias que vivem na pobreza extrema dependem do programa federal Bolsa Famlia, recebendo um benefcio mdio de R$108 ao ms. Leia mais
    Governo federal quer ir ao encontro dos necessitados


    A mudana na estratgia do governo para superao da pobreza, com enfoque na busca do cidado para os servios oferecidos, foi destacada durante o Ciclo de Debates Estratgias para Superao da Pobreza, nesta quinta-feira (9). O secretrio executivo do Ministrio do Desenvolvimento Social e Combate Fome, Rmulo Paes, afirmou que o Estado precisa parar de esperar que as pessoas busquem os servios e ir ao encontro delas, oferecendo solues para suas necessidades. Ele participou de exposio sobre o tema O combate pobreza extrema no Brasil e em Minas Gerais: o tamanho do desafio e as estratgias em curso, na parte da tarde.
    De acordo com o deputado Andr Quinto (PT), que coordenou os trabalhos, o ciclo de debates um gesto inaugural que marca o compromisso da Assembleia Legislativa e das entidades parceiras do evento de promover um esforo articulado para superao das diversas formas de pobreza existentes no Pas e, em Minas, especialmente. Ele informou que, no segundo semestre, o debate sobre esse tema ser feito nas diversas regies do Estado.
    A Busca Ativa do cidado, como vem sendo chamada pelo governo federal, um ponto essencial do Plano Brasil sem Misria, apresentado por Rmulo Paes. Ele informou que o programa vai trabalhar com os 16,2 milhes de brasileiros em situao de pobreza extrema no Brasil, nas reas urbana e rural. Para atender essas pessoas, que tm carncias quantitativa e qualitativas de servios, o representante do governo federal argumentou que preciso articular oferta e demanda, por meio de um mapa de oportunidades.
    Proteo dos segmentos mais vulnerveis e situao
    da pobreza na cidade e na zona rural esto na pauta


    A proteo social para segmentos de alta vulneravilidade e a situao da pobreza nas zonas rurais e nas regies metropolitanas esto nos painis do segundo dia do ciclo de Debates Estratgias para Superao da Pobreza, que continua nesta sexta-feira. Autoridades ligadas questo do combate fome, nos planos federal, estadual e municipal, bem como cientistas sociais e lderes de entidades envolvidas com proteo social, esto entre os palestrantes. Veja a programao
    O Ciclo de Debates Estratgias para a Superao da Pobreza  busca um nivelamento de conceitos das vrias facetas da pobreza; a discusso sobre o Plano Nacional de Combate Pobreza Extrema e sobre as propostas do Governo de Minas nessa rea; um diagnstico da pobreza no Estado; e um debate sobre as polticas pblicas aplicadas pobreza, como educao e sade. O presidente da Comisso de Participao Popular e autor do requerimento para a realizao do ciclo, deputado Andr Quinto (PT), reforou a importncia da construo coletiva do evento. "Teremos uma discusso intersetorial e tambm com foco regional, sem perder de vista o olhar de quem vive na pobreza", avisou.
    Ele salientou tambm que o evento ter um desdobramento natural, no segundo semestre, com as discusses regionalizadas do Plano Plurianual de Ao Governamental (PPAG) para 2012-2015, alm de debates sobre o Plano Mineiro de Desenvolvimento Integrado (PMDI) e sobre o Oramento para 2012. Nesse sentido, o Ciclo de Debates servir para colher subsdios.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Junho 10, 2011

    Fala governador!!!



    Divulgao/Agncia Minas
    .
    .




    PROFESSOR DA FAMLIA GARANTE ASSISTNCIA EM CASA A ALUNO COM MAU DESEMPENHO
    A secretaria de Educao vai enviar um professor casa de cada aluno que tenha um desempenho escolar ruim. E esse professor vai conversar com a famlia, com o aluno, e ver que tipo de reforo necessrio, que apoio o Estado pode dar.
                                                                                                                                                  Antonio Anastasia
    Este ano o governo est investindo nos Professores da Famlia. Como que vai funcionar esse projeto, governador, e de que maneira vai ajudar a melhorar a educao no nosso estado?
    Antonio Anastasia - Minas Gerais sempre teve uma educao de muito boa qualidade, inclusive e em especial a nossa educao pblica. Conseguimos ser o primeiro estado do Brasil a colocar as crianas com menos de seis anos na escola, fizemos um grande esforo para que todas as nossas crianas estejam, aos oito anos, lendo e escrevendo bem. Minas Gerais, para nossa honra e orgulho, tem o primeiro lugar no Brasil na educao fundamental. Mas temos de continuar avanando, no podemos parar a. Por isso estamos lanando agora esse novo projeto, chamado Professores  da Famlia. Ns temos hoje o conhecimento, pela Secretaria de Educao, de onde est aquele aluno que teve um desempenho mais fraco, que foi mal em matemtica, foi mal em cincias, foi mal em portugus. H um acompanhamento permanente por escola, por srie e por sala. Ns vamos comear pelas cidades com menos de 30 mil habitantes que tm baixo IDH (ndice de Desenvolvimento Humano) - ou seja, cidades mais pobres. A secretaria de Educao vai enviar um professor casa de cada aluno que tenha um desempenho escolar ruim. E esse professor vai conversar com a famlia, com o aluno, e ver que tipo de reforo necessrio, que apoio o Estado pode dar. fundamental evitar a evaso escolar e fazer com que ele possa, de fato, ser um aluno com um bom rendimento. um projeto muito inovador. Inicialmente so nove cidades neste projeto, no ano que vem vamos passar j para trinta e seis e vamos continuar aumentando permanentemente.
    Um outro programa que tem conseguido resultados muito importantes o Poupana Jovem, que j atende mais de 50 mil estudantes. Qual a expectativa do senhor, o que que o Governo do Estado espera para o Poupana Jovem neste ano, especificamente, e mais para adiante?
    Antonio Anastasia - bom lembrar aos mineiros que o Poupana Jovem um projeto extremamente bem sucedido. Na realidade, pelas medies realizadas, o programa que consegue evitar, com maior xito, a evaso escolar no ensino mdio. um programa destinado aos alunos das escolas pblicas do ensino mdio do Estado. Esses estudantes recebem um grande estmulo: eles tm uma preparao prpria, fazem cursos de cidadania, cursos de incluso social, de capacitao e ao mesmo tempo se comprometem a no se envolver em atos irregulares, ter um bom comportamento escolar e, por conseqncia disso, recebem uma bolsa de mil reais por ano. Ao final, quando se formam, recebem os trs mil reais, o que um estmulo. Mas muito mais importante que o dinheiro, que o valor monetrio, o compromisso que tm esses jovens para alcanar as suas metas e formar o seu patrimnio moral para serem cidados plenos. Esse programa j est em oito municpios de Minas Gerais, este ano vamos expandir para mais um, Pouso Alegre, no sul de Minas. Ao todo, sero sessenta mil jovens atendidos neste ano. O nosso objetivo, ao longo dos anos, que mais municpios possam aderir a esse sistema e ns tenhamos o Poupana Jovem cada vez mais consolidado. Tudo representa, na verdade, um investimento muito forte na formao do carter e da cidadania, na formao dos jovens mineiros.
    Minas Gerais um estado muito grande, no , governador? E, s vezes, a distncia entre as comunidades traz dificuldade, a zona rural muito extensa. Uma das preocupaes com o transporte escolar. Como tem sido e como ser o investimento do Governo de Minas em transporte escolar neste ano?
    Antonio Anastasia - Como voc disse, Minas um estado muito grande, o quarto maior estado brasileiro em extenso geogrfica. E o maior estado em nmero de municpios, so 853.  E tem alguns imensos, com mais de 100 quilmetros de distncia entre a sede e alguns distritos. E as estradas chamadas vicinais, que so estradas locais que levam zona rural, muitas vezes no tm boas condies. Ento importantssimo que o aluno que antigamente vinha a p, vinha de bicicleta, vinha no lombo do burro, vinha na canoa, vinha andando com as maiores dificuldades, possa ter um transporte pblico eficiente e gratuito. Isso feito por meio de um convnio entre o Estado e as prefeituras, porque a prefeitura pega o aluno do Estado e pega o aluno da prefeitura. Este ano ns estamos aumentando os recursos, j aumentamos quase oitenta por cento. Tambm estamos aumentando em cinqenta por cento o valor per capita, ou seja, o valor para transportar cada aluno dinheiro, como eu disse, que ns repassamos aos municpios mineiros. uma medida muito positiva porque ns estamos colocando mais recursos para que todo aluno da zona rural possa chegar sem problemas escola. Eu sou professor, filho e neto de professoras do Estado, ento tenho um respeito muito grande no s pela categoria da educao, mas muito mais pela educao em si. Sou o primeiro a reconhecer que sem a educao como instrumento de plena cidadania o pas no vai avanar. Mas fundamental que as famlias tambm participem de educao, importante haver um grande esforo conjunto, governo federal, estados e municpios e, claro, da sociedade, em favor da educao.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 9, 2011

    Artigo Especial. Para LER e PENSAR!!! Artigo enviado ao nosso BLOG pela coordenadora da ABIMAQ em Minas, Regiane Nascimento.

    Brasil: potncia ou colnia?
    LUIZ AUBERT NETO*.

    No h dvidas de que, em alguns aspectos, a economia brasileira vai bem, com seu crescimento puxado pelo forte consumo do mercado interno. Tambm, preciso reconhecer que nos ltimos anos o pas obteve resultados expressivos no que diz respeito s polticas sociais, tendo tirado mais de 20 milhes de brasileiros do estado de misria e elevado mais de 30 milhes classe mdia.

    Por outro lado, alguns indicadores ainda nos envergonham e mostram que estamos muito distantes do mnimo necessrio para nos considerarmos uma nao em desenvolvimento. Como exemplo, podemos citar um quesito fundamental sade, que o saneamento ambiental, cujos indicadores so alarmantes: aproximadamente 36 milhes de pessoas no tm acesso gua potvel; 56% da populao urbana brasileira no tm esgoto coletado, o que perfaz 86 milhes de pessoas; 126 milhes de pessoas no tm acesso ao servio de tratamento de esgoto, o que representa aproximadamente 66% da populao.

    Para universalizar o saneamento no Brasil seriam necessrios investimentos da ordem de R$ 296 bilhes at o ano de 2025, ou seja, o equivalente ao que gastamos em apenas 1,4 anos com o pagamento de juros da dvida pblica (o Brasil gastar este ano cerca de R$ 230 bilhes com o pagamento de juros da dvida pblica).

    Na sade, educao, cincia e tecnologia a situao no diferente. Em 2010, o Brasil gastou apenas R$ 21 bilhes em educao, R$ 49,7 bilhes em sade e R$ 5 bilhes em cincia e tecnologia (menos de 1/3 do que gastou com pagamento de juros e com o custo de carregamento das reservas).

    No que se refere poltica industrial a situao tambm extremamente preocupante, pois o atual modelo econmico nos empurra para uma primarizao da economia. O fato que o Brasil est priorizando a exportao decommoditiesem detrimento das exportaes de bens de maior valor agregado.

    Para se ter uma ideia, desde o sculo XIX o Brasil o maior produtor mundial e exportador de gros de caf, mas o maior exportador de caf industrializado a Alemanha, que no possui um p de caf. Cerca de 75% da soja produzida no pas destinada ao mercado externo, enquanto as exportaes de derivados de soja, que possuem maior valor agregado, cai ano a ano. Cerca de 90% da produo de celulose destinada s exportaes, porm mais de 50% do papel consumido no Brasil importado. Somos um dos maiores produtores de algodo do mundo, mas a balana comercial de tecidos j experimenta dficit significativo.

    Em relao ao petrleo, com a descoberta do pr-sal, temos uma das maiores reservas do mundo, mas o Brasil est se tornando um exportador de petrleo cru e grande importador de derivados de petrleo (esse item um dos maiores responsveis pelo dficit da balana comercial brasileira). Cabe lembrar que no existe nenhum pas desenvolvido que seja basicamente exportador de petrleo, mas existem pases ricos e desenvolvidos que so fornecedores de mquinas e equipamentos para a prospeco e processamento. Por conta do alto custo da energia eltrica no h no Brasil nenhum novo projeto vivel para a produo de alumnio, assim passaremos a ser exportadores de bauxita e alumina para nos tornarmos importadores de alumnio. O minrio de ferro, que o insumo utilizado para produzir ao, um dos principais itens da nossa pauta de exportaes, por outro lado, a balana comercial dos setores que possuem o ao como principal matria-prima (automveis, mquinas, equipamentos etc.) totalmente deficitria. No caso especfico do setor de mquinas e equipamentos, o dficit acumulado, de 2004 a 2010 superior a US$ 45 bilhes.

    Temos mostrado, atravs de estudos bem fundamentados, que o Brasil que no competitivo. A falta de incentivo aos investimentos, o cmbio atual, a taxa de juros mais alta do mundo, o custo Brasil, a alta carga tributria e a ineficincia em nossa infraestrutura impe indstria brasileira de transformao uma perda de competitividade que pode vir a resultar na extino de uma indstria que produz bens de alto valor agregado e contedo tecnolgico e que responsvel pela gerao de milhes de empregos que exigem qualificao e que, portanto, pagam melhores salrios.

    Os nmeros acima requerem uma reflexo por parte dos nossos governantes sobre a atual poltica macroeconmica, no sentido de projetar que tipo de pas ns queremos e quais sero os efeitos desta poltica a mdio e longo prazo. Um pas com dimenses continentais e populoso como o Brasil precisa de muito mais, tem que pensar e agir de forma grandiosa para vir a ser, de fato, um pas mais justo, que gera e distribui riquezas, que educa e cuida da sade do seu povo.

    No me canso de repetir que no existe pas desenvolvido que no tenha uma indstria de transformao forte. " evidente que nada contribui mais para promover o bem-estar pblico do que a exportao de bens manufaturados e a importao de matria-prima estrangeira". Esta frase, to atual, foi parte do pronunciamento de Walpole ao parlamento britnico, em 1.721 (livro: "Chutando A Escada", pg. 42, Autor Ha-Joon Chang). Este pronunciamento mostra que o Brasil est indo na contramo do que os pases ricos e desenvolvidos fizeram e continuam fazendo h mais de 2,5 sculos.

    A Sua, por exemplo, um pas inquestionavelmente rico, mas h quem pense que o pas, com os seus poucos mais de 7 milhes de habitantes, tem a sua economia baseada somente na arrecadao proveniente do sistema financeiro e de algumas grandes empresas multinacionais. A verdade que a base estrutural da economia Sua est nas mais de 350 mil empresas de mdio e pequeno porte, que empregam mais de 3,3 milhes de pessoas com salrios elevados (metade da populao do pas) e que produzem bens de tecnologia intensiva, de alto valor agregado e voltados exportao. Apesar de pequeno, a Sua um pas altamente industrializado e possui, h sculos, uma balana comercial superavitria, sendo que 2/3 desse supervit proveem da exportao de produtos manufaturados.

    Bons exemplos no faltam (Sua, Coreia do Sul, Noruega etc.), por isso no podemos mais aceitar um modelo econmico que somente nos ltimos 16 anos (8 anos de governo FHC e 8 anos de governo Lula), de acordo com relatrio do Banco Central, pagou de juros a quantia estratosfrica de R$ 1,8 trilho (um trilho e oitocentos bilhes) e que norankingmundial de competitividade (Frum Econmico Mundial) ocupa a incmoda e vexatria 58 colocao. O Brasil pode e precisa caminhar em outra direo, estruturando polticas claras que possam contribuir para fazer do nosso pas uma nao verdadeiramente desenvolvida, em todos os aspectos (cultural, social, educacional e econmico). preciso simplificar e desburocratizar, criar condies para que o setor produtivo possa, de fato, se desenvolver, ter musculatura para ser competitivo nos mercados interno e externo.

    No somos contra a produo e exportao decommodities, mas estamos convictos de que somente isso no ser suficiente para gerar o supervit necessrio na balana de pagamentos e a quantidade de empregos que uma nao to populosa como a nossa necessita.

    possvel fazermos as duas coisas (commoditiese indstria), mas o governo tem que ter senso de urgncia, precisa implementar medidas em carter emergencial, pois corremos o risco de perder a maior, e talvez nica, oportunidade da nossa histria, para fazer do Brasil uma nao desenvolvida. Do contrrio, retrocederemos no tempo, na poca do Brasil Colnia, em que exportvamos pau-Brasil e caf, para importarmos "espelhinhos e bijuterias".

    Ainda d tempo, possvel reverter o atual quadro de desindustrializao, mas os nossos governantes precisam comunicar imediatamente que tipo de Brasil desejam: rico e desenvolvido ou eternamente uma colnia pobre?

    As opes existem, ns, da Associao Brasileira da Indstria de Mquinas e Equipamentos (Abimaq), continuaremos lutando por um Brasil que se transforme em uma potncia econmica, com uma indstria de transformao forte, afastando o risco de nos tornarmos um Brasil colnia.


    * Presidente da Abimaq


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 9, 2011

    C3 PICASSO!!! Lanamento hoje na Grenoble na Pampulha. 19:30 com sorteio de passagem para Paris.

    Novidade no mercado.
    Notcia enviada ao nosso blog
    pelo jornalista Schubert Arajo da MULTITEXTO.

     



                    MPF/DIVULGAO
                                                                  A diretora das concessionrias
                                                 Chamonix e Grenoble Citron, Daniele Fernandes
                                                            ser a simptica e competente anfitri
                                                          desta noite de quinta-feira na Grenoble


    Citron C3 Picasso: 
    a vida elevada ao cubo!
     
    Com estilo diferenciado e acabamento premium, monovolume traz inmeros contedos de srie e tecnologias inditas em seu segmento;
    Produzido no Brasil, no Centro de Produo de Porto Real (RJ), o C3 Picasso oferece garantia de 3 anos e um competitivo Plano de Manuteno com Preos Fixos.
    Modelo tem preo a partir de R$ 47.990,00.

    Chega s concessionrias o Citron C3 Picasso, novo modelo da marca desenvolvido no Brasil e com vocao urbana. Requintado e sedutor, o C3 Picasso combina amplo espao interno, dirigibilidade exemplar e um estilo inovador nada surpreendente diante do artista que lhe d o nome.
    Suas dimenses, versatilidade e equipamentos o tornam um carro perfeito para o uso dirio na cidade e tambm para as viagens de lazer. Um modelo criado para quem deseja um carro com personalidade marcante, mas que no abre mo da praticidade do dia a dia. "Com sua inovao e qualidade construtiva, o C3 Picasso o mais novo representante da Crative Technologie no Brasil. Ele certamente passar a ser a nova referncia tecnolgica no segmento de monovolumes compactos", afirma Ivan Sgal, presidente da Citron do Brasil.

    Um estilo puro e funcional
    Combinando seduo e fluidez, fora e prazer de dirigir, volume e bem-estar, o estilo do C3 Picasso teve como ponto de partida a criao de carter e personalidade prprios ao modelo.
    Desenvolvido no Brasil, pelas equipes de estilo da Amrica Latina, o design do C3 Picasso contou com a superviso mundial de Jean-Pierre Plou, diretor mundial de estilo do Grupo PSA.
    "O C3 Picasso apresenta um estilo prprio, adaptado ao gosto do consumidor brasileiro. Um design bem integrado, elegante e requintado, mas que tambm funcional e protetor", afirma Nvea Ferradosa, diretora de Marketing da Citron do Brasil.
    Um design mais discreto, racional e contemporneo, adaptado s necessidades de um consumidor moderno e que valoriza o equilbrio esttico.
    Na frente, os chevrons esto em destaque, sinalizando a nova identidade visual da marca. Os para-choques, embora suaves e integrados, tambm sugerem proteo, deixando claro o territrio urbano do modelo. O grupo tico, posicionado bem ao alto, compe o design harmnico da dianteira. O para-brisa panormico dividido em trs partes, verdadeira assinatura estilstica do modelo, a demonstrao concreta da Crative Technologie da marca, permitindo aos ocupantes do modelo uma visibilidade perifrica sem igual.
    No perfil, a carroceria verticalizada que chama a ateno, dando sinais claros do amplo espao interno e da generosa habitabilidade do projeto - conseqncia direta de seu entre-eixos alongado. Compem a viso lateral um exclusivo friso e as rodas de grande dimetro, demonstrando solidez.

    Mas na traseira que o modelo retrata toda a sua fora estilstica. "Deslocamos o porta-placa para o lado direito, criando uma traseira totalmente assimtrica. Somente um modelo com sobrenome Picasso permitiria isso", explica Thierry Hospitel, diretor de estilo da Amrica Latina. assim que o C3 Picasso consegue encarnar um novo tipo de monovolume, com uma personalidade ao mesmo tempo marcante, criativa e ousada.
    Para assegurar maior proteo, principalmente no dia a dia das grandes cidades, a tampa traseira recebeu em sua parte inferior um acabamento especial.

    Um grande cuidado tambm foi dado aos contrastes entre as cores da carroceria, principalmente na interao entre o preto e o cromado. Uma busca obstinada pela esttica apurada.
    O C3 Picasso chega ao mercado com sete opes de cores de carroceria: Blanc Banquise (branca), Gris Aluminium (prata), Rouge (vermelha), Perla Nera (preta), Gris Cendr (champanhe), Grafito (grafite) e a indita Bleu Bourrasque (azul).




                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 9, 2011

    TIMA NOTCIA, que dou com gosto!!! Ser hoje, dia 9, s 20 horas no Restaurante SARRACINO do Hotel QUALiTY, aqui na capital mineira, o coquetel para comemorar um feito importante para a hotelaria de BH.


                                       Quality Afonso Pena Hotel Belo Horizonte


    QUALITY HOTEL AFONSO PENA
    CONSAGRA-SE COMO O MELHOR DO MUNDO

    Em noite de homenagens nos Estados Unidos, 
    unidade brasileira venceu oito concorrentes internacionais

    Junho 2011 Depois de ser indicado para o Inn of The Year por trs anos consecutivos, o Quality Hotel Afonso Pena saiu vencedor na noite de premiaes da Choice Hotels International que encerrou a Conveno Anual da companhia, em Boston (EUA), no ltimo dia 18 de maio.
    "Os hotis brasileiros tm consolidado presena no cenrio internacional, com as mais altas referncias de qualidade de produtos e servios.", comemora Paul J. Sistare, presidente e CEO da Atlantica Hotels International, que considera este reconhecimento extensivo toda equipe do Quality Hotel Afonso Pena.

    A vitria foi sobre nada menos que seis mil hotis ao redor do mundo. A grande final contou com nove hotis, como segue: Quality Newcastle, da Austrlia, Quality Drummondville, de Quebec, Quality Bordeaux, da Frana, Quality Edinburgh, da Esccia, Quality Munich, Alemanha, Quality Hyderbad, da ndia, Quality Morelia, do Mxico, Quality Son, da Noruega, alm do concorrente brasileiro.

    Esta primeira vez que um hotel de bandeira Quality, administrado pela Atlantica Hotels, recebe tal honraria e a quarta vez que um hotel de bandeira Choice Hotels no Brasil reconhecido com o Inn of The Year. Outros trs hotis j foram premiados com o Inn of The Year: Comfort Hotel Fortaleza, em 2005; Clarion Faria Lima, em 2007; Comfort Hotel Franca, em 2008.

    Alm disso, na mesma noite, 12 hotis foram divulgados como vencedores do Platinum Award, prmio concedido apenas a hotis prximos da perfeio em qualidade de produto e servios, com comprovada consistncia dos padres de excelncia. Da lista de premiados constam o Comfort Hotel Fortaleza, Clarion Faria Lima, Sleep Inn Ribeiro Preto, Comfort Ibirapuera, Comfort Porto Alegre, Comfort Suites Braslia, Quality Faria Lima, Comfort Hotel Vitria Praia, Comfort Sutes Londrina, Comfort Uberlndia, Sleep Inn Manaus.
    Alm do Quality Afonso Pena, totalizando 37 hotis da rede premiados com o Platinum Awards. "Com exceo dos hotis da Amrica do Norte, os hotis do Brasil so os nicos a receberem esse prmio, motivo de muito orgulho para ns, pois isso requer o mais alto grau de engajamento, profissionalismo, foco e paixo pela excelncia da equipe", diz Sistare. O presidente da Atlantica Hotels informa ainda que apenas 3% dos hotis da Choice no mundo possuem o Platinum Award.

    Exemplo Operacional Desde que foi inaugurado, em junho de 2002, o Quality Hotel Afonso Pena j conquistou trs vezes o Gold Award, premiao tambm foco na qualidade, e o nico hotel na histria da Choice International a receber o Platinum Award por cinco vezes consecutivas. Alm disso, este hotel tem se destacado como um exemplo de sucesso operacional dentro da rede Atlantica Hotels. 
    Recentemente, durante a Conveno Anual, o empreendimento foi homenageado por ter apresentado o maior ndice de Lucro Operacional Bruto em 2010, assim como o maior valor no mesmo perodo entre todos os 75 hotis da rede. A bandeira Quality, de categoria Superior, ancorou grande parte do crescimento da Atlantica Hotels no Brasil e, atualmente, tem 25 unidades espalhadas pelas principais cidades do pas. Ao redor do mundo, so mais de mil hotis. 
     

    Fundada em 1998 por Paul J. Sistare, atual presidente e CEO da companhia, a Atlantica Hotels International, sediada em So Paulo, a maior administradora de hotis de capital privado da Amrica do Sul. A companhia detm alianas estratgicas com a Choice Hotels International (dona das marcas Sleep Inn, Comfort, Comfort Suites, Quality e Clarion) e com o Carlson Companies (bandeiras Radisson, Park Inn by Radisson e Park Sutes), alm das marcas prprias Go Inn e Atlantica Collection, para hotis independentes. A rede tem 75 unidades em operao que somam mais de 13 mil apartamentos para hospedagem nas principais cidades do Brasil e mais de seis mil hotis ao redor do mundo no seu portflio de reservas. A Atlantica Hotels apoiadora do Childhood Brasil para o combate da explorao infantil e em favor do turismo sustentvel.

    Gracia Verdolin
    Gerente de Vendas
    Atlantica Hotels International




                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 9, 2011

    ECOS da Feijoada do Cabelin da Tribuna de Minas de Juiz de Fora.


    Dcio Freire, Miryan Martin e o humorista Pedro Bismark, no estande do Emprio Bahamas Verde

    Dcio Freire, Miryan Martin e o humorista Pedro Bismark,
    no estande do Emprio Bahamas Verde


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 9, 2011

    Governo de Minas anuncia acordo para reajuste de salrios da PM e Bombeiros. Confira detalhes.




    BELO HORIZONTE (08/06/11) - Como resultado do dilogo com representantes da rea de segurana pblica e tendo em vista a capacidade financeira do Estado, o Governo de Minas e representantes da Polcia Militar e do Corpo de Bombeiros chegaram nesta quarta-feira (8) a um acordo para reajustes salariais da categoria para os prximos 5 anos.

    O primeiro reajuste ocorrer
     j em outubro de 2011 e ser de 10%. 

    A partir da, o cronograma de reajustes ser o seguinte:
    Outubro de 2012 - 12%
    Outubro de 2013 - 10%
    Julho de 2014 - 15%
    Dezembro de 2014 - 12%
    Abril de 2015 - 15%
    Os reajustes, que esto enquadrados na Lei de Responsabilidade Fiscal,
    sero extensivos aos setores administrativos das corporaes.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 9, 2011

    SOS Mata Atlntica.








    Belo Horizonte
    recebe exposio itinerante
    da SOS Mata Atlntica
    Publicado em 08/06/2011 16:54:59




    Pouco mais de um ano aps a primeira visita a Belo Horizonte, o projeto itinerante "A Mata Atlntica aqui exposio itinerante do cidado atuante", da Fundao SOS Mata Atlntica, retorna cidade cheio de novidades. O caminho adaptado, que reuniu cerca de dois mil visitantes na capital mineira em 2010, chegou nesta quarta-feira, 8, e fica at domingo, dia 12, no Parque Lagoa do Nado (rua Desembargador Lincoln Prates, 240, bairro Itapo), mostrando a importncia da Mata Atlntica e oferecendo atraes gratuitas para a populao, como oficinas, exposies, jogos educativos, rodas de conversa, anlise de gua e exibies de filmes. Em Belo Horizonte, o projeto ainda far parte das atraes do Festival Natura Musical, que ser realizado no domingo, no prprio parque. A iniciativa tem o patrocnio da Bradesco Cartes, Natura e Volkswagen Caminhes & nibus, e apoio da Fundao de Parques Municipais (FPM), da Secretaria Municipal de Educao, da Associao Mineira de Defesa do Ambiente (Amda), da Brigada 1 Combate Voluntrio a Incndios Florestais e da Gald Ecoturismo & Aventura.

    A visita capital mineira serve para relembrar a populao que o ar e a gua que abastecem a cidade vm da Mata Atlntica e mostrar como todos podem ajudar para evitar que a poluio e o desmatamento continuem a afetar sua qualidade de vida. De acordo com o ltimo levantamento do Atlas dos Remanescentes florestais da Mata Atlntica, divulgado dia 26 de maio pela SOS Mata Atlntica e o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), o municpio de Belo Horizonte j teve mais de 97% de sua floresta original desmatada. "Hoje, restam na cidade menos de mil hectares de Mata Atlntica em bom estado de conservao", observa Marcia Hitora, diretora de Gesto do Conhecimento da ONG. Para a coordenadora da exposio, Camila Plaa, as pessoas precisam conhecer como e porque devem contribuir para reduzir o desmatamento.

    Escolas e grupos interessados podem realizar visitas monitoradas ao projeto. O caminho conta, ainda, com uma estrutura prpria para receber deficientes fsicos. Alm disso, quem tiver interesse em se tornar um voluntrio tambm pode participar. Mais informaes podem ser obtidas pelo e-mail itinerante@sosma.org.br e pelo site www.sosma.org.br.

    Atividades

    Esto sendo promovidas diversas atividades, como a roda de conversa que debateu o Cdigo Florestal Brasileiro e a coleta de gua do Ribeiro Arrudas para anlise de qualidade. Hoje o tema do debate ser "A Mata Atlntica aqui em Belo Horizonte", s 11h. s 15h, ser realizada a oficina de desenho sobre os animais da Mata Atlntica. Na sexta-feira, dia 10, s 10h, sero exibidas sesses do CineMata, com temas socioambientais e livres para todos os pblicos e, s 15h, ocorre a oficina de pintura de mscaras com espcies do Bioma.

    No final de semana, as atraes so oficinas, como a de brinquedos feitos com garrafas pet, que ser realizada no sbado, s 11h, e a oficina de ecoturismo e turismo de aventura, que acontece no domingo, s 13h30. Alm disso, sero apresentadas dicas de visitao, conservao e segurana na prtica. No domingo, das 11h s 18h, a exposio far parte do Festival Natura Musical, que ter diversas atraes musicais.

    Tambm fazem parte da programao atividades como a Mini Biblioteca para consultas, a brincadeira Caminho das guas, Jogo da Cidadania, Jogo da Memria e o Mapa Interativo. O pblico tambm poder conhecer a maquete dinmica, que mostra as diferenas entre dois territrios, um protegido pela Mata Atlntica e outro com uma rea desmatada..

    O projeto

    "A Mata Atlntica aqui exposio itinerante do cidado atuante" foi lanado em maio de 2009 e visitou 80 cidades em seus dois primeiros ciclos anuais, do Rio Grande do Sul ao Piau, percorrendo cerca de 20 mil quilmetros. Ao todo, mais de 290 mil pessoas j participaram das atividades realizadas no caminho. Alm disso, 80 corpos d'gua foram monitorados pelo projeto, que contou com apoio de 250 instituies ao longo da viagem. Durante o terceiro ciclo do projeto, lanado em maio, 43 cidades localizadas nas regies Sul, Sudeste e Centro-Oeste do pas sero visitadas.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 9, 2011

    Hoje na Assemblia de Minas ser a abertura do Ciclo de Debates sobre a POBREZA.

    Um painel sobre a pobreza e as aes de
    governo para combat-la abre o Ciclo de Debates

    "O carter multifacetado da pobreza: destituio econmica e aspectos de direitos humanos e cidadania" o primeiro painel que abre na manh desta quinta-feira (9) o Ciclo de Debates Estratgias para Superao da Pobreza, que a Assembleia de Minas promove com a participao de 42 entidades parceiras. Os palestrantes so o diretor do Instituto de Pesquisa Econmica e Aplicada, Jorge Abraho de Castro, e pesquisadora da Escola de Governo da Fundao Joo Pinheiro, Carla bronzo Ladeira Carneiro.

    Um panorama da situao de combate pobreza extrema no pas e no Estado vem em seguida, com as participaes do secretrio executivo do Ministrio do Desenvolvimento Social e Combate fome, Rmulo Paes, e do assessor-chefe de Articulao, Parceria e Participao Social do Governo de minas, Marcelo Garcia.
    Veja programao
    O ciclo, com painis nesta quinta e sexta-feiras, busca um nivelamento de conceitos das vrias facetas da pobreza; a discusso sobre o Plano Nacional de Combate Pobreza Extrema e sobre as propostas do Governo de Minas nessa rea; um diagnstico da pobreza no Estado; e um debate sobre as polticas pblicas aplicadas pobreza, como educao e sade.

    O presidente da Comisso de Participao Popular e autor do requerimento para a realizao do ciclo, deputado Andr Quinto (PT), reforou a importncia da construo coletiva do evento. "Teremos uma discusso intersetorial e tambm com foco regional, sem perder de vista o olhar de quem vive na pobreza", avisou.
    Ele salientou tambm que o evento ter um desdobramento natural, no segundo semestre, com as discusses regionalizadas do Plano Plurianual de Ao Governamental (PPAG) para 2012-2015, alm de debates sobre o Plano Mineiro de Desenvolvimento Integrado (PMDI) e sobre o Oramento para 2012. Nesse sentido, o Ciclo de Debates servir para colher subsdios. Quinto confirmou a disposio dos Governos Federal e Estadual de participarem e apoiarem o evento. "O presidente Dinis Pinheiro (PSDB), da Assembleia, tambm colocou o evento como uma das aes prioritrias da Casa neste semestre", frisou.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 9, 2011

    Defensoria Pblica, tendo frente a defensora geral Andra Tonet cuida da expertise dos 50 novos defensores concursados e que empossados pelo governo estadual. Confira.








    CORREGEDOR
    E PROCURADOR GERAL DO ESTADO
    MARCAM PRESENA NO CURSO
    DE PREPARAO DO VI CONCURSO
     
     




    Abrindo o mdulo de relaes interinstitucionais do Curso Preparatrio do VI Concurso desta tera-feira (07/06), o corregedor geral de Justia de Minas Gerais, desembargador Antnio Marcos Alvim Soares, e o diretor do Foro da Comarca de Belo Horizonte, juiz Renato Csar Jardim, compareceram ao Salo Nobre da Defensoria para falar sobre a organizao e suas atribuies.



    curso4


    Defensora Geral abre o mdulo da tera com o Poder Judicirio


    Apresentando a Instituio aos novos Defensores Pblicos, Alvim Soares falou das atribuies da Corregedoria. "Dentre as funes de orientao, fiscalizao e disciplinar, estamos priorizando a orientao", disse ele.


    Para Csar Jardim,  "O Direito Positivo sempre fator de transformao social", declarou o juiz ao se referir s grandes mudanas ocorridas na sociedade, devendo levar em considerao a felicidade das pessoas.



    curso1-2



    Corregedor geral Alvim Soares o diretor do Foro Csar Jardim


    Postura de mediao


    A segunda parte do mdulo foi conduzida pelo Procurador Geral de Justia Alceu Torres. Segundo ele, o Ministrio Pblico tem hoje uma postura de mediao. "Estamos mais preocupados na soluo do problema". Para ele a Defensoria Pblica "est sendo conduzida por mos firmes", referindo-se atual administrao. "Saio daqui com o esprito de compromisso de que vo torn-la mais eficiente, mais presente na vida de todos ns". E finalizou, desejando boa sorte aos novos Defensores Pblicos, e que eles sejam personagens ativos na histria da Instituio.



    curso3


    Corregedor geral da Defensoria Pblica, Eduardo Carneiro, o procurador geral de Justia Alceu Torres, a Defensora Geral Andra Tonet e o assessor Institucional, Glauco David de Oliveira Sousa


    Outras palestras - No dia 08/06, quarta-feira, pela manh, comparecero os representantes das polcias Civil e Militar. Representantes do Poder Legislativo e do Corpo de Bombeiros proferiro palestras tarde, encerrando o ciclo dos painis interinstitucionais, sempre sobre a perspectiva das instituies em relao Defensoria Pblica.


    As palestras, que so abertas aos demais Defensores Pblicos e servidores da Casa, acontecem no Salo Nobre da Defensoria Pblica, rua Paracatu, 304, Bairro Preto, 3 andar.


    Acesse aqui a grade completa dos painis da semana.


    Fonte: Ascom / DPMG


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 9, 2011

    CEMIG comprou empresa espanhola.


    Gil Leonardi/Secom MG
    A solenidade aconteceu na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte
    A solenidade aconteceu na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte



    O governador Antonio Anastasia e o presidente da Cemig, Djalma Morais, assinaram nesta quarta-feira (8), no Palcio Tiradentes, termo de criao do Comit de Transio para operao da empresa espanhola Abengoa Participaes Holding, adquirida pela Taesa, empresa de transmisso de energia eltrica controlada pela Cemig.
    Pelos termos da operao, a Taesa comprou 50% de participao na Abengoa, que opera no pas as transmissoras STE, ATE, ATE II e ATE III. Adicionalmente, o acordo tambm estabelece a aquisio, pela Taesa (ex-Terna), de 100% da transmissora NTE.
    Durante o encontro com os diretores da Abengoa, Anastasia destacou a importncia da Cemig para o povo mineiro. Os senhores tiveram a oportunidade de conhecer bem a Cemig, orgulho de Minas e dos brasileiros. A empresa pertence ao povo de Minas Gerais e estamos estimulando para que se faam parcerias com empresas do mesmo nvel, com proficincia, disse.
    A operao permitir Cemig aumentar a sua participao no segmento de transmisso no pas de 6,5% para 8,6%, em termos de receita. A rede de transmisso da Taesa deve ser expandida para 6.250 km, ante 3.712 km atualmente, incremento de 68%.
    No total, a Taesa ir desembolsar 485 milhes de euros, ou R$ 1,1 bilho, pelas participaes. Os ativos envolvidos na operao somam 2.518 mil Km, dos quais 2.138 mil km estaro sob gesto compartilhada na Abengoa Participaes Holding. A Cemig detm 56,69% do capital total da Taesa, adquirida em 2009 da italiana Terna.
    A Abengoa detm mais de 6,6 mil quilmetros de linhas de transmisso no Brasil, incluindo os 2,138 mil quilmetros de linhas sob o guarda-chuva da Abengoa Participaes Holding.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Junho 8, 2011

    Aprovado projeto do senador Clsio Andrade do PR de Minas.

    PL que desonera folha salarial do transporte urbano aprovado no Senado
    De autoria do senador Clsio Andrade, o projeto de lei deve alavancar a gerao de empregos e reduzir tarifas em 5%. Proposta segue para anlise na Cmara.


    Nesta quarta-feira (08), a Comisso de Assuntos Sociais do Senado aprovou o projeto de lei, de autoria do senador Clsio Andrade (PR-MG), que desonera a folha salarial das empresas do setor de transporte pblico urbano e metropolitano.

    A reduo da carga tributria tem como objetivo reduzir as tarifas, manter e gerar novos postos de trabalho e diminuir a excluso de quem hoje se v impedido de utilizar o transporte regularmente, por falta de recursos.

    O PLS 39/2011 foi aprovado em carter terminativo e agora segue para anlise na Cmara dos Deputados. A expectativa do autor de que a reduo seja de 5%, em mdia.

    O trabalhador vai pagar menos. E o empresrio, que paga passagem para o empregado, tambm vai pagar menos. Essa medida vai ativar a circulao e incluir camadas que no podiam usar o transporte, destaca Clsio Andrade.

    O senador Clsio Andrade lembrou ainda que o agronegcio j foi beneficiado com alterao semelhante, na legislao que contribui para o sucesso do setor.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Junho 8, 2011

    Engarrafamento no Aeroporto Internacional Tancredo Neves em Confins - vivenciado pelo executivo de hotelaria mineiro Jos Apareciido Ribeiro.


    Na noite da ltima tera feira, dia 7/6, um vo que deveria durar 50 minutos entre Braslia e BH, virou um martrio de 3 horas. Ao aproximar-se da pista em Confins o Comandante foi obrigado a "arremeter" por determinao da torre de controle de trfego areo e aguardar 40 minutos em rbita, prximo a Confins em virtude do congestionamento provocado pelo fechamento de dois grandes aeroportos, SP e Campinas, fato que fez vrios vos serem desviados para Confins, j que o Aeroporto alternativo para os trs maiores do Pas (Guarulhos, Galeo e JK em Braslia).

    At a tudo bem, nenhum problema, acontece em qualquer lugar do mundo. Contudo ao aterrissar, contei no Ptio 16 aeronaves paradas e 13 na fila para desembarcar, ou seja havia pouco mais de 25 aeronaves em procedimento de embarque e desembarque. Este cenrio foi o suficiente para fazer o Aeroporto da terceira maior cidade do Brasil entrar em colapso.

    Ficamos em uma fila de espera para desembarque por 1,10hs, parados no mesmo lugar, dentro do avio. No sou da rea de aviao e no sei medir o significado disso, mas como viajante, vejo em Aeroportos dos EUA, Europa e mesmo em So Paulo, Rio e Braslia, dezenas de avies taxiando ao mesmo tempo sem que isso signifique desconforto e tempo de espera de mais de uma hora para desembarque.

    Se Confins realmente um Aeroporto Internacional e uma alternativa para os demais Aeroportos Brasileiros, 20 ou 30 avies no deveria ser motivo para colapso das suas operaes de embarque e desembarque...As vsperas de dois grandes eventos mundiais (Copa das Confederaes e Copa do Mundo), este episdio serve para mostrar que BH precisa ficar atenta aos detalhes, sob pena de manchar a imagem de Minas e do Brasil.

    No adianta o Governo de Minas fazer o dever de casa e o Governo Federal "cochilar" como vem acontecendo neste e em vrios outros temas ligados a infra estrutura do Estado. Nossa estradas federais esto abandonadas, o metro de BH no sai do papel, as obras que a cidade precisa esto em ritmo lento, contando apenas com recursos do Estado e do Municpio, que no so suficientes. Fica a pergunta: O que Minas fez de errado para merecer este tratamento do Governo Federal?

    Jos Aparecido Ribeiro
    Bacharel em Turismo, MBA em Marketing
    Consultor e ex-presidente da ABIH-MG
    CRA MG 0094 94
    31 9953 7945



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Junho 8, 2011

    Pela Abrajet estou na Prefeitura de BH agora a tarde. Assunto planejamento estratgico de BH para a Copa do Mundo de 2014

    Tendo em vista a finalizao do Planejamento Estratgico do Turismo, temos prazer em convidar esta entidade para a apresentao dos projetos que compem a carteira do planejamento e discusso sobre o setor de COMUNICAO E PROMOO.

    Conforme acertamos no mbito do Comit Municipal do Turismo COMTUR, as apresentaes sero feitas por setores da indstria do turismo, classificados como Hospedagem, Receptivo, Alimentao, Entretenimento, Indstria / Comrcio / Servios, Transportes e Comunicao / Promoo. O grupo COMUNICAO E PROMOO composto pelas entidades ABEOC, ABRAJET, AMPRO, BHC&VB, BRAZTOA, FC&VB, SINDIPROM, alm do PROGRAMA TURISMO DE NEGCIOS e ROTA.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Junho 8, 2011

    Ateno Empresariado Mineiro. O BDMG tem novidade!!!

    BDMG oferece opo de garantia para operaes com recursos do BNDES A partir deste ms de junho, o BDMG comea a operar com o Fundo Garantidor para Investimentos - FGI que cobre at 80% do valor dos financiamentos feitos para investimento e capital de giro com recursos do BNDES. Esta opo de garantia atende micro, pequenas emdias empresas com faturamento anual de at R$ 90 milhes em operaes de at R$ 1 milho pelas linhas Finame, BNDES Automtico e BNDES EximPr-embarque.

    O presidente do BDMG, Matheus de Carvalho, disse que esta mais uma conquista para que o BDMG possa cumprir a determinao do Governador de aumentar o apoio s micro, pequenas e mdias empresas, pulverizando mais o crdito e garantindo mais empregos de qualidade. Segundo ele, a falta de garantias a principal dificuldade das empresas na hora de fazer um financiamento, principalmente as de menor porte. "Muitas vezes projetos de investimentos que seriam viveis no se concretizam porque a empresa no consegue oferecer garantias suficientes para ter acesso ao financiamento" lembrou.

    Nas operaes contratadas com a garantia do FGI ser cobrado um encargopela sua concesso para cobrir o risco de crdito das operaes, de acordo com o percentual garantido, a finalidade e o prazo do financiamento.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Junho 8, 2011

    Projeto Praa do Concreto

    NOTA

    O Sindicato das Indstrias dos Produtos de Cimento do Estado de Minas Gerais SIPROCIMG realizar amanh, quinta-feira, um encontro empresarial onde divulgar o projeto da Praa do Concreto Minascon 2011.

    Como aconteceu no ano passado, o sindicato montar na feira Construir Minas uma praa onde sero expostos produtos base de cimento disponveis no mercado. Este ano a Praa do Concreto ocupar uma rea de 300 m2 e ser inspirada no projeto de reforma da Praa da Savassi. O encontro empresarial acontecer no Meet Bar do restaurante Porco s 18 horas. So esperados para o evento importantes profissionais do mercado de construo civil de Belo Horizonte.

    Mais informaes: (31) 3282.7895


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Junho 7, 2011

    Hoje Caf Parlamentar- as 8:30 da manh - na ACMINAS recebe o secretrio extraordinrio da Copa de 2014, Srgio Barroso.

                                               REUNIO CONJUNTA DAS COMISSES DE TURISMO E DE TRANSPORTE
                                               Roberto Fagundes,
                                               presidente ACMINAS

                                              

                                               Sergio Barroso, secretrio
                                               da Copa em Minas Gerais
     
                                               (crdito: Omar Freire)

    A palestra ser as 8 e e meia da manh na sede da ACMINAS na av. Afonso Pena, aqui em BH.
    O secretrio serrecebido pelo presidente da ACMINAS, Roberto Fagundes.
    Estarei l como presidente da Abrajet MG.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Junho 7, 2011

    Deputados federais da Comisso de Turismo e o ministro Valmir Campelo do TCU vieram a BH conhecer o andamento das obras para a Copa de 2014. Com os parlamentares o senador Acio Neves.



    Wellington Pedro/Imprensa MG
    Encontro aconteceu na Cidade Administrativa Presidente Tancredo Neves
    Encontro aconteceu na Cidade Administrativa Presidente Tancredo Neves



    O governador Antonio Anastasia recebeu para um almoo no Palcio Tiradentes, na Cidade Administrativa Presidente Tancredo Neves, nesta segunda-feira (6), deputados membros da Comisso de Turismo e Desporto da Cmara dos Deputados e o ministro do Tribunal de Contas da Unio (TCU), Valmir Campelo, que vieram a Belo Horizonte conhecer o andamento dos preparativos de Minas Gerais para a Copa do Mundo de 2014.


    Durante o encontro, Antonio Anastasia disse que espera, alm da vitria do Brasil na Copa, que Minas Gerais possa ser a sede da abertura do mundial. O governador afirmou que o Estado estar preparado para o desafio e para acolher bem todas as delegaes.


    O governador ouviu elogios por parte dos membros da comisso e do ministro do TCU, em relao forma como o Governo de Minas vem dando andamento aos projetos para a Copa no Estado.


    "Eu fiz questo de comparecer porque Minas Gerais est servindo de modelo, est servindo como exemplo para que outras praas e outras cidades-sede possam seguir esse mesmo caminho. O cronograma aqui em relao aos demais estados um cronograma adiantado, um trabalho que zela pela competncia de quem est executando e eu realmente saio daqui muito entusiasmado como ministro do TCU e responsvel pela relatoria de todas as obras da Copa do Mundo de 2014", afirmou Valmir Campelo.


    Jogo de abertura
    O ministro afirmou que o Estado tem todas as possibilidades para pleitear o posto de sede do jogo de abertura do mundial de futebol. "Minas tem um povo simptico, um Estado que pratica bom futebol e que est com as obras adiantadas, mas terei que ser neutro. Toro que seja escolhido o melhor. E volto a repetir, Minas Gerais est bem adiantada e d uma demonstrao de uma administrao de resultados, uma administrao de competncia", disse Valmir Campelo.


    O presidente da Comisso de Turismo e Desporto da Cmara, deputado federal Jonas Donizette (PSB-SP), afirmou que das cidades sedes j visitadas at agora, Minas Gerais exemplo de compromisso com o cronograma e com os prazos estipulados.


    "O registro que ns fazemos aqui que, das quatro sedes que ns visitamos at agora, Belo Horizonte mostra os indicativos de que est dentro do cronograma, as obras esto dentro do prazo, e deixa uma boa impresso na Comisso de Desporto e Turismo", afirmou.


    Para o secretrio de Estado Extraordinrio da Copa do Mundo, Sergio Barroso, por todo o esforo que tem feito, Minas Gerais merece ser recompensada com a abertura do mundial.

    "Todos foram unnimes em dizer que Belo Horizonte est na frente, Minas Gerais est na frente, as obras esto em dia, dentro dos custos programados. O planejamento que fizemos nos ltimos dois anos, est surgindo os resultados agora. Belo Horizonte continua 100% em dia, em ordem e candidatssima abertura da Copa do Mundo. O Estado de Minas Gerais est 100% dentro daquilo que combinamos com a Fifa e ns pleiteamos exatamente a abertura dentro dessa premissa, estamos fazendo a nossa parte", disse o secretrio.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Tera-feira, Junho 7, 2011

    Sindicato dos Oficiais de Registro Civil e Defensoria Pblica estreitam laos em favor da cidadania.








    DEFENSORA PBLICA GERAL
    VISITA O RECIVIL
     
     




    Em visita de cortesia ao presidente do Recivil, Paulo Risso, na tarde desta quinta feira (02/06), a Defensora Pblica Geral Andra Tonet falou do estreitamento dos laos entre as instituies. O Recivil - Sindicato dos Oficiais de Registro Civil-MG uma associao que representa os cartrios do estado e quer contribuir na acelerao dos procedimentos de registros solicitados pela Defensoria.


    A Defensoria Pblica precisa muito deste servio para que haja efetivao da cidadania de muitos dos nossos assistidos, manifestou Andra Tonet, que deseja manter e agora incrementar a parceria com o Recivil. Paulo Risso considera a unio das instituies muito importante, pois juntas tm muito a dar sociedade, especialmente s regies carentes do estado.


    Participaram ainda do encontro os Defensores Pblicos Eduardo Generoso, Assessor para Assuntos Interinstitucionais, e Rafael Boechat, Coordenador de Projetos e Convnios, alm da advogada do Recivil, Flvia Mendes Lima.



    recivil-02jun



    Defensores Pblicos Rafael Boechat, Eduardo Generoso e Andra Tonet; direita, Paulo Rissa e Flvia Lima, do Recivil



    Texto e foto: Ascom /DPMG


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Junho 6, 2011

    Secretrio de Defesa Social de Minas, Lafayette Andrada, faz palestra agora noite para os 50 novos defensores pblicos, recentemente, nomeados pelo governador Anatasia.

    Ele foi convidado pela Defensors Pblica-Geral de Minas, Andra Tonet. O secretrio Lafayette disse aos defensores que eles tem um papel fundamental no processo de abrir vagas nos presdios aonde esto 42 mil presos e vagas s para 28 mil. Os defensores devero atuar para retirar dos presdios aquele que j cumpriram pena, mas que por causa da burocracia continuam l, nas vagas que poderia ser destinadas a outros condenados em todo o Estado.

    Ele disse que para o combate as drogas cada secretaria de Estado dever destinar 1 por cento de seus oramentos para ajudar nos programas de combate ao uso das drogas em todo o Estado. O secretrio destacou a unificao das polcias. Um dos programas o Fica Vivo que serviu de modelo para as UPPS do Rio de Janeiro.

    Ele falou que com as polticas na rea de segurana implantadas pelo governo Acio Neves e agora Anastasia provocou a maior reduo da violncia do pas. Tudo graas gesto efieciente da rea de segurana - hoje um modelo para todo o pas.

    Toda semana, disse o secretrio, eus recebo comitivas de todo pas para saber como funciona o modelo mineiro. Citou ocaso da UNICEF que veio a Minas para conhecer o modelo de tratamento dado aos menores infratores, que funciona muito bem no Estado. Mais detalhes darei neste espao em breve.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Segunda-feira, Junho 6, 2011

    Da srie: UMA IMAGEM VALE POR MIL PALAVRAS. "FEIJOADA DO CABELIN" da Tribuna de Minas de Juiz de Fora.

     











    Durante a feijoada Csar Romero comemorou aniversrio dele
    ao lado de sua Vnia de Landa




     

     

     
     
     

     

     

     
       
     
         


    No ASSUNTA"...
    noite fui ao correto e sofisticado restaurante
    "ASSUNTA FORNERIA"
    Encontrei antigo amigo de Colgio Estadual
    e Crispim Jaqcques Bias Fortes de Barbacena,
    o engenheiro eltrico, Tadeu Candian, a mulher e a filha dele.

     


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Junho 5, 2011

    Sucesso absoluto!!! a Feijoada do colunista Csar Romero da Tribuna de Minas de Juiz de Fora.Este ano o governador Antnio Anastasia foi a grande estrela da Feijoada realizada no L Rocca.

    Detalhe: foi a primeira viagem do governador mineiro a Juiz de Fora, depois da reeleio. Com o governador o prefeito de Juiz de Fora, Custdio Mattos e os deputados Marcus Pestana, Bruno Siqueira e Lafayette Andrada, que o secretrio de Defesa Social do governo. A cobertura fotogrfica que fiz colocarei em breve no nosso Blog. Tem flagrantes interessantes. Como a pose carinhosa do governador que registrei quando ele foi recebido pela dona Maria Giovanni e Csar Romero, em meio ao frenesi dos participantes da Feijoada do Cabelin. Pano rpido!!!

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Junho 5, 2011

    Oportunidade!!!

    14 Prmio de Segurana do Trabalho INSCRIES ABERTAS

    Esto abertas as inscries para o 14 Prmio de Segurana do Trabalho, concedido pelo Sindicato da Indstria da Construo Civil no Estado de Minas Gerais (Sinduscon-MG) e Servio Social da Indstria da Construo (Seconci-MG) - brao social do sindicato.

    A premiao visa motivar a segurana do trabalho na construo civil e est direcionado s construtoras associadas s duas entidades, que estejam executando obras na cidade de Belo Horizonte e inscritas no Programa Brasileiro de Qualidade e Produtividade do Habitat (PBQP-H) do Ministrio das Cidades.

    As empresas podem concorrer nas categorias: Empresa Prevencionista; Operrio Destaque na Segurana do Trabalho e Empresa Destaque na rea de Vivncia. Sero concedidos tambm Certificados para Empresas Prevencionistas. O prazo das inscries termina no dia 30 de junho de 2011.

    O regulamento e a ficha de inscrio esto disponveis no site: www.sinduscon-mg.org.br.

    Assessoria de Comunicao do Sinduscon-MG:
    Jornalistas Cristiane Arajo, Nllie Branco e Matheus Vilhena
    Contatos: (31) 3253-2680, (31) 3253-2681 e (31) 3253-2682


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Junho 5, 2011

    Minas obteve em maio recorde nas exportaes.

    Contedo Relacionado
    Anastasia destaca desempenho positivo da economia mineira em encontro com empresrios
    BELO HORIZONTE (03/06/11) - As exportaes de maio de 2011 alcanaram o maior valor j registrado em Minas Gerais. As vendas externas atingiram o total de US$ 3,52 bilhes e mdia diria de US$ 160,30 milhes. Houve crescimento de 40,5% das exportaes em relao ao mesmo ms do ano passado. Na comparao com o valor total de abril de 2011, a alta foi de 12,5%, enquanto a mdia diria registrou decrscimo de 2,8% visto que no ms de maio houve maior nmero de dias teis.

    Os dados preliminares foram divulgados, na manh desta sexta-feira (3), pela Central Exportaminas, unidade da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econmico (Sede), que realiza mensalmente o Mapeamento das Exportaes de Minas Gerais com base nos nmeros do Ministrio do Desenvolvimento, Indstria e Comrcio Exterior (MDIC).

    Nos cinco primeiros meses de 2011, as exportaes totalizaram US$ 15,17 bilhes, mantendo a participao do Estado sobre o total nacional em 16% no perodo analisado. Houve expanso de 54,7% na receita das vendas externas em relao a igual perodo de 2010. O crescimento das exportaes mineiras continua a ser superior variao das exportaes nacionais (+31,2%).

    J no perodo de 12 meses junho de 2010 a maio de 2011 o volume das exportaes atingiu US$ 36,59 bilhes, ou seja, 66,7% superior a junho de 2009 a maio de 2010, quando o valor foi de US$ 21,95 bilhes. Com este resultado, a participao de Minas nas exportaes brasileira de 16,3%.

    Importaes

    Tambm as importaes mineiras subiram em maio. Com um total de US$ 1,17 bilho, o valor foi 41,3% superior ao mesmo ms em 2010. Houve acrscimo de 32,6% no valor importado em relao a abril de 2011. A mdia diria das importaes atingiu US$ 53,57 milhes, valor foi superior ao de abril de 2011 em 14,5%.

    Entre janeiro e maio de 2011 as importaes estaduais cresceram 32,4% na comparao com mesmo perodo de 2010, totalizando US$ 4,69 bilhes. Enquanto isso, as importaes nacionais cresceram 29,4%, sendo que Minas respondeu por 5,5% do total brasileiro. J em 12 meses foi registrado um aumento de 32,6%, ou US$ 11,11 bilhes.

    O saldo comercial outro indicador positivo na balana comercial de Minas Gerais. Em maio de 2011, alcanou US$ 2,35 bilhes, apresentando expanso de 40,1% em relao a abril de 2010 e crescimento de 4,6% em comparao com o saldo do ms anterior. Nos primeiros cinco meses do ano, o saldo foi de US$ 10,48 bilhes, enquanto o nacional atingiu US$ 8,55 bilhes. J nos ltimos 12 meses, a cifra do supervit foi de US$ 25,48 bilhes, valor 87,8% superior ao contabilizado entre junho de 2010 a maio de 2011 e equivalente a 109,8% do saldo brasileiro US$ 23,21 bilhes.

    O minrio de ferro e o caf em gro continuam liderando o crescimento do comrcio exterior do Estado. A secretria de Desenvolvimento Econmico, Dorothea Werneck ressaltou, no entanto, que a diversificao da pauta das exportaes e a abertura de novos mercados continuam sendo prioridade. Nossa ateno est voltada para o Oriente Mdio e Norte da frica, com nfase em servios e produtos no tradicionais da nossa balana, enfatizou.

    Dorothea Werneck chamou a ateno para a contribuio de Minas Gerais para a gerao de supervits na Balana Comercial brasileira. Em 2010, enquanto o supervit de Minas foi US$ 21,2 bilhes, o do Pas foi de US$ 20,2 bilhes. Em 2011, continuamos a ser o principal Estado na gerao do supervit, j que o saldo de Minas Gerais nos primeiros cinco meses foi de US$ 10,5 bilhes e do Brasil US$ 8,5 bilhes, afirmou.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Domingo, Junho 5, 2011

    Novidade no mercado. Notcia enviada ao nosso blog pelo jornalista Schubert Arajo da MULTITEXTO.




    Citron C3 Picasso: a vida elevada ao cubo!

    Com estilo diferenciado e acabamento premium, monovolume traz inmeros contedos de srie e tecnologias inditas em seu segmento;
    Produzido no Brasil, no Centro de Produo de Porto Real (RJ), o C3 Picasso oferece garantia de 3 anos e um competitivo Plano de Manuteno com Preos Fixos.
    Modelo tem preo a partir de R$ 47.990,00.

    Chega s concessionrias o Citron C3 Picasso, novo modelo da marca desenvolvido no Brasil e com vocao urbana. Requintado e sedutor, o C3 Picasso combina amplo espao interno, dirigibilidade exemplar e um estilo inovador nada surpreendente diante do artista que lhe d o nome.
    Suas dimenses, versatilidade e equipamentos o tornam um carro perfeito para o uso dirio na cidade e tambm para as viagens de lazer. Um modelo criado para quem deseja um carro com personalidade marcante, mas que no abre mo da praticidade do dia a dia. Com sua inovao e qualidade construtiva, o C3 Picasso o mais novo representante da Crative Technologie no Brasil. Ele certamente passar a ser a nova referncia tecnolgica no segmento de monovolumes compactos, afirma Ivan Sgal, presidente da Citron do Brasil.

    Um estilo puro e funcional
    Combinando seduo e fluidez, fora e prazer de dirigir, volume e bem-estar, o estilo do C3 Picasso teve como ponto de partida a criao de carter e personalidade prprios ao modelo.
    Desenvolvido no Brasil, pelas equipes de estilo da Amrica Latina, o design do C3 Picasso contou com a superviso mundial de Jean-Pierre Plou, diretor mundial de estilo do Grupo PSA.
    O C3 Picasso apresenta um estilo prprio, adaptado ao gosto do consumidor brasileiro. Um design bem integrado, elegante e requintado, mas que tambm funcional e protetor, afirma Nvea Ferradosa, diretora de Marketing da Citron do Brasil.
    Um design mais discreto, racional e contemporneo, adaptado s necessidades de um consumidor moderno e que valoriza o equilbrio esttico.
    Na frente, os chevrons esto em destaque, sinalizando a nova identidade visual da marca. Os para-choques, embora suaves e integrados, tambm sugerem proteo, deixando claro o territrio urbano do modelo. O grupo tico, posicionado bem ao alto, compe o design harmnico da dianteira. O para-brisa panormico dividido em trs partes, verdadeira assinatura estilstica do modelo, a demonstrao concreta da Crative Technologie da marca, permitindo aos ocupantes do modelo uma visibilidade perifrica sem igual.
    No perfil, a carroceria verticalizada que chama a ateno, dando sinais claros do amplo espao interno e da generosa habitabilidade do projeto - conseqncia direta de seu entre-eixos alongado. Compem a viso lateral um exclusivo friso e as rodas de grande dimetro, demonstrando solidez.

    Mas na traseira que o modelo retrata toda a sua fora estilstica. Deslocamos o porta-placa para o lado direito, criando uma traseira totalmente assimtrica. Somente um modelo com sobrenome Picasso permitiria isso, explica Thierry Hospitel, diretor de estilo da Amrica Latina. assim que o C3 Picasso consegue encarnar um novo tipo de monovolume, com uma personalidade ao mesmo tempo marcante, criativa e ousada.
    Para assegurar maior proteo, principalmente no dia a dia das grandes cidades, a tampa traseira recebeu em sua parte inferior um acabamento especial.

    Um grande cuidado tambm foi dado aos contrastes entre as cores da carroceria, principalmente na interao entre o preto e o cromado. Uma busca obstinada pela esttica apurada.
    O C3 Picasso chega ao mercado com sete opes de cores de carroceria: Blanc Banquise (branca), Gris Aluminium (prata), Rouge (vermelha), Perla Nera (preta), Gris Cendr (champanhe), Grafito (grafite) e a indita Bleu Bourrasque (azul).


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Junho 3, 2011

    ARTIGO ESPECIAL para LER e PENSAR!!!


    As alternativas para o cumprimento da Lei 9.529/08 que probe o uso de sacos de lixo e sacolas de plstico.

    Por Antonio Eduardo Baggio.

    Nodia 21 de fevereiro, ocorreu um evento na sede do Movimento das Donas de Casa de Belo Horizonte - MG, onde foi firmado o Termo de Cooperao Lei Municipal 9.529/08, entre as entidades representativas do comrcio e o prefeito de Belo Horizonte - MG, Sr. Mrcio Lacerda, prevendo a proibio do uso de sacolas plsticas e sacos de lixo plsticos no municpio. Na ocasio foram apresentadas as peas da campanha publicitria deflagrada pela Prefeitura Municipal de Belo Horizonte para conscientizar os cidados, mostrando as embalagens e meios para embalamento das compras doravante, nas quais os grandes ausentes eram os sacos e sacolas de papel, isto porque os cartazetes, folders e anncios da campanha estampavam fotos de praticamente todos os tipos de embalagens, exceto sacos e sacolas de papel.

    Ser que ningum conhece ou conheceu as aplicaes dos sacos e sacolas de papel? Estranho e intrigante, n?

    Entretanto, embora desprezados os fabricantes de sacos e sacolas de papel compareceram ao evento levando amostras de Ecobag e Ecobag/plus e Lixeco, marcas registradas no INPI por uma das fabricantes Mineiras, a Imballaggio, e que representam hoje a soluo universal mais utilizada para o embalamento de produtos comprados no comrcio, e consagradas como uma boa soluo econmica e a melhor em todos os atributos ecolgicos.

    Sabe porque os sacos e sacolas de papel so uma boa soluo econmica e a mais ecologicamente correta?

    1- Por que um nico saco de papel, pela facilidade de manuseio e racionalidade do seu uso, e maior capacidade volumtrica substitui cerca de 5 a 6 sacolinhas plsticas, fazendo com que seu custo de 0,18 fique muito prximo do custo de 5 sacolas plsticas ordinrias a 0,03 cada.

    2- Por que os sacos e sacolas de papel so as nicas de todas embalagens que existem, que renem em si os 4 atributos fundamentais de uma embalagem ecologicamente correta, porque so concomitantemente: 100% Renovveis por que sua matria-prima vem de florestas plantadas pela mo do homem, renovvel a cada 7 anos, 100% Reciclveis por que so inmeras vezes coletadas e recicladas, 100% Bio-degradveis porque quando dispersas no meio-ambiente, so absorvidas pelos microorganismos presentes no solo e nas guas, 100% Compostveis por que quando misturadas com o lixo, tornam-se material orgnico e podem ser usadas como adubo.

    3- E alm de tudo muito econmicas devido ao seu uso racional, pois param de p no caixa do comrcio e permitem seu preenchimento com racionalidade, obtendo um melhor aproveitamento de volume e com muito mais agilidade e rapidez, aumentando a velocidade de atendimento aos clientes.

    4- Por que 100% da produo de celulose e papel no Brasil advm de florestas plantadas pela mo do homem para esta finalidade. Essas florestas ocupam em sua grande maioria rea devolutas, imprprias para a atividade agrcola e de pastoreio e que com a sua fotossntese seqestram o carbono da atmosfera, fixam-no nas plantas e liberam o oxignio puro vital para a nossa vida. Para cada 5 hectares de florestas plantadas, so preservados quase 1,5 hectares de mata nativa.

    Porque ento as entidades que congregam o comrcio varejista de Belo Horizonte e as autoridades do executivo municipal - deduz-se, to bem assessorados tecnicamente - apoiaram a montagem de uma operao internacional de importao do caro plstico derivado do milho - PLA-cido Poliltico - cuja oferta mundial nfima e acharam que esta era a melhor soluo para o meio-ambiente e os consumidores, que unicamente foram chamados a engolir goela abaixo estas sacolas a R$ 0,19 produzidas por um cartel de empresas?

    Porque os mesmos atores acima apoiam a venda - aos incautos consumidores desinformados e de boa-f - das sacolas ditas retornveis vendidas aos consumidores a no mnimo R$ 1,98 embora importadas da China e da ndia a aproximadamente R$ 0,60 esquecendo que esto ajudando a pagar salrios em outros pases e no aqui onde se encontram seus consumidores.

    Porque apoiaram com cartazes a troca das sacolinhas pelas opes eleitas e incluram as caixas de papelo ondulado? E carrinhos de feira?!?!

    Uai! Caixa de papelo usada pode. Mas no papel??

    Saibam todos, que as caixas de papelo a que se referem so caixas j utilizadas, muitas das quais contaminadas e imprprias para contato com alimentos e que esto sendo doadas (isso mesmo doadas) aos consumidores. Por enquanto. Pois amanh quando o preo das sucatas e aparas de papel subirem no mercado, o que acontecer? A quem reclamar? Eram doadas. E os carrinhos, no so portteis com facilidade, n? Brincadeira.

    Acham seriamente que com esse arsenal vo vencer esta guerra ambiental num mundo que exige praticidade acima de tudo e liberdade de escolha? muito cinismo ou excessivo otimismo.

    O comrcio est sofrendo da sndrome do Governo deste pas, que trata a todos os contribuintes como parvos, de quem escamoteiam direitos e impem deveres descabidos. Mas pera a. O consumidor pelo menos neste caso tem o direito de escolher dentre os fornecedores aquele que respeita mais os seus direitos, no mesmo? Muito bom, quisera tivssemos a mesma facilidade de demonstrar insatisfao com a tica do Governo, n?

    Por isso especulo at quando o consumidor vai tolerar pagar por estas embalagens que esto lhe sendo impingidas e cuja obrigao de provimento do comrcio? , e sempre foi! Est no custo de tudo que vendem como a energia eltrica e o salrio dos funcionrios.

    Pode-se e deve-se defender a utilizao das sacolas de palha de milho, sisal, juta, corda, barbante, lona etc., pois so todas realmente ecolgicas, porquanto so de fonte renovvel, so biodegradveis e compostveis, embora de impraticvel reciclabilidade, entretanto fazer apologia do uso de sacolas de rfia de polipropileno, de nylon, polister e outros materiais plsticos, sob a desculpa de serem retornveis, desconhecer a regra nmero um do ciclo de vida de um produto, pois amanh elas estaro no lixo, dificultando da mesma forma a sua reciclagem, visto no serem biodegradveis nem compostveis, nem advirem de fontes renovveis. Uma bomba menor que esto empurrando para explodir no futuro. Alm de no serem prticas de se portar e nem de se utilizar.
    Imaginem a cena: iogurte e manteiga em tablete, misturados com sabo em p, gua sanitria e detergente, banana e abacaxi. Que abacaxi!!Por isso que quando os supermercados nasceram passaram a utilizar sacos de papel. Para separar os grupos de produtos, facilitando a vida do consumidor. Esqueceram-se disto tambm?

    Ah! E as sacolas e mochilas ficavam no porta-objetos para se evitar furtos. Agora podero entrar. At quando? At um dia em que algum segurana ficar em dvida se aquela sacola que est saindo vazia com o consumidor, realmente est vazia. Como se desfechar este constrangimento, que tantas vezes aconteceu no passado??? Parece que disto tambm se esqueceram.

    A verdade consumidores que esto complicando demais as coisas, para fugirem da obrigao que tem para com o seu cliente. muita desfaatez e ladineza o que esto fazendo. Estes atores posam de apoiadores das aes ambientalistas, mas desconhecem o que se usa no mundo inteiro, e ainda aproveitam para faturar em cima dos incautos consumidores, que de boa-f acham que esto contribuindo para a causa ambientalista.

    engodo atrs de engodo e aqueles que deveriam defender os consumidores, se omitem. Em todas as esferas e instncias.

    Vem de agora uma importante fabricante de resinas plsticas nacional, anunciar com estardalhao que est produzindo uma resina de origem Renovvel. Jogando o termo na salada geral da confuso ambientalista que poucos consumidores conseguem distinguir.

    Saibam que o citado plstico derivado da cana-de-acar- polietileno - foi inventado, produzido e muito utilizado no Brasil na dcada de 70/80, no auge da crise do petrleo, quando o Brasil produzia 15% do seu consumo de petrleo e os preos tinham explodido a cerca de 27 dlares o barril!!! Portanto no novidade. E plstico mesmo assim, polui do mesmo jeito e no biodegradvel, nem compostvel, embora seja reciclvel.

    Tambm recentemente o vereador que props o projeto que se transformou na Lei 9.529/08, que de to mal proposto teve 8 de seus 11 artigos vetados, se transformando numa Lei dependente do projeto da sua regulamentao, diga-se de passagem confusa; vai propor uma nova lei autorizando o uso de sacolas oxi-bio-degradveis!!! Santo Deus! Ignorncia, ou interesses comezinhos? tanta falta de viso e conhecimento, que cheira mesmo a tudo isso junto.

    As sacolas produzidas com a matria-prima com o ttulo acima descrito, cujos radicais oxi e bio so redundantes num processo de degradao, e que foi assim denominado para parecer que , o que na verdade no , so feitas de polietileno de alta densidade (PEAD ou HDPE) que durante o processo de extruso (balo) tem adicionada uma resina patenteada, cuja funo promover a quebra da ligao das cadeias polimricas do material, na presena de luz, dentro de um prazo estimado de 180 dias.

    Portanto viram fragmentos de difcil coleta e fcil ingesto por pequenos animais e tem grande potencial de contaminao de solos e guas. E no so reciclveis. prefervel o plstico comum. menos castigo para o meio ambiente, pelo menos um dia podem ser encontrados e coletados inteiros.
    Concluindo: um material de origem no renovvel, pois vem do petrleo, no so bio-degradveis pois os microorganismos no o absorvem, no so compostveis, pois fragmentam-se e contaminam mais o solo, e no so reciclveis por causa da resina adicionada.

    Ento resta aos consumidores, levar de casa as suas sacolas de lona, barbante, palha de milho, sisal, juta, corda, bambu etc., carrinhos de arame e sacos ou sacolas de papel, alm das caixas de papelo doadas, por que as outras opes, no contaram aos consumidores, por ignorncia, desdia, ou interesses comezinhos, que so ambientalmente condenveis. Todas. Totalmente.

    A campanha veiculada com tanto estardalhao no informou ao consumidor e cidado que existe sim um material, que j foi muito usado antes do plstico e que ainda hoje amplamente utilizado no mundo industrializado e que se chama papel. Utilizados para a fabricao de sacos e sacolas.

    Pesquisas realizadas nos EUA onde hoje as embalagens oriundas da chamada matriz celulsica, como os sacos e sacolas de papel, caixas de papelo e polpa moldada esto presentes em 85% das empresas industriais e comerciais - e que so gratuitas para os consumidores - e pesquisa recente efetuada em So Paulo, permitem concluir pela grande aceitabilidade dos sacos e sacolas de papel, com uma reduo enorme do consumo unitrio de sacos por compra-mdia, e diminuio considervel do impacto de custo dos sacos e sacolas de papel por compra-cliente, dada a versatilidade do papel.

    Alm de movimentar um setor da indstria genuinamente Brasileira, que gera postos de trabalho desde as florestas, passando pelas indstrias de celulose, papel e embalagens e desembocando nos exrcito de catadores de papel que ajudam na coleta para reciclagem.

    Se voc quiser saber mais sobre o assunto para achar a resposta s perguntas acima, escreva-nos e teremos imenso prazer em coloc-lo na pista deste grande enigma ambiental!


    Antnio Eduardo Baggio
    Belorizontino, desde 1952, estudou comrcio exterior na UNA. industrial. Diretor da Imballaggio fundada em 1893. Preside pelo 3. mandato o Sinpapel - Sindicato das Indstrias de Celulose, Papel e Papelo no Estado de Minas Gerais. Diretor-Adjunto da FIEMG - Federao das Indstrias do Estado de Minas Gerais. Membro da Bracelpa - Associao Brasileira de Celulose e Papel. Presidente da ASCIPAPEL - Associao das Empresas do Condomnio Industrial do Papel de Lagoa Santa-MG. Presidente da Cmara da Indstria de Base Florestal da FIEMG.
    100% da produo de celulose e papel no Brasil vem de florestas plantadas, que so recursos renovveis e que ajudam a reduzir o aquecimento global.
    Rua Bernardo Guimares, 63/3 Funcionrios CEP 30140-080 BH MG Fone: (31)3282-7455 Telefax: (31)3281-3809 E-mail: sinpapel@fiemg.com.br


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Junho 3, 2011

    Vspera da MEGA FEIJOADA mais prestigiada de Minas.

    Neste sbado a FEIJOADA DO CABELIN,
    em Juiz de Fora,ter a presena
    do governador de Minas, Antnio Anastasia.

    Eu,minha mulher, a decoradora Cida Amaral
    junto com Jlio Csar Amaral e Julyane
    fomos convidados e estaremos l.
    Ficaremos hospedados no luxuoso Victory Hotel,
    gerenciado pelo competente Gio Ahmad.



                            Csar Romero, o popular Cabelin, 
                            vai receber o governador Anastasia, 
                            neste sbado, dia 4,
                            no Centro de Eventos LA ROCCA
                            em Juiz de Fora.

                            De BH vai tambm o secretrio de Defesa Social,
                            Lafaytte Andrada,com quem jantei ontem no Ouro Minas Hotel,
                            aqui na capital mineira.




                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Junho 3, 2011

    EPCAR de Barbacena homenageia um dos mais importantes vereadores de Minas. O vereador Amarlio de Andrade, do PSC, que j foi presidente da Cmara da cidade, por 11 vezes - no voto.

     
    O comandante da EPCAR, Brigadeiro-do-Ar,
    Carlos Eurico Peclat dos Santos,
    condecorou o vereador Amarlio Andrade
    com a comenda Sol Nascente.
     


    A Ordem do Sol Nascente
    ( em japons : 章旭日, Kyokujitsu shō ? )
    um japons fim , criada em 1875
    pelo Imperador Meiji do Japo .

    The Order was the first national decoration awarded
    by the Japanese Government, [ 1 ] created on April 10, 1875 by decree
    of the Council of State. [ 2 ]
    The badge features rays of sunlight from the rising sun.

    A Ordem foi a primeira decorao nacional atribuda pelo Governo japons,
    criado em 10 de abril de 1875 por decreto do Conselho de Estado.
    O emblema caractersticas raios de sol do sol nascente.


    The design of the Rising Sun symbolizes energy as powerful
    as the rising sun [ 3 ] in parallel with the "rising sun" concept of Japan
    ("Land of the Rising Sun").

    O design do Sol Nascente simboliza a energia to poderosa
    quanto o nascer do sol
    [3] em paralelo
    com o "Sol Nascente" conceito do Japo
    ("Land of the Rising Sun").


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Junho 3, 2011

    Novo presidente do BH CONVENTION & VISITORS BUREAU, Roberto Fagundes, reuniu o trade turstico para apresentar Planejamento Estratgico da entidade at dezembro.


     O presidente do Convention Bureau de BH, Roberto Fagundes,
    recebeu para palestra o gestor do Convention de SoPaulo.

     
     

     

     

     
     

     

     

     



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Junho 3, 2011

    De BH para So Paulo.


    O executivo Altivo Olivera, que durante 4 anos
     foi um eficiente diretor regional da EMBRATEL em Minas,
    est indo para SoPaulo. L ele vai atuar na diretoria de novos negcios
    da empresa do homem mais rico do mundo, o mexicano Carlos Slim.
    Desejo sucesso!!!


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Junho 3, 2011

    Governador Anastasia fala sobre dois assuntos: Superagroe reforma do Estdio do Independncia na capital mineira OUTRO ASSUNTO - governador tambm repercutiu a deciso do Supremo Tribunal Federal, dessa quarta-feira (1), que considerou inconstitucional os incentivos fiscais oferecidos por alguns estados, por meio da reduo do ICMS. "O STF tomou uma deciso muito importante. Minas vem alertando isso h muito tempo, a respeito da guerra fiscal. Isso vai nos favorecer porque demonstrar que nossa posio logstica, geogrfica, nosso capital humano e as nossas condies objetivas vo prevalecer em relao aos outros estados para acabar exatamente com benefcios fiscais considerados inconstitucionais pelo Supremo Tribunal Federal", afirmou Antonio Anastasia.



    Sylvio Coutinho
    Durante a Superagro, Anastasia comentou sobre as obras no Independncia
    Durante a Superagro, Anastasia comentou sobre as obras no Independncia



    BELO HORIZONTE (02/06/11) - O governador Antonio Anastasia participou nesta quinta-feira (2), no Expominas, da abertura oficial da Superagro 2011, maior e mais diversificada mostra do agronegcio mineiro. O governador ressaltou a importncia da exposio e destacou o setor pecurio do Estado, um dos maiores do pas.

    "Ns temos a oportunidade de mostrar ao pas e mesmo ao mundo, a capacidade criativa dos mineiros. uma festa bonita que congrega negcios, mas tambm congrega lazer. Temos no s a visita de estudantes, que se entusiasmam vendo os animais, como tambm a Exposio de Cachaa, que j muito tradicional, temos restaurantes e muitos eventos que permitem, de fato, essa conciliao to bela entre o campo e a cidade", disse o governador, em entrevista.
    Antonio Anastasia ressaltou o bom momento vivido pelo setor agropecurio mineiro, que tem participao expressiva na economia do Estado.

    O Produto Interno Bruto (PIB) do agronegcio mineiro da ordem de R$ 111,2 bilhes, o equivalente a 12,8% do PIB do agronegcio nacional.
    "Esta uma atividade fundamental no s por envolver uma representao expressiva do PIB mineiro, mas porque emprega muita gente. Ns sabemos que o meu governo tem se esforado muito pela gerao de emprego de qualidade, especialmente na zona rural e nas pequenas cidades. exatamente a que ns temos uma presena muito efetiva no setor agropecurio. E o campo vive um bom momento. Vocs observam que o valor internacional do caf est muito em alta, o prprio leite j esboa uma reao", disse o governador.

    Anastasia afirmou que ainda neste ms de junho sero instalados o Frum do Leite e o Frum do Caf, organismos de assessoramento direto ao governador. "Isso vai ser algo muito importante para ns conciliarmos, de fato, o grande esforo feito a favor dessas atividades. E, alm disso, ns temos diversas outras produes, no s de carne, como de soja, como de acar. Minas um Estado, felizmente, muito rico e continuamos investindo muito para termos essa diversidade econmica que permite agregar valor e, ao mesmo tempo, ter emprego no campo", afirmou o governador.

    Deciso do STF

    O governador tambm repercutiu a deciso do Supremo Tribunal Federal, dessa quarta-feira (1), que considerou inconstitucional os incentivos fiscais oferecidos por alguns estados, por meio da reduo do ICMS. "O STF tomou uma deciso muito importante. Minas vem alertando isso h muito tempo, a respeito da guerra fiscal. Isso vai nos favorecer porque demonstrar que nossa posio logstica,  geogrfica, nosso capital humano e as nossas condies objetivas vo prevalecer em relao aos outros estados para acabar exatamente com benefcios fiscais considerados inconstitucionais pelo Supremo Tribunal Federal", afirmou Antonio Anastasia.

    Segurana pblica

    Sobre medidas na rea de Segurana Pblica, Anastasia afirmou que medidas podem ser tomadas ainda hoje. "Ns estamos discutindo o assunto, incluindo a questo de planto. O Governo feito sempre de desafios. Tem que haver sempre muita serenidade, muita calma e, felizmente, eu tenho esse perfil e vou continuar assim. Ns vamos resolver os problemas. Gostaria de resolv-los em 100%. Meu esforo e trabalho permanente para darmos a Minas Gerais cada vez mais segurana, cada vez mais dedicao e mais do que isso, como eu disse, empregos, prosperidade e sentimento de progresso", declarou.

    Estdio Independncia

    Sobre o andamento das obras do Estdio do Independncia, Anastasia disse que elas ficaro  prontas no final deste ano." claro que o Governo no construtor, nem empresa de engenharia. Dependemos daqueles que ns contratamos, mas todos os cronogramas indicam que ns vamos concluir a obra ao final deste ano. Este o nosso planejamento", disse o governador.
    Anastasia lembrou que o Governo Federal ainda no repassou os R$ 30 milhes que deveriam ter sido repassados via Caixa Econmica Federal. "O Estado est bancando sozinho a obra, apesar dessa no ter sido a concepo original l em 2009. Mas ns vamos concluir essa obra porque ela importantssima. Teremos os dois estdios aqui funcionando, o Independncia j no ano que vem, e o Mineiro j em 2013", afirmou.

    Sobre a nova licitao, Anastasia ressaltou que os aspectos so meramente formais. " importante observar que o Estdio do Independncia, as obras, na verdade, se desdobraram em duas etapas porque se percebeu, ainda na execuo,  a necessidade de fazer uma obra mais completa, at para atender s exigncias maiores dos encargos normais, inclusive do estatuto do torcedor, para dar mais conforto. Ento a obra acabou sendo maior do que aquela originalmente pensada. Por isso fizemos a segunda licitao. Estamos mostrando com isso a total regularidade da obra e vamos  continuar nos esforando muito para que o Independncia esteja pronto ao final do ano."


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Sexta-feira, Junho 3, 2011

    BH ganhou novo Plano Diretor








    Prefeitura apresenta Planejamento Regionalizado
    para vereadores



    Em 2009, a Prefeitura deu incio ao Planejamento Estratgico para a Belo Horizonte que queremos em 2030. No ano passado, a cidade ganhou um novo plano diretor. E neste ano a Prefeitura vai iniciar o planejamento de longo prazo das nove regies da capital. A proposta foi apresentada nesta quinta-feira, dia 2, pelo prefeito Marcio Lacerda aos vereadores em reunio realizada na sede da Prefeitura, no Centro da capital.

    Um dos pilares do planejamento a participao popular. Por isso, o programa ganhou o nome de Gesto Compartilhada: ampliado a participao popular em Belo Horizonte. Para realizar o planejamento regionalizado, a Prefeitura subdividiu a cidade em 40 regies com caractersticas semelhantes em termos de infraestrutura e condies socioeconmicas.

    As sub-regies sero criadas de acordo com as diversidades das regies, levando em conta os critrios sociais, econmicos e territoriais apenas para facilitar a discusso com a sociedade sobre a situao atual, os diagnsticos e planos futuros. A cidade muito grande, cada regio composta por cerca de 250 mil habitantes e apresenta muitas diversidades. Na Centro-Sul, por exemplo, esto inseridos o Hipercentro e os aglomerados. E os problemas so completamente diferentes, ressaltou Marcio Lacerda. Segundo ele, cada sub-regio ser composta por cerca de 40 mil habitantes. Sendo assim, teremos condies de discutir com mais objetividade as necessidades particulares de cada territrio, reiterou.

    As regionais Barreiro, Centro-Sul, Nordeste e Oeste sero subdivididas em cinco sub-regies, cada uma. Venda Nova, Norte, Pampulha, Noroeste e Leste, em quatro territrios. Cada sub-regio ter entre 100 a 120 lideranas comunitrias que participaro de debates e apresentaro propostas para o planejamento urbano.



    Planejamento urbano

    A secretria municipal adjunta de Gesto Compartilhada, Maria Madalena Franco, disse que as propostas para o planejamento urbano da capital sero apresentadas durante um ciclo de debates. Sero cinco fases, deste ms at maro de 2012. O primeiro ciclo ser por regional e o segundo por sub-regio. E, ao final das reunies, pretendemos ter subsdios para o Oramento Participativo (OP) regional, com as prioridades de cada territrio, e formatar um plano diretor de desenvolvimento, contou a secretria.

    A escolha dos lderes para participarem das reunies foi indicao das prprias regionais e dos vereadores. Eles tero a misso de apontar, voluntariamente, demandas e prioridades de investimento. A primeira reunio ser realizada na prxima semana na Regional Norte. Nesses encontros iremos traar o planejamento urbano da cidade at 2030, disse o prefeito Marcio Lacerda.

    Participao da populao

    Com o planejamento participativo regionalizado, os cidados iro propor solues de mdio prazo para a melhoria das sub-regies onde moram. Para isso, sero realizadas oficinas de mbito regional, sub-regional e municipal, incluindo dilogos diretos com o prefeito, secretrios e outros gestores pblicos. No primeiro ciclo, a populao conhece a proposta e mobiliza outros representantes importantes para o processo. No segundo, fica sabendo o que a Prefeitura fez e est fazendo e prope outras aes, alm de escolher uma comisso representativa. No terceiro ciclo, a populao apresenta as propostas e debate com o prefeito. No quarto, discute com os tcnicos da prefeitura e consolida. No quinto, as nove regionais se renem num frum da cidade para apresentar, de forma integrada, os resultados das propostas das 40 sub-regies.

    As propostas iro contribuir para o processo de deciso das obras a serem priorizadas no OP em 2012, subsidiar o planejamento setorial das secretarias, alm de favorecer a integrao das diversas polticas pblicas no territrio.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 2, 2011

    Comenda Henrique Halfeld no aniversrio de Juiz de Fora (31 de maio), teve personalidade do governo Dilma. Nota pinada da coluna do Csar Romero da Tribuna de Minas.


    O prefeito Custdio Matos entregando o "Mrito Comendador Henrique Halfeld" ao secretrio executivo da Presidncia da Repblica, Swedenberger do Nascimento Barbosa

    O prefeito Custdio Matos
    entregando o "Mrito Comendador Henrique Halfeld"
    ao secretrio executivo da Presidncia da Repblica,
    Swedenberger do Nascimento Barbosa


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 2, 2011

    Fala governador!!! Na pauta COPA DO MUNDO de 2014 em Minas. Ento, imagine o impacto em termos de propaganda, de publicidade e de conhecimento de Belo Horizonte e de Minas Gerais! Ento vamos fazer um esforo mximo para que Belo Horizonte possa competir na escolha que ser feita pela FIFA. Sabemos que a grande final ser no Maracan, at por razes histricas, mas desejamos que Belo Horizonte possa ser a sede da abertura. Temos um estdio que ser, certamente, o mais belo e mais preparado, a infraestrutura est de acordo, esperamos que o aeroporto esteja pronto, temos uma tradio de futebol e de hospitalidade muito grandes em Minas Gerais e, portanto, acho que Belo Horizonte tem uma fora bastante efetiva nessa competio para termos aqui a abertura da Copa do Mundo. A deciso no nossa, cabe Fifa, e tomara que Belo Horizonte receba esse grande presente.


    Divulgao/Agncia Minas
    .
    .



    ANASTASIA QUER ABERTURA DA COPA NO MINEIRO
    "Belo Horizonte tem uma fora bastante efetiva nessa competio para termos aqui a abertura da Copa do Mundo."
                                                  Antonio Anastasia
    Ns estamos, Governador, a trs anos da copa de 2014. Como que esto os preparativos aqui em Minas Gerais para esse evento to importante para o Brasil e, claro, para nosso Estado?
    Antonio Anastasia - uma boa pergunta. Eu queria aproveitar para reiterar como importante a Copa do Mundo. A Copa no Brasil no s importante porque ns vamos ter aqui a oportunidade de ver os jogos, grandes jogadores, torcermos pela seleo brasileira e acompanharmos um evento que mundial. Na verdade, a Copa do Mundo tem tambm uma grande importncia pela sua natureza econmica. Vai significar empregos, oportunidades, desenvolvimento e progresso. Por isso muito importante um trabalho firme a favor de uma Copa muito organizada no Brasil. Estamos dentro do cronograma. A primeira grande responsabilidade do Estado a reforma do Mineiro, que est perfeitamente dentro do prazo, estamos atendendo exigncia do chamado caderno de encargos da FIFA, que so os relatrios, as exigncias para termos aqui os jogos da Copa do Mundo. E, ao mesmo tempo, estamos fazendo, juntamente com a prefeitura de  BH e com a participao do governo federal, obras virias importantes em Belo Horizonte, que vo permanecer, ficando o legado. Ao mesmo tempo, vamos preparando a nossa rede hoteleira, preparando os nossos servios para termos aqui em Minas Gerais, em Belo Horizonte, em especial, uma hospitalidade j to tradicional ainda melhor, para recebermos bem e depois os turistas voltarem, conhecendo ainda mais Minas Gerais.
    A prpria FIFA j selecionou alguns lugares como potenciais centros de treinamento e de hospedagem de selees. Ns podemos citar Arax, Juiz de Fora, Uberlndia, Montes Claros, Extrema e Matias Barbosa. O Estado inteiro ganha com a Copa do Mundo?
    Antonio Anastasia - No h dvida. E queremos que, alm dessas cidades que foram mencionadas e j pr-selecionadas, outras tambm sigam esse caminho, na tentativa de ns termos cada vez mais interiorizado esse movimento a favor da Copa do Mundo. Minas um Estado muito grande, muito rico e muito diversificado. claro que vamos ter oportunidades por toda Minas Gerais. Portanto, Copa do Mundo no s um Mineiro novo, reformado, uma obra monumental de cerca de 650 milhes de reais, uma belssima esplanada que vai ser construda ao seu redor onde ns vamos ter eventos populares e culturais, um estdio preparado para a abertura da Copa, mas, muito mais do que isso, significa empregos, significa conhecer Minas Gerais fora do Brasil, e claro que vamos trabalhar para que no s Belo Horizonte, mas tambm no interior do Estado, as cidades fiquem conhecidas e recebam o seu quinho de investimentos e de oportunidades.
    Por falar em investimentos, Governador, o que que o senhor pode dizer sobre questes como transporte pblico, aeroportos, rede hoteleira principalmente em Belo Horizonte. Essas questes preocupam? O senhor acredita que h tempo, h condies de ns desenvolvermos plenamente essas reas para atender Copa do Mundo?
    Antonio Anastasia - Essas reas so fundamentais. Principalmente aeroporto. O prprio presidente da CBF, do comit organizador, Ricardo Teixeira, tem dito que as trs grandes prioridades para a Copa do Mundo no Brasil so aeroporto, aeroporto e aeroporto. E, aqui em Minas Gerais, o Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins, merece reformas. O Governo de Estado j fez a sua parte. Ns entregamos o plano estratgico de aumento de Confins, de sua reforma, ao governo federal, Infraero. Esse aeroporto pertence ao governo federal, que responsvel pela sua obra de expanso e estamos esperando agora que a licitao avance e que essas reformas ocorram. Em termos de hotel, em parceria com a prefeitura de Belo Horizonte, estamos atraindo bons investimentos para nossa capital e para o interior. Acho que vamos cumprir bem as metas para a rede hoteleira, como tambm na qualificao dos nossos servios. Portanto, se voc me perguntar se h ainda uma pontinha de preocupao, eu diria que estamos muito tranqilos, mas devemos ficar atentos questo do aeroporto porque fundamental, no s para a Copa do Mundo, mas tambm para o prprio desenvolvimento integrado de Minas Gerais, essa obra importantssima do governo federal.
    E Belo Horizonte deve ser, segundo a FIFA, uma das sedes da Copa das Confederaes em 2013 quer dizer, uma ano antes, vem a um teste importante para tudo isso que o senhor est dizendo com relao cidade, no ?
    Antonio Anastasia - verdade, a Copa das Confederaes como se fosse uma preliminar da Copa do Mundo. Acontece um ano antes, reunindo os campees dos continentes. Belo Horizonte j foi escolhida como uma das cinco cidades, ns vamos ter ento essa grande honra e fundamental que a gente se saia bem. E claro que vamos, cada vez mais, ficar mais fortes para a Copa do Mundo no ano seguinte, 2014.
    O senhor acredita que Belo Horizonte tenha chance numa disputa para sediar a abertura da copa do mundo?
    Antonio Anastasia - Essa cerimnia mesmo muito bonita. Alm da beleza, uma cerimnia assistida por bilhes de pessoas mundo afora. Ento, imagine o impacto em termos de propaganda, de publicidade e de conhecimento de Belo Horizonte e de Minas Gerais! Ento vamos fazer um esforo mximo para que Belo Horizonte possa competir na escolha que ser feita pela FIFA. Sabemos que a grande final ser no Maracan, at por razes histricas, mas desejamos que Belo Horizonte possa ser a sede da abertura. Temos um estdio que ser, certamente, o mais belo e mais preparado, a infraestrutura est de acordo, esperamos que o aeroporto esteja pronto, temos uma tradio de futebol e de hospitalidade muito grandes em Minas Gerais e, portanto, acho que Belo Horizonte tem uma fora bastante efetiva nessa competio para termos aqui a abertura da Copa do Mundo. A deciso no nossa, cabe Fifa, e tomara que Belo Horizonte receba esse grande presente.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 2, 2011

    Renata Vilhena - secretria de Planejamento de Minas - recebeu reconhecimento da Cmara Municipal de BH.








    SUBDEFENSORA-GERAL
    PARTICIPA DE HOMENAGEM
    SECRETRIA RENATA VILHENA
     
     




    Na noite desta tera-feira (31/05), a secretria de Estado de Planejamento e Gesto do Governo de Minas, Renata Vilhena, recebeu diploma de honra ao mrito no Plenrio Amynthas de Barros da Cmara dos Vereadores de Belo Horizonte. A Subdefensora Pblica-Geral Ana Cludia da Silva Alexandre representou a Instituio prestigiando a entrega da honraria.




    Fotos: Cmara Municipal e Renato Cobucci, Agncia Minas

    renata-ana

    Composio da mesa e a secretria de Estado
    ao lado da Subdefensora Pblica
    Ana Claudia Alexandre


    Fonte: Ascom / DPMG (1/06/2011)


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 2, 2011

    EXPO CACHAA atrao na SUPERAGRO aberta hoje na Gameleira em BH.


    Comea HOJE (02), a partir das 8hs, o segundo turno de atraes da Superagro 2011. A solenidade de abertura ser s 10hs da manh, no Expominas, com a presena de vrias autoridades do setor do agronegcio. Dentre as atraes que fazem parte da programao esto a Expocachaa, Expovet, Feira da Agricultura familiar, Enesco.

    A crianada vai poder se divertir e conhecer um pouco mais da vida no campo, na Minifazenda. Dentre as novidades est a Feira da Pesca e o Concurso Estadual do Queijo Minas Artesanal, que vai premiar os cinco melhores produtos feitos em Minas. Outra novidade que vai chamar ateno dos freqentadores da feira o Circuito do Caf e do Leite. No espao vrios recursos interativos vo ajudar a ilustrar todo o processo produtivo dos dois produtos.  

    Eventos de 2 a 5 de junho Expocachaa A 15. Feira e Festival Internacional da Cachaa (Expocachaa), chega trazendo um leque variado de marcas da bebida para vendas no atacado e no varejo, alm dos equipamentos de apoio produo e comercializao do destilado. Durante a feira ser realizada mesa-redonda com o objetivo de discutir as oportunidades de divulgao da bebida com a Copa de 2014.

    Ser realizado tambm o 2. Encontro Estratgico de Negcios, reunindo empresas compradoras do atacado e do varejo e os produtores de bebida, para a prospeco de novos negcios. Expovet A Feira de Negcios, Servios e Produtos Pet e Veterinrios vem para sua segunda edio com a presena de empresas de Minas e de outros Estados.

    O mercado de produtos pet (alimentao, nutrio, bem-estar animal e acessrios) experimenta crescimento em Minas e no Brasil, o que favorece a realizao de negcios durante o evento. Agricultura familiar Outro evento que merece destaque durante a Superagro feira da Agricultura Familiar. Responsvel por boa parte dos produtos que chegam mesa do consumidor, a agricultura familiar quer mais espao no mercado.

    Esse o objetivo da presena dos agricultores que vo apresentar um variado leque de produtos procedentes de diversas regies do Estado. Queijos, doces, temperos, biscoitos, conservas e farinhas, entre outros, aliado a um rico artesanato, estaro em exposio e venda. Queijo Minas Uma das novidades deste ano o Concurso Estadual do Queijo Minas Artesanal, do qual participam produtores das cinco regies onde o produto hoje caracterizado, representadas pelo Serro, Canastra, Arax, Cerrado e Vertentes. Sero avaliados os quesitos textura, cor, consistncia, sabor, aroma e apresentao (formato e acabamento).

    Os objetivos so promover e valorizar o queijo minas artesanal dos produtores cadastrados no Instituto Mineiro de Agropecuria (IMA), incentivar a produo com qualidade e, por meio da divulgao, buscar novos mercados e consumidores para o produto. A premiao ser em 3 de junho. Enesco Esta stima edio da Superagro tambm contar com o 16 Encontro Nacional de Educao Sanitria e Comunicao (Enesco).

    O foco do encontro est em que antes de fiscalizar, preciso educar. O Brasil possui cerca de 3 mil profissionais treinados para atuarem com a educao sanitria junto aos produtores rurais, incluindo veterinrios, agrnomos, zootecnistas e comuniclogos, entre outros. Porm, este nmero insuficiente para atender a todo o territrio nacional. O Encontro chega este ano para debater como potencializar a defesa sanitria no pas visando acompanhar o crescimento do agronegcio nacional. Palestras Tcnicas Conhecimento tambm no faltar durante o evento.

    O Sebrae-MG realizar um Ciclo de Palestras sobre silvicultura, apicultura e fruticultura, alm do Workshop Educampo Caf e Leite. O Ciclo de Aulas Tcnicas chega sua terceira edio reunindo alunos de reas afins ao agronegcio abordando, entre outros, o perfil do profissional dessa rea na atualidade. Feira de Pesca A Superagro 2011 tambm contar com a Feira da Pesca, Aquicultura, Nutica e Turismo, onde a Epamig vai apresentar um sistema para a criao de peixes em cativeiro utilizando tanques de fibra de vidro que facilitam a produo em regies com rea e volume de gua menores.

    Alm disso, o espao tambm apresentar uma mostra de nutica e turismo de pesca, com estandes divulgando pousadas de pesca.
    Programao:  1 a 3 de junho Eventos do Sebrae-MG: palestras sobre silvicultura, fruticultura, apicultura e workshop Educampo Leite e Caf. (**).

    2 a 5 de junho - 15 Expocachaa 2 a 5 de junho Expovet (**)
    2 a 5 de junho - Feira da Pesca, Aquicultura, Nutica e Turismo 2 a 5 de junho - Feira da Agricultura Familiar  

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 2, 2011

    Presidente da Assemblia de Minas em ao.

     

    Presidente participa de articulao para consrcio intermunicipal

    O presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, deputado Dinis Pinheiro (PSDB), participou, nesta quarta-feira (1o/6/11), de reunio com prefeitos e secretrios municipais de sade em Juiz de Fora (Zona da Mata). O objetivo do evento foi discutir a possibilidade de formalizao de um consrcio intermunicipal para viabilizar a contratao de mdicos para o Programa de Sade da Famlia (PSF).

    Em seu discurso, o presidente Dinis Pinheiro defendeu a mobilizao dos prefeitos para fortalecer o PSF, que presta atendimento populao mais carente. Ele citou nmeros que colocam o Brasil entre os 24 pases que menos investem em sade no mundo, e reiterou a necessidade de concentrar esforos para reverter essa situao. "No podemos admitir que o Brasil, que caminha para se tornar a 5a maior economia mundial, continue revelando esse quadro to triste, que demonstra falta de sensibilidade com a vida das pessoas", afirmou.

    Segundo o secretrio de Estado de Sade, Antnio Jorge de Souza Marques, a principal dificuldade do PSF a fixao de profissionais. A precarizao dos vnculos de trabalho, a competio predatria entre os municpios na contratao de mdicos, a exigncia de jornada de oito horas e de dedicao exclusiva dificultam a manuteno desses profissionais no PSF, de acordo com o secretrio.

    Um estudo do Observatrio de Recursos Humanos em Sade da UFMG aponta que apenas 43,8% dos mdicos do PSF atuam h mais de cinco anos no programa. O prefeito de Juiz de Fora, Custdio Mattos (PSDB), disse que a cidade precisa de pelo menos mais 25 mdicos para o PSF, mas no consegue recrut-los, mesmo depois de realizar oito selees. "Esta situao est insuportvel", resumiu.

    Para incentivar a permanncia desses profissionais, principalmente nos pequenos municpios, fundamental oferecer salrios atraentes, plano de carreira e condies de trabalho adequadas, na opinio do secretrio Antnio Jorge. Para viabilizar a contratao e a manuteno de bons profissionais no PSF, ele defende a estruturao de consrcios intermunicipais. "Se isso acontecer, teremos a unificao da proposta de carreira, de modo que no haja mais competio entre os municpios", exemplificou.

    Ao final da reunio, foi formado um grupo de trabalho com cinco prefeitos de Juiz de Fora e regio para analisar a possibilidade de formao de um consrcio intermunicipal com essa finalidade.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quinta-feira, Junho 2, 2011

    ABI em Minas. A regional mineira da ABI (Associao Brasileira de Imprensa) foi recebida no Palcio da Liberdade, em BH, pelo governador Anastasia. noite no auditrio da Academia Mineira de Letras, foi empossado o diretor regional da ABI, jornalista Jos Eustquio Oliveira, o TAQUINHO e os demais membros da diretoria, entre eles o jornalista LAURO DINIZ, ex-diretor regional de jornalismo da Rede Globo Minas. Estive l cobrindo para nosso BLOG. Darei as fotos em breve.



    Wellington Pedro/Imprensa MG
    Encontro aconteceu no Palcio da Liberdade, em Belo Horizonte
    Encontro aconteceu no Palcio da Liberdade, em Belo Horizonte


    BELO HORIZONTE (01/06/11) - O governador Antonio Anastasia recebeu, nesta quarta-feira (1), no Palcio da Liberdade, em Belo Horizonte, o presidente da Associao Brasileira de Imprensa (ABI), Maurcio Azdo, acompanhado de dirigentes da representao estadual da entidade. Alm da sede, localizada no Rio de Janeiro, apenas So Paulo conta com uma seo estadual da tradicional entidade, que em abril deste ano completou 103 anos de existncia.

    Durante o encontro, o governador Antonio Anastasia afirmou que fez questo de receber os jornalistas no Palcio da Liberdade pela simbologia do lugar. "Esse palcio evoca a liberdade e, porque no dizer a liberdade de imprensa, uma nobre causa sempre defendida pela ABI ao longo de mais de um sculo de existncia", justificou o governador.

    O presidente da ABI, Maurcio Azdo, por sua vez, ressaltou que a instituio passa a se integrar a um dos principais eixos da imprensa brasileira, que Minas Gerais, que, juntamente com So Paulo e Rio de Janeiro, construiu um dos principais pontos de produo e difuso de informao do pas. "Minas Gerais tem um segmento jornalstico muito numeroso e qualificado e a ABI agora fica diante da possibilidade de aumentar a sua representatividade junto comunidade jornalstica do Estado", afirmou.

    O presidente da ABI Minas, que ter sua fundao oficializada em solenidade na noite desta quarta-feira (1), ser o jornalista Jos Eustquio Oliveira, o Taquinho. O professor Jos Mendona, fundador do Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Minas Gerais e do curso de Comunicao Social da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), ser nomeado presidente de honra.

    Alm deles, integram a primeira diretoria da seo mineira da entidade os seguintes jornalistas: Ddimo Paiva, Lauro Diniz, Durval Guimares, Jos Bento Teixeira de Salles, Luiz Carlos Bernardes, Carla Kreeft, Leida Reis, Rogrio Faria Tavares, Mrcia Cruz, Eduardo Kattah e Gustavo Abreu.

    QUEM O DIRETOR REGIONAL
    DA ABI MINAS:





    Jos Eustquio Oliveira de Souza, jornalista, ps-graduado em Comunicao e Gesto Empresarial. Atualmente, presidente da Takan Comunicao Empresarial. Atuou na rea de comunicao em cargos de destaque de grandes empresas, tal como a Gerdau Aominas.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Junho 1, 2011

    ABI - Associao Brasileira de Imprensa - chega a Minas. Foi empossado agora a pouco - 20:30- como diretor regional da ABI, o jornalista e editor Jos Eustquio de Oliveira o Taquinho.

    A posse foi no auditrio da Academia Mineira de Letras, aqui na capital mineira. Presentes jornalistas, polticos, intelectuais. Destacando que a ABI foi fundada no Rio de Janeiro e a mais antiga instituio de imprensa do pas.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Junho 1, 2011

    Projeto Estratgico do BH Convention&Visitors Bureau.

    O novo presidente do Convention Bureau de BH, Roberto Fagundes, apresentou hoje cedo o projeto estratgico dele na entidade para os prximos dois anos. Depois darei os detalhes.

                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Junho 1, 2011

    Da srie: UMA FOTO VALE POR MIL PALAVRAS. Em Braslia, governador Anastasia disse presidenta Dilma que obras para a COPA de 2014 esto rigorosamente em dia.



    Roberto Stuckert Filho/PR
    Governador Antonio Anastasia e a presidente Dilma Rousseff
    Governador Antonio Anastasia e a presidente Dilma Rousseff





    BRASLIA (31/05/11) - O governador Antonio Anastasia participou, nesta tera-feira (31), em Braslia (DF), do encontro que reuniu prefeitos e governadores das cidades-sede da Copa do Mundo de 2014 com a presidente da Repblica, Dilma Rousseff. Anastasia reiterou que o cronograma das obras no Estado est sendo rigorosamente cumprido e se mostrou otimista quanto aos investimentos no Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins, na Regio Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH).



    "A presidente convidou os governadores e prefeitos dos estados e cidades que so sede da Copa do Mundo para uma reunio, uma espcie de balano da situao dos estdios, aeroportos, da questo relativa infraestrutura e, felizmente, Belo Horizonte e Minas Gerais esto com o cronograma em dia, especialmente o estdio Mineiro conforme, alis, foi apresentado. Ns fizemos referncia necessidade da obra do Aeroporto Internacional de Confins. Apresentamos tambm a etapa das obras do Aeroporto de Confins para o seu aumento e eu acredito, portanto - estava presente o ministro da Aviao Civil -, que o Aeroporto de Confins receber as obras necessrias para que Belo Horizonte tenha uma condio ainda melhor no s para a Copa do Mundo, mas o aeroporto fundamental para o desenvolvimento do Estado como um todo".



    Anastasia citou o compromisso da Secretaria de Aviao Civil da Presidncia da Repblica em incluir o Aeroporto de Confins entre aqueles a terem sua administrao repassada iniciativa privada. Na reunio desta tera-feira (31) foi anunciada a privatizao dos aeroportos de Garulhos (SP), Viracopos (SP) e Braslia (DF). 



    "Eu gostaria que j estivesse na primeira leva, mas compreendo que esses aeroportos esto com gargalos maiores, digamos assim, pelos nmeros apresentados. H o compromisso do ministro Wagner, ministro da Aviao Civil, de fato, de colocar o Aeroporto de Confins, como o Galeo, nessa segunda leva, porque ns sabemos que os investimentos necessrios so muito importantes e a expanso dos aeroportos hoje, no s no Brasil como no mundo, tem uma participao privada importante." 



    Em relao possibilidade de Belo Horizonte sediar a abertura da Copa do Mundo de 2014, o governador destacou as aes e investimentos realizados, mas reiterou que a deciso cabe Fifa e ao Comit Organizador da Copa.



    "Eu acho que ns estamos cumprindo bem o nosso dever e claro, no deciso que cabe ao governo federal nem ao governo estadual, mas sim Fifa e ao Comit Organizador da Copa. Acho que Belo Horizonte tem que fazer o seu dever de casa, como eu disse, tem deixado o estdio em boas condies, temos que reformar o aeroporto que, basicamente, so os elementos mais importantes. A questo hoteleira tambm est em bom andamento, inclusive, o BNDES anunciou o aumento da linha de crdito para hotis, estamos tendo vrios empreendimentos em Belo Horizonte e na Regio Metropolitana, o que vai significar um aumento da rede hoteleira, ou seja, Belo Horizonte ser considerada".



    Desenvolvimento Social
    Aps a reunio com Dilma Rousseff, Antonio Anastasia teve um encontro com a ministra do Desenvolvimento Social e Combate Fome, Tereza Campello, quando foi discutido o lanamento do Programa Brasil Sem Misria, na prxima quinta-feira (2). O governador colocou Minas Gerais disposio para dar continuidade s parcerias com o governo federal em relao s polticas sociais.


    "O projeto Porta a Porta nosso tem servido tambm como exemplo para a possibilidade de identificar os chamados invisveis. O Norte de Minas, o Jequitinhonha e o Mucuri so regies fundamentais e importantes para a participao do Ministrio do Desenvolvimento Social. Temos boas parcerias e vamos cada vez mais adensar essas parcerias, porque o esforo contra a misria deve ser coletivo, o governo federal, estados e municpios, todos juntos nesse contingente", afirmou o governador.


                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Junho 1, 2011

    SER A VOZ DOS MINEIROS!!! Presidente da Assemblia, deputado DINIS PINHEIRO, do PSDB, destacou esta semanao a estratgia do parlamento mineiro: ele disse que as diretrizes para os prximos dois anos buscam manter a ALMG em sintonia com as mudanas da sociedade. Ele lembrou que esse processo iniciou-se ainda no fim dos anos 1980, com a promulgao da Constituio Mineira de 1989, e teve sequncia nas dcadas seguintes, tornando a Assembleia referncia de atuao institucional em todo o Pas. Destacou tambm as gestes dos deputados Antnio Jlio, Mauri Torres, Alberto Pinto Coelho e Doutor Viana frente da Casa.



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________

    __________________________________________________________
    Quarta-feira, Junho 1, 2011

    Rumo certo!!! EM NOME DOS MINEIROS.

     

    Ser voz dos mineiros diretriz central da ALMG para binio 2011/2012

    O presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, deputado Dinis Pinheiro (PSDB), anunciou, em pronunciamento nesta tera-feira (31/5/11), as diretrizes da Casa para o binio 2011/2012. A diretriz central, segundo o presidente, fazer com que o Poder Legislativo seja "a voz dos mineiros no enfrentamento das desigualdades e na promoo da cidadania". O discurso de Dinis Pinheiro ocupou a maior parte da Reunio Ordinria de Plenrio desta tera.

    O presidente explicou o motivo da escolha da diretriz central, que tem relao com um momento que ele considera como nico na histria de Minas Gerais e do Brasil. "Pela primeira vez, so reunidas condies objetivas e reais para superarmos o secular drama da excluso social de grande parcela da populao", afirmou Dinis Pinheiro.

    Ele acrescentou que esse processo iniciou-se h quase duas dcadas, no governo do presidente Itamar Franco (1992-1994), e teve sequncia nos governos dos sucessores, Fernando Henrique Cardoso (1995-2002), Luiz Incio Lula da Silva (2003-2010) e Dilma Rousseff (empossada este ano). Em Minas, de acordo com Dinis Pinheiro, o ex-governador Acio Neves (2003-2010) teve importante papel na implantao de programas sociais que transformaram a realidade do Estado, no que seguido pelo governador Antonio Anastasia (empossado em 2010).

    Na avaliao do presidente da ALMG, entretanto, o combate pobreza e s desigualdades deve ser mantido, sobretudo diante da constatao de que ainda vivem na misria 16,2 milhes de brasileiros, dos quais 900 mil em Minas Gerais. Os nmeros so do Censo 2010 do IBGE.

    Interiorizao e fortalecimento das comisses esto entre prioridades

    A diretriz central da ALMG para o binio 2011/2012 desdobra-se em dez prioridades, das quais Dinis Pinheiro destacou as seguintes: o fortalecimento das comisses da Assembleia como espao de participao da sociedade; a interiorizao e a regionalizao das aes do Parlamento mineiro; o uso de novas tecnologias; e a adequao dos espaos fsicos da ALMG para ampliar a interao com os cidados.

    A essas prioridades correspondem projetos que integram o Direcionamento Estratgico da Assembleia Legislativa, iniciado em junho de 2010 com um conjunto de metas para os dez anos seguintes.

    No discurso desta tera, Dinis Pinheiro listou alguns resultados que a ALMG espera atingir com tais projetos: desenvolvimento do portal de monitoramento e avaliao de polticas pblicas na internet; o lanamento de coletneas de leis estaduais sobre educao e sade; a implantao do projeto Cidadania Ribeirinha, com aes voltadas para a populao do Vale do Rio So Francisco; aes de valorizao da memria do Legislativo mineiro; o incio das obras de requalificao da Praa da Assembleia; a adequao da infraestrutura fsica da ALMG ao acesso de pessoas com deficincia; e o lanamento da TV Assembleia em sinal aberto.

    O presidente afirmou que essas diretrizes e projetos vo se refletir, tambm, nos eventos institucionais da Casa, com destaque para o Seminrio Legislativo "Polticas pblicas para a erradicao da pobreza e a reduo das desigualdades", a ser realizado no segundo semestre deste ano. Como etapas preparatrias para o seminrio, a ALMG vai promover o Ciclo de Debates "Estratgias para a superao da pobreza", em 9 e 10 de junho, e 11 audincias pblicas no interior.

    Dinis Pinheiro disse, ainda, que o concurso de redao "Eu, minha cidade e os 300 anos do Ciclo do Ouro em Minas", lanado pela Assembleia em parceria com a Secretaria de Estado de Educao, insere-se nessa mesma dinmica de interao com o cidado.

    Presidente destaca sintonia com mudanas da sociedade

    O presidente disse que as diretrizes para os prximos dois anos buscam manter a ALMG em sintonia com as mudanas da sociedade. Ele lembrou que esse processo iniciou-se ainda no fim dos anos 1980, com a promulgao da Constituio Mineira de 1989, e teve sequncia nas dcadas seguintes, tornando a Assembleia referncia de atuao institucional em todo o Pas. Destacou tambm as gestes dos deputados Antnio Jlio, Mauri Torres, Alberto Pinto Coelho e Doutor Viana frente da Casa.

    Dinis Pinheiro colocou o Direcionamento Estratgico da ALMG como ponto alto desse processo de modernizao e abertura para a sociedade. "Todas essas aes traduzem, em ltima anlise, os esforos do Direcionamento Estratgico da Assembleia, instrumento de planejamento pelo qual este Legislativo aspira, no decorrer da dcada que se inicia, aprimorar-se cada vez mais em suas funes", discursou.

    Como smbolo deste momento da histria do Legislativo mineiro, o presidente apresentou a nova logomarca da ALMG e o novo slogan: "Assembleia de Minas - Poder e Voz do Cidado".

    No fim do pronunciamento, diversos deputados pediram a palavra com o objetivo de parabenizar Dinis Pinheiro pelo discurso e colocar-se disposio para o cumprimento das diretrizes anunciadas pelo presidente.



                           Link direto para este post:

    __________________________________________________________________________




    ___________________________


    Clique para conhecer

    ___________________________


    Clique para conhecer

    ______________________________

    Clique para conhecer

    ______________________________
    Clique para conhecer
    ______________________________
    Clique para conhecer
    ______________________________

         
     
    Clique e envie-nos 

seu e-mail